Apresentação para décimo ano de 2014 5, aula 83-84

480 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
480
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
275
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação para décimo ano de 2014 5, aula 83-84

  1. 1. • Lead • Linguagem informal • Estilo vago («certas», «várias», «diversas», …)
  2. 2. António Lobo Saramago, «Ai que bom que é o pudim de manga!», Agustina Modesto (org.), Líricas gastronómicas, Sarilhos Pequenos, Editora Mazinha, 2002, p. 7.
  3. 3. Desidério Murcho, «Coprólitos há pouco descobertos em Ourique», Nuno Crato & Desidério Murcho (coords.), Actas do XVII Congresso de Cientistas Vaidosões, Silves, Publicações Reles, 2008, pp. 21-1067, p. 1067.
  4. 4. É um verbete sobre a palavra «verbete». Olhando as quatro aceções que ele apresenta (e que, no fundo, constituem o campo semântico de ‘verbete’ [cfr. polissemia]), percebemos que a que corresponde ao verbete a que me tenho estado a reportar é a aceção n.º 4. Já agora,
  5. 5. nesta e na aula anterior, temos estado a tratar de temas que se integram na lexicografia, ramo da linguística que trata da forma e da significação das palavras (sobretudo tendo em vista a composição de dicionários).
  6. 6. A tira de banda desenhada sob o item 2 (p. 55) alude a um dos problemas dos dicionários gerais: é que a definição do significado de uma palavra raramente esclarece quem não conheça já o termo. Porém, os dicionários gerais mais completos trazem abonações da palavra em frases (verdadeiras ou criadas), que tornam os verbetes mais transparentes.
  7. 7. acachoar, v. intr. — 1. Formar cachão, borbulhar, espumar, ferver: «onde este rio se ouve acachoar, quando leva muita água» (J. S. de Araújo, Sucessos, p. 175). — 2. Fig. Tumultuar, agitar-se: «Felizes os que não sentem acachoar- lhes no seio as paixões» (A. Gama, Segredo, p. 7).
  8. 8. Dicionários: língua. Enciclopédia: assuntos, embora tratados alfabeticamente.
  9. 9. n.m. = nome masculino pop. = [na linguagem] popular fig. = [em sentido] figurado lat. = latim cast. = castelhano id. = [idem; ou seja com o sentido] igual
  10. 10. 1. «A razão é própria dos homens (e talvez de certos ornitorrincos)». 3. «Os professores de Português têm sempre razão». 4. «Não percebi a razão do desmoronamento do prédio». 6. «Convenciam-no as razões do cunhado».
  11. 11. Segundo Miguel Esteves Cardoso, em Portugal, prefere-se evitar o confronto, ou que alguém perca a face, mesmo que isso obrigue a silenciar as opiniões mais fundamentadas.
  12. 12. No verbo, definição tem de ser com outro verbo (não pode ser ato de ...)
  13. 13. acachoar, v. intr. — 1. Formar cachão, borbulhar, espumar, ferver: «onde este rio se ouve acachoar, quando leva muita água» (J. S. de Araújo, Sucessos, p. 175). — 2. Fig. Tumultuar, agitar-se: «Felizes os que não sentem acachoar- lhes no seio as paixões» (A. Gama, Segredo, p. 7).
  14. 14. TPC — Lança as minhas emendas no texto em torno de «palavra favorita» (ou palavra de estimação). Traz-me depois a nova versão. Prepara recitação. Estuda gramática.

×