Ficha de Português- 3º ciclo

25.015 visualizações

Publicada em

Ficha de trabalho para assinalar o 25 de abril- escolha múltipla

Publicada em: Educação
1 comentário
3 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
25.015
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
18.857
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
537
Comentários
1
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Ficha de Português- 3º ciclo

  1. 1. Ficha de trabalho de Português Lê o início da notícia que se segue e responde às questões, seleccionado as alíneas corretas: 1 5 10 15 Otelo recusou a "porca" da política ao ser desafiado a concorrer a Belém (publicado dia 26/03/2014) O coronel Otelo Saraiva de Carvalho, operacional do 25 de Abril, admite já ter sido desafiado a concorrer de novo a Presidente da República, mas que recusou por não querer entrar na "porca" da política. Numa entrevista à Lusa, a propósito dos 40 anos do 25 de Abril de 1974, Otelo confessou que, "como o regime está", não alinhou na corrida a Belém, repetindo a candidatura de 1976. "Não me interessa entrar naquilo que o Spínola definiu como porca: a política", afirmou. Mas Otelo, 77 anos, não fecha totalmente as portas. "Se houver, espantosamente, uma qualquer ação de massas, que não seja só a manifestação com cartazes, e houver uma coisa de maior volume, com maior possibilidade de intervenção, se existir uma mudança de regime que valha a pena, se houver necessidade e o povo confiar ainda na minha capacidade de liderança, estarei disponível", afirmou. O coronel na reforma gostava de "participar numa qualquer mudança efetiva do país "e até já propôs a reconstituição do MFA. Otelo Saraiva de Carvalho tinha 37 anos, era major quando se deu o 25 de Abril e foi membro do Conselho da Revolução e comandante-adjunto do COPCON (Comando Operacional do Continente). In http://www.jn.pt/PaginaInicial/Politica/Interior.aspx?content_id=3778986 (cons. dia 27/03/2014) 1. O coronel Otelo Saraiva de Carvalho a) nunca teve participação ativa na política portuguesa. b) já foi candidato a Presidente da República. c) recusa terminantemente envolver-se em política. d) afirma-se satisfeito com os políticos portugueses. 2. O antigo militar fala da política com a) orgulho. b) indiferença. c) desprezo. d) satisfação. ___________________________________________________________________________________________________________________________________________ Sede - Escola Básica e Secundária de Felgueiras, Pombeiro de Ribavizela  Rua de Pombeiro de Ribavizela, 600 - 4610-642 POMBEIRO DE RIBAVIZELA 255340310 - Fax: 255340319 e-mail: A.E.Lagares.FLG@gmail.com
  2. 2. Ficha de trabalho de Português 3. Otelo apresenta a razão que o faria ingressar na política, ou seja, a) um pedido oficial por parte do COPCON. b) a reconstituição do MFA. c) a união de esforços populares para alterar o regime. d) os portugueses acreditarem na sua capacidade de liderança. 4. O uso das aspas ao longo do texto têm como objetivo a) fornecer uma explicação sobre o assunto em causa. b) introduzir no texto discurso direto. c) apresentar uma conclusão. d) retomar assuntos tratados anteriormente. 5. Ao referir-se a Spínola (l. 9), o antigo coronel a) pretende falar de uma personagem que prestigie o seu discurso. b) fala de um amigo. c) mostra-se em concordância com o político em causa. d) discorda das principais ideias deste. 6. Com o enunciado “Mas Otelo, 77 anos, não fecha totalmente as portas.(l. 10)”, o autor da notícia pretende afirmar que a) o coronel não exclui a hipótese de ingressar na política. b) Otelo não quer nem ouvir falar de política. c) Otelo quis ser entrevistado com a porta aberta. d) o antigo militar tem uma boa impressão dos políticos. 7. A expressão “operacional do 25 de Abril” (ll. 1-2) desempenha a função sintática de a) sujeito. b) vocativo. c) modificador de frase. d) modificador apositivo do nome. 8. A forma verbal “ter sido desafiado” (l. 2) é composta por um verbo principal antecedido por um verbo auxiliar a) da voz passiva. b) modal. c) aspetual. d) dos tempos compostos. ___________________________________________________________________________________________________________________________________________ Sede - Escola Básica e Secundária de Felgueiras, Pombeiro de Ribavizela  Rua de Pombeiro de Ribavizela, 600 - 4610-642 POMBEIRO DE RIBAVIZELA 255340310 - Fax: 255340319 e-mail: A.E.Lagares.FLG@gmail.com
  3. 3. Ficha de trabalho de Português 9. Classifica a oração sublinhada no enunciado “confessou que, "como o regime está", não alinhou na corrida a Belém“ (ll. 6-7). a) Oração subordinante. b) Oração coordenada copulativa. c) Oração subordinada substantiva completiva. d) Oração subordinada adverbial consecutiva. 10. O pronome pessoal “me” (l. 9) desempenha a função sintática de a) complemento direto. b) complemento indireto. c) complemento oblíquo. d) complemento do nome. 11. A palavra “naquilo” (l. 9), visto que é referente a “política” (l. 10), trata-se de a) uma anáfora. b) uma elipse. c) um referente coanafórico. d) uma catáfora. 12. Atenta no enunciado “Se houver, espantosamente, uma qualquer ação de massas, que não seja só a manifestação com cartazes “ (ll. 11-12) e refere a função sintática desempenhada pelo advérbio sublinhado: a) modificador do grupo verbal. b) modificador de frase. c) modificador do nome. d) predicativo do sujeito. 13. Classifica a oração seguinte: ““Se houver, espantosamente, uma qualquer ação de massas,” (l. 11). a) Oração subordinada adverbial condicional. b) Oração subordinada adverbial causal. c) Oração subordinada adverbial concessiva. d) Oração subordinada adverbial comparativa. 14. A palavra “qualquer” (l. 11) pertence à classe a) dos pronomes. b) dos adjetivos. c) dos determinantes. ___________________________________________________________________________________________________________________________________________ Sede - Escola Básica e Secundária de Felgueiras, Pombeiro de Ribavizela  Rua de Pombeiro de Ribavizela, 600 - 4610-642 POMBEIRO DE RIBAVIZELA 255340310 - Fax: 255340319 e-mail: A.E.Lagares.FLG@gmail.com
  4. 4. Ficha de trabalho de Português d) das conjunções. 15. Ao utilizar a expressão “O coronel na reforma” (l. 15) que mecanismo de coesão foi usado? a) Pronominalização. b) Uso interdependente de tempos verbais. c) Repetição intencional. d) Substituição lexical. 16. Identifica os tempos/ modos das formas verbais de acordo com a ordem pela qual surgem no enunciado “O coronel na reforma gostava de "participar numa qualquer mudança efetiva do país "e até já propôs a reconstituição do MFA.” (ll. 15-16): a) pretérito imperfeito do indicativo; infinitivo; pretérito perfeito do indicativo. b) pretérito imperfeito do conjuntivo; infinitivo; pretérito mais-que-perfeito do indicativo. c) condicional; gerúndio; presente do conjuntivo. d) presente do indicativo; particípio passado; pretérito imperfeito do indicativo. 17. “A palavra “MFA” (l. 16) trata-se de a) uma sigla. b) um acrónimo. c) uma truncação. d) uma amálgama. 18. A palavra “major” (l. 17) desempenha a função sintática de a) complemento direto. b) predicativo do sujeito. c) predicativo do complemento direto. d) complemento oblíquo. 19. Quanto ao processo de formação, a palavra “COPCON” (l. 18) é a) uma sigla. b) um acrónimo. c) um composto morfológico. d) um composto morfossintático. 20. Classifica a oração sublinhada no enunciado “Otelo Saraiva de Carvalho tinha 37 anos, era major quando se deu o 25 de Abril e foi membro do Conselho da Revolução e comandante-adjunto do COPCON (Comando Operacional do Continente).(ll. 17-19)”. a) Oração subordinada adjetiva relativa restritiva. ___________________________________________________________________________________________________________________________________________ Sede - Escola Básica e Secundária de Felgueiras, Pombeiro de Ribavizela  Rua de Pombeiro de Ribavizela, 600 - 4610-642 POMBEIRO DE RIBAVIZELA 255340310 - Fax: 255340319 e-mail: A.E.Lagares.FLG@gmail.com
  5. 5. Ficha de trabalho de Português b) Oração coordenada explicativa. c) Oração substantiva relativa sem antecedente. d) Oração subordinada adverbial temporal. BOM TRABALHO!!!! A DOCENTE: Lucinda Cunha CORREÇÃO: 1-b 1-c 3-c 4-b 5-c 6-a 7-d 8-a 9-c 10-b 11-d 12-b 13-a 14-c 15-d 16-a 17-a 18-b 19-b 20-d ___________________________________________________________________________________________________________________________________________ Sede - Escola Básica e Secundária de Felgueiras, Pombeiro de Ribavizela  Rua de Pombeiro de Ribavizela, 600 - 4610-642 POMBEIRO DE RIBAVIZELA 255340310 - Fax: 255340319 e-mail: A.E.Lagares.FLG@gmail.com
  6. 6. Ficha de trabalho de Português b) Oração coordenada explicativa. c) Oração substantiva relativa sem antecedente. d) Oração subordinada adverbial temporal. BOM TRABALHO!!!! A DOCENTE: Lucinda Cunha CORREÇÃO: 1-b 1-c 3-c 4-b 5-c 6-a 7-d 8-a 9-c 10-b 11-d 12-b 13-a 14-c 15-d 16-a 17-a 18-b 19-b 20-d ___________________________________________________________________________________________________________________________________________ Sede - Escola Básica e Secundária de Felgueiras, Pombeiro de Ribavizela  Rua de Pombeiro de Ribavizela, 600 - 4610-642 POMBEIRO DE RIBAVIZELA 255340310 - Fax: 255340319 e-mail: A.E.Lagares.FLG@gmail.com

×