Universidade Federal de Uberlândia 
Faculdade de Arquitetura e Urbanismo e Design 
Conforto Ambiental 1 
Análise Projetual...
1 ANÁLISE DO CLIMA LOCAL
A Residência Edmundo Cavanelas, analisada neste trabalho, está localizada na cidade de Petrópolis (Latitude Longitude ) no...
O mês mais seco do ano é julho, com de precipitação, e o mês de maior precipitação é dezembro, com uma média de . 
Feverei...
Carta Bioclimática de Petrópolis – RJ 
Ainda, a partir dos dados fornecidos pelo software Analysis Bio, conclui-se que cer...
Fonte: <http://maps.google.com.br> 
Residência Edmundo Cavanelas - Implantação 
A disposição da residência no terreno tamb...
realizadas e referentes à cozinha. A residência é marcada pela fluidez dos espaços, principalmente do social. 
Residência ...
Residência Edmundo Cavanelas – Organização Espacial 
Residência Edmundo Cavanelas – Planta com Organização Espacial 
As so...
As aberturas opostas dos panos de vidro (leste e oeste) aproveitam a direção predominante dos ventos (SE) para favorecerem...
Na área molhada, utiliza-se um forro perfurado, que permite a renovação do ar, deixando de dispor janelas nesses ambientes...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Análise Projetual - Residência Cavanelas - Conforto Ambiental 1

715 visualizações

Publicada em

Análise da Residência Edmundo Cavanelas em relação aos aspectos bioclimáticos da região. Trabalho apresentado na disciplina de Conforto Ambiental 1, em novembro de 2014.

Publicada em: Design
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
715
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
87
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
8
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Análise Projetual - Residência Cavanelas - Conforto Ambiental 1

  1. 1. Universidade Federal de Uberlândia Faculdade de Arquitetura e Urbanismo e Design Conforto Ambiental 1 Análise Projetual Residência Edmundo Cavanelas Professora: Rita de Cássia Saramago Alunos: Ellen Vanessa Lucas Fernandes Lucas Gomes Matheus Oliveira Novembro de 2014
  2. 2. 1 ANÁLISE DO CLIMA LOCAL
  3. 3. A Residência Edmundo Cavanelas, analisada neste trabalho, está localizada na cidade de Petrópolis (Latitude Longitude ) no estado do Rio de Janeiro. Petrópolis – Rio de Janeiro Fonte: < http://3.bp.blogspot.com> Cercada por 70% de Mata Atlântica, esta cidade tem um clima ameno, sempre fresco ao cair do sol, com uma temperatura média de e significativa pluviosidade ao longo do ano. Até mesmo no mês mais seco, a pluviosidade é considerável. A temperatura média do ar em Petrópolis é de e a pluviosidade média anual é de . Segundo a classificação climática de Köppen-Geiger, o clima da cidade é dito cfb, por estar em uma região de clima subtropical de altitude elevada ( ). Abaixo, o climograma da cidade de Petrópolis. Climograma de Petrópolis – RJ Fonte: <http://pt.climate-data.org>
  4. 4. O mês mais seco do ano é julho, com de precipitação, e o mês de maior precipitação é dezembro, com uma média de . Fevereiro é o mês mais quente do ano, com temperatura média de e Julho é o mês mais frio, com temperatura média de Abaixo, o gráfico das temperaturas da cidade de Petrópolis. Gráfico de Temperaturas de Petrópolis – RJ Fonte: <http://pt.climate-data.org> Há uma diferença de entre a precipitação do mês mais seco e do mais chuvoso. Além disso, as temperaturas médias têm uma variação de no decorrer do ano. Abaixo, a tabela climática de Petrópolis confirma essas afirmações. Tabela Climática de Petrópolis – RJ Fonte: <http://pt.climate-data.org> A umidade relativa do ar na cidade de Petrópolis é bastante alta durante todo o ano, como mostra a tabela abaixo. Mês Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez UR% Umidade Relativa do Ar de Petrópolis – RJ Fonte: INMET A partir dos dados presentes nas tabelas acima, utilizando o software Analysis Bio, pudemos fazer a análise bioclimática da cidade de Petrópolis através de suas normais. Como resultado, obtemos a carta bioclimática a seguir.
  5. 5. Carta Bioclimática de Petrópolis – RJ Ainda, a partir dos dados fornecidos pelo software Analysis Bio, conclui-se que cerca de 29% das horas do ano são confortáveis e 71% são desconfortáveis predominantemente por frio. Nesse caso, as estratégias mais adequadas para as edificações na cidade são: ventilação (nos meses de janeiro, fevereiro, março e dezembro), alta inércia térmica e aquecimento solar passivo. 2 ANÁLISE CRÍTICA DO PROJETO A edificação está situada num amplo lote no conjunto montanhoso da Serra dos Órgãos que fica distante a do centro de Petrópolis e aproximadamente a da cidade do Rio de Janeiro. O acesso principal se dá pela Rua José Joaquim Rodrigues. A residência ocupa um pequeno vale no sentido norte-sul, para onde se abrem perspectivas interrompidas a leste e oeste pela aclividade do solo. Cercada por elaborados jardins de Burle Marx, e por uma sequência de montanhas circundando o vale, a casa possuiu uma deslumbrante paisagem com de área total e de área edificada. Residência Edmundo Cavanelas - Entorno
  6. 6. Fonte: <http://maps.google.com.br> Residência Edmundo Cavanelas - Implantação A disposição da residência no terreno também toma partido da obtenção de calor através da passagem do sol, pois suas maiores fachadas estão dispostas (leste / oeste) de maneira a permitir a captação da luz solar. Essa disposição também é evidenciada pelo clima local, de temperatura amena. As aberturas presentes nas duas fachadas possibilitam a ventilação cruzada, propiciada pelos ventos predominantes com direção sudeste. Residência Edmundo Cavanelas – Planta com Insolação e Ventos Predominantes Não seguindo o padrão de residências, a casa Cavanelas não possui uma entrada caracterizada como a principal. É possível ingressar por meio de uma das quatro portas de vidro que estão localizadas na área social, dispostas na fachada leste e oeste. Além desses quatro acessos, por meio da porta da cozinha, é possível entrar na casa, mas esta passagem serve essencialmente às atividades
  7. 7. realizadas e referentes à cozinha. A residência é marcada pela fluidez dos espaços, principalmente do social. Residência Edmundo Cavanelas – Planta com Acessos e Circulação Ao analisar o quadro de áreas da Casa Cavanelas, que é tripartida, é possível perceber que o arquiteto faz uma divisão rigorosa dos espaços e consegue ao mesmo tempo garantir a fluidez dos ambientes, além o seu caráter informal como casa de campo devido à porcentagem de ocupação de cada área na edificação, com um espaço social bastante amplo. Residência Edmundo Cavanelas – Planta com Setorização Uma das principais vantagens da residência é a área gerada através da extensão da cobertura, que excede o perímetro da planta, formando terraços ao redor da casa, de onde surge também a garagem. A divisão desses ambientes externos – o terraço e a garagem – é feito através do revestimento do piso, dividindo discretamente as atividades. A casa possui planta bastante fluida e é bem iluminada devido as esquadrias em vidro.
  8. 8. Residência Edmundo Cavanelas – Organização Espacial Residência Edmundo Cavanelas – Planta com Organização Espacial As soluções projetuais adotadas pelo arquiteto Oscar Niemeyer para esta residência incluem: na zona íntima (mais precisamente nos quartos), como ventilação de inverno, brises metálicos na parte superior para a saída do ar quente e renovação do oxigênio (isso devido ao menor peso do ar quente em relação ao ar mais fresco); grandes aberturas de vidro na altura dos usuários para ventilação de verão na área social; uma lareira para ser utilizada no inverno e aquecer todo o ambiente vedado por panos de vidro. Residência Edmundo Cavanelas – Brises na Fachada Norte
  9. 9. As aberturas opostas dos panos de vidro (leste e oeste) aproveitam a direção predominante dos ventos (SE) para favorecerem a ventilação cruzada na área social da residência. Além disso, os panos de vidro na área social, dispostos na direção leste/oeste, quando fechados compõem uma solução projetual de aquecimento solar passivo, pois, dispostas na direção do nascer e pôr do sol, juntamente com o aquecimento promovido pela lareira, provoca uma espécie de “efeito estufa” para melhor contenção do calor no interior da residência. No inverno, quando as temperaturas são mais baixas, essa solução se mostra bastante viável. Residência Edmundo Cavanelas – Lareira e Panos de Vidro Para minimizar os efeitos de uma indesejada irradiação de calor pela cobertura metálica nos ambientes internos, as treliças metálicas, que a estruturam, ficam expostas e permeáveis, permitindo assim a passagem dos ventos por dentro da cobertura, promovendo o seu refrescamento. Residência Edmundo Cavanelas – Cobertura e Treliças Metálicas
  10. 10. Na área molhada, utiliza-se um forro perfurado, que permite a renovação do ar, deixando de dispor janelas nesses ambientes. O sistema de calhas para captação de água da chuva na cobertura é bastante simplificado, contando com uma calha no eixo mais baixo da cobertura e outra ao lado do grande plano estrutural que a atravessa. Residência Edmundo Cavanelas – Sistema de Calhas 3 REFERÊNCIAS [1] SIQUEIRA, V. B., “Espaçoes da Arte Brasileira / Burle Marx”, Cosac & Naify Edições, 2001 [2] SEGRE, R., “Oscar Niemeyer 100 anos 100 obras”, Instituto Tomie Ohtake. [3] http://44arquitetura.com.br/index.php/casa-canavelas-de-oscar-niemeyer-uma-analise-da-obra/ [4] http://pt.climate-data.org/location/4484/ [5] http://www.rio2016.com/pregamestraining/sites/default/.../petropolis_pt_1.pdf [6] http://www.ptecserra.com.br/?page_id=68

×