Ficha de trabalho escolha múltipla - revisão de conteúdos gramaticais

34.437 visualizações

Publicada em

Ficha de Português de escolha múltipla sobre gramática- corrigida

Publicada em: Educação
0 comentários
5 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
34.437
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
26.011
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
729
Comentários
0
Gostaram
5
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Ficha de trabalho escolha múltipla - revisão de conteúdos gramaticais

  1. 1. 1 FICHA DE TRABALHO DE PORTUGUÊS Questões de gramática Lê o texto seguinte (texto foi adaptado ao Novo Acordo Ortográfico). 1 5 10 15 A cada hora que passa seis portugueses sofrem um acidente vascular cerebral (AVC). Os números são da Associação Nacional AVC, que alerta para a necessidade de mudar os comportamentos na origem desta patologia. A menos de um mês para o Dia Nacional do Doente Coronário, que se celebra a 14 de fevereiro, a associação lembra que as doenças cardiovasculares são a principal causa de morte em Portugal. Segundo dados da ANAVC, em 2012 registaram-se 23 mil mortes provocadas por doenças cardiovasculares, das quais 16 mil foram diretamente causadas por acidente vascular cerebral. De acordo com estudos recentes, por hora há seis portugueses que sofrem um AVC, resultando em duas a três mortes. Entre os comportamentos a alterar, os especialistas defendem a necessidade de "adotar uma alimentação saudável, com consumo de frutas, vegetais, redução de sal e gorduras, praticar exercício físico e alterar rotinas diárias - usar escadas em vez do elevador, por exemplo". "E deixar de fumar, que pode cortar os riscos de AVC para metade", sublinha Diogo Valadas, diretor técnico da ANAVC. . Não basta, porém, alterar os comportamentos - é preciso estar atento aos sinais. Até porque os comportamentos de risco não são os únicos fatores a ter em conta: há pessoas para quem a probabilidade de sofrer um AVC é superior, que é o caso dos idosos ou de pessoas com histórico familiar da doença, homens com menos de 75 anos e indivíduos com doença coronária e diabetes. Nunca é demais recordar que um AVC surge quando o fornecimento de sangue para uma parte do cérebro é impedido, deixando as células danificadas. Os sintomas incluem dormência, fraqueza, paralisia, fala arrastada, visão subitamente enublada ou perda de visão, confusão ou instabilidade e forte dor de cabeça. http://www.sabado.pt/vida/detalhe/85_da_populacao_portuguesa_corre_risco_de_sofrer_um_avc.html (consultado dia 29/01/2015) Seleciona, para responderes a cada item (1 a 20), a única opção que permite obter uma resposta adequada: 1. Atenta na primeira frase do texto – “A cada hora que passa seis portugueses sofrem um acidente vascular cerebral”- (linha 1) e retira a oração subordinada: a) “A cada hora seis portugueses sofrem um acidente vascular cerebral”. b) “que passa seis portugueses sofrem um acidente”. c) “que passa”. d) “seis portugueses sofrem um acidente vascular cerebral”. 2. A oração subordinada identificada na alínea anterior designa-se por a) oração subordinada adverbial temporal. b) oração subordinada substantiva relativa. c) oração subordinada substantiva completiva. d) oração subordinada adjetiva relativa restritiva. 3. Quanto ao processo de formação, como se designa a palavra “AVC” (linha 1)? a) Composto morfológico. b) Amálgama. c) Sigla. d) Acrónimo.
  2. 2. 2 4. O constituinte “da Associação Nacional AVC” (linhas 1-2) desempenha a função sintática de a) predicativo do sujeito. b) modificador de frase. c) complemento oblíquo. d) complemento agente da passiva. 5. A palavra “patologia” (linha 3), quanto ao processo de formação, designa-se por a) composto morfológico. b) empréstimo. c) onomatopeia. d) truncação. 6. A oração “que as doenças cardiovasculares são a principal causa de morte emPortugal “ (linha 4) classifica- se como a) oração subordinante. b) oração coordenada assindética. c) oração subordinada substantiva completiva. d) oração subordinada adverbial consecutiva. 7. O constituinte “23 mil mortes provocadas por doenças cardiovasculares “ (linhas 5-6) desempenha a função sintática de a) predicativo do sujeito. b) complemento direto. c) complemento oblíquo. d) modificador de frase. 8. O complexo verbal “foram […] causadas “ (linha 6) é composto por a) um verbo auxiliar da passiva + verbo principal no particípio passado. b) um verbo auxiliar temporal + verbo principal no particípio passado. c) um verbo auxiliar modal+ verbo principal no particípio passado. d) um verbo auxiliar modal + verbo principal no infinitivo. 9. Atenta na frase “Segundo dados da ANAVC, em2012 registaram-se 23 mil mortes provocadas por doenças cardiovasculares, das quais 16 mil foramdiretamente causadas por acidente vascular cerebral.” (linhas 5-6) e identifica a alínea correta: a) O constituinte “Segundo dados da ANAVC” desempenha a função sintática de vocativo, pois está delimitado por vírgulas. b) O constituinte “em 2012” é o sujeito da forma verbal “ registaram-se”. c) Esta frase é passiva apesar de o complemento agente da passiva se encontrar omitido. d) A palavra “cardiovasculares”, quanto à subclasse, é um adjetivo qualificativo. 10. A oração “das quais 16 mil foramdiretamente causadas por acidente vascular cerebral” (linha 6) classifica- se como a) oração subordinante. b) oração subordinada adverbial causal. c) oração subordinada substantiva relativa. d) oração subordinada adjetiva relativa explicativa. 11. A forma verbal “há” (linha 7), quanto à flexão é um verbo a) regular. b) irregular. c) defetivo impessoal. d) defetivo unipessoal. 12. Na linha 9 estamos perante uma a) adjetivação. b) metáfora. c) perífrase.
  3. 3. 3 d) enumeração. 13. O nome “Diogo Valadas” (linha 11) desempenha a função sintática de a) sujeito simples. b) complemento direto. c) predicativo do sujeito. d) modificador do grupo verbal. 14. A oração “que um AVC surge” (linha 16) desempenha a função sintática de a) sujeito. b) complemento indireto. c) modificador de frase. d) complemento direto. 15. A oração “que um AVC surge” (linha 16) classifica-se como oração subordinada a) substantiva relativa. b) substantiva completiva. c) adjetiva relativa restrita. d) adjetiva relativa explicativa. 16. Na última frase do texto deparamo-nos com uma a) metáfora. b) enumeração. c) hipérbole. d) ironia. 17. Em qual dos enunciados seguintes a palavra “que” não é um pronome? a) “que passa”. (linha 1) b) “que se celebra a 14 de fevereiro” (linha 3). c) “que as doenças cardiovasculares” (linhas 4). d) “que é o caso dos idosos ou de pessoas” (linha 14). 18. A forma verbal “deixando” (linha 17) encontra-se no a) particípio passado. b) infinitivo impessoal. c) infinitivo pessoal. d) gerúndio. 19. Quanto à sua classe, a palavra “danificadas” (linha 17) é a) um adjetivo. b) um nome. c) um verbo. d) um determinante. 20. A conjunção “ou” (linha 18) classifica-se como conjunção coordenativa a) copulativa. b) adversativa. c) explicativa. d) disjuntiva.
  4. 4. 4 A professora: Lucinda Cunha PROPOSTA DE CORREÇÃO 1-c 2-d 3-c 4-a 5-a 6-c 7-b 8-a 9-c 10-d 11-c 12-d 13-a 14-d 15-b 16-b 17-c 18-d 19-a 20-d

×