GOVERNO MUNICIPAL DE CAUCAIA           SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO - SME           COORDENADORIA DE DESENVOLVIMENTO P...
ESTADO DO CEARÁ        GOVERNO MUNICIPAL DE CAUCAIA        SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO - SME        COORDENADORIA DE ...
INTRODUÇÃO                 Atividades de Apoio à Aprendizagem de Matemática       Não só no ensino fundamental, mas também...
Recursos Didáticos    Material Dourado ou Montessori O Material Dourado Montessori destina-se a atividades que auxiliam o...
Geoplano O geoplano é um material criado pelo matemático inglês Calleb Gattegno. Constitui-se por uma placa de madeira, ...
Apostila_1
Apostila_1
Apostila_1
Apostila_1
Apostila_1
Apostila_1
Apostila_1
Apostila_1
Apostila_1
Apostila_1
Apostila_1
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Apostila_1

1.384 visualizações

Publicada em

Primeiro encontro 6º ano

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.384
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
481
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
29
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apostila_1

  1. 1. GOVERNO MUNICIPAL DE CAUCAIA SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO - SME COORDENADORIA DE DESENVOLVIMENTO PEDAGÓGICO ANOS FINAISAPOSTILA DE APOIO PEDAGÓGICO 6º ANO1º ENCONTRO DE MATEMÁTICAPROFESSORES FORMADORES: ANTUNES SIMON, JAKELINE GOMES E LÚCIA OLIVEIRA Caucaia – Ce 2012
  2. 2. ESTADO DO CEARÁ GOVERNO MUNICIPAL DE CAUCAIA SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO - SME COORDENADORIA DE DESENVOLVIMENTO PEDAGÓGICO DOS ANOS FINAIS Caro(a) professor(a) Estamos iniciando um trabalho de reflexão sobre o ensino da matemáticano 6º ano do ensino fundamental, para auxiliá-lo em sua ação na sala de aula. O conteúdo deste material leva você a refletir sobre o objetivo geral doensino da matemática, isto é, sobre as competências matemáticas a seremadquiridas no 6° ano de escolarização. Para construir essas competências, osalunos desenvolvem habilidades associadas ao domínio dos conteúdos damatemática. Entretanto, esse objetivo só será atingido, caso nosso trabalho em sala deaula possa levar o aluno a: aprender a pensar, a raciocinar, a estabelecer relaçõesentre conceitos e idéias, a observar, a interpretar situações para poder projetar,generalizar, abstrair. Essas são habilidades básicas necessárias para fazer nossoaluno ultrapassar o senso comum. Esse trabalho está organizado em 05 (cinco) encontros, nos quais serãoapresentados conteúdos de matemática e discutidas as formas como aaprendizagem desses conteúdos acontecem no 6º ano do ensino fundamental.
  3. 3. INTRODUÇÃO Atividades de Apoio à Aprendizagem de Matemática Não só no ensino fundamental, mas também no ensino médio, encontramosalunos que ainda não reconhecem as várias idéias ligadas às operações comnúmeros naturais e, por isso, não as identificam em situações-problema. Éfrequente a pergunta feita pelo aluno: “É de somar ou de diminuir?”. Também hácasos de alunos que apresentam dificuldades em utilizar estratégias pessoais oualgoritmos usuais das operações. Nessa perspectiva, nosso trabalho, apresenta sugestões de atividadesrelativas aos significados das quatro operações básicas, e as escritas aditivas emultiplicativas dos números naturais. Você vai perceber, pelo desenvolvimento das oficinas, que antes detratarmos de algoritmos, queremos que o aluno vivencie experiências para acompreensão do conceito e das idéias dessas operações.
  4. 4. Recursos Didáticos Material Dourado ou Montessori O Material Dourado Montessori destina-se a atividades que auxiliam o ensino e a aprendizagem do sistema de numeração decimal-posicional e dos métodos para efetuar as operações fundamentais, ou seja, os algoritmos. No ensino tradicional, os alunos acabam "dominando" os algoritmos a partir de treinos cansativos, mas sem conseguirem compreender o que fazem. Com o Material Dourado a situação é outra: as relações numéricas abstratas passam a ter uma imagem concreta, facilitando a compreensão. Obtém-se, então, além da compreensão dos algoritmos, um notável desenvolvimento do raciocínio e um aprendizado bem mais agradável.Material Cuisenaire Feito originalmente de madeira, o Cuisenaire é constituído por modelos de prismas quadrangulares com alturas múltiplas da do cubo – representante do número 1 - em 10 cores diferentes e 10 alturas proporcionais. Alguns fabricantes alteram as cores de algumas das barras O comprimento de cada barra representa um número natural
  5. 5. Geoplano O geoplano é um material criado pelo matemático inglês Calleb Gattegno. Constitui-se por uma placa de madeira, marcada com uma malha quadriculada ou pontilhada. Em cada vértice dos quadrados formados fixa-se um prego, onde se prenderão os elásticos, usados para "desenhar" sobre o geoplano. Podem-se criar geoplanos de vários tamanhos, de acordo com o n.º de pinos de seu lado, por exemplo, 5x5, ou seja, cada lado do geoplano tem 5 pinos (pregos).Ábaco O Ábaco é um instrumento muito simples, usado para diversas operações aritméticas tais como a soma, a subtração, a multiplicação e a divisão, e ainda na resolução de diversos problemas com frações e raízes quadradas. Com ligeiras diferenças de civilização para civilização, na sua concepção e essência o funcionamento deste artefato é muito semelhante.

×