3o teste de_l.p._7o_ano_-_o_cavaleiro_da_dinamarca

4.983 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
6 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
4.983
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
452
Comentários
0
Gostaram
6
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

3o teste de_l.p._7o_ano_-_o_cavaleiro_da_dinamarca

  1. 1. PROFESSORA: ESCOLA SECUNDÁRIA DE ALCÁCER DO SAL _________________ 3º TESTE DE LÍNGUA PORTUGUESA – 7º ANO AVALIAÇÃO _________________ O CAVALEIRO DA DINAMARCA de Sophia de M. B. Andresen ENC. EDUCAÇÃONOME: ______________________ T. ____ N.º ____ DATA: ___________ _________________ Lê o teste com muita atenção e responde de forma completa às questões que são colocadas. COMPREENSÃO E INTERPRETAÇÃO DO TEXTO A Dinamarca fica no Norte da Europa. Ali os Invernos são longos e rigorosos com noites muitocompridas e dias curtos, pálidos e gelados. A neve cobre a terra e os telhados, os rios gelam, os pássarosemigram para os países do Sul à procura de sol, as árvores perdem as suas folhas. Só os pinheiroscontinuam verdes no meio das florestas geladas e despidas. Só eles, com os seus ramos cobertos por finasagulhas duras e brilhantes, parecem vivos no meio do grande silêncio imóvel e branco. Há muitos anos, há dezenas e centenas de anos, havia em certo lugar da Dinamarca, no extremoNorte do país, perto do mar, uma grande floresta de pinheiros, tílias, abetos e carvalhos. Nessa florestamorava com a sua família um Cavaleiro. Viviam numa casa construída numa clareira rodeada de bétulas. Eem frente da porta da casa havia um grande pinheiro que era a árvore mais alta da floresta. Na Primavera as bétulas cobriam-se de jovens folhas, leves e claras, que estremeciam à menoraragem. Então a neve desaparecia e o degelo soltava as águas do rio que corria ali perto e cuja correnterecomeçava a cantar noite e dia entre ervas, musgos e pedras. Depois a floresta enchia-se de cogumelos emorangos selvagens. Então os pássaros voltavam do Sul, o chão cobria-se de flores e os esquilos saltavamde árvore em árvore. O ar povoava-se de vozes e de abelhas e a brisa sussurrava nas ramagens. (…) No entanto, a maior festa do ano, a maior alegria, era no Inverno, no centro do Inverno, na noitecomprida e fria do Natal. Então havia sempre grande azáfama em casa do Cavaleiro. Juntava-se a família e vinham amigos eparentes, criados da casa e servos da floresta. E muitos dias antes já o cozinheiro amassava os bolos de mele trigo, os criados varriam os corredores, e as escadas e todas as coisas eram lavadas, enceradas e polidas.Em cima das portas eram penduradas grandes coroas de azevinho e tudo ficava enfeitado e brilhante. Ascrianças corriam agitadas de quarto em quarto, subiam e desciam a correr as escadas, faziam recados,ajudavam nos preparativos. Ou então ficavam caladas e, cismando, olhavam pelas janelas a florestaenorme e pensavam na história maravilhosa dos três reis do Oriente que vinham a caminho do presépio deBelém. Lá fora havia gelo, vento, neve. Mas em casa do Cavaleiro havia calor e luz, riso e alegria. (…) A noite de Natal era igual todos os anos. Sempre a mesma festa, sempre a mesma ceia, sempre asgrandes coroas de azevinho penduradas nas portas, sempre as mesmas histórias. Mas as coisas tantasvezes repetidas, e as histórias tantas vezes ouvidas pareciam cada ano mais belas e mais misteriosas. Atéque certo Natal aconteceu naquela casa uma coisa que ninguém esperava. Pois terminada a ceia oCavaleiro voltou-se para a sua família, para os seus amigos e para os seus criados, e disse: — Temos sempre festejado e celebrado juntos a noite de Natal. E esta festa tem sido para nós cheiade paz e alegria. Mas de hoje a um ano não estarei aqui. (…) O Cavaleiro da Dinamarca, Sophia de M. B. Andresen
  2. 2. 1. Recordando todo o conto lido na aula, seleciona a resposta correta. (10,5 pontos)1. A história tem início num país do Norte da Europa. Esse país é... a. a Noruega. b. a Finlândia. c. a Dinamarca.2. A ação do conto decorre... a. no século XX. b. há muitos séculos atrás. c. num futuro próximo.3. A personagem principal é designada de acordo com... a. a sua ocupação. b. a sua idade. c. o seu nome próprio.4. No início do conto, ficas a conhecer o modo como a família do protagonista festejava... a. a Páscoa. b. o Natal. c. o Carnaval.5. Certo Natal, o Cavaleiro toma uma decisão e comunica-a à família. Essa decisão prende-se com o desejo de empreender uma viagem rumo... a. a Itália. b. à Palestina. c. a África.6. De acordo com os seus planos, o Cavaleiro estaria de regresso a casa... a. no mês seguinte. b. dali a cinco anos. c. dali a dois anos.7. O Cavaleiro deixa a sua terra natal... a. na Primavera. b. durante esse Inverno. c. no Verão.8. O peregrino chega ao destino... a. no dia de Natal. b. muito antes do Natal. c. no Verão.9. Nesse ano, o Cavaleiro passou a noite de Natal... a. numa pensão. b. a caminho de casa. c. na gruta de Belém, onde nascera Jesus Cristo, a rezar.10. A estadia do protagonista na Palestina durou... a. até Fevereiro do ano seguinte. b. apenas três meses. c. um mês.
  3. 3. 11. Em Jafa, o Cavaleiro só embarcou em meados de Fevereiro por causa... a. do sol. b. do mau tempo. c. da demora de um mercador.12. Depois do embarque em Jafa, o Cavaleiro e o Mercador de Veneza aportaram em... a. Ravena. b. Nápoles. c. Florença.13. Em Veneza, o Cavaleiro ficou alojado... a. numa hospedaria. b. no palácio do Mercador. c. num barco.14. Vanina vivia com o seu tutor... a. numa casa pobre. b. num castelo. c. num belo palácio de Veneza.15. Os jovens rapazes de Veneza costumavam ir ver a jovem... a. pentear os seus cabelos perfumados. b. bordar. c. rezar.16. Guidobaldo ofereceu à rapariga mais bela de Veneza... a. um anel de família. b. um pente de oiro. c. um colar.17. Como Jacob Orso não consentiu no casamento de Vanina e Guidobaldo, os jovens... a. fugiram para a montanha. b. fugiram para a floresta. c. fugiram num navio.18. O Cavaleiro parte de Veneza porque tinha prometido à família e aos criados que estaria com eles... a. no próximo Natal. b. na próxima Primavera. c. no próximo Verão.19. Em Florença, em casa do banqueiro Averardo, o Cavaleiro ouve falar... a. de dois pintores ilustres: Cimabué e Giotto. b. de dois compositores importantes. c. de Romeu e Julieta.20. Em Antuérpia, em casa do negociante flamengo, o Cavaleiro espantou-se com... a. o sabor dos vinhos. b. o paladar da comida temperada com especiarias. c. o gosto das deliciosas sobremesas.
  4. 4. 21. O Cavaleiro chegou à floresta da Dinamarca... a. na noite de Natal. b. na antevéspera de Natal. c. no dia de Natal.2. Situa o excerto acima transcrito na globalidade do conto. (3,5 pontos)________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________3. Caracteriza o ambiente vivido, na casa do Cavaleiro, na preparação do Natal. (5 pontos)________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________4. “Até que certo Natal aconteceu naquela casa uma coisa que…” (10 pontos)4.1 Define a coisa a que se refere o narrador.________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________4.2 Descreve a reação da família a esta notícia.________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________5. Faz a caracterização psicológica da personagem principal. (4 pontos)________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________6. Ao longo da sua aventura, o cavaleiro vai movendo-se por vários espaços. (6 pontos) Indica o espaço que mais te impressionou. Justifica a tua resposta.________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________7. Recorda o que aprendeste sobre as categorias da narrativa e responde corretamente: (11 pontos) a) Ação principal: __________________________________________________________________ b) Ação secundária: ________________________________________________________________ c) Estrutura da ação secundária, na ação principal: _______________________________________ d) O Narrador é: ___________________, na ____________________________________________ e _____________________, nas ____________________________________________________ e) Personagem principal: ____________________________________________________________ f) Personagens secundárias (3): ______________________________________________________ g) Tempo (da história): _____________________________________________________________ h) Espaço físico (3): ________________________________________________________________
  5. 5. FUNCIONAMENTO DA LÍNGUA1. Reescreve a frase, substituindo a palavra destacada por uma de significado idêntico. (2 pontos)  “Então havia sempre grande azáfama em casa do Cavaleiro”. ______________________________________________________________________________2. Preenche os espaços usando o verbo, no tempo verbal pedido, do modo indicativo. (5 pontos) a) Nessa floresta, um Cavaleiro _______________ com a sua família. (“viver”, pret. imperfeito) b) A brisa _______________ nas ramagens. (“sussurrar”, presente) c) Lá fora _______________ muito gelo, vento e neve. (“haver”, pret. imperfeito) d) Terminada a ceia, o Cavaleiro _______________ a sua família. (“informar”, pret. perfeito) e) O Cavaleiro não _______________ com a esposa, no Natal seguinte. (“jantar”, futuro)3. Inventa frases onde apliques duas palavras Homógrafas e duas Homófonas. (2 pontos) Homógrafas: ___________________________________________________________________ ___________________________________________________________________ Homófonas: ___________________________________________________________________ ___________________________________________________________________4. Transforma as frases ativas em passivas e as frases passivas em ativas. (7 pontos) a) O Cavaleiro fez uma viagem durante dois anos. ___________________________________________________________________ b) Os peregrinos são movidos pela fé. ___________________________________________________________________5. Analisa sintaticamente as seguintes frases. (10 pontos) a) Na gruta de Belém, o Cavaleiro estava felicíssimo. b) Na noite de Natal, ele rezou. 5.1 Diz qual a função sintática das palavras destacadas nas frases:  Não me digas, Vanina, que queres fugir!  Guidobaldo, estás proibido de te aproximar do palácio. _____________________________________________________________6. Identifica o tipo de sujeito presente nas frases. (4 pontos) a) Ele gostava de estar com os amigos. ___________________________________________________________________ b) Diz-se que o Cavaleiro era muito corajoso. ___________________________________________________________________ c) A esposa e os familiares permitiram a sua viagem. ___________________________________________________________________ d) Os frades ajudaram na sua recuperação. ___________________________________________________________________
  6. 6. EXPRESSÃO ESCRITA Com a leitura do conto “O Cavaleiro da Dinamarca”, percebeste que há várias açõessecundárias narradas na ação principal… Imagina um diálogo entre o Cavaleiro e os amigos, sobre a emocionante aventura por elevivida. (20 pontos)____________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________ “A amizade é um amor que nunca morre.” Bom Trabalho! "A amizade é o amor sem asas." "O amor é o milagre da civilização.” A professora, Liliana Silva Estamos na semana do Dia dos Namorados… Cria um pensamento/frase/quadra propícia à data e ao momento. ______________________________________________________________ ______________________________________________________________ ______________________________________________________________ ______________________________________________________________

×