Caracterização de Sedimentos de            Dragagens e Fontes de          Contaminação das Regiões             Portuárias ...
Caracterização de Sedimentos de Dragagens e Fontes de                    Contaminação das Regiões Portuárias Brasileiras  ...
Caracterização de Sedimentos de Dragagens e Fontes de                Contaminação das Regiões Portuárias Brasileiras  Lice...
Caracterização de Sedimentos de Dragagens e Fontes de   Contaminação das Regiões Portuárias Brasileiras
Caracterização de Sedimentos de Dragagens e Fontes de                  Contaminação das Regiões Portuárias Brasileiras   L...
Caracterização de Sedimentos de Dragagens e Fontes de                      Contaminação das Regiões Portuárias Brasileiras...
Caracterização de Sedimentos de Dragagens e Fontes de                  Contaminação das Regiões Portuárias Brasileiras   L...
Caracterização de Sedimentos de Dragagens e Fontes de                 Contaminação das Regiões Portuárias Brasileiras Lice...
Caracterização de Sedimentos de Dragagens e Fontes de                   Contaminação das Regiões Portuárias Brasileiras   ...
Caracterização de Sedimentos de Dragagens e Fontes de   Contaminação das Regiões Portuárias Brasileiras     Localização do...
Caracterização de Sedimentos de Dragagens e Fontes de                    Contaminação das Regiões Portuárias BrasileirasLi...
Caracterização de Sedimentos de Dragagens e Fontes de                                 Contaminação das Regiões Portuárias ...
Caracterização de Sedimentos de Dragagens e Fontes de                 Contaminação das Regiões Portuárias Brasileiras     ...
Caracterização de Sedimentos de Dragagens e Fontes de   Contaminação das Regiões Portuárias Brasileiras     Localização do...
Caracterização de Sedimentos de Dragagens e Fontes de                   Contaminação das Regiões Portuárias Brasileiras  M...
Caracterização de Sedimentos de Dragagens e Fontes de       Contaminação das Regiões Portuárias Brasileiras               ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Reunião seppr caracterização de sedimentos de dragagens e fontes de contaminação das regiões portuárias brasileiras_2011

379 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
379
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Reunião seppr caracterização de sedimentos de dragagens e fontes de contaminação das regiões portuárias brasileiras_2011

  1. 1. Caracterização de Sedimentos de Dragagens e Fontes de Contaminação das Regiões Portuárias Brasileiras Companhia Docas do Rio Grande do Norte Porto de NatalEng. Manoel Matias da Silva NetoBióloga, M.Sc. Lucila K. F. L. de Britomeioambiente@codern.com.brwww.codern.com.br
  2. 2. Caracterização de Sedimentos de Dragagens e Fontes de Contaminação das Regiões Portuárias Brasileiras Caracterização Porto de NatalLocallização Fluvial (Estuário do Rio Potengi) – URBANOCoordenadas Geográficas 5˚46’24” S - 35˚ 12’20” WCódigo IMO BRNATEndereço da administração Av. Eng. Hildebrando de Góis, 220 Ribeira CP: 59.010- 700 Natal/RN/BROperação Cargueiros (conteinerizadas)/Cruzeiros
  3. 3. Caracterização de Sedimentos de Dragagens e Fontes de Contaminação das Regiões Portuárias Brasileiras Licenciamento de dragagens no Porto de Natal- Órgão ambiental competente: Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente – IDEMA (www.idema.rn.gov.br)- Processos realizados: 2007-008418/TEC/LIO-0142 (renovado anualmente).
  4. 4. Caracterização de Sedimentos de Dragagens e Fontes de Contaminação das Regiões Portuárias Brasileiras
  5. 5. Caracterização de Sedimentos de Dragagens e Fontes de Contaminação das Regiões Portuárias Brasileiras Licenciamento de dragagens no Porto de Natal -Licenças Necessárias: Licença Prévia (LP) Requerimento de Licença - Modelo Idema; Documentos da Pessoa Física ou Jurídica, conforme relaçãofornecida pelo Idema; Memorial Descritivo da área do projeto e descrição sucinta daatividade; Planta de localização, georreferenciada, da área da atividade,conforme Instruções Técnicas do Idema; Cronograma de elaboração dos planos, programas e projetosrelativos ao desenvolvimento da atividade; Publicação do Pedido de Licença, conforme modelo Idema; Guia de Recolhimento devidamente quitada.
  6. 6. Caracterização de Sedimentos de Dragagens e Fontes de Contaminação das Regiões Portuárias Brasileiras Licenciamento de dragagens no Porto de Natal -Licenças Necessárias: Licença de Instalação e Operação (LIO) Requerimento de Licença - Modelo Idema; Licença anterior; Todos os documentos exigidos nos condicionantes da licença anterior; Autorização da Capitania dos Portos, para corpos d’água navegáveis, e SERHID – RN ou Agência Nacional de Águas (ANA), nos casos de água doce; Planta de locação acompanhada do Memorial Descritivo do projeto, plantas, cortes e detalhes, conforme Instruções Técnicas do Idema; Cronograma físico de desenvolvimento da atividade; Anotações de Responsabilidade Técnica (ARTs) de todos os projetos (ambiental, engenharia); Publicação do Pedido de Licença, conforme modelo Idema; Guia de Recolhimento devidamente quitada. Dependendo do tipo, do porte, da localização e do potencial de impacto do empreendimento, o Idemapoderá solicitar algum tipo de Estudo Ambiental (PCA, PRAD, outros) em complementação aosdocumentos apresentados. Neste caso, será emitido um Termo de Referência para subsidiar a elaboraçãodo estudo.
  7. 7. Caracterização de Sedimentos de Dragagens e Fontes de Contaminação das Regiões Portuárias Brasileiras Licenciamento de dragagens no Porto de Natal -Condicionantes: 1. O empreendedor deverá operar suas atividades conforme projeto e informaçõesapresentadas, devendo qualquer alteração ter a prévia análise do IDEMA; 5. O empreendedor deverá preservar e conservar uma distância mínima para áreaspróximas dos mangues; 12. O empreendedor deverá implementar, paralelamente a realização dasatividades, as medidas mitigadoras e os Planos de Controle e Monitoramento Ambiental,constante no Estudo apresentado.
  8. 8. Caracterização de Sedimentos de Dragagens e Fontes de Contaminação das Regiões Portuárias Brasileiras Licenciamento de dragagens no Porto de Natal - Estudo ambiental: Relatório de Controle Ambiental - RCA Empresa: Eiconnor Engenharia. Granulometria (%) - Laboratório de Geologia e Geofísica Marina – LGGM da UFPE X Y nome Cascalho Areia Grossa Areia Média Areia Fina Lama 256133 9363388 1 0 38.78 54.26 6.44 0.52 255765 9362794 2 0 15.34 74.7 8.91 1.05 255720 9362368 3 0 0.402 5.9 83.81 9.89 255685 9361792 4 3 3.63 7.32 72.87 13.18 255592 9361332 5 0.51 1 7.85 87.06 3.58 As coordenadas estão em WGS 84, Zona 25 Sul, UTM.Sedimentos são essencialmente arenosos, com grande parte classificada por areias média a finas.Os teores de lama não ultrapassam os valores de 15%. OBS: Metodologia de coleta e processamento conforme a CONAMA 344/2004.
  9. 9. Caracterização de Sedimentos de Dragagens e Fontes de Contaminação das Regiões Portuárias Brasileiras Metais pesados (%) - Laboratório de Análises Minerais Solos e Água da UFPE Elementos Am 1 Am 2 Am 3 Am 4 Am 5 Pb Nd Nd Nd Nd Nd Cd Nd Nd Nd Nd Nd Cu 164,96 136,46 78,98 104,71 104,29 Cr Nd Nd Nd Nd Nd Ni 61,3 84,57 64,91 76,8 61,06 Zn 54,96 44,99 139,33 67,61 77,87 Os valores encontrados nessas amostras estão dentro ou muito abaixo dos limites definidos pelo Conama Resolução N°344/2004, com exceção doelemento Ni, que apresentou em todas as amostras valores acima do tolerado. OBS: Metodologia Standard Methods for the Examination of Water and Waste Water aplicado a solos, da 20ª edição American Public Health Association do ano de 1995.
  10. 10. Caracterização de Sedimentos de Dragagens e Fontes de Contaminação das Regiões Portuárias Brasileiras Localização dos pontos de coleta do RCA
  11. 11. Caracterização de Sedimentos de Dragagens e Fontes de Contaminação das Regiões Portuárias BrasileirasLicenciamento de dragagens no Porto de Natal- Controle Ambiental: Plano Básico Ambiental - PBA Empresa (elaboração e execução): Veritas Engenharia Ambiental. Granulometria – Laboratório de Análise de Solo, Água e Planta da Empresa de Pesquisa Agropecuária do RN (EMPARN) PARÂMETROS TÉCNICA Pré-dragagem Início EMPREGADA P1 P2 P3 P4 P1 P2 P3 P4 -1Areia (g.kg ) Método do 787 784 365 821 975 979 Densímetro -1 (Método Oficial daArgila (g.kg ) EMBRAPA) 4 20 40 4 20 20 -1Silte (g.kg ) 209 232 595 175 5 1Classificação Areia Areia Franco Areia Areia AreiaTextural franca franca Siltoso franca
  12. 12. Caracterização de Sedimentos de Dragagens e Fontes de Contaminação das Regiões Portuárias Brasileiras Metais pesados - Laboratório de Análise de Solo, Água e Planta da EMPARN e Centro de Tecnologia Industrial Pedro Ribeiro CETIND (Hg)PARÂMETROS LLP TÉCNICA Pré-dragagem Início EMPREGADA P1 P2 P3 P4 P1 P2 P3 P4Cromo total, 81 Resolução Mixta 0,5 0,6 0,5 0,5 1,4 1 -1mg.kg (H2SO4) + HCl -1Cádmio, mg.kg 1,2 Resolução Mixta 0,1 0,1 0,2 0,1 0,2 0,2 (H2SO4) + HCl (2),Mercúrio 0,15 EN 140 ESP <0,075 <0,075 0,093 <0,075 <0,024 <0,024mg/kg -1Cobre, mg.kg 34 Resolução Mixta 0,69 1,19 0,44 0,49 0,58 0,25 (H2SO4) + HCl -1Zinco, mg.kg 150 Resolução Mixta 1,85 3,61 0,97 1,42 2,15 2,3 (H2SO4) + HCl -1Níquel, mg.Kg 20,9 Resolução Mixta 0,5 0,7 0,8 0,5 0,6 0,7 (H2SO4) + HCl -Chumbo, mg.Kg 46,7 Resolução Mixta 0,1 0,15 0,1 0,1 2,1 1,931 (H2SO4) + HCl
  13. 13. Caracterização de Sedimentos de Dragagens e Fontes de Contaminação das Regiões Portuárias Brasileiras Ecotoxicidade - Laboratório de Ecotoxicidade da UFRN Amostras analisadas Classificação da Toxicidade Sedimento Pré-dragagem Início P1 NÃO TÓXICA NÃO TÓXICA P2 NÃO TÓXICA P3 TÓXICA P4 NÃO TÓXICA TÓXICA Pré-dragagem Início Água Maré-Baixa Maré-alta Maré-Baixa Maré-alta P1 NÃO TÓXICA NÃO TÓXICA TÓXICA P2 NÃO TÓXICA P3 NÃO TÓXICA P4 NÃO TÓXICA NÃO TÓXICA NÃO TÓXICA Bioindicadores: Anfípoda (Leptocheirus plumulosus) – sedimento (agudo); Misidáceo (Mysidopsis juniae) – água (sub-crônico). Metodologia baseada em ABNT NBR 15638/2008. Para detalhes, ver relatóriosdo PBA.
  14. 14. Caracterização de Sedimentos de Dragagens e Fontes de Contaminação das Regiões Portuárias Brasileiras Localização dos pontos de coleta do PBA
  15. 15. Caracterização de Sedimentos de Dragagens e Fontes de Contaminação das Regiões Portuárias Brasileiras Monitoramento de dragagens no Porto de Natal Embora o RCA que baseou o licenciamento ambiental da dragagem tenha identificadopresença de Ni acima do permitido, as análises recentes não indicam contaminação desedimentos por metais pesados; Entretanto, as análises de água têm apresentado índices elevados de metais pesados; As análises de ecotoxicidade indicam toxicidade de modo esporádico e irregular; Os resultados das 3ª e 4ª campanhas estão em processamento pela Veritas EngenhariaAmbiental; Os relatórios do PBA são remetidos ao órgão ambiental.
  16. 16. Caracterização de Sedimentos de Dragagens e Fontes de Contaminação das Regiões Portuárias Brasileiras Manoel Matias da Silva Neto Lucila K. F. L. de Brito meioambiente@codern.com.br www.codern.com.br Reunião, Brasília/DF, 01/06/2011

×