Antologia Brasil Literário
Organização
Antonio Cabral Filho
Edição
Antologia Brasil Literário
Rio de Janeiro – RJ
2015
Antologia Brasil Literário
1ª Antologia
100 Trovas
Sobre Cachaça
Organização
Antonio Cabral Filho
Edição
Antologia Brasil ...
ÍNDICE
Apresentação.....................................................................................05
Nossa Capa........
1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
Osório Filho – SP …………………………………..........................42
Olivaldo Júnior – SP ………...
1ª antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
Apresentação
Caríssimas Trovadoras, caríssimos Trovadores,
a 1ª Antologia 100 Trovas...
1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
Nossa Capa: Perfil da Autora
MERCEDES LISBÔA SUTILO
- Professora, Diretora de Escola...
1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
Campanhas “Santos Nossa Luz”, de 2005, 2011, com reedição em 2012 (por ter, o seu ca...
1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
Regulamento
1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
Art 1º - DO CONCURSO
O Concurso 1º...
1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
A 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça terá cem páginas
destinadas aos autores clas...
1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
AUTORES CLASSIFICADOS
* Por ordem alfabética *
Ademar Oliveira de Lima – SP
Sem a co...
1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
Ana Luisa Nepomuceno – DF
Quando a vida pesa um pouco
E a saudade dói no peito
Só me...
1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
André Luis Soares – DF
Você, amante da cerveja,
Pensa ser rico e então se acha...
Na...
1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
Antonio Cabral Filho
Evite o primeiro gole,
Avisa quem é amigo;
Antes que a pinga lh...
1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
Chico Pascoal – SP
Há quem beba por seu turno
Rum, absinto e tequila;
Com minha cach...
1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
Denivaldo Piaia – SP
Foi chamada de “marvada”
Pela dama sertaneja,
Mas é boa essa da...
1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
Dora Oliveira – MG
A vida bela e maneira,
Merece ser festejada,
Com doses da requint...
1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
Edilson Alves de Souza – GO
A inspiração, na cachaça,
Vinha quando ele bebia.
Mal en...
1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
Edison Gil – SP
A cachaça hipnotiza
O óbice sem saída,
E com mérito exorciza
O fanta...
1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
Eliézer Bilemjian Ribeiro – GO
Sentado aqui nesse bar,
Vendo o tempo que só, passa,
...
1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
Emilio Soares da Costa - MG
Cachaça boa é riqueza,
que até o gringo disputa.
Bem diz...
Edweine Loureiro – AM
Adorava uma cachaça,
A qualquer hora do dia.
E, se lha davam de graça,
Cara de pau, repetia.
DADOS
E...
Francisco Bandeira Lima Junior – CE
Cearense, é meu gentílico,
Meu vulgo, cabeça chata,
Volante e teor etílico
(Uma mistur...
Geraldo Trombin – SP
Parece que estou voando,
Depois de tanta cachaça!
Meu irmão me diz zoando:
- Se cair, do chão não pas...
Gério Vieira – PR
Bravo soldado, não perde
A boa batalha com raça;
Gigante sempre se ergue
Na força duma cachaça.
DADOS
Gé...
Gerson Clayton Rodrigues dos Santos – SP
Dê-me uma dose e boa
Velha pinga fermentada,
Que hoje afogo-me a toa
Logo estarei...
Glória Tabet Marson - SP
Inspiração vem de graça
Se me embriago de paixão;
Poesia é a cachaça
Que faz bem ao coração.
DADO...
Gunar Renato Fischer – RS
Seduza-me não, cachaça;
Mal consigo resistir.
Não quero deitar na praça,
Pois preciso dirigir.
D...
Isaac Magalhães – PA
Quem passou e não me viu
Saiba logo o que perdeu:
Um homem, no caso, eu,
Tropegou, cansou, caiu.
DADO...
José Airton Mellega – SP
Minha paixão por você,
Todo dia mais se alastra,
Mas não me faz esquecer,
O doce sabor da cachaça...
José Almir da Luz Junior – SP
Os tropeços da cachaça,
Causam risos na piada.
O alcoolismo perde a graça
Quando a mente é v...
José Fabiano – MG
Cana pode dar cachaça,
Mas, conforme a lei humana,
Fato que eu acho graça,
Cachaça pode dar “cana...
DAD...
Julimar Andrade Vieira – PB
Há muita gente que acha
Que cachaça é coisa boa,
Mas eu, se beber cachaça,
Vou perder minha “p...
Lace Luiza – SP
No meu sofrido viver...
A solidão é tamanha!
Tão só um doce querer...
Na cachaça que me banha!
DADOS
Lace ...
Leno Serra Callins – AP
Não, cachaça não é água,
Porém, muito bem deságua
Lá e também neste lado
Do nosso céu estrelado.
D...
Lin Quintino – MG
Dizem que a cachaça mata;
Cachaça não mata não.
Saudade é a dor que mata
Quando embriaga o coração.
DADO...
Lourdes Vivian Alexius – RS
Há muito tempo ela existe,
Com tal poder competente,
Que do alegre faz um triste,
Do triste fa...
Madalena Cordeiro – RJ
Eu bebo sempre cachaça,
Porque me faz muito bem;
Sem ela não tenho graça,
Sem ela, não sou ninguém....
Maria do Carmo M. Zerbinato – MG
Minha vida tão vazia,
Sem amor fica sem graça,
Só quem me trás alegria
É a “marvada” da c...
Mercedes Lisbôa Sutilo – SP
Se uma paixão me ameaça,
e provoca embriaguez
(falso efeito de cachaça)
jamais perco a lucidez...
1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
Neyd Montigeli –PR
No terreiro, mui garboso,
Tomará uma branquinha,
Ficará mais maje...
1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
Nailson Costa – MA
Cachaça é um aguardente,
Que se bebe a toda hora;
Apaixonado home...
1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
Olivaldo Júnior – SP
Da cachaça que me esquenta
Cada noite em fantasia,
Quero ter qu...
1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
Osório Filho – SP
Se dizem pinga ou cachaça,
Tantos nomes tem a dita,
Que a fala até...
1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
Pedro Gameiro Lopes – SP
Branquinha, pura e profana,
Sem cor e não vejo raça.
Vim do...
1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
Prof. Pedro Melo – PR
A vontade é periódica,
Mas vou ao Culto... e ela passa:
- Fui ...
1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
PPMagón – RJ
Elegante, vil e densa,
Sina do jacarandá.
Ti, cachaça de nuança,
Prata ...
1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
Renata Iacovino – SP
Quem aprecia cachaça
E tem amigo abstêmio
Ouve sempre uma chala...
1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
Ricardo Leite Ribeiro – PR
Água mística e ardente,
Dantes forra dos estácios,
É agor...
1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
Roberth Marcel Fabris – PR
Cachaça de todo dia,
Rima com felicidade.
A alegria da bo...
1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
Rodrigo Aktsu – PR
Bebo o ouro da nação,
Da terra que tudo dá;
Aquecendo o coração,
...
1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
Rodrigo Batista de Almeida – PR
De graça você me xinga.
Desgraça, cadê essa pinga?!
...
1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
Ruth Farah – RJ
A cachaça, criticada,
Faz as vezes de um amigo.
E pra quem não tem m...
1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
Ruth Hellmann – MS
De cana faz-se cachaça,
Destilada no alambique.
Beba pouco, mas c...
1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
Sueli Franco – MG
Bebo branquinha no bico,
Vejo chuva em um trovão,
Na cachaça eu me...
1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
Tiago Alves – PR
A cachaça é inimiga,
Digo sem medo de errar,
É formadora de intriga...
1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
Tiko Lee – SP
Não vive bêbada a morte...
E não vive de ressaca,
Viver é jogar na sor...
1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
Valquíria Gesqui Malagoli – SP
Meu Brasil miscigenado,
Terra-mãe de toda raça,
Do te...
1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
Vanda Salles Salles – RJ
É a vida com certeza
Uma cachaça gostosa
Somente com esta b...
1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
W. Motta – SP
Engano de bebedeira
Na vida de um tal peão.
Dormiu com loira faceira,
...
1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
Wallace Monjardim Bonini – ES
Pinga uma dose de cana
Nesse peito estilhaçado;
Lava o...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Antologia100 trovas Sobre Cachaça * Antonio Cabral Filho - RJ

626 visualizações

Publicada em

A "1ª Antologia 100 Trovas Sobre cachaça" é uma realiação do Poeta Antonio Cabral Filho, que vem organizando concursos de trovas, sobre temas muito pouco aceitos no ambiente literário como assuntos dignos de tal relevância.

Publicada em: Educação

Antologia100 trovas Sobre Cachaça * Antonio Cabral Filho - RJ

  1. 1. Antologia Brasil Literário Organização Antonio Cabral Filho Edição Antologia Brasil Literário Rio de Janeiro – RJ 2015
  2. 2. Antologia Brasil Literário 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça Organização Antonio Cabral Filho Edição Antologia Brasil Literário Rio de Janeiro – RJ 2015
  3. 3. ÍNDICE Apresentação.....................................................................................05 Nossa Capa........................................................................................06 Regulamento......................................................................................08 Autores Classificados – Por ordem alfabética Ademar Oliveira de Lima – SP ......................................................10 Ana Luisa Nepomuceno – DF..........................................................11 André Luis Soares – DF ..................................................................12 Antonio Cabral Filho – RJ ..............................................................13 Chico Pascoal – SP ...........................................................................14 Denivaldo Piaia – SP ........................................................................15 Dora Oliveira – MG .........................................................................16 Edilson Alves de Souza – GO ..........................................................17 Edison Gil – SP .................................................................................18 Eliézer Bilemjian ~Ribeiro – GO ....................................................19 Emilio Soares da Costa.....................................................................20 Edweine Loureiro – AM ..................................................................21 Francisco Bandeira Lima Júnior – CE ..........................................22 Geraldo Trombin – SP .....................................................................23 Gério Vieira – PR..............................................................................24 Gerson Clayton Rodrigues dos Santos – SP ..................................25 Glória Tabet Marson – SP ...............................................................26 Gunar Renato Fischer – RS ............................................................27 Isaac Magalhães – PA ......................................................................28 José Airton Mellega – SP .................................................................29 José Almir da Luz Junior – PR .......................................................30 José Fabiano – MG ..........................................................................31 Julimar Andrade Vieira – PB .........................................................32 Lace Luiza – SP ................................................................................33 Leno Serra Callins – AP ..................................................................34 Lin Quintino – MG ..........................................................................35 Lourdes Vivian Alexius – RS ..........................................................36 Madalena Cordeiro – ES .................................................................37 Maria do Carmo M. Zerbinato – MG ............................................38 Mercedes Lisbôa Sutilo – SP ...........................................................39 Nailson Costa – MA .........................................................................40 Neyd Montigeli – PR ........................................................................41 03
  4. 4. 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça Osório Filho – SP …………………………………..........................42 Olivaldo Júnior – SP ……………………………............................43 Pedro Gameiro Lopes – SP ……………………….........................44 Pedro Melo – PR…….....................……………..............................45 PPMagon – RJ ……………………………………………………..46 Renata Iacovino – SP .......................................................................47 Ricardo Leite Ribeiro -PR...............................................................48 Roberth Fabris – PR.........................................................................49 Rodrigo akatsu – PR.........................................................................50 Rodrigo Batista de Almeida – PR....................................................51 Ruth Farah – RJ................................................................................52 Ruth Hellmann - MS.........................................................................53 Sueli Franco – MG………………………………………………....54 Tiago Alves – PR...............................................................................55 Tiko Lee – SP……………………………………………………….56 Valquíria Gesqui Malagoli – SP .....................................................57 Vanda Salles Salles – RJ...................................................................58 W. Mota – SP.....................................................................................59 Wallace Monjardim Bonini – ES………………………………….60 04
  5. 5. 1ª antologia 100 Trovas Sobre Cachaça Apresentação Caríssimas Trovadoras, caríssimos Trovadores, a 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça foi mais um desafio, vencido juntos. Assim como fiz com o tema FUTEBOL, após buscar nas redes sociais e pesquisar exaustivamente sobre a presença da CACHAÇA como tema de poesia, pude verificar, com bastante surpresa, que ELA é tema de romance, de filme, de contos, de seriados, e até de tragédias, mas a sua presença na TROVA, se constata muito esparsamente. Encontrei grandes coleções de QUADRAS sobre ela, sobretudo no folclore e autores apaixonados pelo seu consumo, mas, por incrível que pareça, esse aspecto é bastante ressaltado em suas biografias, por terem sido suas vítimas; entre os quais, apenas para ilustrar, cito Lima Barreto e João Antonio. Mas ao aprofundar um pouquinho mais minhas observações, constatei que na trova o assunto só aparece “de picardia”, como algo indigno de ser elevado à categoria dos assuntos nobres, dos grandes temas, capazes de mobilizar a produção trovadorística a ponto de merecer concursos. Durante nosso percurso, tivemos a companhia do advogado e poeta Renato Báez, de Corumbá – MS, já falecido, com o qual mantive longa correspondência literária nos anos noventa e divulgamos todas as suas trovas sobre o tema CACHAÇA; além disso, incluímos um conjunto de trovas, quadras e poesias oriundas tanto do folclore como de nossos colaboradores, inclusive algumas de minha autoria, com o intuito de enriquecer o conjunto do nosso trabalho. No entanto, o resultado é exultante, a despeito da rejeição ao tema e do fato de termos classificado apenas 50 autores. Rio de Janeiro – RJ, 15 de Outubro de 2015. 05
  6. 6. 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça Nossa Capa: Perfil da Autora MERCEDES LISBÔA SUTILO - Professora, Diretora de Escola, Supervisora de Ensino do Estado de São Paulo - Escritora (Poeta, Trovadora, Contista e Cronista) - Declamadora - Artista Plástica e Artesã - Membro do Grupo Encontro de Poetas, de Santos-SP, desde 02/09/1983 - Sócia-fundadora da Academia Feminina de Ciências, Letras e Artes de Santos - AFCLAS, titular da Cadeira nº 26, patrona Henriqueta Lisboa, desde 08/10/1986 - Membro da União Brasileira de Trovadores, Seção Santos-SP, desde 27/03/2012 Tem diversas obras (em verso e prosa) premiadas e publicadas, em antologias, revistas e “internet”. Seus quadros, em colagem, participam de exposições; alguns ilustram cartões de campanhas de Natal da prefeitura de Santos-SP. Relação de algumas Obras Publicadas: * Pedido - poema - in Jornal Social Destaque - Santos-SP - no 24 - dezembro/84 * Fio - poema - premiado - IV Concurso de Poesia e Conto (Revelação de Novos Valores Femininos no Estado de São Paulo, em 1987) - in Mulheres Entre Linhas - Secretaria de Estado da Cultura - Conselho Estadual da Condição Feminina - São Paulo-SP - 1988 * Além dos Olhos / Construção do Infinito / Da Mulher e Seu Sonho / À Espera - poemas - in Em Verso e Prosa - Academia de Ciências, Letras e Artes de Santos - João Scortecci Editora - São Paulo-SP - 1990 * Extraído de Um Diário - conto - premiado - 2o Concurso de Contos da AFPESP - in Folha do Servidor, órgão oficial da Associação dos Funcionários Públicos do Estado de São Paulo - no 57 – São Paulo-SP - maio/junho – 1992 * Ouro Sobre Azul - poema - premiado - III Ciclo de Poesia Falada - Secult - Secretaria Municipal de Cultura - Santos-SP - 1991 - in Santos Revista Artéria – ano III - no 4 - junho de 1992 * Quando o Amor Chegou / Monograma / Insinuação - poemas - in Um Encontro de Amor - Livrete Comemorativo do 9o Aniversário do Grupo Encontro de Poetas - Santos - 1992 * Atração / Sangria / Aparência / Patético / Círculo do Destino / (Re)volta / Lágrimas de Carnaval / Fugitivos - poemas - in Em Verso e Prosa II - Academia Feminina de Ciências, Letras e Artes de Santos - Edições Loyola - São Paulo-SP – 1998 * Busca - poema - Concurso Cultural de temática livre da Associação dos Funcionários Públicos do Estado de São Paulo - in Mosaico de Letras - AFPESP - São Paulo-SP – 2005 * Eu, A.F.P.E.S.P. – crônica - Concurso Cultural/ Literário da Associação dos Funcionários Públicos do Estado de São Paulo in A AFPESP E EU – AFPESP – São Paulo-SP - 2006 * Tem Pandeiro no Jogo – poema – publicado em 30/08/2007 – na internet: http://www.brazantunes.com.br/depoimentos/mercedes-lisboa-sutilo/ * Cartões de Boas-Festas – Colagens premiadas que ilustraram cerca de 50 (cinquenta) mil cartões de boas-festas (pois foram impressos de 10 a 15 mil cartões de cada modelo escolhido) das 06
  7. 7. 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça Campanhas “Santos Nossa Luz”, de 2005, 2011, com reedição em 2012 (por ter, o seu cartão, sido campeão de venda no ano anterior) e da Campanha “Ilumina Santos”, de 2013. Campanhas promovidas em prol de várias instituições beneficentes, através do Fundo Social de Solidariedade e Prefeitura de Santos-SP. Os modelos dos cartões premiados estão publicados nos endereços: 2005 - 1º/10: https://egov1.santos.sp.gov.br/do/0508/2005/do01102005.pdf Diário Oficial de Santos, Ilustração da Capa: ”Santos Nossa Luz 2005”, com os 12 cartões selecionados (o 2º à direita e de baixo para cima, é de sua autoria); pág. 3, “Santos Nossa Luz 2005”: FSS entrega prêmios; 2011 - 04/11: https://egov1.santos.sp.gov.br/do/0912/2011/do04112011.pdf Diário Oficial de Santos, pág. 32 - Hotsite divulga cartões da campanha “Santos Nossa Luz”; https://www.flickr.com/photos/prefeituradesantos/sets/72157627985258614/detail/ Fotos dos 12 cartões selecionados (cartão com janela e visão do porto de Santos, é de sua autoria); 2012 - 13/09: https://egov1.santos.sp.gov.br/do/0912/2012/do13092012.pdf Diário Oficial de Santos, capa com fotos dos cartões: Selecionados cartões de boas-festas do “Santos Nossa Luz” (cartão com janela e visão do porto de Santos, é de sua autoria); 2013 - 19/10: https://egov1.santos.sp.gov.br/do/1316/2013/do19102013.pdf Diário Oficial de Santos, pág. 20 - Fundo Social lança cartões do Programa Ilumina Santos; 14/11: https://egov1.santos.sp.gov.br/do/1316/2013/do14112013.pdf Diário Oficial de Santos, pág. 5 - Casa da Frontaria é destacada por Mercedes Lisbôa Sutilo; 15/1: https://egov1.santos.sp.gov.br/do/1316/2013/do15112013.pdf Errata, pág. 9 * Eco... Barata! (A Vida Acima De Tudo) – conto premiado - in Projeto Momento do Autor VIII, do Conselho Municipal de Cultura com o apoio da Secretaria de Cultura de Santos, 2012 * Trovas: publicadas em páginas da internet; em revistas; no livro “A Trova - Raízes e Florescimento – UBT, União Brasileira de Trovadores”, coordenação e redação de Carolina Ramos, Santos/SP, 3D Estúdio Editoração Gráfica, 2013; em livros de concursos de trovas e Jogos Florais promovidos pelas Seções da União Brasileira de Trovadores e outros Mais Algumas Obras Publicadas e/ou Expostas e Outras Participações: * Capa do Livro Em Verso e Prosa – Academia Feminina de Ciências, Letras e Artes de Santos - publicação João Scortecci Editora - São Paulo-SP – 1990 * Capa do Livro Em Verso e Prosa II – Academia Feminina de Ciências, Letras e Artes de Santos - publicação Edições Loyola - São Paulo-SP – 1998 * Máscaras Decorativas – coletiva – SESC Santos-SP – 1992 * Ilustrações de Poemas e de Outros Escritos apresentados em público – utilizando algumas técnicas como: colagem, desenho e pintura (inclusive com “mouse”), bico-de-pena * Confecção de Artesanato: utilizando tecidos, fios, couro, flores desidratadas e outros materiais, dando especial ênfase ao reaproveitamento de material reciclável * Exposições de Artes Plásticas: com quadros em colagem, nos anos 2011, 2012, 2013 e 2014 (eventos promovidos pela AFCLAS e MAF - Movimento de Arregimentação Feminina de Santos) * Calendário 2013 (mês de julho, com o quadro Flores Ingênuas Sobre Azul, em colagem) a convite do MAF * Participação, com trovas, no: http://trovinfantis.webnode.com/ Entrevista respondida em trovas: http://trovinfantis.webnode.com/galeria-de-trovadores/ * Criação do videoclipe No Caminho da Extinção: http://br.youtube.com/mercedelis 07
  8. 8. 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça Regulamento 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça Art 1º - DO CONCURSO O Concurso 1º Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça é concebido, promovido e organizado pelo escritor Antonio Cabral Filho e tem a palavra CACHAÇA apenas como temas central, podendo versar sobre quaisquer assuntos correlatos. Será exigido Cumprimento da métrica setessílabica e rima ABAB, ABBA e AABB. Art 2º - DAS INSCRIÇÕES: As inscrições são gratuitas e poderão se inscrever apenas autores brasileiros residentes no Brasil maiores de 18 anos, entre 15 de março e 15 de agosto de 2015, via e-mail, com apenas uma (1) trova, em língua portuguesa, em qualquer gênero, seja lírica, filosófica ou humorística. No ato da inscrição, o mesmo remete o texto digitado em times new Roman 14, resumo biográfico de cinco linhas, pelo e-mail antologiabrasiliterario@gmail.com, dirigido a 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça, Org Antonio Cabral Filho. § Único – Pontuação e letra maiúscula no início dos versos serão obrigatórias. Art 3 – DA COMISSÃO JULGADORA: A Comissão Julgadora é soberana em suas decisões e conferirá notas de 0,1 a 10 e seu resultado é irreversível. Os autores classificados até à quantia de cem (100) farão parte da 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça, cabendo aos mesmos a responsabilidade quanto a autoria e registro do texto inscrito. Art 4º - DA 1ª ANTOLOGIA 100 TROVAS SOBRE CACHAÇA 08
  9. 9. 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça A 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça terá cem páginas destinadas aos autores classificados, portanto uma página por autor, em formato e-book – livro digital – que será entregue via e- mail, antecedidas de de (10) páginas a cargo da Comissão Organiadora, o que resulta em um livro de 110 páginas. O livro 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça será publicado no blog ANTOLOGIA BRASIL LITERARIO http://antologiabrasiliterario.blogspot.com.br/ ficando a cargo dos respectivos interessados a dibulgação em outros espaços e disponibilizado gratuitamente via internet. Art 5º - DAS RESPONSABILIDADES: O promotor do concurso informa que o ato de inscrição significa aceitação das normas acima expostas e a conseqüente liberação de sua obra para integrar este certame. A divulgação dos resultados será publicada no blog ANTOLOGIA BRASIL LITERARIO de propriedade do promotor do evento, até 15 de setembro de 2015, seguida de publicação e remessa do livro a todos seus autores, conforme Art 2º. § Único – Todos os inscritos serão publicados um em cada postagem no blog do concurso. COMISSÃO ORGANIADORA 15 de março de 2015 09
  10. 10. 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça AUTORES CLASSIFICADOS * Por ordem alfabética * Ademar Oliveira de Lima – SP Sem a coragem? Cachaça! Por paixão? Toma cachaça! Cachaça... Tenho meus medos... De revelar meus segredos... (Sartório Wilen) Resumo Biográfico Ademar Oliveira de Lima – SP, é professor de língua portuguesa, tem nove livros publicados pela Editora Clube de Autores e um pela Editora Mágico de Oz. Pseudônimos Santiago Derin – prosa e Sartório Wilen – poesia. 10
  11. 11. 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça Ana Luisa Nepomuceno – DF Quando a vida pesa um pouco E a saudade dói no peito Só me sinto satisfeito Bebendo até ficar rouco. DADOS Ana Luisa Nepomuceno, brasiliense, pedagoga, sempre carregou o gosto pela leitura e o desejo pela escrita. Decidiu, em 2015, fazer uma releitura de suas produções e tentar recriar sua vida, aproximando-se, enfim, daquilo que ama. 11
  12. 12. 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça André Luis Soares – DF Você, amante da cerveja, Pensa ser rico e então se acha... Na verdade tem inveja De quem só bebe cachaça! Resumo biográfico André Luis Soares é brasiliense, nascido em 1964. Em 2011 lançou o livro de poemas Gritos Verticais, que recebeu o Prêmio Claudio de Souza, da LITERARTE (RJ). Em 2012, seu conto O Medalhão venceu o Concurso Alípio Mendes, do Ateneu Angrense de Letras (RJ). Em 2013, seu livro Os Irmãos Malês venceu o Prêmio Nacional Novelas Históricas da Bahia. *** 12
  13. 13. 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça Antonio Cabral Filho Evite o primeiro gole, Avisa quem é amigo; Antes que a pinga lhe esfole, Ouça bem o que lhe digo. DADOS Antonio Cabral Filho, 13/08/1953, é mineiro, poeta, contista e cronista; publicou até agora quinze obras individuais e 52 coletivas; em 2014 publicou o livro de poesias Seleta Di Versos, pela Revista Fênix – Portugal, edita diversos blogs literários e promove concursos na área de trovas. Vive no Rio desde 1969. 13
  14. 14. 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça Chico Pascoal – SP Há quem beba por seu turno Rum, absinto e tequila; Com minha cachaça eu durmo De consciência tranqüila. DADOS Chico Pascoal é cearense, escreve mini-contos e haicais, conquistou alguns prêmios literários, inclusive no Japão e em Macau e figura entre os agraciados no Prêmio SESC-DF de Contos Infantis Monteiro Lobato – Edição 2014. 14
  15. 15. 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça Denivaldo Piaia – SP Foi chamada de “marvada” Pela dama sertaneja, Mas é boa essa danada, Preparada com carqueja. DADOS Denivaldo Piáia, nascido aos 4 de fevereiro de 1956, Campinas – SP, onde reside, formado em comunicação social – Jornalismo pela PUCCamp. A carreira literária começou em 2009, com premiações em concursos no Brasil e em Portugal. É autor do livro “Quando a morte me convidar para dançar” – Clube dos Autores, de poesias minimalistas e micro-contos. 15
  16. 16. 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça Dora Oliveira – MG A vida bela e maneira, Merece ser festejada, Com doses da requintada E boa pinga mineira. DADOS DORA Oliveira é mineira de Ipatinga, autora do romance regionalista “No Canto Escuro Do Coração”, possui poesias, contos e crônicas publicados em antologias e obteve destaque em vários concursos literários, sendo os mais recentes: 1 Lugar no Concurso Rubem Alves, categoria crônicas, de Ribeirão Preto – SP e Concurso Felippe D’Oliveira, de Santa Maria – RS. 16
  17. 17. 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça Edilson Alves de Souza – GO A inspiração, na cachaça, Vinha quando ele bebia. Mal entornava a cabaça, Nascia lúcida a poesia. DADOS Edilson Alves de Souza, goiano, formado em letras, professor na rede municipal de ensino – Senador Canedo – e leciona teoria literária na Universidade Estadual de Goiás – UEG. Integra diversas antologias e seu labor poético vem desde a adolescência, cultivando o gosto pela poesia. 17
  18. 18. 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça Edison Gil – SP A cachaça hipnotiza O óbice sem saída, E com mérito exorciza O fantasma dessa vida. DADOS Edison Gil É poeta e compositor. 18
  19. 19. 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça Eliézer Bilemjian Ribeiro – GO Sentado aqui nesse bar, Vendo o tempo que só, passa, Desfio meu triste pesar Se acaba a minha cachaça. DADOS Formado em arquitetura e urbanismo, Eliézer Bilemjian Ribeiro nasceu em 1977 em Goiânia e transita pelas áreas de arquitetura, desenho, artes visuais, fotografia, vídeo e poesia, tendo começado sua carreira docente em 2003, trás do emaranhado de seu dia-a- dia a matéria-prima para seus textos, grafados de forma manuscrita, com uma letra que só ele entende. 19
  20. 20. 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça Emilio Soares da Costa - MG Cachaça boa é riqueza, que até o gringo disputa. Bem diz com toda certeza: êta cachaça batuta. Dados Biográficos: Emilio Soares da Costa nasceu na cidade de Virginópolis-Mg, no dia 14 de agosto de 1948. Emilio é casado e reside em Vitória-Es desde 1983, onde se aposentou e tem escrito poemas diariamente. Recentemente o autor publicou seu primeiro livro de poemas intitulado: Tributoà Vida. Em 2014 ganhou o troféu Lima Barreto de Literatura pela Litteris Editora do RJ. 20 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
  21. 21. Edweine Loureiro – AM Adorava uma cachaça, A qualquer hora do dia. E, se lha davam de graça, Cara de pau, repetia. DADOS Edweine Loureiro nasceu em Manaus em 20/09/1975. É advogado e professor. Premiado no Brasil, Portugal, Espanha e Estados Unidos, é autor dos livros: Sonhador Sim Senhor! (2000); Clandestinos, 20011; Em Curto Espaço, 2012; No Mínimo, o Infinito, 2013; Integra a 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Futebol - 2015 21 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
  22. 22. Francisco Bandeira Lima Junior – CE Cearense, é meu gentílico, Meu vulgo, cabeça chata, Volante e teor etílico (Uma mistura que mata). DADOS Comerciante, nascido em Fortaleza – CE, aos 3 de fevereiro de 1981, reside em Caucaia – CE, membro e colaborador do Grupo de Viola – Fortaleza, e do Grupo Cordel Improvisado – Recife/PE. Sonetista e cordelista com mais de 350 sonetos e uma lista contendo quinze cordéis. 22 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
  23. 23. Geraldo Trombin – SP Parece que estou voando, Depois de tanta cachaça! Meu irmão me diz zoando: - Se cair, do chão não passa! DADOS Geraldo Trombin É publicitário, colunista dos blogs ContemporArtes e BDE (Bar Do Escritor) e colaborador do jornal O Liberal, de Americana – SP. Lançou em 1981 Transparecer a Escuridão – poesias e crônicas e em 2010, Só Concursados – diversos poemas, crônicas e contos premiados. Tem classificações em inúmeros concursos literários. 23 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
  24. 24. Gério Vieira – PR Bravo soldado, não perde A boa batalha com raça; Gigante sempre se ergue Na força duma cachaça. DADOS Gério Vieira – paranaense de Curitiba, é biólogo, professor e compositor, participa de festivais de música e integra antologias de contos e poesias pelo Brasil. É eterno aprendiz da Grande Arte, lapida sua pedra bruta com paciência e coragem. 24 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
  25. 25. Gerson Clayton Rodrigues dos Santos – SP Dê-me uma dose e boa Velha pinga fermentada, Que hoje afogo-me a toa Logo estarei na calçada. DADOS Nasceu em 11/02/1987, em 2011 iniciou contato com a poesia e vem desenvolvendo um estilo diversificado. Administra o grupo de poesia no Facebook Poetas que choram e amam, tem página no Luso Poemas, integra algumas coletâneas e antologias resultantes de concursos literários. 25 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
  26. 26. Glória Tabet Marson - SP Inspiração vem de graça Se me embriago de paixão; Poesia é a cachaça Que faz bem ao coração. DADOS professora aposentada da Rede Estadual de Ensino, reside em São José dos Campos- SP. Admiradora das línguas neolatinas, tem estudos em francês. É membro da UBT- Seção São José dos Campos- SP, onde descobriu, nas trovas, o prazer de escrever com beleza aquilo que a encanta. Hoje, sente- se honrada com premiações em Concursos promovidos por UBTs do Estado e Nacional/internacional. 26 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
  27. 27. Gunar Renato Fischer – RS Seduza-me não, cachaça; Mal consigo resistir. Não quero deitar na praça, Pois preciso dirigir. DADOS Natural de Santo Ângelo – RS, sempre residiu na região, principalmente na capital catarinense, onde estudou na UFSC e foi bancário. É abstêmio. Aposentado, mora em Santa Rosa – RS e se dedica à literatura. 27 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
  28. 28. Isaac Magalhães – PA Quem passou e não me viu Saiba logo o que perdeu: Um homem, no caso, eu, Tropegou, cansou, caiu. DADOS Estudante de letras – língua portuguesa da Universidade Estadual do Estado do Pará – UEPA, nascido em 17/06/1996, entusiasta da poesia e amante da palavra. 28 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
  29. 29. José Airton Mellega – SP Minha paixão por você, Todo dia mais se alastra, Mas não me faz esquecer, O doce sabor da cachaça. DADOS Nasceu a 17/02/1956, em Piracicaba – SP, integra diversas antologias da CBJE-RJ, Poesias Sem Fronteiras 2013 e 2015, II Prêmio Literário Escritor Marcelo O. Souza 2014, Pétalas – Darda Editora 2015, Revista do Clube dos Escritores de Piracicaba, onde ocupa a Cadeira nº 52, e lançou os livros Sem Medo Sem Receio – 2012, Folhas Ao Vento 2014 e premiado no XXX Concurso de Poesia Brasil dos Reis – Angra dos Reis – RJ 2015. 29 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
  30. 30. José Almir da Luz Junior – SP Os tropeços da cachaça, Causam risos na piada. O alcoolismo perde a graça Quando a mente é viciada. DADOS Servidor público federal – Ministério da Agricultura, membro do Centro de Letras do Paraná, UBT Curitiba, Sala do Poeta da Academia Paranaense de Poesia, cadeira nº 12 da Academia de Letras de Canelinha – SC e membro do Grupo de Poetas Sol Nascente, de Canelinha. 30 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
  31. 31. José Fabiano – MG Cana pode dar cachaça, Mas, conforme a lei humana, Fato que eu acho graça, Cachaça pode dar “cana... DADOS Auditor fiscal aposentado, poeta e romancista, diversos livros individuais e coletivos, nascido em 20/08/1928, edita o blog BLOG DO TROVADOR JOSE FABIANO ... blogdotrovadorjosefabiano.blogspot.com.br 31 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
  32. 32. Julimar Andrade Vieira – PB Há muita gente que acha Que cachaça é coisa boa, Mas eu, se beber cachaça, Vou perder minha “patroa”. DADOS Nasceu em 01/07/1949, em Teixeira – PB, publicou Coisas da Vida, foi sócio-fundador do Clube dos Trovadores do Seridó – de Caicó-RN, presidiu a União Estudantil, participou da equipe de radiojornalismo da Emissora de Educação Rural, trabalhou no Banco do Nordeste – BNB de 26/08/68 a 08/03/1998. Aposentado, foi chefe de gabinete do Procurador Geral do Estado de Sergipe. É advogado, integra diversas antologias em âmbito nacional e atualmente é delegado da UBT Aracaju. 32 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
  33. 33. Lace Luiza – SP No meu sofrido viver... A solidão é tamanha! Tão só um doce querer... Na cachaça que me banha! DADOS Lace Luiza É poetisa, blogueira e vive em Santa Bárbara D’Oeste – SP 33 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
  34. 34. Leno Serra Callins – AP Não, cachaça não é água, Porém, muito bem deságua Lá e também neste lado Do nosso céu estrelado. DADOS Leno Serra Callins, Macapá – AP, tem 25 anos, é formado em letras Português/Inglês e especialista em Metodologia em Língua Portuguesa e Literatura. Integra 6 antologias poéticas e 2 de contos. 34 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
  35. 35. Lin Quintino – MG Dizem que a cachaça mata; Cachaça não mata não. Saudade é a dor que mata Quando embriaga o coração. DADOS Lin Quintino, mineira, poeta, escritora, psicóloga. Faz parte das Academias ANLPPB, ALPAS, Academia de Letras de Teófilo Otoni, da OPB e dos Grupos Encontro de Poetas e Amigos, Poetas que amam e choram e Amor á Flor da Pele. Autora dos livros Entrepalavras e A Cor da Minha Escrita. 35 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
  36. 36. Lourdes Vivian Alexius – RS Há muito tempo ela existe, Com tal poder competente, Que do alegre faz um triste, Do triste faz um contente. DADOS Lourdes Vivian Alexius, professora de língua portuguesa e literatura, nascida em Lajeado – RS. Participa de concursos literários de 1997. Leciona no Centro Estadual de Educação Básica para Jovens e Adultos – CEEBJA, modalidade de ensino supletivo, em Medianeira – PR. Escreve contos, crônicas e poesia. 36 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
  37. 37. Madalena Cordeiro – RJ Eu bebo sempre cachaça, Porque me faz muito bem; Sem ela não tenho graça, Sem ela, não sou ninguém. DADOS Madalena Alves Cordeiro da Rocha, pseudônimo literário LUA, integra várias obras literárias, como 1ª antologia Vários Autores Poesia Fã Clube 2013, O Sol e a Lua 2014, 2ª antologia Vários Autores Poesia Fã Clube 2014, Amiga da Onça, Coletânea Homenagem ao Padre Gabriel Prefiro Morrer Pela Vida a Viver Pela Morte 2014. Perfil Poesia Fã Clube http://poesiafaclube.com/membros/madalena 37 1ª antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
  38. 38. Maria do Carmo M. Zerbinato – MG Minha vida tão vazia, Sem amor fica sem graça, Só quem me trás alegria É a “marvada” da cachaça. DADOS Maria do Carmo M. Zerbinato, mineira de Belo Horizonte – MG, nascida em 16/07/1930, aposentada do MEC, como técnica em assuntos culturais, trabalhou no Instituto Benjamin Constant e na Rádio MEC-RJ, estudou no Colégio Pedro II – RJ, ´membro efetivo da Academia de Artes, Ciências e Letras da Ilha de Paquetá – AACLIP e da Sociedade Brasileira dos Poetas Aldravistas – SBPA, e publicou Nunca é Tarde – 2013, Reticências – Haicais 2013 e Vice Versa – aldravias e aldravipéias 2015. 38 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça
  39. 39. Mercedes Lisbôa Sutilo – SP Se uma paixão me ameaça, e provoca embriaguez (falso efeito de cachaça) jamais perco a lucidez! DADOS Professora, especialista em educação, supervisora de ensino do Estado São Paulo, escritora, artista plástica, sócia fundadora da Academia Feminina de Ciências, Letras e Artes de Santos e membro da UBT Santos. Tem obras – em verso e prosa – premiadas e publicadas em antologias, revistas e internet. Seus quadro, em colagem, participam de exposições e alguns ilustram cartões de campanhas de natal da Prefeitura de Santos – SP. 39
  40. 40. 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça Neyd Montigeli –PR No terreiro, mui garboso, Tomará uma branquinha, Ficará mais majestoso, Bem assado na cozinha. DADOS Paranaense de Curitiba, casada, quatro filhas, formada em psicologia, 6 livros e participação em 32 antologias. Escreve no site Hipismo e Farmpoint, premiada em vários concursos de contos e poesias e integra a Academia de Luminescência do Brasil – Araraquara e a Embaixada da Poesia. 40
  41. 41. 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça Nailson Costa – MA Cachaça é um aguardente, Que se bebe a toda hora; Apaixonado homem chora, Muda o sentido da gente. DADOS Nailson Costa da Cruz, nasceu em Santo Antonio dos Lopes – MA, 41 anos, reside em Pedreiras – MA, poeta desde os 15 anos de idade, mais de 300 poesias escritas e integra duas antologias: Grupo Sociedade Mundial dos Poetas e Café com Poesia, pela Editora Jaza. 41
  42. 42. 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça Olivaldo Júnior – SP Da cachaça que me esquenta Cada noite em fantasia, Quero ter quem me acalenta: A “marvada” da poesia. DADOS Nasceu em Aguais – SP, mas mora em Mogi Guaçu, cidade vizinha, desde menino. É formado em letras, português e inglês, gosta de escrever trovas, haicais, versos livres, contos, crônicas e participa de concursos literários, obtendo premiações em alguns. 42
  43. 43. 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça Osório Filho – SP Se dizem pinga ou cachaça, Tantos nomes tem a dita, Que a fala até me embaraça E o sorrir me habilita. DADOS Osório Filho (pseudônimo de Genival Silva Souza Filho), tem formação jurídica, é mestre pelo IPT/USP e especialista UC – Coimbra/Portugal. Foi analista literário da Editora Revista dos Tribunais – Thomson Reuters, pela qual publicou trabalhos nas áreas de filosofia, direito, ciências sociais e política, antes de migrar em definitivo à literatura convencional. É professor e escritor. 43
  44. 44. 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça Pedro Gameiro Lopes – SP Branquinha, pura e profana, Sem cor e não vejo raça. Vim do melaço e dou cana. Do Brasil, sou a cachaça. DADOS Pedro Gameiro Lopes ( Em arte: Pierre da Gama), tem mestrado em engenharia elétrica. É autor do livro “Reflexão: Existe Algo de Humano no Ser?”, 2011; edita o blog PIERRA DA GAMA, onde as postagens seguem as mais variadas vertentes, com predominância no romantismo e na filosofia. 44
  45. 45. 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça Prof. Pedro Melo – PR A vontade é periódica, Mas vou ao Culto... e ela passa: - Fui liberto da cachaça!!! E agora só bebo... Vodka... DADOS Pedro Melo nasceu em Santo André – SP, em 11 de Abril de 1977, graduou-se em letras, com licenciatura plena em português e inglês, pelo Centro Universitário Fundação Santo André – SP, é mestre em letras – filologia e língua portuguesa – pela USP e professor de português no Centro Universitário de União da Vitória – PR, onde reside desde fevereiro de 2015. E-mail: prof.pedromelo@gmail.com 45
  46. 46. 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça PPMagón – RJ Elegante, vil e densa, Sina do jacarandá. Ti, cachaça de nuança, Prata do jequitibá. DADOS PPMagón é Pedro Henrique Prado da Silva, carioca, professor de profissão e poeta de costume. 46
  47. 47. 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça Renata Iacovino – SP Quem aprecia cachaça E tem amigo abstêmio Ouve sempre uma chalaça Desse que não é boêmio. DADOS Escritora, poeta e cantora, membro de entidades culturais, articulista de veículos de comunicação e ministrante de oficinas. Autora de livros e CDs. Compôs o Hino da Academia Jundiaiense de Letras. É co-fundadora da Confraria Japi de Haicai. 47
  48. 48. 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça Ricardo Leite Ribeiro – PR Água mística e ardente, Dantes forra dos estácios, É agora sol candente, Iguaria dos palácios. DADOS Brasileiro, 40 anos, pai de 2 filhos, administrador de empresas, t de letras – UENP – vencedor do Festival Poético do SESC 2014 com o poema “Palavras”, admirador de literatura e poesia, escritor e poeta. 48
  49. 49. 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça Roberth Marcel Fabris – PR Cachaça de todo dia, Rima com felicidade. A alegria da boemia Rima com esta cidade. DADOS Crítico de cinema e artes, mestre em letras,membro da Academia de Letras de Maringá, vencedor de diversos concursos literários em 2013, 2014 e 2015, ator, jornalista profissional e autor das obras literárias Xeque Mate, Noites, Poemas Fora de Séries, Lira Otaku, Lampifanit, Poemas Muito Mais Que Fora de Séries. Idealizador do Projeto Cultural Mundo Geek, destaque do Paraná em todo o Brasil e América Latina. E-mail: roberthfabris@bol.com.br 49
  50. 50. 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça Rodrigo Aktsu – PR Bebo o ouro da nação, Da terra que tudo dá; Aquecendo o coração, Por onde quer que eu vá. DADOS Estudo literatura há vários anos com foco em escrita de ficção para contos, livros, teatro, roteiros e internet. Apesar da especialidade da prosa, venho experimentando o verso como um interlocutor entre os mundos do concreto e abstrato, tendo a métrica e a rima como principal artigo que me faz admirar a musicalidade de obras nacionais e experimentar sua construção. 50
  51. 51. 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça Rodrigo Batista de Almeida – PR De graça você me xinga. Desgraça, cadê essa pinga?! Se não largar de pirraça, Vou me regar de cachaça. DADOS 38 anos, farmacêutico, e gosta de manipular as palavras. Nos últimos anos vem, irremediavelmente, experimentando literatura. Ainda não sabe se vai se achar ou se perder. Graças a Deus! 51
  52. 52. 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça Ruth Farah – RJ A cachaça, criticada, Faz as vezes de um amigo. E pra quem não tem mais nada, É consolo ou, mesmo, abrigo”... DADOS Nasceu em Cantagalo – RJ, em 11 de Abril de 1932. É professora, aposentada. Premiada em inúmeros concursos literários, integra diversas Antologias, inclusive a 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Futebol, Devemos Ver Com Olhos Livres – ABL/FD. Participa de várias entidades literárias, é trovadora, promotora de Jogos Florais, publicou ainda Um Pingo de Os Sertões – prosa e poesia e Casos e Causos. E-mail: Ruth.farah@hotmail.com 52
  53. 53. 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça Ruth Hellmann – MS De cana faz-se cachaça, Destilada no alambique. Beba pouco, mas com graça E bêbado nunca fique. DADOS Autora de 14 livros infantis, 3 de poesias e 20 cordéis. Co- fundadora da Academia Douradense de Letras – ADL, em 15.09.91. contadora de histórias, participou de cinco Congressos de Escritores e Poetas Internacionais, em Puerto Iguzu – Argentina – 1999, 2000, 2012, 2013 e 2014 e do III Foro Internacional de Literatura Infantil e Juvenil em Misiones – Argentina 05/2014. 53
  54. 54. 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça Sueli Franco – MG Bebo branquinha no bico, Vejo chuva em um trovão, Na cachaça eu me tropico, Derramo pinga no chão. DADOS Sueli de Fátima Ferreira Franco – MG: não sou uma escritora, mas gosto muito de poesias. Moro na roça, sou bóia-fria e aprecio uma boa leitura, apesar de ter apenas a quarta-série do primário. 54
  55. 55. 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça Tiago Alves – PR A cachaça é inimiga, Digo sem medo de errar, É formadora de intriga Compartilhada no bar. Nascido em Cianorte, interior do Paraná, em 31 de outubro de 1993, desde pequeno demonstrei amor pela literatura, especialmente pela poesia, destacando-se as de natureza romântica. Atualmente trabalho como assistente administrativo e curso o terceiro ano da faculdade de Ciências Contábeis da Universidade Estadual de Maringá (UEM). Adoro ler, desde romances realistas de Machado de Assis até obras mais modernas como “Querido John” e “Fallen”. Concomitante, sou também amante da boa música, cultivando carinho especial pela música italiana. Futuramente pretendo publicar uma coletânea com algumas poesias. 55
  56. 56. 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça Tiko Lee – SP Não vive bêbada a morte... E não vive de ressaca, Viver é jogar na sorte... Aos versos leite de vaca. DADOS Tiko Lee de Assis, pseudônimo de Leônidas de Souza, articulista da Revista Viver Osasco, radialista, faz o Programa Quando Bate a Saudade, na Rádio Nova Difusora AM 1540, Osasco – SP, colabora em vários jornais da região e da Europa. Integra o Livro Diário do Escritor – Agenda 2015, Litteris Editora 2015. 56
  57. 57. 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça Valquíria Gesqui Malagoli – SP Meu Brasil miscigenado, Terra-mãe de toda raça, Do teu seio ensolarado Jorra leite, mel, cachaça... DADOS Cofundadora da Confraria Japi de Haicai e da Circuito Teca, articulista de veículos de comunicação, e, por duas gestões, presidente da Academia feminina de Letras e Artes de Jundiaí. Autora de livros e CDs para o público adulto e infantil, para os quais promove saraus, oficinas e atividades afins. Obteve 3º Lugar no 1º Prêmio Saraiva de Literatura e Música com obra de poesia infantil. 57
  58. 58. 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça Vanda Salles Salles – RJ É a vida com certeza Uma cachaça gostosa Somente com esta beleza Fico deveras fogosa! Vanda Lúcia da Costa Salles Nasce em Italva(RJ- Brasil), em 25/04/1956. Educadora e poeta. Seu mais recente livro é “Cantigas Para A mulher do Século XXI” ( poesia,2014). Membro da AIC-Academia Internacional Contemporânea-Brasília; Membro correspondente de ALL- Academia Ludovicense de Letras. Participa de inúmeras Antologias Nacionais e Internacionais. 58
  59. 59. 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça W. Motta – SP Engano de bebedeira Na vida de um tal peão. Dormiu com loira faceira, Nem viu que era um tal João! DADOS Valter Rodrigues Mota ( W. Mota ), natural de Salesópolis – SP, nasceu em 1960, é poeta, trovador, ativista cultural e participa de duas antologias de poesias. Em 2014 publicou TIMÃO EM TROVAS, livro de trovas esportivas, pela editora Costelas Felinas. Integra a 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Futebol, além de colaborar em várias entidades literárias. 59
  60. 60. 1ª Antologia 100 Trovas Sobre Cachaça Wallace Monjardim Bonini – ES Pinga uma dose de cana Nesse peito estilhaçado; Lava o seu dia enfadado Preparando-lhe pra cama. DADOS Nascido em Vitória – ES, aos 11 de Maio de 1978, graduou em Teologia Missiológica em 2005. em 2007 ingressou na PMES, da qual é praça. Em 2013 escreveu o romance “O Livro dos Mortos”. Em 2015 escreveu Chuviverso, livro de poemas e atualmente compõe canções de cunho evangélico, além de estar graduando-se em matemática. 60

×