Doença diverticular

4.761 visualizações

Publicada em

DOENÇA DIVERTICULAR DOS CÓLONS
A diverticulose, a doença diverticular e a diverticulite, etudo de caso, Semiologia do Abdômen.

Publicada em: Saúde e medicina
0 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
4.761
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
109
Comentários
0
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Doença diverticular

  1. 1. Enfermagem Docente: Eurídice Miranda Discentes:Luzienne Moraes, Ana Paula Santos, Felipe Ferreira, Anacleto Fragoso, Odair Moreira, Thaffarel Nunes.
  2. 2. ANATOMIA E FISIOLOGIA
  3. 3. Conceito     Protusões saculares de mucosa através da parede dos cólons. Compostos por mucosa + serosa Diverticulose: inúmeros divertículos Diverticulite: inflamação ou infecção no divertículo
  4. 4. “ Pequeno desvio do trajeto normal ". 95% afeta o sigmóide 35% atinge cólon proximal
  5. 5. Classificação 1. DIVERTÍCULO ISOLADO OU DE MECKEL • Congênito comumente em jovens, geralmente os divertículos ficam no ceco. 2. DOENÇA DIVERTICULAR HIPOTÔNICA OU DIFUSA DO CÓLONS • Mais comum acima dos 50 anos, geralmente envolvida nos processos degenerativos dos tecidos 3. DOENÇA DIVERTICULAR HIPERTÔNICA OU DO SIGMÓIDE • Acometem os indivíduos mais jovens e tem evolução mais grave.
  6. 6. Quadro Clínico DIVERTICULOSE     Assintomática/ Sintomática - dor, distensão, alt. Hábito, Sangramento pelo Reto, - controle sintomático DIVERTICULITE     Dor quadrante inferior E (93-100%) febre (57-100%) massa abdominal, náuseas constipação, diarréia, disúria
  7. 7. Complicações PERFURAÇÃO INFLAMAÇÃO AGUDA HEMORRAGIA OBSTRUÇÃO PERITONITE
  8. 8. Diagnóstico     •Anamnese e exame físico •Exames laboratoriais (hemograma) •Exames de imagem (Rx, Clister, USG e TC) •Histopatologia
  9. 9. História da Doença Atual (HDA):  IDENTIFICAÇÃO: Sr. (CS), Masculino, 45 anos, natural e procedente de Maceió-AL, bancário aposentado, dando entrada na data 13/11/2013.  MOTIVO:Na anamnese foi verificado que o paciente não apresentava doenças prévias, além da dor abdominal do lado esquerdo 48 horas (Q.P.), com náuseas e febre continuada, relata ter ido várias vezes ao banheiro porém urina pouco. Há anos uso esporádico de laxantes devido a frequencia de constipação intestinal de longa data, presença de gazes acompanhada de dor abdominal tipo cólicas.
  10. 10. Exame Físico Abdômen (globoso) distendido  Presença de Ruídos Hidroaéreos  Dor à palpação de FIE  Descompressão Brusca ( profunda) / Sinal Blumberg +  Obturador –  Rovsing –  Percussão sons timpânico Recomenda-se executar a ausculta antes da palpação para evitar aumento involuntário do peristaltismo. 
  11. 11. Hipótese diagnóstica Apêndice, Vesícula, Pâncreas, DIVERTÍCULITE, DIP, Doença Inflamatória Intestinal/DII
  12. 12. Assistência de Enfermagem     No exame físico realizamos palpações para identificar a dor, hipersensibilidade ou massa firme no quadrante inferior esquerdo, ausculta dos sons intestinais. Inspecionar as fezes quanto a presença de pus, muco ou sangue. Registrar a intensidade da dor duração e localização para determinar quando o processo inflamatório aumenta ou diminui. Monitorar a dor abdominal aumentada e sensibilidade acompanhada por rigidez abdominal, contagem de leucócitos, SSVV temperatura, batimentos cardíacos(taquicardia) e pressão arterial (hipotensão).
  13. 13. Assistência de Enfermagem Instruir o paciente a ingerir 2 litros de líquido por dia Instruir o paciente a ingerir alimentos macios ricos em fibras para aumentar a massa de fezes e facilitar a peristalse. Encorajar exercícios pois aumenta o tônus muscular abdominal. Recomendar ao paciente a estabelecer horário para refeições, definir horário para defecação. Educar quanto ao uso de laxativos emolientes se prescritos. Aliviar a dor do paciente administrando analgésicos e antiespasmódicos prescritos; Instruir a família dos cuidados domiciliares como ingestão de líquidos e de alimentos ricos em fibras, além da importância de práticas de saúde.
  14. 14. ANAMNESE DIAGNÓSTICO ENFERMAGEM IMPLEMENTAÇÃO DE CUIDADOS. EXAMES FÍSICOS Semiologia do Abdome.

×