Época Vindoura

Mateus 6:31-34
31- Disse Jesus: Não andeis inquietos, dizendo: Que comeremos, ou beberemos ou
vestiremos?
...
Então ele resolveu dar uma ajudinha, contando a boca da referida pupa;
facilitando desta forma a saída do inseto. Foi ness...
Tiago 4:13-14
Eia agora vós que dizeis: Hoje ou amanhã iremos a tal cidade, e lá passaremos um ano,
e contrataremos, e gan...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Época Vindoura

598 visualizações

Publicada em

Os versículos que lemos expressa um sentido bem profundo para exortar a nossa vida secular, e traz a narrativa de dois tipos de pessoas.
1. O que se preocupa materialmente com o dia de amanhã
2. E a que vive a cada momento conforme a vontade de Deus

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
598
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
13
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Época Vindoura

  1. 1. Época Vindoura Mateus 6:31-34 31- Disse Jesus: Não andeis inquietos, dizendo: Que comeremos, ou beberemos ou vestiremos? 32- (Porque todas estas coisas os gentios procuram), De certo que o nosso Pai celestial bem sabe que necessitais de todas estas coisas. 33- Mas buscai primeiro o Reino dos céus e a sua justiça e as demais coisas serão acrescentadas. 34- Não andeis inquietos pelo dia de amanhã, porque o dia de amanhã cuidará de si mesmo. Bata cada dia seu mal. Alusão Os versículos que lemos expressa um sentido bem profundo para exortar a nossa vida secular, e traz a narrativa de dois tipos de pessoas. 1. O que se preocupa materialmente com o dia de amanhã 2. E a que vive a cada momento conforme a vontade de Deus O Senhor Jesus Cristo nessa passagem Bíblica, faz uma forte menção a respeito para que a nossa atenção seja voltada para as coisas do céu e a Justiça de Deus. Observamos que Ele por três vezes adverte preocupação humana a vida presente. Desde os primórdios da Igreja, já existia uma forte inquietação com o futuro material, tendo como resultado desta negligencia uma vida infrutífera para com o Espírito Santo. O profeta Isaias fez uma forte citação do que acontecia no Antigo Testamento com o povo de Deus que normalmente erravam o caminho que os condizia à verdadeira felicidade. Isaias 22:13 Mas eis aqui gozo e alegria, matam-se vacas e degolam as ovelhas, come-se a carne, e bebe-se o vinho, e diz-se: Comamos e bebamos, porque amanhã morreremos. Esse versículo fala a respeito de um evento que aconteceu em Jerusalém, quando sitiada pelos inimigos de Deus. Mas ao invés dos Israelitas clamarem ao Senhor, foram para a idolatria, comer em demasia e beber vinho abusivamente como se o Todo Poderoso estivesse limitado à vontade humana e não se incomodasse com a situação. Esquecendo-se dos grandes livramentos recebidos em todo tempo vindo da parte do Deus Poderoso. Conta o testemunho do escritor Letter Colimam, um ciclo que acontece com a mariposa real. Em certo dia, ele ficou a manhã inteira observando o nascimento da citada borboleta, na qual, há dias ele acompanhou o casulo. Mas naquele dia Letter percebeu que o orifício em que deveria passar a borboleta era pequeno demais.
  2. 2. Então ele resolveu dar uma ajudinha, contando a boca da referida pupa; facilitando desta forma a saída do inseto. Foi nesse momento que percebeu as suas asas molhadas, de forma nenhuma secava. O aperto da passagem servia para espremer o liquido do novo ser. A precipitação do escritor prejudicou a vida da linda borboleta. Assim também acontece com os homens que não vivem Bíblia, sempre se preocupando com o que não deve, e esquecendo-se das suas atividades diante o Reino de Deus. Isaias 56:12 Vinde, dizem eles, tragam vinho, venha e bebamos bebida forte; e o dia de amanhã será como este, e ainda maior e mais famoso. Novamente estamos lendo um versículo que o povo de Israel se entregou a uma onda de crimes, e faltas tão graves que o Senhor se irou por tamanha perversão. De modo que os homens só enfatizavam os deleites da carne sem nenhum compromisso com as coisas santas. Mas Deus sempre foi misericordioso e nos ama ao ponto de entregar o seu Filho amado para morrer crucificado e nos salvar de uma condenação eterna. “Sabendo que quando Cristo foi à cruz do calvário não esperou para o amanhã; mas se entregou no dia determinado pelo Senhor”. Aconteceu também no Novo Testamento que os crentes da cidade de Coríntios estavam preocupados com o futuro, como se não tivessem o direito de participar da ressurreição proclamada pelo nosso salvador. E o apostolo Paulo, os admoestava amavelmente mostrando que a nossa alegria não era em vencer as materialmente, no comer e no beber, e sim, em renovar-se através do Sangue de Jesus, que purifica de todos os pecados. I Aos Coríntios 15:32-33 32 - Se, como homem combati em Éfeso contra as bestas, que me aproveita isso, se os mortos irão ressuscitam? Comamos e bebamos que amanhã morreremos. 33 – Não vos enganeis; as más conversações corrompem os bons costumes Em cada semente, existe o germe da vida que é gerado após a morte. Nós também temos essa semente no mundo espiritual que gera para a eternidade. Seja para: • Salvação – Em Cristo Jesus • Condenação - Sem Jesus Devemos viver o hoje e o amanhã em torno do Reino de Deus. Lembrando que o maior acontecimento do universo foi à criação do homem; e o segundo foi à morte e ressurreição de Jesus para justificação de toda a humanidade. Epilogo
  3. 3. Tiago 4:13-14 Eia agora vós que dizeis: Hoje ou amanhã iremos a tal cidade, e lá passaremos um ano, e contrataremos, e ganharemos. Digo-vos que não sabeis o que acontecerá amanhã. Porque, que é a nossa vida? É como um vapor que aparece por um pouco de tempo e depois se desvanece. Observe quanto soberba que o apostolo Tiago viu naquele povo, que viviam como se Deus não existisse, preocupando-se somente em adquirir bens materiais. Então receberão uma forte repreensão pela jactância; não obstante que o Senhor na sua bondade, teve compaixão os ajudou para que não caíssem no erro da arrogância. Mateus 6:34 Não andeis inquietos pelo dia de amanhã, porque o dia de amanhã cuidará de si mesmo. Bata cada dia seu mal. Jesus te ama. Presbítero Robson Colaço de Lucena Webmaster Alisson Alves de Lucena Visite o site: http://missaoamerica.googlepages.com Faça donwloard de Pregação e Musicas em mp3 no site: http://missaomp3.googlepages.com

×