Trabalho de mecanizacao slide

516 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
516
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
22
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Trabalho de mecanizacao slide

  1. 1. Trabalho de MecânizaçãoTrabalho de Mecânização MECÂNIZAÇÃO E OPERAÇÃOMECÂNIZAÇÃO E OPERAÇÃO DE TRATORES AGRICOLASDE TRATORES AGRICOLAS NO SETOR FLORESTALNO SETOR FLORESTAL
  2. 2. Tratores AgrícolasTratores Agrícolas
  3. 3. IntroduçãoIntrodução  O trator foi o principal responsável pela mecanização da agricultura no século XX.  “O trator agrícola é uma máquina que serve para tracionar, transportar e fornecer potência mecânica, para movimentar os órgãos ativos de máquinas e implementos agrícolas”.  Em 1860 introduziu os tratores a vapor com rodas de aço .  Em 1892 os primeiros tratores a gasolina.
  4. 4.  Em 1932 foi retirado as rodas de aço por borracha  Em 1960 inicia a primeira fábrica de tratores no Brasil.  Temos 3 grandes fabricantes de tratores (AGCO, CASE-NH, JOHN DEERE), 3 pequenas (Agrale, Agritech, Landini) e grande número de fabricantes de implementos agrícolas no mercado.
  5. 5. Uma das principal função do tratorUma das principal função do trator  É transformar a energia contida noÉ transformar a energia contida no combustível e fornecê-la, através dacombustível e fornecê-la, através da barra de tração, para tracionarbarra de tração, para tracionar máquinas e implementos agrícolas.máquinas e implementos agrícolas.
  6. 6. Implementos agrícolas
  7. 7. Pulverizador e trator com esteira ePulverizador e trator com esteira e cabeçote harvestercabeçote harvester
  8. 8. Objetivo do Trator na MecanizaçãoObjetivo do Trator na Mecanização AgrícolaAgrícola  Aumentar a produtividade do “Homem”.Aumentar a produtividade do “Homem”.  Tornar o trabalho menos árduo e maisTornar o trabalho menos árduo e mais agradável.agradável.  Melhorar a qualidade das operaçõesMelhorar a qualidade das operações agrícolasagrícolas..
  9. 9. Antes do trator a fonte de potênciaAntes do trator a fonte de potência era “Humana” ou “Animal”era “Humana” ou “Animal” POTÊNCIA HOMEM ANIMAL TRATOR
  10. 10. DesenvolvimentoDesenvolvimento  O desenvolvimento de tratores agrícolasO desenvolvimento de tratores agrícolas veio da necessidade de se cultivarveio da necessidade de se cultivar grandes áreas para a produção degrandes áreas para a produção de alimentos. Das quais após foramalimentos. Das quais após foram adaptadas para a área florestal, devido aadaptadas para a área florestal, devido a necessidade na produção de madeira enecessidade na produção de madeira e seus derivados.seus derivados.
  11. 11. Segurança no uso de tratoresSegurança no uso de tratores agrícolasagrícolas  As Normas Brasileiras, referentes á segurança,queAs Normas Brasileiras, referentes á segurança,que deve ser observadas,são:deve ser observadas,são:  NBR 10000-Estrutura de proteção contra capotagemNBR 10000-Estrutura de proteção contra capotagem para tratores agrícolas de rodas.para tratores agrícolas de rodas.  NBR 9579- Ancoragens para cintos de segurança-NBR 9579- Ancoragens para cintos de segurança- Especificação.Especificação.  Especialmente na área florestal, o tratorista deveEspecialmente na área florestal, o tratorista deve ficar protegido não somente da capotagem e ouficar protegido não somente da capotagem e ou empinamento, mas também as ações de galhos eempinamento, mas também as ações de galhos e insetos.insetos.
  12. 12. Normas de segurança na operaçãoNormas de segurança na operação  Antes do trabalhoAntes do trabalho Condições gerais do tratores e implementos;Condições gerais do tratores e implementos; Acoplamento;Acoplamento;  Durante o trabalhoDurante o trabalho Apresentando algum problema o implemento deve serApresentando algum problema o implemento deve ser reparado antes de reiniciar o trabalho;reparado antes de reiniciar o trabalho;  Depois do trabalhoDepois do trabalho Limpe e lubrifique todas as partes do implemento eLimpe e lubrifique todas as partes do implemento e trator;trator;
  13. 13. O homem é responsável direto por mais deO homem é responsável direto por mais de 80% dos acidentes com máquinas e80% dos acidentes com máquinas e implementos agrícolas.implementos agrícolas. 40% 22% 21% 13% 4% Ignorância excessiva Velocidade Falta de atenção Inexperiência Outras
  14. 14. DESEMPENHO DE TRATORES EDESEMPENHO DE TRATORES E RENDIMENTO COMBUSTIVEL –RENDIMENTO COMBUSTIVEL – ÁREA/HORAÁREA/HORA
  15. 15. Subsolagem com trator agrícolaSubsolagem com trator agrícola  Consiste na abertura de sulcos para o plantio,Consiste na abertura de sulcos para o plantio, usando-se tratores agrícolas tracionando ousando-se tratores agrícolas tracionando o subsoladores. Para executar esta atividade,subsoladores. Para executar esta atividade, atua-se trator agrícolas 4x4 ,comatua-se trator agrícolas 4x4 ,com subsolador/adubador florestal, atuando a umasubsolador/adubador florestal, atuando a uma profundidade mínima de 40 cm. O rendimentoprofundidade mínima de 40 cm. O rendimento varia de 0,5 a 0,8, hectares efetiva de trabalho.varia de 0,5 a 0,8, hectares efetiva de trabalho.
  16. 16. ESCARIFICADORESCARIFICADOR  Trator Massey Ferguson 292 4X4 de 105 Cv,Trator Massey Ferguson 292 4X4 de 105 Cv, tracionando escarificador de 5 astes apresentatracionando escarificador de 5 astes apresenta um gasto de cerca de 13 litro de diesel /horaum gasto de cerca de 13 litro de diesel /hora gerando rendimento de 1 ha/hora, mas égerando rendimento de 1 ha/hora, mas é preciso levar em consideração o tipo dopreciso levar em consideração o tipo do terreno.terreno.
  17. 17. GRADE NIVELADORAGRADE NIVELADORA  Trator Massey Ferguson 292 4X4 de 105 Cv,Trator Massey Ferguson 292 4X4 de 105 Cv, tracionando grade niveladora de 42 discostracionando grade niveladora de 42 discos apresentando um gasto de 10 litro de dieselapresentando um gasto de 10 litro de diesel /hora gerando rendimento 25 ha/dia 3 há/hora./hora gerando rendimento 25 ha/dia 3 há/hora.
  18. 18. APLICAÇÃO DE HERBICIDAAPLICAÇÃO DE HERBICIDA  Trator Massey Ferguson 292 4X4 de 105 Cv,Trator Massey Ferguson 292 4X4 de 105 Cv, acoplado a pulverizador vortéx com 18 m deacoplado a pulverizador vortéx com 18 m de barra e tanque para 2000 litros de calda,barra e tanque para 2000 litros de calda, aplicando ao um volume de 200 litros/há,aplicando ao um volume de 200 litros/há, consumindo em torno de 7 litros de diesel /consumindo em torno de 7 litros de diesel / hora e um rendimento de 10 ha/hora. Mas parahora e um rendimento de 10 ha/hora. Mas para um bom rendimento ao dia é importante queum bom rendimento ao dia é importante que haja a disponibilidade de água perto do localhaja a disponibilidade de água perto do local de onde estejam realizando este trabalho.de onde estejam realizando este trabalho.
  19. 19. ARADOARADO  Trator Massey Ferguson 292 4X4 de 105 Cv,Trator Massey Ferguson 292 4X4 de 105 Cv, tracionando arado de 4 discos apresenta umtracionando arado de 4 discos apresenta um gasto de 10 litros de diesel/hora, rendimentogasto de 10 litros de diesel/hora, rendimento de 0.8 ha/hora.de 0.8 ha/hora.
  20. 20. CONCLUSÃOCONCLUSÃO  O presente trabalho foi de suma importância para aO presente trabalho foi de suma importância para a aquisição de novos conhecimentos na área deaquisição de novos conhecimentos na área de mecanização onde podemos ver como o trator podemecanização onde podemos ver como o trator pode ser utilizado na área florestal, e que ele foi adaptadoser utilizado na área florestal, e que ele foi adaptado das atividades agrícolas presentes no Brasil desdedas atividades agrícolas presentes no Brasil desde muito tempo atrás, e é claro importante para amuito tempo atrás, e é claro importante para a cooperação e a interação dos alunos em equipe para ocooperação e a interação dos alunos em equipe para o desenvolvimento do trabalho, além disso, foi precisodesenvolvimento do trabalho, além disso, foi preciso buscar informações em locais fora do colégiobuscar informações em locais fora do colégio demonstrando o interesse dos alunos em conseguirdemonstrando o interesse dos alunos em conseguir realizar o trabalho.realizar o trabalho.
  21. 21. Alunos:Alunos:  Carlos Alberto Prestes nº 07Carlos Alberto Prestes nº 07  José Leandro Hatlan Destro nº 17José Leandro Hatlan Destro nº 17  Vilmar Ávila nº 27Vilmar Ávila nº 27  Vitor Danilo Junior nº 28Vitor Danilo Junior nº 28 ProfºProfº José FernadoJosé Fernado

×