8-Treinamento Boletim Diário

1.991 visualizações

Publicada em

Treinamento elaborado e ministrado por mim em duas usinas do grupo Alvorada do Bebdouro/ Alvorada do Oeste.

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.991
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
140
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

8-Treinamento Boletim Diário

  1. 1. Boletim Diário do LaboratórioO boletim diário do laboratório é lançado todos os dias com as principaisanalises realizadas na moagem, extração, fermentação/destilação,fábrica deaçúcar, rendimentos, produção, paralisação e insumos. Todos esses dadosgerados são lançados e arquivados para controle de produção,qualidade egastos. Certas ações de correção são tomadas mediante lançamentos no
  2. 2. RENDIMENTOS ESTEQUIOMÉTRICOSRENDIMENTOS ESTEQUIOMÉTRICOSOs cálculos estequiométricos são realizados para se ter uma base de produção dausina, ou seja, o quanto se produz de álcool hidratado e açúcar por tonelada de cana-de-açúcar que entra na usina. Assim podemos ter um controle mais preciso sobre ascondições da cana no campo, se ela tem um bom ou mal rendimento e o que seprecisa fazer para melhorá-la.TRANSFORMAÇÃO DA SACAROSE EM AÇÚCARES REDUTORESNa presença de certas enzimas ou sob ação ácida e temperatura adequada, asacarose agrega a uma molécula de água e desdobra-se, por hidrólise ou inversão,em uma molécula de glicose e outra de frutose (açúcares invertidos).C12H22O11 + H2O C6H12O6 + C6H12O6mm- 342g mm-18g mm-180g mm-180gsacarose água glicose frutose = = 0,95Então o ART, ou seja, a sacarose pode ser transformada em açúcar invertidodividindo-se a massa da sacarose (SAC) por 0,95.
  3. 3. A quantidade de sacarose é obtida utilizando-se de um aparelho denominadosacarímetro. É retirada uma amostra de cana diretamente de um caminhão. Essaamostra é processada com intuito de recolher o caldo filtrado e passar peloequipamento. A quantidade obtida em 100 ml de caldo nós dá a média de sacaroseque está entrando por lote de cana.Exemplo:Em 500g de colmo (cana) 0,5 kg ______________ 350 mL de caldo = 0,35 LEm 120.000 kg de colmos (cana) _______________ X L de caldoX = 84.000 L de caldoEm 100 mL = 0,1 L de caldo ___________________ 17 g = 0, 017 kg de sacaroseEm 84.000 L de caldo ________________________ X kg de sacarose aparenteX = 14.280 kg de sacarose14,2 t de sacarose aparente / haLogo, a produção de 14.280 kg de sacarose corresponde a:ARTsac = = 15.031,58 kg de ART
  4. 4. RENDIMENTO ESTEQUIOMÉTRICO DA FERMENTAÇÃO Definido como o volume de álcool (litros) a ser produzido com eficiência de 100% porkg de ART, ou seja, admitindo-se que todas as moléculas de açúcar transformam-seem etanol, tem-se:C6H12O6 2x CH3CH2OH + 2x CO2mm – 180g mm – 2x 46g mm – 2x 44g AR álcool dióxido de carbonoSeguindo o exemplo:Para o álcool hidratado de graduação máxima de 93,2 % INPM, o rendimentoestequiométrico é de:Rendeq = 1.000 x 1.000 x = 0, 6776 L/kgARTAssim, com 15.031,58 kg de ART, obtém-se no máximo, 10.185,40 litros de álcoolhidratado 93,2° INPM.EFICIÊNCIA DA FERMENTAÇÃOA eficiência da fermentação é dada pela divisão do rendimento obtido pelorendimento estequiométrico:EFf = x 100 x 100
  5. 5. Seguindo o exemplo:Utilizando um ART no valor de 15.031,58 kg, podem-se obter, no máximo, 10.185,40litros de álcool hidratado e sabe-se que 100% de eficiência é praticamente impossívellevando em conta as perdas que acontecem durante todo o processo. Considera-seentão, que houve uma produção de 8.800 litros de álcool hidratado.Utilizou-se 15031,58 kg de ART, então o rendimento global da destilaria será de:RDg = = 0,5854 litros por kg ARTEntão a eficiência da usina se dá por:EFf = x 100 = 86,4% de eficiência da usinaA sacarose obtida, considerando eficiência da fábrica de açúcar em 100 %, iráproduzir 1:1 de sacarose, ou seja, em 15.031,58 kg de sacarose teremos a produçãode açúcar em mesma quantidade.
  6. 6. CÁLCULOS ESTEQUIOMÉTRICOSCÁLCULOS DA CANA PCTS:Brix % Cana........................................................................: A x (1 – 0,01 x B) x (1, 0313 – 0,00575 x B)Pol % Cana......................: ((0, 2605 – (0, 0009882 x A)) x D) x (1 - (0,01 x B) x (1, 0313 –(0, 00575 x B)Pol % CE......................................................................................: (0, 2605 – (0,0009882 x A)) x D)Pureza % Cana...................................................................................................................: (E/ F) x 100Fibra % Cana...............................................................................................................: (0,08 xC) + 0, 87ART % Cana..............: (E / 0,95) + ((3, 641 – (0, 0343 x G)) x ((1 – 0,01 x B) x (1, 0313 – 0,00575 x B)))AR %CE......................................................................................................: (3, 641 –(0,0343 x G )Onde:A – Brix % caldo extraído B – Fibra % canaC – PBU (peso do bolo úmido) D – Leitura sacarimétricaE – Pol % cana F – Brix % canaG – Pureza % canaDefina a partir dos dados: Brix % caldo extraído = 18,5; Leitura sacarimétrica
  7. 7. CANA MOÍDA AÇÚCAR:((A x B) – ((C x D) x (A / (A + E – C))) x G((A x B) + (E x F) – (C x D))Onde:A – Vazão do caldo para açúcar B – Brix do caleado doaçúcarC – Vazão do caldo filtrado D – Brix do caldo filtradoE – Vazão do caldo para álcool F – Brix do dosado doálcoolG – Cana moída totalDefina a partir dos dados: Vazão do caldo para açúcar = 1.700; Vazão do caldopara álcool = 4.200; Vazão do caldo filtrado = 980; Brix caleado açúcar = 13,5;Brix dosado álcool = 9,0; Brix do caldo filtrado = 11 e Cana moída total = 7.500ton.- Cana moída para açúcar. (Resp. 2.885,51 ton)- Cana moída para álcool. (Resp. 4.614,49 ton)
  8. 8. ÁLCOOL DIRETO LITROS:(A x B) . xE(A x B) + (C x D)Onde:A – Cana moída para álcool B – Art cana moídaC – Mel consumido D – Art mel consumidoE – Álcool produzido totalÁLCOOL RESIDUAL LITROS:(álcool total produzido – álcool direto produzido)Defina a partir dos dados: Cana moída para álcool = 4.614,49 ton; Art % cana =14,91; Mel consumido = 150 ton; Art do mel consumido = 65,0; Álcool hidratadoproduzido = 280.000 litros; Álcool anidro produzido = 127.500 litros.- Álcool hidratado direto e residual. (Resp. 245.245,97/ Resp. 34.754,03)- Álcool anidro direto e residual. (Resp. 111.674,51 / Resp. 15.825,49)
  9. 9. ART TOTAL RECUPERADO:((A x B x 0,01 x 1, 0526) + (C x 1, 0526) + (D x 0,01 x E x F x 1, 9565) + (G x 0,01 xH x I x 1, 9565) + (J x 1, 9565 x 0, 7893) + (K x 2 ) + ( L x ART x 0,01 )) / 1000Onde:A – Açúcar VHP produzido B – Pol açúcar VHPC – Diferença no processo do açúcar (açúcar em processo hoje – açúcar em processo ontem)D – Álcool anidro produzido E – INPM álcool anidroF – ME° anidro G – Álcool hidratadoproduzidoH – INPM álcool hidratado I – ME° hidratadoJ – Diferença no processo do álcool (álcool em processo hoje – álcool em processo ontem)K – Levedura produzidaL – Diferença do mel em estoque (Art mel em estoque hoje – Art mel em estoque ontem)Art mel = (((57, 415 x altura do tanque x densidade do mel x Art do mel) / 100) x1000)
  10. 10. Defina a partir dos dados das questões 1, 2, 3, 4, Pol Açúcar = 99,04; Leveduraproduzida = 3.500 kg; Diferença do estoque de mel final = 50 ton.- ART total recuperado. (Resp. 984,50)1- Dados: Cana moída para álcool = 4.614,49 ton; Art % cana = 14,91; Art do melconsumido = 65,0; Álcool hidratado produzido = 280.000 litros; Álcool anidro produzido =127.500 litros.2- Dados: Espaço vazio nas dornas = 2,5; GLº vinho = 6,8; Espaço vazio da volante = 1;GLº volante = 6,8.Álcool em proc. =(Ton art dornas + Ton art volante) x 0,6475) x 1000Ton art dornas: (1981,56 – (Espaço vazio das dornas x 264)) x ((GL° vinho / 100) / 0, 6475)1981,56 = volume total das dornas; 264 = base das dornas0, 6475 = constante de transformação do vinho em álcool absoluto Ton art volante:(301, 132 – (Espaço vazio (volante) x 40, 1516)) x ((GL° vinho / 100) / 0, 6475)301, 132 = volume total da volante; 40,1516 = base da volante0, 6475 = constante de transformação do vinho em álcool absoluto
  11. 11. 3- Dados: Açúcar produzido = 350.000 kg; Açúcar em processo hoje = 450.000kg; Açúcar em processo ontem = 450.000 kg; Cana moída para açúcar =2.885,51 ton.4- Dados: INPM anidro = 99,5; INPM hidratado = 93,1; Processo de álcool ontem= 92.300 litros;ME°: (((-0,027441 x (INPM)^2))+(( 2,369 x INPM)+(826,849 ))) x 0,001
  12. 12. Curso: LaboratórioRealizado por : Leandro Aparecido Cândido

×