Drogas

2.038 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.038
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
141
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Drogas

  1. 1. Escola Secundária de Bocage<br />Ciências Naturais/Estudo Acompanhado<br />DROGAS<br />Realizado por:<br />José Pedro Cotta 9ºG nº22<br />Ano lectivo 2011<br />
  2. 2. As drogas podem ser:<br /><ul><li> Produtos naturais
  3. 3. Sintéticos. </li></ul>O seu uso pode originar uma situação de toxicodependência.<br />As drogas de síntese, por exemplo, o ecstasy, apresentam-se sobre diversos aspectos, tamanhos e cores. Esta droga altera a percepção do Mundo e faz com que os indivíduos se mantenham activos, por exemplo a noite inteira sem sentir cansaço. No entanto, são substâncias perigosas que danificam o cérebro, mesmo consumidas irregularmente.<br />Fig. 1 - Ecstasy<br />
  4. 4. Consequências e tratamento das drogas<br /> O consumidor de drogas está sujeito a uma série de problemas de saúde, quer pela utilização directa do produto, quer pelo modo como o consome.<br /> À semelhança do alcoolismo, o uso abusivo destas drogas está relacionado com diversos factores, tais como:<br /><ul><li> Contexto Familiar
  5. 5. Predisposição Genética
  6. 6. Padrões culturais
  7. 7. Nível sociocultural</li></ul>O tratamento das dependências é um processo muito lento e, geralmente, doloroso para o toxicodependente. <br />Com ou sem ajuda, o toxicodependente deve:<br /><ul><li> Abster-se do consumo
  8. 8. Tratar as complicações relacionadas com a dependência
  9. 9. Criar motivação para evitar recaídas</li></li></ul><li>Conclusão<br />Aprendi muita coisa em relação às drogas.<br />Percebi que as drogas são muito prejudiciais à saúde e aos relacionamentos sociais, que as consequências são graves e, muitas vezes, difíceis e dolorosas de tratar. Acima de tudo, é importante afastarmo-nos destes vícios o mais possível.<br />
  10. 10. Bibliografia<br />Sites:<br />http://loucuramental.com/wp-content/uploads/2010/05/tudo-sobre-drogas.gif<br />http://2.bp.blogspot.com/_2Vp-ioaSj7c/TDvC-xP1SNI/AAAAAAAAAFI/tJWwPKqEfJg/s400/ecstasy14.jpg<br />http://3.bp.blogspot.com/_YbW-qLXvW5o/S8FNXk1F1uI/AAAAAAAAALI/Aeo4c2o7dsk/s320/drogas.jpg<br />http://www.umsl.edu/~keelr/leaf.gif<br />http://ticmania.webege.com/images/Bocage.JPG<br />Livros:<br />Antunes, C. etal (2010). Novo Descobrir a Terra 9, Ciências Físicas e Naturais. 1ª Edição. Porto: Areal Editores.<br />

×