Conceitos básicos <ul><li>*Circuit switching </li></ul><ul><li>*Transmissão digital </li></ul><ul><li>*Canal comum de sina...
Circuit switching <ul><li>Ambiente de comunicação que realiza primeiro a comutação dos circuitos, para então permitir o us...
 
Transmissão digital <ul><li>As redes de telefonía estão, cada vez mais, sendo implementadas empregando a transmissão digit...
Canal comum de sinalização <ul><li>Esta técnica permite a transmissão de sinais de controle nos equipamentos telefônicos d...
Redes (RDSI) <ul><li>Também conhecidas como ISDN, são um emprendimento de algumas concessionárias de comunicação de prover...
 
XDSL <ul><li>Este tipo de serviço é um loop local.  </li></ul><ul><li>Existe certa quantidade de diferentes tipos de imple...
ADSL
Cable modem <ul><li>Tecnologia conhecida como </li></ul><ul><li>Community Antenna TeleVision (CATV) </li></ul><ul><li>Util...
 
Lan (Local Area Network)  <ul><li>Definida como uma rede com abrangência física de até poucos quilometros. </li></ul><ul><...
 
Man (Metropolitan Area Network) <ul><li>Abrangem uma região metropolitana. </li></ul><ul><li>Existe o roteamento mas é tot...
 
Wan (Wid Area Network) <ul><li>Rede geográficamente distribuída. </li></ul><ul><li>Baixa taxa de transferência. </li></ul>...
Modelo OSI <ul><li>Camada física:  é representada pelas conexões e pela sinalização. O protocolo de camada física (PHY – P...
<ul><li>Camada de enlace de dados:  Consiste do controle de acesso à mídia (MAC – Media Access Control) e do controle de l...
<ul><li>Camada de rede:  é responsável pela conexão entre a fonte de informação e o destinatário. Redes grandes normalment...
<ul><li>Camada de transporte:  Essa camada executa muitas tarefas em comum com a de rede, porém em âmbito local.  </li></u...
<ul><li>Camada de sessão: </li></ul><ul><ul><li>muito importante em redes locais com computadores pessoais, pois cabem a e...
<ul><li>Camada de apresentação:   </li></ul><ul><li>Essa camada é responsável pela forma como as informações são entregues...
<ul><li>Camada de aplicação: </li></ul><ul><li>Camada superior do modelo OSI serve ao usuário. </li></ul><ul><li>Aqui estã...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Palestra Tecredes

824 visualizações

Publicada em

Publicada em: Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
824
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
36
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
14
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Palestra Tecredes

  1. 4. Conceitos básicos <ul><li>*Circuit switching </li></ul><ul><li>*Transmissão digital </li></ul><ul><li>*Canal comum de sinalização </li></ul><ul><li>*Redes digitais de serviços integrados (RDSI) </li></ul><ul><li>*XDSL </li></ul><ul><li>*Cable modem </li></ul><ul><li>*Lan </li></ul><ul><li>*Man </li></ul><ul><li>*Wan </li></ul>
  2. 5. Circuit switching <ul><li>Ambiente de comunicação que realiza primeiro a comutação dos circuitos, para então permitir o uso exclusivo da comunicação entre nós de uma rede de telefonía. </li></ul>
  3. 7. Transmissão digital <ul><li>As redes de telefonía estão, cada vez mais, sendo implementadas empregando a transmissão digital. Onde a voz é enviada na rede de comunicação como sendo um conjunto de bits. </li></ul>
  4. 8. Canal comum de sinalização <ul><li>Esta técnica permite a transmissão de sinais de controle nos equipamentos telefônicos de comutação. </li></ul><ul><li>Ex: redirecionamento de chamadas e chamadas a serviços com tarifação reversa, cobrança por cartões de crédito etc. </li></ul>
  5. 9. Redes (RDSI) <ul><li>Também conhecidas como ISDN, são um emprendimento de algumas concessionárias de comunicação de prover os serviços digitais para seus assinantes. Fornece voz e dados digitalizados para os assinantes. é um serviço efetuado através do cabeamento de loop local convencional. </li></ul>
  6. 11. XDSL <ul><li>Este tipo de serviço é um loop local. </li></ul><ul><li>Existe certa quantidade de diferentes tipos de implementação desta técnica. </li></ul><ul><li>Ex: ADSL com taxa downstram de até 6.144 Mbps e upstream de 640 Kbps. </li></ul><ul><li>Pode utilizar cabo par trançado para telefonía analógica. </li></ul>
  7. 12. ADSL
  8. 13. Cable modem <ul><li>Tecnologia conhecida como </li></ul><ul><li>Community Antenna TeleVision (CATV) </li></ul><ul><li>Utiliza cabos coaxiais com alta capacidade de transmissão por um sistema de banda larga. </li></ul><ul><li>Utiliza a multiplexação por freqüência. </li></ul><ul><li>Taxa de até 36 Mbps para dados. </li></ul><ul><li>Compartilhamento por assinante. </li></ul>
  9. 15. Lan (Local Area Network) <ul><li>Definida como uma rede com abrangência física de até poucos quilometros. </li></ul><ul><li>Alta taxa de transferência. </li></ul><ul><li>Baixa taxa de erros. </li></ul><ul><li>Sem roteamento. </li></ul><ul><li>Roteamento por broadcast. </li></ul>
  10. 17. Man (Metropolitan Area Network) <ul><li>Abrangem uma região metropolitana. </li></ul><ul><li>Existe o roteamento mas é totalmente transparente para o usuário final. </li></ul><ul><li>Os serviços são fornecidos pelas concessionárias de telcomunicação ou TV a cabo. </li></ul>
  11. 19. Wan (Wid Area Network) <ul><li>Rede geográficamente distribuída. </li></ul><ul><li>Baixa taxa de transferência. </li></ul><ul><li>Alta taxa de erros. </li></ul><ul><li>Roteamento. </li></ul>
  12. 20. Modelo OSI <ul><li>Camada física: é representada pelas conexões e pela sinalização. O protocolo de camada física (PHY – Physical Layer) define a sinalização elétrica, símbolos, estados de linha, requisitos de temporização, codificação de dados e conectores para a transmissão de dados e suas configurações (pinagem). Um exemplo da camada física é o padrão 10BaseT. Os hubs são dispositivos da primeira camada e retransmitem sinais sem decodificá-los. </li></ul>
  13. 21. <ul><li>Camada de enlace de dados: Consiste do controle de acesso à mídia (MAC – Media Access Control) e do controle de ligação lógica (LLC – Logical Link Control). O MAC é responsável por descrever como uma estação deve organizar, transferir, receber, controlar e identificar os erros em um ambiente de meio físico compartilhado (rede). </li></ul>
  14. 22. <ul><li>Camada de rede: é responsável pela conexão entre a fonte de informação e o destinatário. Redes grandes normalmente consistem de diferentes tipos de padrões MAC; por exemplo, uma organização pode ter uma rede Ethernet no departamento comercial e uma rede Token Ring no departamento técnico. O software de camada de rede deve estar apto a executar a conexão entre diferentes tipos de redes da melhor forma possível. A função da camada 3 é então, a de roteamento. </li></ul>
  15. 23. <ul><li>Camada de transporte: Essa camada executa muitas tarefas em comum com a de rede, porém em âmbito local. </li></ul><ul><li>Os drivers do software da rede executam tarefas da camada de transporte. </li></ul><ul><li>Se o funcionamento da rede for interrompido, o software da camada de transporte vai procurar por rotas alternativas ou gravar os dados transmitidos em local seguro, até que a conexão da rede seja restabelecida. </li></ul><ul><li>Essa camada é responsável pelo controle de qualidade da comunicação e cuida que os dados recebidos estejam no formato correto. </li></ul><ul><li>Esses recursos de formatação e ordenação são importantes quando os programas da camada de transporte estabelecem conexões entre computadores de concepção diferentes . </li></ul>
  16. 24. <ul><li>Camada de sessão: </li></ul><ul><ul><li>muito importante em redes locais com computadores pessoais, pois cabem a ela as funções que permitem a comunicação entre duas aplicações (ou dois componentes da mesma aplicação) pela rede. </li></ul></ul><ul><ul><li>Entre essas funções estão a de segurança, reconhecimento de nome, conexão e administração, entre outras. </li></ul></ul>
  17. 25. <ul><li>Camada de apresentação: </li></ul><ul><li>Essa camada é responsável pela forma como as informações são entregues aos usuários. </li></ul><ul><li>A camada 6 pode tratar, também, pela criptografia e de alguns formatos especiais de arquivos, sendo responsável, também, pela formatação de tela e de arquivos, de modo que o produto final tenha a apresentação que o programador deseja. </li></ul>
  18. 26. <ul><li>Camada de aplicação: </li></ul><ul><li>Camada superior do modelo OSI serve ao usuário. </li></ul><ul><li>Aqui estão o sistema operacional da rede e os programas aplicativos: </li></ul><ul><li>Compartilhamento de arquivos, criação de spools de impressão e correio eletrônico até a criação e o gerenciamento de banco de dados. </li></ul><ul><li>Essa camada é de grande importância para o usuário, porque é controlada diretamente por ele. </li></ul><ul><li>Algumas funções, como as de protocolos de transferência de arquivos, são baseadas na camada de aplicação, mas executam tarefas atribuídas a uma camada inferior. </li></ul>

×