Enfermagem na atenção ao RN 01

4.428 visualizações

Publicada em

I A

0 comentários
5 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
4.428
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
21
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
136
Comentários
0
Gostaram
5
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Enfermagem na atenção ao RN 01

  1. 1. ENFERMAGEM NA ATENÇÃO AO RN Profª Lúcia Medeiros luciamedeiroscursos@gmail.com luciammedeiros.blogspot.com.br
  2. 2. ENFERMAGEM NA ATENÇÃO AO RNA Saúde do Recém-Nascido no Brasil• O cuidado com a saúde do RN tem importância fundamental para a redução da mortalidade infantil, assim como a promoção de melhor qualidade de vida e a diminuição das desigualdades em saúde. GUINSBURG, R.; VIEIRA, A. L.
  3. 3. ENFERMAGEM NA ATENÇÃO AO RN• No período neonatal, momento de grande vulnerabilidade na vida, concentram-se riscos biológicos, ambientais, socioeconômicos e culturais, havendo necessidade de cuidados especiais, com atuação oportuna, integral e qualificada de proteção social e de saúde, direitos reconhecidos pelo ECA. GUINSBURG, R.; VIEIRA, A. L. 2011• É na primeira semana de vida, em especial no primeiro dia de vida (representando 25%), que se concentram as mortes infantis no País.
  4. 4. ENFERMAGEM NA ATENÇÃO AO RN• As ações de promoção, prevenção e assistência à saúde dirigidas à gestante e ao RN influenciam a condição de saúde do indivíduo na vida adulta. Salienta-se a relação determinante entre a vida intrauterina, as condições de saúde no nascimento e no período neonatal e os problemas crônico- degenerativos na vida adulta.
  5. 5. ENFERMAGEM NA ATENÇÃO AO RNMORTALIDADE NEONATALNO BRASIL• A mortalidade neonatal (entre 0 e 27 dias de vida) representa cerca de 60 a 70% da mortalidade infantil e, portanto, maiores avanços na saúde da criança brasileira requerem maior atenção à saúde do RN.
  6. 6. ENFERMAGEM NA ATENÇÃO AO RN• Foram registrados no Pará, 18,71 óbitos de crianças com até 1 ano de vida para cada mil nascidos vivos, sendo que o componente neonatal representou o maior percentual do Coeficiente de Mortalidade Infantil, com 71,17% dos óbitos (2010), e a maior parte dessas crianças (79%) morreu antes de completar 01 semana de vida, repercutindo, principalmente, as dificuldades na atenção ao pré-natal, ao parto e ao RN em sala de parto. SIM/DEPI/SESPA- 2010
  7. 7. ENFERMAGEM NA ATENÇÃO AO RN TERMOS E CLASSIFICAÇÕES EM NEONATOLOGIANEONATOLOGIA – área de atuação da pediatria quevisa prestar assistência ao recém-nascido (RN).NASCIDO VIVO – é a expulsão ou retirada de umproduto da concepção do corpo da mãe, independenteda IG, que apresenta qualquer sinal de vida.ÓBITO FETAL – é a morte de um produto da concepçãoantes da expulsão ou extração do corpo damãe, independente da idade da gravidez.
  8. 8. ENFERMAGEM NA ATENÇÃO AO RNCLASSIFICAÇÃO QUANTO AO PESO DE NASCIMENTORN com Peso Normal De 2.500g até 3999gRN com Baixo Peso ao Nascer Menos de 2.500gRN com Muito Baixo Peso ao Nascer Menos de 1.500gRN com Extremo Baixo Peso ao Nascer Menos de 1.000g
  9. 9. ENFERMAGEM NA ATENÇÃO AO RNCLASSIFICAÇÃO QUANTO A IDADE GESTACIONALRN prematuro ou pré-termo Menos de 37 semanas completas, até 36 semanas e 6 dias de gestação.RN a termo De 37 semanas a 41 semanas e 6 dias de gestação.RN pós-termo 42 semanas ou mais de gestação
  10. 10. ENFERMAGEM NA ATENÇÃO AO RNCLASSIFICAÇÃO DO PESO EM RELAÇÃO A IGAdequado para IG (AIG) Entre os percentis 10 e 90Pequeno para IG (PIG) Abaixo do percentil 10Grande para IG (GIG) Acima do percentil 90
  11. 11. ENFERMAGEM NA ATENÇÃO AO RNPERÍODO FAIXA ETÁRIAEmbrionário Da implantação até 8ª semana de IGFetal A partir da 9ª semana de IG até o nascimentoNeonatal Do nascimento até 28º dia de vida• Precoce 0 ao 7º dia de vida• Tardio 8º ao 28º dia de vida• Perinatal 28ª semana até o 7º dia de vida extrauterinaPrimeira infância 29 dias até 2 anosSegunda infância 2 anos até 6 anosEscolar 6 anos até 12 anosAdolescência 12 a 18 anos

×