Perfeição/            Capítulo 029                 PÁG.: 01Recanto das                                 Capítulo   029Letra...
Perfeição/            Capítulo 029                   PÁG.: 02 CENA 01/ APÊ DE LISA E MIRELA/ INT/ SALA/ DIA/ CONTINUIDADE ...
Perfeição/            Capítulo 029                   PÁG.: 03CARA DE ESTER, QUE QUASE CAI PRA TRÁS:             LISA     —...
Perfeição/            Capítulo 029                   PÁG.: 04             PAULO    —— (ri) Que bobagem, Mirela! Fazem-se  ...
Perfeição/                Capítulo 029                   PÁG.: 05             MIRELA       —— Hã? Ah, não, você não tá    ...
Perfeição/                Capítulo 029                  PÁG.: 06ELE VIRA O JORNAL. MANCHETE É: “EMPRESÁRIA QUER APARTAMENT...
Perfeição/               Capítulo 029                  PÁG.: 07                         (malícia) Ah, isso se             ...
Perfeição/                 Capítulo 029                  PÁG.: 08             LISA          —— Sua louca! Isso que você é!...
Perfeição/            Capítulo 029                   PÁG.: 09JÚLIO SAI DA COZINHA, INDO PRA SALA. ROSANA FICA A ASSOVIAR.C...
Perfeição/             Capítulo 029                  PÁG.: 010                       Cochinchina, que eu quebro mesmo!    ...
Perfeição/                Capítulo 029                  PÁG.: 011  CENA 09/ CASA DE CARMÉLIA E BARTOLOMEU/ INT/ SALA/ NOIT...
Perfeição/               Capítulo 029                  PÁG.: 012VOLTA A ASSISTIR À TV.Corta para:     CENA 10/ APART DE LI...
Perfeição/            Capítulo 029                   PÁG.: 013DISPUTADA NA BOCA-BOCA PELAS DUAS:             RAQUEL   —— A...
Perfeição/            Capítulo 029                   PÁG.: 014                      infeliz? (T) Tipo aqueles filme de    ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Perfeição - capítulo 29 - Lisa e Ester se estapeiam

434 visualizações

Publicada em

Ester humilha Lisa. Ester fala mal de Mirela e Lisa não se segura, dando-lhe um tapa. A briga começa! Ambas trocam tapas e rolam no chão. Paulo diz à Mirela que não há possibilidade dela estar grávida e ela suspira aliviada. Paulo e Mirela discutem. Carmélia mostra jornal à Bartolomeu e diz ter um "novo golpe"; Leninha os espia e quer acabar com a farsa dos patrões. Julio convida Rosana para jantar mas ela se surpreende ao ver que ele convidou também Raquel (E Agora? ) . Ester inventa uma história muito choca para Leandro, que desconfia. Mirela se lembra de Ester e desconfia que ela e Lisa realmente brigaram. Jeca liga pra Raquel e dá a notícia de que vai sair da cidade.

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
434
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
84
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Perfeição - capítulo 29 - Lisa e Ester se estapeiam

  1. 1. Perfeição/ Capítulo 029 PÁG.: 01Recanto das Capítulo 029Letras PERFEIÇÃO novela de: LUCAS VINÍCIUS escrita por: LUCAS VINÍCIUS Participaram deste Capítulo: ESTER LISA PAULO MIRELA CARMÉLIA BARTOLOMEU LENINHA LEANDRO JÚLIO ROSANA RAQUEL JECA Participações Especiais: Mulher
  2. 2. Perfeição/ Capítulo 029 PÁG.: 02 CENA 01/ APÊ DE LISA E MIRELA/ INT/ SALA/ DIA/ CONTINUIDADE DO CAP. ANTERIOR/Continuidade da última cena do capítulo anterior. LISAHUMILHADA. ESTER POSSESSA COMEÇA A ANDAR PELA CASA, DIZENDO: ESTER —— Olha só essa casa. Esse lixo! Bom, até que não é tão mal. Perto da escola onde você dá aula, que é um caos total. LISA —— Por favor, sai da minha casa! ESTER —— (ri) Não, não. Vamos ter um particular, agora.ESTER CHEGA POR TRÁS DE LISA E SUSSURRA EM SEU OUVIDO: ESTER —— Acha que pode me pôr um galho na cabeça e ficar por isso mesmo?NESSA MESMA HORA ESTER AGARRA O CABELO DE LISA. MAS LISA SEVIRA, SOLTANDO-SE DE ESTER: LISA —— Sai da minha casa, senão vou ser obrigada a chamar a polícia! ESTER —— (alto) Chama! Vão dizer o quê? Invasão de domicílio! É só eu fazer um draminha, dizer que você é a cachorra, vagabunda e amante do meu marido, que eles me liberam! LISA —— E o que você quer aqui? Me matar? ESTER —— (ri) Matar você? Você não é de se matar... é aquelas pobres felizes, que a gente dá um tapa e sai realizada! LISA —— (séria) Eu não vou ficar aqui aturando você falar mal de mim, na minha própri/ ESTER —— OPA! Cala a boca! Cala a boca que eu não acabei de falar.ESTER SE APROXIMA E COLA EM LISA: ESTER —— Você é uma suburbana, que mora num bairro de pobre, num condomínio mais ou menos. E com uma irmã o quê? Biscate, também!AO FALAR DE MIRELA, LISA FICA HISTÉRICA E METE UM TAPÃO NA
  3. 3. Perfeição/ Capítulo 029 PÁG.: 03CARA DE ESTER, QUE QUASE CAI PRA TRÁS: LISA —— Da minha irmã você não fala! ESTER —— (Põe a mão) Sua cretina! (grita) Vagabunda!SUSPENSE. ESTER AGARRA O CABELO DE LISA E COMEÇA A PUXAR.LISA NÃO DEIXA POR MENOS, E AGARRA O DELA. AS DUAS COMEÇAM ASE ESTAPEAR NO MEIO DA SALA. ESTER DÁ UM FORTE TAPA EM LISA,QUE CAI. DEPOIS, PULA EM CIMA E COMEÇA A ESBOFETAR LISAENQUANTO DIZ: ESTER —— (vingativa) Segura essa! Cadela!!!LISA SEGURA AS MÃOS DE ESTER, E CONSEGUE QUE ELA SAIA DE CIMAE CAIA. LISA SE VIRA E AGARRA O CABELO DE ESTER. SOBE EM CIMADELA E PARA IMOBLIZA-A COM AS MÃOS: LISA —— Não costumo ser barraqueira, mas quando pedem, eu incorporo uma! ESTER —— (alto) Me solta! Vaca! LISA —— (ri) Pelo menos não sou a … (alto) CHIFRUDA!!!! ESTER —— Não me chama assim!ESTER SE SOLTA E AGARRA O CABELO DE LISA. AS DUAS COMEÇAM AROLAR NO CHÃO, SE ESBOFETANDO, UMA A CARA DA OUTRA.Corta para: CENA 02/ HOTEL SIMPLES SÃO PAULO/ INT/ QUARTO PAULO/ DIA/ CONTINUIDADE DO CAP. ANTERIOR/PAULO SE LEVANTA DA CAMA. MIRELA CONTINUA: PAULO —— Claro que não, Mirela! MIRELA —— Como você sabe? PAULO —— Porque não tínhamos bebido nada, se tivéssemos... enfim, feito... a gente saberia. MIRELA —— (aliviada) Ai, Paulo, fiquei aliviada. PAULO —— Por que a desconfiança? MIRELA —— É que, sabe, hoje de manhã eu senti alguns enjoos, algumas coisas do tipo.
  4. 4. Perfeição/ Capítulo 029 PÁG.: 04 PAULO —— (ri) Que bobagem, Mirela! Fazem-se dois dias que dormimos juntos, impossível você começar sentir enjoos agora. Não, não que eu esteja dizendo que você tá grávida. MIRELA —— Ai, fico mais aliviada. Imagina, eu grávida agora? Gente! Ia estraçalhar a minha vida. A escola, a saúde... iam ficar bem bagunçados. PAULO —— Por quê? Você nunca terá filhos? MIRELA —— Filhos, sim, Paulo. Mas dá trabalho, não é pra molecas, que nem eu. PAULO —— E quem vai ser o pai? MIRELA —— (sem graça) Ai, Paulo, que pergunta boba! Claro que... você.Sonoplastia: ROMÂNTICO INSERIDO. PAULO FICA MAIS ANIMADO,SORRINDO À TOA. PAULO —— Você disse que vai ser “eu”? MIRELA —— Vai... ou melhor, ia!MIRELA DÁ AS COSTAS PRA PAULO, QUE ESTRANHA: PAULO —— “Ia”? Por quê? MIRELA —— Porque eu não quero ser mulher de um foragido. PAULO —— Mirela... Não interessa se sou foragido... se assaltei, matei, furtei, matei o presidente... você devia ficar do meu lado! MIRELA —— (Se vira) E virar mulher de bandido? Essa vida, eu não quero pra mim. PAULO —— Mirela, acho que você tá viajando, tá exager/ MIRELA —— Não! Não, eu tô sendo realista. Pensa comigo: se um dia, não tô dizendo que vão, mas se te pegarem, e você estiver comigo... eu vou passar uma vergonha. PAULO —— E você tá se importando mesmo é com você? MIRELA —— Se você acha... PAULO —— Não, eu não acho. Eu tenho certeza! Você só importa com você.
  5. 5. Perfeição/ Capítulo 029 PÁG.: 05 MIRELA —— Hã? Ah, não, você não tá raciocinando! São as drogas/ESSA PALAVRA QUEBRA TODO CLIMA. PAULO FICA SÉRIO COM MIRELA. PAULO —— Agora você extrapolou. MIRELA —— (calma) Desculpa. PAULO —— Dá licença, Mirela. Eu quero ficar sozinho. MIRELA —— Paulo, me desculpa, não falei por mal. Eu vou indo, então. Até mais ver.MIRELA VAI SAINDO. PAULO CONTINUA SE ESQUIVANDO DELA. ELASAI. PAULO SENTA.Corta para: CENA 03/ CASA DE CARMÉLIA E BARTOLOMEU/ INT/ SALA/ DIA/BARTOLOMEU APENAS, SENTADO AO SOFÁ, COM UM LÁPIS E UMAREVISTA DE PALAVRA-CRUZADA. BARTOLOMEU —— Vejamos... Uma palavra com oito letras... traz felicidades... (pensativo) Hum... Dinheiro! Dinheiro, é dinheiro! Adoro!ELE ESCREVE “DINHEIRO” NA REVISTA. CARMÉLIA VEM DESCENDO ASESCADAS TÃO RADIANTE E SALTITANTE, COM UM JORNAL ÀS MÃOS: CARMÉLIA —— Ai meu São Martim! (alto) Bartolomeu! Bartolomeu! (se aproxima) Tenho uma notícia porreta! BARTOLOMEU —— O quê que foi dessa vez? CARMÉLIA —— (radiante) Os bons ventos voltaram a soprar, Bartolomeu! Veja isso!ELA JOGA O JORNAL E ELE PEGA. BARTOLOMEU —— (lê Manchete) “Jogadora de vôlei posa peladinha pra revista”! (interessado) Oba! CARMÉLIA —— Não é isso não, cabeçudo! Vira aí, é do outro lado! BARTOLOMEU —— Ah!
  6. 6. Perfeição/ Capítulo 029 PÁG.: 06ELE VIRA O JORNAL. MANCHETE É: “EMPRESÁRIA QUER APARTAMENTOLUXUOSO E DIZ QUE PAGA O TRIPLO DO PREÇO NORMAL.”. BARTOLOMEULÊ, MAS NÃO ENTENDE: BARTOLOMEU —— Tá, e daí? A mulher é rica, tem dinheiro e nós não. Que tem demais? CARMÉLIA —— Ai, Bartolomeu, você tá lerdinho, né, vamos combinar. Nós vamos... Digamos, vender nosso apart. BARTOLOMEU —— (se levanta) Ah... tô te entendendo, danadinha.OS DOIS SORRIAM MALICIOSAMENTE. CARMÉLIA —— Isso mesmo. Digamos que nós vamos dar um empurrãozinho na nossa conta bancária!LENINHA SURGE. FICA A ESPIAR LÁ DA COZINHA: BARTOLOMEU —— (aos risinhos) Ai, fantástico! E qual é o nome da mulher? CARMÉLIA —— Ah, é um nome muito esquecido hoje em dia. Carola Úrsula Benê Valdez Morgana Ávila de Sousa Pacheco Soares Mendes. BARTOLOMEU —— Credo! Mas tudo isso, não diminuíram no cartório? CARMÉLIA —— Sim, ela se chama Úrsula Morgana, querido!LENINHA FICA BOQUIABERTA, A ESPIAR LÁ NO CANTO DA COZINHA: BARTOLOMEU —— (empolgado) Excelente! Excelente! E como entraremos em contato com essa Úrsula Morgana? CARMÉLIA —— Ligando pra ela, seu gordo burro!Corta pra COZINHA:LENINHA VEM CAMINHANDO ENCAFIFADA ATÉ A PIA. LÁ ELA DIZ: LENINHA —— Mais uma vez eles vão aprontar? Dessa vez, tirando grana duma boazuda.
  7. 7. Perfeição/ Capítulo 029 PÁG.: 07 (malícia) Ah, isso se eu deixar!ELA COMEÇA A RIR DO NADA, EM TOM ALTÍSSIMO MAQUIAVELICAMENTE,FEITO AQUELAS BRUXAS DE FÁBULAS ENCANTADAS.Corta para:CENA 04/ HOTEL DE SÃO PAULO/ INT/ SUÍTE ESTER E LEANDRO/ DIA/LEANDRO ANDANDO DUM LADO PRO OUTRO, AFOBADO E PREOCUPADO.DISCA O NÚMERO DO CELULAR. LEANDRO —— (ao cel) Alô, Leninha? LENINHA —— (off, ao cel) Eu merma. Quem é? LEANDRO —— (ao cel) É Leandro. LENINHA —— (off, ao cel) Ah, Leandro... ó, fala rápido que crédito de celular de pobre não é grandes coisas. LEANDRO —— (ao cel) Tá. Você viu a Ester? Quer dizer, ela saiu daqui a um tempão e num voltou ainda. LENINHA —— (off, ao cel) Ó, se conheço bem da minha migona “Teter” ela vai tá no shopping, num bem-bom de matar. LEANDRO —— (ao cel, estranha) Será?Corta VELOZMENTE para:CENA 05/ APÊ DE LISA E MIRELA/ INT/ SALA/ DIA/ CONTINUIDADE/TENSÃO. ESTER EM CIMA DE LISA, ESBOFETANDO-A TODA. GRITOS ÀPARTE. O PORTEIRO MANOEL VEM ABRINDO A PORTA COM TUDO,ACOMPANHADO DE SUA “VELHA”. OS DOIS SE ASSUSTAM: PORTEIRO —— Meu Deus! MULHER —— Separa elas, Manoel!ESTER CONTINUA SUA SÉRIE DE TAPÕES NA CARA DE LISA. SEUMANOEL CORRE E TIRA ESTER DE CIMA DE LISA, AGARRANDO PELOBRAÇO. ESTER PERSISTE, SE ESPERNEANDO NOS BRAÇOS DO HOMEM. ESTER —— Vagabunda!A MULHER CORRE E AJUDA LISA A SE LEVANTAR.
  8. 8. Perfeição/ Capítulo 029 PÁG.: 08 LISA —— Sua louca! Isso que você é! Fora da minha casa, cretina! ESTER —— Ah... pode crer que eu vou! Esse lixo aqui, ainda vai s er derrubado! Escuta, escuta o que eu tô dizendo!MANOEL VAI LEVANDO ESTER PRA FORA, AS DUAS SE ENCARAM COMÓDIO. A MULHER AJUDA LISA, QUE APENAS TEM UM CORTE PERTO DABOCA: MULHER —— Mas o que aconteceu, dona Lisa? LISA —— (ainda nervosa) Uma discussão e... um mal entendido. Só isso, Clarisse. MULHER —— Mas temos que cuidar disso! O que há? Vou pegar um gelo na geladeira. LISA —— Ai, obrigada, dona Clarisse.A MULHER VAI SE APROXIMANDO DA COZINHA. LISA MUITO SÉRIA ENERVOSA AINDA.Corta para: CENA 06/ SÃO PAULO/ PLANOS GERAIS/ ANOITECER/Sonoplastia: MÚSICA TEMA ANIMADA. IMAGENS BELÍSSIMA DAMETRÓPOLE AO ANOITECER... IMAGENS DE ARQUIVO.Corta para: CENA 07/ MANSÃO DE JÚLIO/ INT/ COZINHA/ NOITE/JÚLIO SENTADO À MESA COM ROSANA. ALGUNS PRATOS À MESA, MAS 1ALI DEIXA ROSANA ENCAFIFADA: ROSANA —— O senhor tem visita hoje? JÚLIO —— (animado) Tenho. Tenho, sim. ROSANA —— Hum, jantar a três, adoro. JÚLIO —— (sem graça) É... já não tenho mais certeza se você vai gostar tanto assim da visita.ENVERGONHADO, JÚLIO SE LEVANTA. JÚLIO —— Com licença. Já volto. ROSANA —— Toda.
  9. 9. Perfeição/ Capítulo 029 PÁG.: 09JÚLIO SAI DA COZINHA, INDO PRA SALA. ROSANA FICA A ASSOVIAR.Corta para SALA: JÚLIO CORRE E SOBE AS ESCADAS. SEGUNDOSDEPOIS, ABRE-SE A PORTA DA MANSÃO. TODA PRODUZIDA, RAQUELENTRA ENCAFIFADA. RAQUEL —— (para alguém) Olá... Alguém pra me receber, não? Tipo aquelas novelas das nove, que a empregada recebe a visita? (desanima) Nem parece que são ricos, cadê a empregada?RAQUEL CAMINHA UM POUCO. NINGUÉM À VISTA. RAQUEL —— Ué, gente... morreu todo mundo, só pode ser. Fui convidada e o panaca me deixa sozinha...RAQUEL CAMINHA EM DIREÇÃO À COZINHA:Corta para COZINHA: ROSANA ASSOVIANDO, DISTRAÍDA. QUANDORAQUEL ENTRA E BATE DE FRENTE COM ROSANA, PERDE TODO ÂNIMO. RAQUEL —— Ih... a medicozinha tá aqui! ROSANA —— (vê) Ah, não é possível! (se levanta) Essa tranqueira tá aqui? RAQUEL —— Me respeite, sua papa-coroa! ROSANA —— Ó, perdi a fome! Perdi! Toda, perdi. RAQUEL —— Que bom! Sobra mais comida! ROSANA —— Num dá pra acreditar que uma vareta feito você, coma tanto.JÚLIO SURGE E QUANDO VÊ AS DUAS REUNIDAS ALI, PREVÊ CONFUSÃOE DESGRAÇA. ENTÃO FICA PARADO, CONFUSO: RAQUEL —— Eu como o necessário! ROSANA —— Ah, sei... JÚLIO —— (intervém se aproximando) Meninas, meninas! A discussão nem começou, mas sinto que se não impedir vem desgraça aí! RAQUEL —— Vem mesmo! Porque se eu ficar nervosa, ninguém me segura! Eu quebro tudo, pode ser um vaso vindo lá da
  10. 10. Perfeição/ Capítulo 029 PÁG.: 010 Cochinchina, que eu quebro mesmo! JÚLIO —— Mas não será necessário, acredite. ROSANA —— Mais uma vez, dr. Júlio? Não sou mulher de dividir homem. Essa daí deve ser, porque tem uma cara de safada! RAQUEL —— (boquiaberta) Ai, que abusada! Eu vou bater nela, Júlio! Eu vou bater! JÚLIO —— Sobremesa! Sobremesa, lá vem sobremesa! ROSANA —— Sobreme... mas nem comemos! JÚLIO —— (disfarça) É pra quebrar o mau clima. Já volto!JÚLIO SE APROXIMA DA GELADEIRA. RAQUEL FICA DE BICO COMROSANA. AMBAS MOSTRAM A LÍNGUA.Corta para: CENA 08/ HOTEL DE SÃO PAULO/ INT/ SUÍTE LEANDRO E ESTER/ NOITE/ESTER SENTADA à CAMA, COM GELO ENROLADO NUMA SACOLA, PASSANDONA BOCA. LEANDRO A SEU LADO: LEANDRO —— Assaltada? ESTER —— É. E por uma velhinha, acredita? Eu disse pra mim: eu vou bater nessa véia abusada, achava que a véia era fraca. Que nada! Me deu um tapão 360 que eu rodei! LEANDRO —— (desconfia) Que história mais esquisita. ESTER —— (irritada) Ih... num tá achando que eu tô te traindo não?! Ó, você acha que eu levei esse tapa dum amante, na hora do rala-e-rola por acaso? LEANDRO —— Não sou eu quem tá dizendo. ESTER —— Ai, meu amor... (se levanta) Olha, posso não ter contido (mentindo) aquela velhinha... mas que eu dei uma lição na cachorra, isso é óbvio!ESTER VAI SAINDO EM DIREÇÃO AO BANHEIRO. LEANDRO ESTRANHAMUITO.Corta para:
  11. 11. Perfeição/ Capítulo 029 PÁG.: 011 CENA 09/ CASA DE CARMÉLIA E BARTOLOMEU/ INT/ SALA/ NOITE/ CONTINUIDADE/LENINHA VEM CHEGANDO DA COZINHA DEPOIS DOS GRITOS DECARMÉLIA, QUE ESTÁ SENTADA AO SOFÁ. A SEU LADO, ASSISTINDO “ÀNOVELA DAS SEIS” BARTOLOMEU. LENINHA —— Pois não, d. Carmélia? CARMÉLIA —— Posso saber porque demorou esses 22 segundos?LENINHA DISFARÇA, MAS CARMÉLIA OLHA PRA TV (NOVELA DAS 18H) EOLHA PRA LENINHA: CARMÉLIA —— Já sei porque demorou 22 segundos. (se levanta) Se parar de fazer serviço por causa de novela, aí aviso: será rua! LENINHA —— Feito! Também não gosto dessa novela desgraçada! CARMÉLIA —— Enfim! Amanhã receberemos Úrsula Morgana aqui em casa, sabe quem é? LENINHA —— É aquela macumbeira lá de Macaé, não é? CARMÉLIA —— Ela é uma empresária muito da chique. E saiba você, Maria Helena, que tudo tem que dar certo. Ah! Preciso que vá ao mercado, gasta quanto quiser... compre comida da boa, e muitos enfeites... latas de tintas, muitas latas de tintas... BARTOLOMEU —— Nossa... pra que tudo isso? CARMÉLIA —— Ué, meu amor... nosso apê tem que ficar a cara da riqueza. (P/ Leninha) Então vá agora, porque assim você não perde sua novela às sete da noite. LENINHA —— Tá bom! Nem vou estender a mão pra pedir dinheiro que senão vocês me escaldam. CARMÉLIA —— Entendeu bem, danadinha! Bota na conta! Amanhã, vamos lucrar rios de dinheiro!LENINHA FAZ CARA DE MAU. ELA SAI. CARMÉLIA SENTA ANIMADA E
  12. 12. Perfeição/ Capítulo 029 PÁG.: 012VOLTA A ASSISTIR À TV.Corta para: CENA 10/ APART DE LISA E MIRELA/ INT/ COZINHA/ NOITE/LISA, COM GELO EM CUBOS ENROLADOS NUM PLÁSTICO APÓIA ONDEESTÁ INCHADO, E EXPLICA À MIRELA, SENTADO À MESA JANTANDO: MIRELA —— Que estranho. Você caiu, Lisa? LISA —— Foi um pequeno escorregão, Mirela. Vai passar a dor, tá? Ó, agora eu vou indo dormir. Tá? Beijo!LISA SE LEVANTA E DÁ UM BEIJO NO ROSTO DE MIRELA. VAI SAINDO.MIRELA FICA ESTRANHA, PENSATIVA: MIRELA —— “Caí”? A Lisa não caiu, mas...-----------------------MIRELA LEMBRANDO---------------------- (CAP. 28 – CENA 08) MIRELA —— (surpresa) Lisa? Lisa é minha irmã! Andar 2, apê de número 152. ESTER —— (surpresa) Ah... você é irmã dela? Bom saber... MIRELA —— Por quê? De onde você conhece minha irmã? ESTER —— (falsa, seca) Ah... Lisa... minha amiga quase que de infância. Vamos acertar todo esse tempo agora, nos vendo muito e … falei demais, deixa! Bom te ver, querida... prazer! MIRELA —— Prazer!---------------------PRESENTE REALIDADE---------------------- MIRELA —— (p/ si) Será que essa mulher e a Lisa saíram no tapa, meu Deus do céu?! Ave!Corta para:CENA 11/ MANSÃO DE JÚLIO/ INT/ COZINHA/ NOITE/ CONTINUIDADE/JÚLIO SEM ESPERANÇAS. NUM BURBURINHO DANADO, RAQUEL E ROSANABATEM BOCA ADOIADA. À MESA, A SOBREMESA MOUSSE SENDO
  13. 13. Perfeição/ Capítulo 029 PÁG.: 013DISPUTADA NA BOCA-BOCA PELAS DUAS: RAQUEL —— Ah, sabe o que cê é? Uma esganada! Tem essa carinha de santinha, de médica honesta, mas alimenta uma Pithon aí dentro da barriga. ROSANA —— (ri forçadamente) Ó quem fala! Sua fresca! RAQUEL —— (se levanta) Ó, por mim a gente vai lá fora e sai no mano-a-mano! Quem ganhar leva essa mousse, o dr. Júlio e meu respeito! ROSANA —— Eu vou. Mas não pense que quero o dr. Júlio. Não sou atirada, quero a amizade dele. Mas me importo muito com a sua presença. RAQUEL —— Ih, quando começa a explicar demais é que tem algo. Quer o homi sim, até eu quero!O CELULAR, NO SUTIÃ DE RAQUEL, COMEÇA A VIBRAR. FAZENDOCÓCEGAS ELA COMEÇA A SACUDIR-SE AOS VIBRADOS, ENTÃO ROSANADIZ: ROSANA —— Tá vendo? É um biscatão, você. RAQUEL —— Ó, você cala a boca! (p/ Júlio) Doutor, vou ali atender rapidinho.RAQUEL PEGA O CELULAR, ENCARA ROSANA E SAI DA COZINHA.Corta para SALA. RAQUEL VEM CHEGANDO, AO CELULAR, SE APROXIMADA ESCADA: RAQUEL —— (ao cel) Fala, Ester. ESTER —— (OFF ao cel) Só te liguei pra... pra contar as novidades. Dois a um pra Ester. RAQUEL —— (ao cel) Dois a um no quê, criatura? Jogou na loteria? ESTER —— (séria e OFF ao cel) Eu arrebentei com a cara da Lisa! Ela aprendeu com quantos paus se faz uma canoa e quantos tapas se leva quando chifra os outros! RAQUEL —— (ao cel) Eita, me pegou de surpresa. Menina, sério? Como ficou o rosto da
  14. 14. Perfeição/ Capítulo 029 PÁG.: 014 infeliz? (T) Tipo aqueles filme de terror, todo desfigurado, é? ESTER —— (off, ao cel) Não vamos exagerar.O “BIP” DO CELULAR DE RAQUEL INDICA QUE OUTRA LIGAÇÃO PRA ELAESTÁ SENDO FEITA: RAQUEL —— (p/ Ester , ao cel) Ih, outra pessoa ligando. Deve ser da loja que eu compro minhas langeries de grife agora. Um minuto!RAQUEL APERTA UM BOTÃO E JÁ TÁ NA LINHA COM... RAQUEL —— (ao cel) Alô? JECA —— (OFF ao cel) Aconteceu uma coisa muito grave, Raquel. Eu preciso te ver, agora. Tem que ser agora mesmo. Sem mais!RAQUEL SE ASSUSTA. RAQUEL —— (assustada ao cel) Que coisa grave? Me explica! JECA —— (ao cel, OFF) Minha vó quer que eu vá com ela morar em Santa Catarina. Lá, eu concluo o curso de medicina. Mas antes, eu preciso da tua ajudinha pra uma coisa. RAQUEL —— (assustada ao cel) Uma coisa? O que é?Closes em RAQUEL.Corta para: FIM DO CAPÍTULO.

×