INGLÊS
Editora Exato 14
LESSON 4 – TO BE AND THERE TO BE
(LIÇÃO 4 – TO BE E THERE TO BE)
1. TO BE (SER / ESTAR)
O verbo to...
Editora Exato 15
Is it? Ele/Ela é / está?
Are we? Nós somos / estamos?
Are you? Vós sois / estais?(Vocês
são / estão)
Are ...
Editora Exato 16
2 Marque a alternativa em que o verbo there to be
esteja sendo corretamente usado.
a) There is children i...
Editora Exato 17
GABARITO
Estudo dirigido
1 São três motivos. Primeiro, pelo seu significado
(é o verbo ser ou estar em po...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Lesson4

763 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
763
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
66
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Lesson4

  1. 1. INGLÊS Editora Exato 14 LESSON 4 – TO BE AND THERE TO BE (LIÇÃO 4 – TO BE E THERE TO BE) 1. TO BE (SER / ESTAR) O verbo to be (ser/estar) é geralmente o pri- meiro verbo que se aprende quando se estuda inglês por três motivos: Primeiro: pelo seu significado: é o verbo ser ou estar em português. Segundo: por ser um verbo irregular: sua conjugação é bem diferente dos outros ver- bos em inglês. Terceiro: por ser também usado como ver- bo auxiliar: ajuda a formar tempos compos- tos em inglês. Observe a tabela abaixo, com a conjugação do verbo to be na forma afirmativa do presente sim- ples. Forma Afirmativa (Presente) Forma A- firmativa Forma Contraída Tradução I am I’m Eu sou / estou You are You’re Tu és/estás (Você é/está) He is He’s Ele é/está She is She’s Ela é/está It is It’s Ele/Ela é/está We are We’re Nós somos/estamos You are You’re Vós sois/estais (Vocês são/estão) They are They’re Eles/Elas são/estão Usa-se o verbo to be a) para dizer a profissão das pessoas. Ex:I am a dentist (Eu sou dentista). b) para dizer a nacionalidade ou naturalidade das pessoas. Ex: Ronaldinho is from Brazil. (Ronaldinho nasceu no Brasil). c) para descrever pessoas ou coisas. Ex: You are beautiful. (Você é linda) The bus is yellow. (O ônibus é amarelo). d) para dizer a idade das pessoas. Ex: I am 25 years old. (Eu tenho 25 anos). e) em expressões de tempo. Ex: It is sunny today. (Está ensolarado hoje). f) para dizer a localização de coisas e pessoas. Ex: We are in New York. (Nós estamos em Nova Iorque). Forma Negativa (Presente) Para formar uma frase negativa que tenha o verbo to be, basta acrescentar a partícula de negação not depois do verbo. Em inglês, há ainda a possibili- dade de usar a forma contraída, que é a junção do verbo com a partícula de negação. Observe a tabela abaixo, com a conjugação do verbo to be na forma negativa. Forma Negativa Forma Contraída Tradução I am not I’m not Eu não sou / estou You are not You aren’t Tu não és / estás (Você não é / está) He is not He isn’t Ele não é / está She is not She isn’t Ela não é / está It is not It isn’t Ele/Ela não é / está We are not We aren’t Nós não somos / estamos You are not You aren’t Vós não sois / estais (Vocês não são / estão) They are not They aren’t Eles/Elas não são / estão Forma Interrogativa (Presente) Em português, para transformar uma frase a- firmativa em uma pergunta, há apenas a inclusão do ponto de interrogação no final da frase e ocorre a mudança de entonação da frase. Porém, para formar perguntas em inglês com o verbo to be deve-se inver- ter a posição do pronome (sujeito) com o verbo e in- cluir o ponto de interrogação no final da frase. Para perguntas não há a forma contraída. Observe a tabela abaixo com a conjugação do verbo to be na forma in- terrogativa. Forma Interrogativa Tradução Am I? Eu sou / estou? Are you? Tu és / estás? (Você é / es- tá?) Is he? Ele é / está? Is she? Ela é / está?
  2. 2. Editora Exato 15 Is it? Ele/Ela é / está? Are we? Nós somos / estamos? Are you? Vós sois / estais?(Vocês são / estão) Are they? Eles/Elas são / estão? Short Answers (Respostas curtas) Em inglês, as respostas sim e não são cha- madas de Short Answers (respostas curtas) e variam de acordo com o sujeito da pergunta. Observe a tabe- la abaixo, com as short answers do verbo to be. Forma Inter- rogativa Short Answer Sim Short Answer Não Am I? Yes, I am. No, I’m not. Are you? Yes, you am. No, You aren’t. Is he? Yes, he is. No, he isn’t. Is she? Yes, she is. No, she isn’t. Is it? Yes, it is. No, it isn’t. Are we? Yes, we are. No, we aren’t. Are you? Yes, you are. No, you aren’t. Are they? Yes, they are. No, they aren’t. 2. THERE TO BE (HAVER / EXISTIR) O verbo There to be (haver / existir) é na rea- lidade uma expressão formada pela palavra there (advérbio que significa lá, alí) com o verbo to be (is / are). Essa expressão é equivalente ao verbo haver, no sentido de existir em português. Ex: There is a flower in the vase. (Há (Existe) uma flor no vaso) There are ten flowers in the vase. (Há (Exis- tem) dez flores no vaso). A concordância desse verbo em inglês se faz com o substantivo que segue a expressão there to be. Assim, se o substantivo estiver no singular, o verbo to be es- tará no singular também (is). Ex: There is a book on the table (Há um livro na mesa). E se o substantivo estiver no plural, o verbo to be também ficará no plu- ral (are). Ex: There are two books on the table (Há dois livros na mesa). Observe, a seguir, a conjugação do verbo there to be no presente nas formas afirmati- va, negativa, interrogativa e as short answers. Forma Afirmativa Tradução Singular There is Há / Existe Plural There are Há / Existem Forma Negativa Forma Contraída Tradução Singular There is not There isn’t Não há/Não existe Plural There are not There aren’t Não há/Não existem Forma Interrogativa Tradução Singular Is there? Há? / Existe? Plural Are there? Há? / Existem? Forma Interrogativa Short Answer Sim Short Answer Não Singular Is there? Yes, there is. No, there isn’t. Plural Are there? Yes, there are. No, there aren’t. ESTUDO DIRIGIDO 1 Por que o verbo to be é geralmente o primeiro verbo que se aprende ao estudar o inglês? 2 Quando se usa o verbo to be? 3 Como é formada a negativa e a interrogativa do verbo to be? 4 Qual é o equivalente em inglês do verbo haver no sentido de existir do português? 5 Como ocorre a concordância do verbo there to be? EXERCÍCIOS RESOLVIDOS 1 Marque a alternativa em que o verbo to be esteja sendo usado corretamente. a) Marcos are tired. b) My parents is very old. c) The student is very intelligent. d) Sue and I am cousins. Resolução: A conjugação do verbo to be de- pende do sujeito; assim, analisando o sujeito sabere- mos a conjugação do verbo to be que deve ser usada. O sujeito da primeira frase é Marcos, pessoa do sexo masculino que pode ser substituída por He. Então o verbo to be que acompanha He é is e não are. O su- jeito da segunda frase é My parents (Meus pais) que pode ser substituído pelo pronome They (eles). As- sim o verbo to be que acompanha They é are e não is. O sujeito da terceira frase é The student (O aluno ou A aluna) que pode ser substituído pelos pronomes He ou She (pronome de 3ª pessoa do singular). O verbo to be que acompanha he ou she é is. O sujeito da última frase é Sue and I (Sue e eu) que pode ser substituído pelo pronome We (nós). O verbo to be que acompanha We é are e não am. Então a reposta correta é a letra c.
  3. 3. Editora Exato 16 2 Marque a alternativa em que o verbo there to be esteja sendo corretamente usado. a) There is children in the garden. b) Are there many students in class? c) There is not three cars in the street. d) There are an orange in the basket. Resolução: A concordância do verbo there to be acontece com o verbo to be. Se o susbtantivo que acompanha a expressão there to be estiver no singu- lar, usa-se is. Se o substantivo que acompanha a ex- pressão there to be estiver no plural, usa-se are. O sunstantivo da primeira frase é children (crianças) que está no plural, então deve-se usar are. O subs- tantivo da segunda frase é students (alunos) que está no plural, então deve-se usar are também. O subs- tantivo da terceira frase é cars (carros) que também está no plural devendo também usar are na frase. Na última frase, o substantivo é orange (laranja), que es- tá no singular, então deve ser usado is na frase. As- sim a resposta é a letra b. EXERCÍCIOS 1 Marque a alternativa que complete corretamente a frase: “Mr. Jone and I ________ happy but the girls __________. a) are – aren’t. b) is – aren’t. c) am – isn’t. d) are – am not. 2 Marque a alternativa que utiliza o verbo to be na forma negativa correta: a) Alice and Nancy isn’t in my house. b) The bue car am not expensive. c) She and I aren’t Brazilian. d) We isn’t American. 3 De acordo com as regras de formação de frases interrogativas com o verbo to be, marque a alter- nativa correta: a) Are you my teacher? b) She is my mother? c) The is cat mine? d) Is you sick? 4 Marque a alternativa que apresenta corretamente a transformação da frase “They are easy and che- ap to fix“ para a 3ª pessoa do singular: a) I am easy and cheap to fix. b) You are easy and cheap to fix. c) We is easy and cheap to fix. d) It is easy and cheap tp fix. 5 Assinale a alternativa que responda a pergunta “Are the children happy?” a) Yes, he is. b) Yes, it is. c) Yes, they are. d) No, they are. 6 Marque a alternativa que usa corretamente o ver- bo there to be: a) There are chairs in the class. b) Is there teachers at school? c) Are there a flower in the vase? d) There is problems in my life. 7 Marque a alternativa que completa corretamente a frase: “____________ a clock on the wall”: a) There are. b) There is. c) There to be. d) There have. 8 Marque a alternativa que completa corretamente a frase “In my school _____________ many students”: a) there have. b) there to be. c) there is. d) there are. 9 A frase “There is a mistake in your exercise” no plural é: a) There is not a mistake in your exercise. b) There is many mistakes in your exercises. c) There are many mistakes in your exercises. d) There to be many mistakes in your exercices. 10 Qual é a tradução correta da frase “There are beautiful girls at the club”? a) Existem rapazes bonitos no clube. b) Existem garotas bonitas no clube. c) Existe garotas bonitas no clube. d) Existe garota bonita no clube.
  4. 4. Editora Exato 17 GABARITO Estudo dirigido 1 São três motivos. Primeiro, pelo seu significado (é o verbo ser ou estar em português); segundo, por ser um verbo irregular (sua conjugação é di- ferente dos outros verbos); e, terceiro, por ser também usado como verbo auxiliar (ajuda a for- mar tempos compostos em inglês). 2 O verbo to be é usado para dizer a profissão, a nacionalidade ou naturalidade, a idade das pesso- as, para descrever pessoas ou coisas, para dizer a localização de coisas e pessoas e é usado em ex- pressões de tempo. 3 Para formar uma frase negativa que tenha o ver- bo to be basta acrescentar a partícula de negação not depois do verbo. Ex: She is not 20 years old. E para formar perguntas em inglês com o verbo to be deve-se inverter a posição do pronome (su- jeito) com o verbo e incluir o ponto de interroga- ção no final da frase. Ex: Is she 20 years old? 4 O verbo there to be é o equivalente ao verbo ha- ver no sentido de existir em português. Esse ver- bo, na realidade, é uma expressão formada pela palavra there (advérbio lá, aqui) com o verbo to be (is/are). 5 A concordância desse verbo se faz com o subs- tantivo que segue a expressão there to be. Assim, se o substantivo estiver no singular, o verbo to be estará no singular também (is). E se o substantivo estiver no plural, o verbo to be também ficará no plural (are). Exemplos: There is a flower in the vase. There are ten flowers in the vase. Exercícios 1 A 2 C 3 A 4 D 5 C 6 A 7 B 8 D 9 C 10 B CURIOSITY (CURIOSIDADE) HALLOWEEN = Dia das Bruxas To celebrate Halloween people dress up as witches, ghosts, etc. Para comemorar o Dia das Bruxas, as pessoas se vestem com fantasias de bruxas, fantasmas etc. O Dia das Bruxas, dia 31 de outubro, véspera do Dia de Todos os Santos, é chamado de Halloween em inglês. O nome vem das palavras All Hallows- Eve, “Noite de Todos os Santos”, que passou a Hal- low-Eve e, finalmente, Halloween. O Halloween é uma das datas comemorativas mais antigas, cujas o- rigens remontam ao século V a.C. Segundo o antigo calendário celta, o dia 31 de outubro era o último dia do ano e a noite em que todos os feiticeiros e bruxas ficavam fora de casa, soltos. Hoje em dia é motivo para muitas festas com fantasias horripilantes com esqueletos, caveiras, caixões, abóboras etc. Princi- palmente nos Estados Unidos, as crianças costumam colocar fantasias e passar, de casa em casa, pedindo doces. Essa brincadeira tradicional chama-se Trick or Treat (Gostosuras ou Travessuras).

×