Jornalzinho Arte Com Arte - By: Letícia Souza

597 visualizações

Publicada em

Disciplina: Tecnologias Contemporâneas na Escola
Tutora a Distância: Adriana Ferreira de Deus
Tarefa: Livro digital com o software SCRIBUS

Nessa tarefa criei um jornalzinho relacionado a Artes Visuais. Confira!

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
597
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
7
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Jornalzinho Arte Com Arte - By: Letícia Souza

  1. 1. “Se o artista apenas reproduz os traços superficiais, como faz o fotógrafo, se registra com exatidão as diversas característi- cas de uma fisionomia, mas sem relacioná-la ao caráter, ele não merece ser admirado. A semelhança que ele deve atingir é a da alma”. (René François Auguste) EDITORIAL EXPOSIÇÃOOlá! Essa primeira edição é em Senac Barretosespecial aos colegas, tutores traz para a ci-presenciais e a distância do cur- dade a Exposi-so de Artes Visuais da UAB/UnB ção História- Pólo Barretos/SP. das Histórias“Arte com Arte” é um jornalzinho em Quadri-dinâmico que mostrará etapas nhos. A mostradas atividades realizadas no cur- destaca a traje-so de Artes Visuais e também, o tória dos quadrinhos nacionais e internacionaismundo das artes em geral. apresentando os personagens mais famosos entre os colecionadores. Pág. 3Sugestões e críticas serão bemvindos! Contato:jornalartecomarte@hotmail.com ESPECIAL VIK MUNIZgeléia e manteiga de amendoim =Monalisa. GIMP Editor de imagens gratuitocomida e lixo = Autorretrato. que a cada dia vem conquis-açúcar, fios, arame e xarope de chocolate = Última tando o público.Ceia. Uma criação de arte! Pág. 4Obras primas com materiais inusitados. Toda essacriatividade é do artista plástico Vik Muniz. Pág. 2
  2. 2. ARTE COM ARTE | OUTUBRO/2011 PÁG. 2 ESPECIAL VIK MUNIZ Vik Muniz, fotógrafo, desenhista, pintor e gravador. Nasceu em 20 de dezembro de 1961 em São Paulo e atualmente mora nos EUA. Ele utiliza os materiais mais inusitados para concretizar suas idéias e usar em suas obras como: chocolate, comida, sucata, diamantes, gel de cabelo, brinquedos, pigmento, poeira, assumem formas variadas e surpreendentes que são posteriormente fotografadas e ampliadas. Numa revisão constante da história da arte. Suas obras são valorizadas no mundo todo. Escreveu um livro misto de memórias e reflexões sobre a arte “Reflex, Vik Muniz de A a Z”Vik Muniz fez duas réplicas detalhadas da Mona Lisade Leonardo da Vinci: uma feita com geleia e outracom manteiga de amendoim.Também trabalhou com açúcar, fios, arame, e xaropede chocolate, com o qual produziu uma recriação da“Última Ceia” de Leonardo. Reinterpretou váriaspinturas de Monet, incluindo pinturas da catedral deRouen, que Muniz produziu com pequenas porções de pigmento aspergidas sobreuma superfície plana.Vik Muniz também está no filme “Lixo Extraordinário”, um documentário que mostra otrabalho de Vik Muniz, filmado ao longo de quase dois anos, que acompanha a visitadesse artista plástico a um dos maiores aterros sanitários do mundo: o Jardim Gramacho,na periferia do Rio de Janeiro. Nesse aterro, Vik Muniz fotografa um grupo de catadoresde materiais recicláveis. Em 2010, o filme levou o prêmio de melhor documentário daInternational Documentary Association (EUA). Venceu também como melhordocumentário do Festival de Berlim. Nesse ano, esse filme foi indicado ao Oscar dedocumentário. “A grande crise de relevância que a arte EXPEDIENTE: contemporânea atravessa hoje não é por falta deDiagramação: Letícia Souza público, cultura ou interesse; é pelo preconceito conservador e paranóico de pessoas que vêem aRevisão: Alda Emília Tondelli e cultura como um privilégio, e não como umAdriana Ferreira de Deus direito”. (Vik Muniz)
  3. 3. ARTE COM ARTE | OUTUBRO/2011 PÁG. 3 EXPOSIÇÃO DE HISTÓRIAS EM QUADRINHOSSenac Barretos traz para a cidade a Exposição História das Histórias em Quadrinhos.Organizada pelo especialista Ál-varo Moya, a mostra destaca atrajetória dos quadrinhos nacio-nais e internacionais apresentan-do os personagens mais famososentre os colecionadores.Com nove painés ilustrativos edescritivos, a exposição se trans-forma em um grande gibi, propor-cionando ao visitante muita diver-sidade e conhecimento. O autorrelaciona a produção artística detodas as Histórias em Quadrinhosao contexto histórico que se ori-ginou sua criação, caracteriza osdetalhes de traços e os argumen-tos usados pelos desenhistas naconcepção de seu trabalho.A exposição acontece de segunda a sexta das 10h às 20h30 e vai até o dia 29/10 naárea de convivência do Senac Barretos, que fica na av. 21 nº 087. Informações: (17)3312-3055. PARA LER: DICA DO MÊS » Trajetória Crítica | » Autor:Bernardet, Jean-Claude » Editora: Martins Editora “Uma câmera na mão e uma ideia na cabeça.” Este era o pensamento dominante na época em que o Cinema Novo começou a surgir no cenário brasileiro. Foi também quando Jean- Claude Bernardet iniciou sua carreira de crítico – de cinema e da própria crítica. Trajetória crítica é uma antologia de textos escritos nos anos 1960 e 1970 que são articulados pelo autor de forma a mostrar o desenvolvimento da crítica cinematográfica.”1: CORBUSIER | 2: STEINBECK | 3: FUNCIONALISMO | 4: BAUHAUS | 5: HEMINGWAY | 6: HUXLEY | 7: MALRAUX8: WRIGHT | 9: GROPIUS | 10: GROSZ | 11: BRECHT
  4. 4. ARTE COM ARTE | OUTUBRO/2011 PÁG. 4 GIMPUMA OBRA DE ARTE!O GIMP possui os recursospara ser utilizado na criaçãoou manipulação de imagense fotografias. Seus usosincluem criar gráficos,logotipos, redimensionarfotos, alterar cores,combinar imagensutilizando camadas,remover partes indesejadase converter arquivos entrediferentes formatos de CRIAÇÃO DE ARTE NO GIMPimagem digital. (Fonte:Wikipédia)Para baixar o programa acesse: http://www.baixaki.com.br/download/the-gimp.htm ARTE E LITERATURA PALAVRAS CRUZADAS 1: Arquiteto francês de origem suiça e um dos renovadores da arquitetura europeia 2: Escritor americano autor de As Vinhas da Ira 3: Conjunto de inovações arquitetônicas que une a forma e a função 4: Escola de artes de concepção inovadora no século XX 5: Escritor americano autor de O Velho e o Mar 6: Escritor autor de Admirável Mundo Novo 7: Escritor francês autor de A Condição Humana 8: Arquiteto americano ligado ao funcionalismo orgânico 9: Arquiteto fundador da Bauhaus 10: Pintor alemão perseguido pelos nazis e refugiado nos EUA 11: Poeta e dramaturgo alemão RESPOSTA NA PÁGINA 3

×