Apresentação para décimo segundo ano de 2013 4, aula 43-44

3.456 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.456
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2.731
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação para décimo segundo ano de 2013 4, aula 43-44

  1. 1. • uma nota para contracapa • aludir às três fases
  2. 2. Sensacionismo (sensação) Sensacionalismo (sensacional)
  3. 3. «Tenho febre e escrevo» poderia servir de epígrafe a toda a obra de Álvaro de Campos, com os seus poemas vibrantes, que introduzem o leitor no mundo pessoano e lhe proporcionam uma viagem empolgante pela escrita deste grande poeta futurista. Neste segundo volume da coleção ‘Pessoa Hoje’, reunimos os poemas mais importantes de Campos, repartidos pelas três fases que este heterónimo atravessou:
  4. 4. a decadentista, representada por «Opiário»; a sensacionista, em que sobressai a «Ode triunfal»; e a intimista, que inclui poemas como «O que há em mim é sobretudo cansaço». Não perca o próximo volume, Poemas escolhidos de Ricardo Reis. [100 palavras]
  5. 5. a. A palavra "que" na frase iniciada por "Nunca tive um desejo que [...]" (texto A, v. 8) é 3. um pronome relativo
  6. 6. b. A palavra "que" utilizada na passagem "Compreendi que as coisas são reais [...]" (texto A, v. 10) é 1. uma conjunção subordinativa completiva
  7. 7. c. A palavra "que" usada no verso "De uma religião universal que só os homens não têm." (texto B, v. 4) é 3. um pronome relativo
  8. 8. d. A palavra "que" na passagem "Nem achei que houvesse mais explicação" (texto B, v. 7) é 1. uma conjunção subordinativa completiva
  9. 9. e. A palavra "que" que integra o verso “[mais explicação] Que a palavra explicação não ter sentido nenhum" (texto B, v. 8) é 2. uma conjunção subordinativa comparativa
  10. 10. 1. [i] novidade absoluta 2. [e] nenhum pensamento 3. [l] estado de espírito 4. [a] ausência de sentimento 5. [h] civilizada e natural 6. [f] forma de expressão
  11. 11. 7. [b] dados imediatos 8. [g] atitude da alma 9. [k] espécies de subjetivismo 10. [c] Natureza Absoluta 11. [j] vida do homem 12. [d] todos os poetas
  12. 12. TPC — Lê o texto expositivo «Poesia e poética de Alberto Caeiro» (pp. 89-90).

×