Organograma FEJECE 2012

762 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
762
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
12
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Organograma FEJECE 2012

  1. 1. Diretoria de Qualidade Organograma do Corpo Executivo Setembro de 2011
  2. 2. Presidência Estrutura propostaVice-presidência Gestão Diretoria Diretoria de Diretoria de Administrativo-Desenvolvimento Comunicação financeira Suporte e Publicidade Administrativa Alinhamento Regulamentação e Integração Relações Públicas Expansão TI
  3. 3. Estrutura de coordenadorias Presidência ExecutivaComo já mostrado, teríamos responsáveis pelas áreas de Negócios e de Relações Institucionais, poisambas trabalham bastante com o pilar de representatividade da Federação. Acreditamos que temosmuito o que crescer em ambas, considerando que há diversas organizações com quem podemosestreitar relacionamentos. A diferença básica entre uma e outra é que Negócios busca parcerias devalor e RI busca parcerias de associação de marcas, trocas de ferramentas, apoio institucional etc.Neste núcleo, competências como bom poder de persuasão, conhecimento em técnicas denegociação, bom relacionamento interpessoal são indispensáveis. Por serem cargos com bastantevisibilidade externa, disciplina, pontualidade e compromisso são requisitos que sob qualquerpretexto não podem ser negligenciados.
  4. 4. Estrutura de coordenadorias Vice-presidênciaNa Assessoria de Gestão há 4 segmentos principais: estratégia, pessoas, projetos, processos. Sendoassim, teríamos uma equipe focada em monitorar o desempenho da Federação em relação a seusobjetivos e indicadores estratégicos; trabalhar a motivação e estimular o aumento do desempenhodos membros da federação; dispor de gestores de projetos, verificando a viabilidade, importância,necessidade, prioridade e avanço dos projetos; e responsável pelo mapeamento,desenho/redesenho de processos bem como o seu refinamento. Cada membro da assessoria, devedispor de competências para cuidar de pelo menos uma das quatro grandes áreas.Devido a intensa ligação com a base da Federação para o exercício eficaz e eficiente de suasatividades, é necessário que os membros que compõem a assessoria disponham de valorespessoais muitíssimo alinhados com os da organização para que, em face das diversas dificuldadesque podem surgir pelo caminho, estes possam ainda imprimir esforços para manter tudo sobcontrole.
  5. 5. Estrutura de coordenadorias ComunicaçãoAs coordenadorias de Publicidade, Relações Públicas e TI são respectivamente responsáveis pelaelaboração dos materiais gráficos da Federação; elaboração e execução do seu plano decomunicação, o que inclui gestão das mídias sociais, periódicos e atualização do site; suportetécnico para todas ferramentas de comunicação interna e externa.Destacamos também que não temos uma coordenadoria de Imprensa pois entendemos que sedispusermos de pessoas responsáveis por esse segmento dentro da coordenadoria de RP, otrabalho relacionado já traz resultados bastante satisfatórios.Como pode-se ver, as grandes áreas da Comunicação da Federação exigem bastante conhecimentotécnico. Logo, conhecimentos em edição de imagens, vídeos, webdesign, programação, entreoutros são essenciais para um bom trabalho (especialmente para Publicidade e TI). Para os 3 casos,é exigida bastante disponibilidade pois, demandas emergentes não são raras na rotina de trabalho.
  6. 6. Estrutura de coordenadorias DesenvolvimentoAs coordenadorias de Suporte e Alinhamento e de Integração foram pensadas a partir da descriçãodo trabalho da própria Diretoria. Na primeira, estão pessoas focadas em trabalhar juntamente àsEJs, acompanhando seu desempenho junto aos indicadores do SMD EJs, bem como guiando o seupensamento estratégico de modo a estar mais alinhado com o da Federação e do MEJ Nacional. Acoordenadoria de Integração tem a função de promover o diálogo entre as empresas e osempresários juniores do estado entre si e também com o resto do país para que os benchmarkingstornem-se cada vez mais espontâneos e para que disponhamos de um Movimento cada vez maissólido, no qual todos entendem a situação de todos e buscam colaborar entre si.Em ambas, uma rica vivência de MEJ (participação em eventos, conhecimento de várias EJs,trabalho das federações, Brasil Júnior, práticas reconhecidas e premiadas etc.) é um fator bastanteimportante. Também é necessário um bom relacionamento interpessoal, capacidade analíticaapurada e disposição para conhecer cada uma das EJs, entender seu funcionamento, problemas,pontos fortes etc.
  7. 7. Estrutura de coordenadorias Administrativo-FinanceiroPensamos nas coordenadorias Administrativa e de Regulamentação e Expansão, a partir dotrabalho desenvolvido pela Brasil Júnior nesse formato. A primeira tem a função de realizar oplanejamento financeiro da Federação, bem como mantê-la em dia com suas obrigações jurídicas,fiscais e contábeis.A segunda tem 2 frentes de trabalho: 1) trabalhar melhor o pilar de Orientação da Federação,buscando estar próximo dos grupos de alunos que queiram abrir novas empresas para lhe fornecero maior apoio possível; 2) manter o contato com as EJs no sentido de auxiliá-las e facilitar oatendimento contínuo dos requisitos do Selo BJ.Para a coordenadoria administrativa, paixão pela área finaceira das organizações é primordial.Espera-se que com ela venha também o conhecimento e também a disciplina e, claro, a éticanecessária. Para Regulamentação e Expansão, a paixão pelo MEJ tem que ser pulsante. Muito maisque qualquer outra coisa, vontade de fazer o MEJ Cearense e Nacional crescerem é algo que todosos membros devem dispor consigo.
  8. 8. Obrigado!Lucas EvangelistaDiretor de QualidadeFEJECE – Federação das Empresas Juniores do Estado do Cearáwww.fejece.com.brE-mail: qualidade@fejece.com.brTel.: +55 85 9930-4948Skype: luckess1

×