Trabalho de educação ambiental

272 visualizações

Publicada em

conteúdo do livro primavera silenciosa

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
272
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
160
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Trabalho de educação ambiental

  1. 1. Unip/vergueiro • Trabalho de educação ambiental • Livro- primavera silenciosa • Capitulo- o manto verde da terra
  2. 2. Letras 1° semestre • Alanes Hanane ra-c6687h3 • Caroline Paz ra-c560260 • Paula santos ra-c610372 • Gerlany Rocha ra-c48cag9
  3. 3. introdução • Solo e a vida. A terra é o item principal para cultivação de alimentos, sem ele seria quase impossível plantarmos. Como o solo gera coisa boa também gera coisas indesejáveis que acabam prejudicando o crescimento e a beleza do alimento ou de plantas. O ser humano como nunca está de acordo com a ideia de Homem e natureza, resolve criar um veneno para acabar com esses problemas e começa com o projeto da pulverização para acabar com essas pestes
  4. 4. Com o crescimento extensivo de comerciantes agrícolas o uso de inseticidas e agrotóxicos cresceu exageradamente provocando uma série de problemas ambientais, por conta das pulverizações contendo essas substâncias químicas. Inseticidas-Quando o inseticida é aplicado na residência, a eliminação dos insetos é superficial, o que não soluciona a eliminação do foco das pragas. Além disso, o uso incorreto desses produtos pode acarretar em maiores complicações, como intoxicações e resistência por parte dos insetos em questão. Agrotóxicos- Esse tipo de produto é um composto químico cujo princípio ativo acaba com diversos tipos de pestes (daí vem o nome pesticida) que prejudicam a produtividade agrícola de uma cultura. Essas pestes podem ser insetos, ervas daninhas, fungos, vermes, roedores e muitas outras pragas. A autora cita no capitulo ervas daninhas que é considerada uma praga por muitos agricultores por ela ocupar espaços nas hortas e sugar a água e o sol dos outros alimentos plantados, e os agricultores usam os venenos com substâncias químicas para tentar elimina-las. Os danos ocasionados por esses venenos são muito extensos e não da para controlar, ainda mais quando é usado de maneira incorreta e sem as devidas instruções. Quando esse veneno passa a ter contato com a terra acaba contaminando e às vezes deixando o lugar contaminado improdutivo. Também prejudicam gravemente a saúde do ser humano, alguns tendo problemas irreversíveis, isso ocorre quando é ingerido o alimento contaminado ou à exposição diretamente no local que foi aplicado o produto químico.
  5. 5. Essas substâncias químicas acabam infectando o nosso solo e algumas plantas não se desenvolvem da maneira correta, também ocasiona a alteração dos alimentos e prejudicam centenas de espécies, animais e vegetais. A autora também ressalta como melhorar a produtividade do solo, que é molhar a terra para te uma drenagem com a penetração da água. Existe uma seleção genética que estar desenvolvendo espécies resistentes a substâncias químicas e que não contraia o veneno. Qual escolher o alimento com melhor aparência ou o mais saudável? O tomate, por exemplo, é a fruta que mais é pulverizada, por ser frágil e qualquer coisa já estraga e deixa feio aos nossos olhos, por esse motivo os agricultores para não perder o seu dinheiro investe em agrotóxicos para evitar que tenha a presença de pragas e usam isso como desculpa para usar os agrotóxicos. Existem milhares de projetos e ordens judiciais para acabar com o uso de determinados agrotóxicos que tem efeitos muitas vezes letais para a vida não só do ser humano como a vida animal, a erva daninha ela é considerada uma peste mais deve ter papel essencial para a saúde do solo e as matando talvez não seja a solução ideal. A pulverização de substancias química não somente é inadequada, mas também considerada como abuso, há formas de acabar com essas tais pestes com produtos naturais e assim melhoraria tanto a saúde do solo como a do alimento. Temos que incentivar o uso de agrotóxicos menos tóxicos ou não tóxicos ao ser humano e menos danosos ao meio ambiente e que resultem em alimentos mais saudáveis.

×