Universidade Federal do Amazonas Departamento de Ciência da Computação          Gerencia de Projetos       PETICDan Tech d...
1. Apresentação       A Dan Tech da Amazônia Indústria e Comércio Ltda é uma empresa do pólo industrial deManaus que produ...
adequado para as suas atividades. Estes objetivos podem ser visto de forma mais clara na tabela 1.                Objetivo...
crescimento da computação em nuvem em detrimento dos softwares privados de empresas comoMicroSoft.         Hoje em dia ess...
uma interface de utilizador via Internet. Um CMS permite que a empresa tenha total autonomiasobre o conteúdo e evolução da...
desde centralização da organização da atividade de integração entre setores, até reuniões entre ossetores da empresa promo...
gratuitas, enquanto chamadas VoIP para redes públicas (PSTN) podem ter custo para o utilizadorVoIP. [16]1.2.14. PABX-IP   ...
Existem diversas soluções para essas meio inclusive soluções com licença gratuita quesegundo a literatura são soluções com...
1.3.4. Pessoas        De acordo com a nossa investigação observamos que o estado desejado para a empresa é acontratação de...
ministrada pelo professor Doutor Rogério P. C. Nascimento.       Segundo as explicações em sala de aula o planejamento est...
2. Desenvolvimento       A seguir são apresentados os cenários atuais em TIC da empresa Dan Tech e o cenáriodesejado. No c...
Id         Subárea          Processo                              Maturidade            Objetivos1.1.1      Software      ...
* Licença Arena Basic U$1895** Levantamento preliminar de ERP com a empresa Microsiga.        Podemos observar que seriam ...
maturidade considerada mínima. O processo de backup de dados é dividida entre backup de dadosmantidos pelo sistema folhama...
2.2.1ª     Base de dados de Manter um banco de dados com Gerente de TI             3        R$                 espera     ...
3.1.2                        Alocação de Equipamentos             3                 63.1.3                        Dimensio...
área de pessoas dentro da empresa é considerada deficiente em alguns aspectos. Isto é mostradodiretamente no catálogo de p...
2.4.1.6       Incentivos a          Contratação de um técnico em      Gerente de   3      R$              manutenção da   ...
A área de Telecomunicações é uma área de grande importância para qualquer Empresa. Comtoda tecnologia disponível para a co...
solução nos parece viável devido aos seguintes pontos:               Para resolver o problema do compartilhamento de rama...
Na tabela 11, cada ação que será desenvolvida dentro da Empresa está relacionada com oprocesso a qual ela pertence e també...
Grafico 1: Gráfico de importância/custo para as ações da área de software3.1.2. Dados       Analisando o gráfico a baixo, ...
3.1.3. Hardware                      Gráfico 3: Gráfico de importância/custo para as ações da área de hardware       Como ...
deficientes ou mesmo criar estes processos dentro da empresa.3.1.5. Telecomunicações      O gráfico que mostra a relação e...
4. Referências[1] pagina web - http://pt.wikipedia.org/wiki/Antiv%C3%ADrus acessada em 20/12/2010 as 15horas.[2] pagina we...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Petic Dan Tech

894 visualizações

Publicada em

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
894
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
10
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Petic Dan Tech

  1. 1. Universidade Federal do Amazonas Departamento de Ciência da Computação Gerencia de Projetos PETICDan Tech da Amazônia Helmer Mourão Cristian Rossi Camilo Batista Kleverson Santana Ursula Campos Manaus - Dezembro de 2010
  2. 2. 1. Apresentação A Dan Tech da Amazônia Indústria e Comércio Ltda é uma empresa do pólo industrial deManaus que produz estamparias e faz pintura e soldagem em metais de alta qualidade, ela atendeprodutos de industrias do segmento eletro eletrônico de duas e quatro rodas do Pólo Industrial deManaus. Podemos notar assim que por ser uma indústria que trabalha somente com maquináriopesado as tecnologias de TIC não fazem parte do negocio da empresa, porem sabemos que mesmonão sendo a área fim da empresa as tecnologias de TIC tem um papel fundamental como área meiopara o desenvolvimento industrial. As tecnologias de TIC nessa empresa servem principalmente pramelhorar a produtividade do quadro administrativo da empresa, assim como para garantir asegurança e integridade dos dados gerados pela empresa. Apesar de ser uma empresa com um corpoadministrativo ainda reduzido esperamos que as ações de TIC sugeridas tenham impactosignificativo no trabalho da empresa. O guia PETIC tem a finalidade de se utilizar das informações sobre a estrutura, objetivos esituação de mercado da empresa para melhor direcionar nos investimentos e ações em TIC. Asações devem estar alinhadas com os objetivos da empresa, expectativas e recursos dispostos peladiretoria. A seguir teremos a descrição do PETIC feito para a empresa Dan Tech da AmazôniaIndústria e Comércio Ltda.1.1. Apresentação formal da Organização A oportunidade de negócios no pólo industrial de Manaus permitiu que a empresa Dan Techda Amazônia Indústria e Comércio Ltda fosse criada, atuando nas atividades de estamparia, pinturae soldagem de metais. A qualidade de seus produtos permitiu que seus produtos fossem fornecidosnos segmentos de eletro-eletrônico, duas rodas e quatro rodas para empresas como Kansinski, LG,Honda, entre outras. Seu quadro de funcionários é composto de 50 a 100 pessoas em sua linha de produção,principalmente funcionários temporários, contratados dependendo da demanda de pedidos do poloindustrial, e 11 funcionários atuando no setor administrativo, que fazem parte do quadro permanentede funcionários da empresa. Hoje, estabilizada no mercado, procura se desenvolver através do aumento de seu quadro defuncionários permanentes e obtenção de recursos tecnológicos que facilitem o processo de produçãoe gerência da empresa. A empresa possui como missão fabricar e vender produtos estampados, pintados e soldadosque atendam as expectativas do seu público-alvo, além de produzir conjuntos originados de projetosexclusivos dos clientes, buscando sempre oferecer maior satisfação a eles. Alinhada à sua missãoela tem a visão de manter efetivamente o sistema de qualidade e aplicar estratégias de melhoriacontínua, com constante aprimoramento dos processos produtivos, visando a conquista de novosclientes e, principalmente, a fidelização dos atuais. O acompanhamento das mudanças do mercado,investindo em tecnologia, qualidade de equipamentos, a capacitação de funcionários, priorizarsimultaneamente o bem-estar dos colaboradores e um atendimento customizado de acordo com asnecessidades dos clientes são os valores da Dan Tech. Os objetivos da empresa podem ser descritos como aumentar os lucros, através da geraçãode emprego em renda no pólo industrial da cidade de Manaus, contribuindo assim para o seudesenvolvimento, através do fornecimento de produtos de qualidade aos clientes, criando umambiente propício à colaboração e integração dos funcionários, bem como um ambiente de trabalho
  3. 3. adequado para as suas atividades. Estes objetivos podem ser visto de forma mais clara na tabela 1. Objetivo: N° do Objetivo Aumentar o Lucro 1 Gerar emprego e renda 2 Contribuir para o desenvolvimento do polo 3 industrial Fornecer produtos de qualidade 4 Criar um ambiente propício a colaboração e 5 integração dos funcionários Oferecer um ambiente propício ao 6 desenvolvimento das atividades do funcionário Tabela 1: Objetivos da Empresa A numeração dos objetivos vista na tabela 1, será utilizada no desenvolvimento dodocumento PETIC, principalmente durante a apresentação do estado atual da empresa, onde cadaprocesso em TIC será alinhado com os objetivos.1.2. Estado da Arte em TIC1.2.1. Banco de Dados Banco de dados é uma tecnologia muito útil para gerenciar massas de dados importantespara uma aplicação ou entidade. Sistemas de gerenciamento de banco de dados fornecem umainterface extremamente fácil para que sistemas de usuários armazenem e recuperem dados demaneira simples e rápida. Uma vez inseridos, fica a cargo do sistema de gerenciamento de banco dedados a armazenagem, manutenção e recuperação desses dados. Na indústria estes sistemas sãomuito utilizados para apoiar o gerenciamento e controle de dados de funcionários, estoque etc. Para empresas de pequeno porte, sistemas de gerenciamento de banco de dados gratuitos,como PostGreSQL (disponível em http://www.postgresql.org/), são muito mais acessíveis econseguem atender de maneira satisfatória as necessidades dos usuários. Um fator muitointeressante para a utilização do PostGreSQL é que este fornece uma interface para manipulaçãodos dados gerados por uma aplicação, evitando assim a necessidade de diversas interfaces paramanipulação desses dados.1.2.2. Computação em Nuvem É um novo conceito de computação que sustenta a idéia de que os serviços e informaçõesdos usuários cada vez mais ficarão armazenados em grandes servidores disponíveis na internet.Com isso os computadores passam a ser apenas plataformas para proporcionar o acesso a essesserviços, assim barateando o custo dos computadores. Grandes empresas como Google apóiam essaidéia e já fornecem diversos serviços online como gmail, google-docs, etc. Como a maioria dosserviços disponíveis na Web são gratuitos, a adesão a estes é facilitada permitindo o rápido
  4. 4. crescimento da computação em nuvem em detrimento dos softwares privados de empresas comoMicroSoft. Hoje em dia esses serviços online estão cada vez mais sendo utilizados por empresas parafacilitar a comunicação e abstrair o trabalho de se gerencias as informações geradas. Destaca-seserviços de email que podem ser gerenciados pelo próprio serviço de email do google Gmail,GoogleDocs que são planilhas de desenvolvimento de documentos que mantém todas asinformações online podendo ser disponibilizadas para diversos funcionários interessados nessasinformações, facilitando assim a comunicação. Esses serviços são todos gratuitos, facilitando assima sua adesão e em caso de insucesso o abandono. Outro ponto muito favorável para a utilizaçãodesses serviços é que o próprio provedor se responsabiliza por fazer o backup e segurança dosdados.1.2.3. Software Antivírus Os antivírus são programas de computador concebidos para prevenir, detectar e eliminarvírus de computador. [1] Existe uma grande variedade de produtos com esse intuito no mercado, a diferença entre elesestá nos métodos de detecção, no preço e nas funcionalidades [1]. Existem soluções voltadas para omercado domestico e para o empresarial, o cliente pode optar pelas ferramentas e funcionalidadesque ele deseja ou acha necessária para seu ambiente de trabalho. Um site [2] mostra um estudo realizado sobre os principais antivírus do mercado e analisacom base em um extenso benchmark de vírus e malweres qual seria o melhor antivírus ele apontadados como porcentagem de detecção no benchmark utilizado e quantidade de falsos positivos.1.2.4. Software de Domínio do Problema No que diz respeito a software para o domínio do problema não existe um software ouempresa que domine o mercado, o que existe são empresas que desenvolvem suas próprias soluçõesem núcleos de desenvolvimento ou que encomendam software de terceiros para resolver seuproblema por vezes elas optam pela compra de pacotes com software genérico ou encomendamsoftware desenvolvido especialmente para aquela empresa. Aqui em Manaus encontramos varias dessas empresas chamadas de fábricas de software.Existem tanto soluções prontas passiveis de pequenas customizações ou mesmo algumas empresasencomendam um software projetado para suas necessidades.1.2.5. Sistema de Gestão de Conteúdo Um Sistema de Gestão de Conteúdo - SGC, (em inglês Content Management Systems -CMS), é um sistema gestor de web sites, portais e intranets que integra ferramentas necessárias paracriar, gerir (editar e inserir) conteúdos em tempo real, sem a necessidade de programação de código,cujo objetivo é estruturar e facilitar a criação, administração, distribuição, publicação edisponibilidade da informação. Sua maior característica é a grande quantidade de funções presentes.[3] Podemos dizer que um CMS é um framework, “um esqueleto” de web site pré-programado,com recursos básicos e de manutenção e administração já prontamente disponíveis. É um sistemaque permite a criação, armazenamento e administração de conteúdos de forma dinâmica, através de
  5. 5. uma interface de utilizador via Internet. Um CMS permite que a empresa tenha total autonomiasobre o conteúdo e evolução da sua presença na internet e dispense a assistência de terceiros ouempresas especializadas para manutenções de rotina. Nem mesmo é preciso um funcionáriodedicado (webmaster), pois cada membro da equipe poderá gerir o seu próprio conteúdo,diminuindo os custos com recursos humanos. A habilidade necessária para trabalhar com umsistema de gestão de conteúdo não vai muito além dos conhecimentos necessários para um editor detexto. A aparência de um website criado com um CMS é customizável, através da utilização detemplates que podem ser facilmente substituídos.Em suma, o grande diferencial de um CMS é permitir que o conteúdo de um web site possa sermodificado de forma rápida e segura de qualquer computador conectado à Internet. Um sistema degestão de conteúdo reduz custos e ajuda a suplantar barreiras potenciais à comunicação webreduzindo o custo da criação, contribuição e manutenção de conteúdo. Um grande exemplo de CMS é o Wordpress [4], um sistema em PHP, Open Source e dealtíssima qualidade para gerir blogs ou portais cada vez mais completos. O Wordpress é um CMS totalmente customizável por themes (ou templates). Outros grandes exemplos de CMS são o Liferay [5] o Joomla[6], onde é facilmente realizadaa edição de conteúdos, a partir do próprio site, podendo também ser usado para o gerenciamento deintranet.1.2.6. ERP (Enterprise Resource Planning) ERP (Enterprise Resource Planning) ou SIGE (Sistemas Integrados de Gestão Empresarial,no Brasil) são sistemas de informação que integram todos os dados e processos de uma organizaçãoem um único sistema. A integração pode ser vista sob a perspectiva funcional (sistemas de:finanças, contabilidade, recursos humanos, fabricação, marketing, vendas, compras, etc) e sob aperspectiva sistêmica (sistema de processamento de transações, sistemas de informações gerenciais,sistemas de apoio a decisão, etc).[7] Os ERP em termos gerais são uma plataforma de software desenvolvida para integrar osdiversos departamentos de uma empresa, possibilitando a automação e armazenamento de todas asinformações de negócios. Alguns ERP conhecidos são o SAP ERP [13] da SAP AG, o Microsoft Dynamics [14] daMicrosoft além de um bem conhecido aqui no Brasil o ERP Microsiga Protheus [15].1.2.7. Plano de Carreira Atualmente empresas de grande porte oferecem a seus funcionários oportunidade de carreiradentro da empresa. Em empresas de porte médio e até mesmo de pequeno porte, também já existeum incentivo ao plano de carreira para os funcionários. Esse plano é repassado para os funcionáriosseja na sua contração, seja no decorrer do trabalho. Tais empresas adotam este plano de carreiracriando dentro de seu regimento um plano que defina detalhadamente a oportunidade de carreirapara os funcionários da empresa.1.2.8. Integração entre setores Determinadas empresas, tanto de grande quanto de pequeno porte, utilizam a integraçãoentre setores como fator primordial para o bom desenvolvimento do trabalho. Para que exista essaintegração, atualmente diversas atitudes são tomadas dentro de tais empresas. Estas atitudes variam
  6. 6. desde centralização da organização da atividade de integração entre setores, até reuniões entre ossetores da empresa promovidas pela alta direção.1.2.9. Incentivos a manutenção da saúde Atualmente diversas empresas, principalmente as de grande porte, oferecem planos de saúdepara cada um dos seus funcionários. Este plano de saúde é incluído dentro dos direitos que cadafuncionário tem e serve como incentivo a manutenção da saúde destes. Além disso, existe umapreocupação com a segurança no desenvolvimento do trabalho. Pensando nisso hoje em dia é supernormal a contratação de profissionais de segurança no trabalho dentro dessas organizações, tanto degrande quanto de pequeno porte.1.2.10. Gerenciamento de Talentos. O gerenciamento de talentos na maioria das vezes envolve uma seleção mais qualificadaquanto aos funcionários que estão sendo selecionados. Esta atividade geralmente é realizada peloRH de uma empresa, que fica encarregada em, na hora da seleção, verificar se o candidato que estásendo avaliado pode ser aproveitado para trabalhar em alguma área de interesse da empresa.1.2.11. Política de Treinamento/atualização Dentro de empresas tanto de pequeno quanto de grande porte, o treinamento de funcionáriosfunciona como uma forma de ensino de como fazer determinado trabalho. Em empresas de grandeporte existem até mesmo setores responsáveis apenas por dar treinamento a funcionários. Umavariante deste processo é a inclusão de apenas alguns funcionários que ficam responsáveis porrealizar o treinamento a medida que seja necessário. Tal estratégia é muito utilizada por empresasmenores.1.2.12. Profissionais técnicos em áreas especificas Atualmente a demanda por profissionais técnicos especializados em determinada áreas temsido muito necessário dentro de empresas de grande, médio e pequeno porte. Profissionais desegurança no trabalho, assim como profissionais de tecnologia da informação são dois dos maissolicitados para tais empresas. Estes profissionais se formam em média em 2 anos e estãohabilitados para trabalharem cada um em sua especialidade. No mercado hoje existem váriosprofissionais qualificados disponíveis para trabalho.1.2.13. VOIP (Voz sobre IP) Voz sobre IP, também chamado VoIP (Voice over Internet Protocol), telefonia IP, telefoniaInternet, telefonia em banda larga e voz sobre banda larga é o roteamento de conversação humanausando a Internet ou qualquer outra rede de computadores baseada no Protocolo de Internet,tornando a transmissão de voz mais um dos serviços suportados pela rede de dados. Empresas que fornecem o serviço de VoIP são geralmente chamadas provedoras, e osprotocolos usados para transportar os sinais de voz em uma rede IP são geralmente chamadosprotocolos VoIP. Existe uma redução de custo devido ao uso de uma única rede para carregar dadose voz, especialmente quando os utilizadores já possuem uma rede com capacidade subutilizada, quepode transportar dados VoIP sem custo adicional. Chamadas de VoIP para VoIP no geral são
  7. 7. gratuitas, enquanto chamadas VoIP para redes públicas (PSTN) podem ter custo para o utilizadorVoIP. [16]1.2.14. PABX-IP Um PBX (sigla em inglês de Private Branch Exchange ou ainda PABX para PrivateAutomatic Branch Exchange, cuja tradução seria Troca automática de ramais privados) é um centrode distribuição telefônica pertencente a uma empresa que não inclua como sua atividade ofornecimento de serviços telefônicos ao público em geral. [17] Um PABX-IP é um sistema dePABX baseado em VOIP, que permite realizar chamadas telefônicas sobre uma rede de dados IPcomo se estivesse utilizando a rede PSTN.1.2.15. PSTN A rede pública de telefonia comutada ou RPTC (do inglês Public switched telephonenetwork ou PSTN) é o termo usado para identificar a rede telefônica mundial comutada porcircuitos destinada ao serviço telefônico, sendo administrada pelas operadoreas de serviçotelefônico. [18]1.2.15. Asterisk O Asterisk é um Software Livre, portanto de código aberto, que implementa em software osrecursos encontrados em um PABX convencional, utilizando tecnologia de VoIP. Inicialmente desenvolvido pela empresa Digium, hoje recebe contribuições deprogramadores ao redor de todo o mundo. Seu desenvolvimento é ativo e sua área de aplicaçãomuito promissora.[19]. Maiores informações sobre o software podem ser encontradas no sitewww.asterisk.org.1.3. Cenário Desejado para TIC na Organização1.3.1. Software Software, logiciário ou suporte lógico é uma sequência de instruções a serem seguidas e/ouexecutadas, na manipulação, redirecionamento ou modificação de um dado/informação ouacontecimento. Software também é o nome dado ao comportamento exibido por essa seqüência deinstruções quando executada em um computador ou máquina semelhante além de um produtodesenvolvido pela Engenharia de software, e inclui não só o programa de computador propriamentedito, mas também manuais e especificações. [8]. Podemos dividir o software em variassubcategorias como a do software aplicativos e sistemas operacionais. Para o bom funcionamento de qualquer instituição é necessário que as informações obtidas eproduzidas pela instituição estejam sempre disponíveis e seguras nos sistemas de informação, entãofaz se necessário que a organização tenha algum meio de garantir a integridade e a segurança desuas informações. Uma classe de softwares que ajudam muito nessa tarefa são os chamadossoftwares antivírus. Existe uma grande quantidade de soluções de softwares antivírus e ferramentasauxiliares disponíveis no mercado, o que faz com que a organização tenha que optar pela escolhaadequada a sua realidade baseando-se em critérios técnicos que possibilitem fazer a melhor escolhade modo que possam ser pesadas as necessidades da organização como esforço e orçamentodisponível para essa atividade.
  8. 8. Existem diversas soluções para essas meio inclusive soluções com licença gratuita quesegundo a literatura são soluções competitivas com relação às opções pagas então a escolha daferramenta com certeza vai nos levar a uma questão de custo benefício. Também de extrema importância para uma empresa é a coleta de informações sobre asatividades da empresa e nada melhor do que fazer isso de uma maneira automatizada, por exemplo,com o uso de softwares que possam dar apoio a essa atividade. Podemos sugerir atividades comocontrole de produção, controle da produtividade dos funcionários ou ainda levantamento do uso dematérias primas, pois essas informações poderão ser úteis para outras áreas. Outra medida que se faz necessária a uma organização é dar visibilidade a ela na web, e issocomeça pela construção de um site em que a empresa possa oferecer seus produtos e serviços.Sabemos que a web hoje tem um grande potencial de atrair compradores, pois as informações deprodutos e serviços estão disponíveis a qualquer pessoal que tenha um computador na rede. Ter umsite bem construído e com funcionalidades que permitam apresentar os produtos facilita o contadoou mesmo funcionalidades de orçamento já esta deixando de ser um diferencial e passando a seruma exigência do mercado.1.3.2. Dados O cenário desejado para a área de dados da empresa é a utilização de novos mecanismos quemelhor gerenciem todos os produtos e documentos gerados pela organização. E forneçam suportepara facilitar o trabalho e a comunicação entre os diversos setores da empresa. A aplicação de computação em nuvem é um caminho seguro para armazenamento dedocumentos em repositórios Web. Isso facilita o compartilhamento de documentos que podem serinteressantes para mais de um departamento da empresa e não é necessário se preocupar compolíticas de backup, pois os sistemas online já fazem isso automaticamente. A melhor utilização da tecnologia de banco de dados pela organização pode aumentar ocontrole sobre os processos e automatizar diversas tarefas que são feitas manualmente como, porexemplo, cadastro e seleção de funcionários. O principal objetivo da PETIC para área de dados é a automatização e integração do maiornúmero de processos e melhorar a utilização dos já existentes.1.3.3. Hardware Desejamos que a empresa utilize de uma forma mais apropriada os recursos de hardwareexistentes, evitando redundâncias e conseqüentemente gastos desnecessários com manutenção eobtenção de novos equipamentos. Neste ponto podemos dizer que esta área de TIC está diretamenterelacionado ao objetivo número 1, aumentar os lucros da empresa. Redução de gastos é fundamentalpara o desenvolvimento e crescimento de uma empresa. A manutenção correta e preventiva pode evitar gastos com manutenção e troca deequipamentos, que pode ser desnecessário, assim como, uma correta política de aquisição dehardware. O principal objetivo de PETIC para área de hardware é a obtenção de processos demanutenção e aquisição de hardware, para evitar gastos da empresa.
  9. 9. 1.3.4. Pessoas De acordo com a nossa investigação observamos que o estado desejado para a empresa é acontratação de funcionários para áreas consideradas importantes dentro da empresa. Além disso,cria-se a expectativa sobre uma possível criação de planos de carreira dentro do estatuto daempresa, melhorias na integração entre os setores, maiores incentivos a manutenção de saúde e ummelhor gerenciamento dos talentos dentro da empresa. Atualmente empresas, desde pequeno até grande porte, têm em seu corpo de funcionáriosprofissionais responsáveis por tecnologia da informação. Com o crescimento das tecnologias dainformação e o seu melhor aproveitamento dentro de empresas é cada vez mais comum as empresasprocurarem por esses tipos de profissionais. Desta forma esperamos que dentro da empresa DAN-TECH seja inserido um profissional desta formação, para tornar-se responsável pelo assunto dentroda empresa. Além deste profissional outro muito comum nas empresas é o técnico de segurança dotrabalho. Este profissional fica responsável por tratar da segurança no desenvolvimento do trabalhodentro da empresa. Segurança dentro das linhas de produção e dentro de diversos setores daempresa. Esperamos a contratação de um profissional com esta especialidade para atuar dentro daempresa exatamente com objetivo de melhor as formas de trabalho. A contratação deste profissionaltambém é importante para a melhoria da questão de falta de incentivos a manutenção da saúde. Paralelamente a isto esperamos que reuniões fossem realizadas pelos responsáveis diretos daempresa, com intuito de desenvolver mecanismos que possibilitem a melhoria de alguns processosconsiderados problemáticos dentro da empresa.1.3.5. Telecomunicação O cenário desejado para a área de Telecomunicações é a utilização de serviços VOIP dentroda rede da Empresa. A Empresa possui uma conexão de Internet aceitável, considerando-se aslimitações da região norte, que pode ser explorada de maneira a trazer grandes benefícios eatualizações no setor de Comunicação da Empresa, com o que há de mais moderno no momento,em se tratando de Telecomunicações. A Utilização da Tecnologia VOIP na Dan Tech poderá trazer redução de custos em chamadasintra-ramais, uma melhor gerência dos recursos de Comunicação dentro da Empresa, inclusão deserviços adicionais e o benefício do custo de chamadas locais nas ligações interurbanas. Em uma Empresa em expansão como a Dan Tech tais mudanças neste setor terão grandeimportância. Todas as ações executadas visam o aumento do grau de maturidade da Empresa.1.4. Metodologia A metodologia utilizada para a criação do documento de Plano Estratégico da Tecnologia deInformação e Comunicação (PETIC) da empresa Dan Tech da Amazônia Indústria e Comércio Ltdafoi originada do Documento Guia PETIC 2.0 e das aulas da disciplina optativa Gerencia de Projetosoferecida pelo departamento de Ciência da Computação da Universidade Federal do Amazonas e
  10. 10. ministrada pelo professor Doutor Rogério P. C. Nascimento. Segundo as explicações em sala de aula o planejamento estratégico em TIC seria divididoem cinco grandes áreas que seriam software, hardware, pessoas, dados e telecomunicações. Figura 1 – Cinco grandes áreas par se desenvolver TIC Fonte: Guia PETIC 2.0 Então por sugestão do professor as cinco áreas foram dividias para que cada um doscomponentes do grupo pudesse ficar responsável por uma área. O objetivo do PETIC e auxiliar a organização a consegui atingir seus objetivos edesenvolver suas TIC em beneficio da organização. O primeiro passo para se construir o guia PETIC e conhecer a organização descobrir quaisseus objetivos sua missão e como está o estado atual das tecnologias de TIC na organização.Paraobtermos essas informações o grupo fez uma primeira visita às instalações da empresa , nessa visitativemos a oportunidade de conversar com alguns funcionários da administração para termos umaidéia das tecnologias empregadas nos vários setores da administração da empresa.Numa segunda etapa de posse dos dados coletas sobre o estado das tecnologias de TIC da empresaassim como objetivos e missão e feita uma analise dos dados. Primeiro atribui-se níveis dematuridade aos processos de TIC da empresa sendo: (0) inexistente, (1) mínimo, (2) seguro, (3)satisfatório e (4) o estado ideal do processo conforme definido no Guia PETIC 2.0. E tentar alinharesses processos com os objetivos da empresa. O próximo passo é definir a importância de cada processo para empresa alem de definir açõesnecessárias para corrigir alguma deficiência nesses processos e o custo que cada ação teria para aempresa. A parti disso é feito um gráfico de importância x custo que pode ser mostrado para o gestorcomo ferramenta de apoio a decisão de que atividades devem ser executas e qual e ordem que elas serãoexecutadas. Alem disso pode ser criado também um mapa de Gantt para ser ter formalmente umplanejamento de atividades com datas e prazos bem definidos para as ações escolhidas junto ao gestor.
  11. 11. 2. Desenvolvimento A seguir são apresentados os cenários atuais em TIC da empresa Dan Tech e o cenáriodesejado. No cenário atual são apresentados os problemas encontrados da empresa e a proposta desoluções no cenário desejado. Nesta seção é apresentado o retrato atual da empresa.2.1. Software O uso de software como tecnologia é de grande valia para uma organização, pois pode serusado para diversos fins como automatizar tarefas, dar apoio a atividade humana ou mesmo comoferramenta pra tratamento e segurança de dados. A primeira vista uma empresa como a DanTech que trabalha com somente com maquinariapesada de corte e modelagem de peças de aço não necessitaria do uso das tecnologias de TIC poremapesar das tecnologias de TIC não fazerem parte do negocio da empresa elas são necessárias comoum meio de otimizar o uso de pessoal e mesmo facilitar a gerencia e administração de sua linha demontagem. As tecnologias servem para que os funcionários, sobretudo aparte administrativa da empresapossam ter controle dos dados e ate mesmo fazer algum uso inteligente dos dados que estãodisponíveis.2.1.1. Cenário Atual O processo de software da organização não está suficientemente maduro, pois a organizaçãocomete erros simples e de fácil correção como, por exemplo, a situação dos softwares antivírus queapesar de estarem instalados em todas as maquinas a gerencia da empresa não sabe qual é oantivírus (só nos disseram que foi um técnico que instalou). Não existe uma política de atualizaçãodo software e não houve critérios para a escolha do antivírus. O software de gerencia de dados usado na empresa é o folhamatic, disponível em [9], parautilização desse software é necessário o pagamento mensal de uma licença de uso que permite que aempresa baixe atualizações do produto. Esse software pelo que foi apurado e subutilizado, poisexistem funcionalidades que a empresa adquiriu, mas que não usa. Esta em estudo na empresa a aquisição de um ERP, o projeto de adquirir um ERP esta nafase de orçamento com a empresa Microsiga [10] e é provável que adquiram o produto em parceriacom outra empresa.A empresa não possui um site em que possa oferecer seus serviços na web só se encontrareferencias da empresa em catálogos especializados.A gerencia da organização está interessada em implantar técnicas de simulação industrial paraaproveitar os dados disponíveis e se planejar melhor, então nos sugerimos um software desimulação também. Na Tabela 1 podemos ver o catalogo de processos da área de software, os processosmostrados em vermelho são os que necessitam de ações corretivas para melhorar suas maturidades eque são considerados importantes para os objetivos da organização.
  12. 12. Id Subárea Processo Maturidade Objetivos1.1.1 Software Software antivírus 2 1,61.1.2 Software para telecomunicações 0 1,61.1.3 Software para área de dados 3 1,61.1.4 Software para suporte ao negócio 0 1,61.1.5 Software de simulação 0 1,61.2.1 Suporte Política de licenciamento 2 11.2.2 Desenvolvimento de Software 0 11.2.3 Suporte para Help-Desk 3 1,31.3.1 Propaganda Site 0 1,3 Tabela 1 - Catálogo de Processos Na subárea software o processo de software antivírus necessita-se de ações, pois comodescrito no estado atual da organização não a controle de qual a solução utilizada nem critériosclaros de escolha e atualização. Em software de simulação são necessárias ações, pois o processoestá em faze de implantação assim como o processo da criação e manutenção do site que seráimplantado ainda.2.1.2. Cenário Desejado Para chegarmos ao cenário desejado seriam necessárias a s seguintes ações na área desoftware.Id Ação Responsável Importânc Custo ia Criar método de escolha do 1.1.1a1 Gerente de TI 1 0 software. 1.1.1a2 Padronizar uso de antivírus. Gerente de TI 1 R$359,00 * 1.1.1a3 Criar política de atualização Gerente de TI 1 0 1.3.1a1 Criar site Terceiros 2 R$ 1000,00 1.3.1a2 Administrar site Gerente de TI 2 0 1.1.3ª Software para área de dados Gerente de TI 3 R$100.000** 1.1.4ª Acompanhamento de produção Gerente de TI 3 R$100.000** Acompanhamento de 1.1.4b Gerente de TI 3 R$100.000** Produtividade 1.1.5ª Software de simulação Gerente de TI 2 ~R$3.300* Tabela 2 - Catálogo de Ações Software
  13. 13. * Licença Arena Basic U$1895** Levantamento preliminar de ERP com a empresa Microsiga. Podemos observar que seriam necessárias muitas atividades que vão desde criação depolíticas passando por contratação de serviços ate aquisição de software em si. Todas as ações podem ser executadas pelo gerente de TI exceto a criação do site quecolocamos com de terceiros por que seria um software comprado de alguma empresa. Como pode ser visto na legenda as ações que custam R$ 100.000 seriam da aquisição de umERP da Microsiga [10], nas nossas pesquisas encontramos algo mais em conta que seria o ERP SAPBusiness One [11] que no pacote mais simples sairia por R$20.000 mais como a empresa já estavaem fase de orçamento com a Microsiga e já havia sido escolhida uma solução customizada para arealidade da organização optamos por deixar esse orçamento no documento. O software de simulação recomendado por nos é o Arena Basic que é o software mais usadono mercado para simulação industrial a licença mais simples que encontramos que era a Basic custaU$ 1895 o que ficaria em torno de R$ 3.300 [12].2.2. Dados Os dados são um ponto chave para qualquer empresa, pois é através dos dados que asempresas armazenam e extraem informações para atender aos mais diversos objetivos, desdecontrole até a geração de lucro e diminuição de despesas. Toda e qualquer empresa que busqueaumentar o controle sobre suas atividades com o intuito de melhor gerenciar dos processos deveprimeiramente manter informações acerca do andamento de todos os processos. Essas informaçõessão armazenadas na forma de dados para posteriormente servirem para análise e pesquisa. Cada vez mais as empresas utilizam softwares de gerência com o objetivo de informatizar eestruturar os dados gerados pelos processos. Em qualquer parte de uma empresa existeminformações que precisam ser armazenadas, por exemplo, no estoque de uma loja é preciso manterinformações sobre a situação de cada item no estoque com o objetivo de se descobrir quais itensestão acabando.2.2.1. Estado atual A empresa Dan Tech utiliza um SIGE (Software integrado de gerência empresarial) queautomatiza o controle de folha de pagamento, emissão de notas fiscais para os produtos vendidos econtrole de finanças. Esse sistema é totalmente integrado e possui diversas funcionalidades que semelhor utilizadas seriam de grande valia para a empresa. O software de gerencia de dados emquestão é o folhamatic, disponível em http://www.folhamatic.com.br/, para utilização dessesoftware é necessário o pagamento mensal de uma licença de uso que permite que a empresa baixeatualizações do produto. Além do sistema de gerência, a empresa não utiliza nenhum outro sistema para gerencia earmazenamento dos dados e documentos gerados dentro da organização. Isso dificulta a interaçãoentre os diversos setores da empresa, pois um documento gerado pelo departamento financeiro nãoestá plenamente disponível para o departamento de recursos humanos. Seguindo o Guia de Petic, foram levantados alguns pontos, disponíveis a seguir na Tabela4,para se avaliar o estado atual da empresa em relação a parte de dados. Na tabela abaixo podemosobservar, em vermelho, que existem três itens com nível de maturidade inferior a 3, que é uma
  14. 14. maturidade considerada mínima. O processo de backup de dados é dividida entre backup de dadosmantidos pelo sistema folhamatic, o qual permite a realização de backups, e o backup dos demaisdocumentos gerados, como planilhas e documentos de texto, para estes o backup é feito de umamaneira bem rústica. Ao final de cada ano são reunidos todos os documentos gerados e então sãoarmazenados em cds. Isso acarreta diversos problemas, pois os cds podem danificar com o tempo eo período entre backups é muito longo. Também verificou-se a falta de uma base de dados cominformações de trabalhadores que pudessem preencher um determinado perfil de profissional que aempresa possa vir a precisar em um determinado momento.Id Subárea Processo Maturidade Objetivos2.1.1 Segurança Backup de dados 2 Suporte2.1.2 Acesso externo 4 Suporte2.1.3 Registro de acesso 4 Suporte2.1.4 Logging 4 Suporte2.1.5 Encriptação 4 Suporte2.2.1 Banco de dados Base de dados de espera 0 22.2.2 Data Warehouse 0 Suporte2.2.3 Escalabilidade 3 Suporte2.2.4 Unificação dos bancos de dados 5 6 Tabela 4: Catálogo de Processos para Área de Dados2.2.2 Cenário ideal Para resolver os pontos levantados com maturidade insuficiente (menos que três), foiplanejado um conjunto de ações para melhorar a maturidade dos processos. Para o processo de backup dos dados mantidos pelo sistema de gerência é necessário apenasaumentar a freqüência deste, uma vez que o próprio sistema fornece mecanismos para geração debackups. Os documentos gerados, que não são mantidos por nenhum software da empresa podemser armazenados em repositórios na Web. Essa prática esta se tornando cada vez mais difundidacom a computação em nuvem, pois facilita que os dados sejam armazenados sem perigo de seperderem e ficam disponíveis 24 horas por dia, além de facilitar o compartilhamento, melhorando ainteração entre os diversos setores da empresa. As ações estão listadas a seguir na Tabela 5, juntamente com o seu custo e o responsável pordesenvolvê-la. Podemos observar que o ponto mais crítico da empresa é o processo de backup. Noentanto a utilização de uma base de espera se mostra muito importante para agilizar o processo decontratação de novos funcionários. Id Processo Ação Responsável Importâ Custo/ ncia Esforço2.1.1a1 Backup de dados Aumentar a freqüência do Gerente de TI 2 0 backup feito pelos sistemas de gestão2.1.1a2 Backup de dados Armazenar os documentos Gerente de TI 2 R$ gerados em repositórios online 300,00
  15. 15. 2.2.1ª Base de dados de Manter um banco de dados com Gerente de TI 3 R$ espera informações sobre candidatos 600,00 Tabela 5: Catálogo de Ações para Área de Dados Como a Dan Tech atende empresas do Polo Industrial de Manaus, esta passa por períodosonde a demanda por produtos cresce rápido necessitando a contratação de mais funcionários, com ocadastro de espera a tarefa de se procurar profissionais, e talvez o custo de treinamento do mesmo,sejam diminuídas, pois já existe uma base de dados com o perfil dos profissionais. Para isso foiproposto a manutenção de uma base de dados de perfis de profissionais que possam trabalhar emalguma área da empresa.2.3. Hardware Hardware está relacionado com qualquer dispositivo físico em TIC, aquisição de novoscomputadores, HD, impressora, roteadores, etc. Ele pode ser visto como o suporte as demais áreas,pois é nele que será feito o armazenamento e acesso de dados, software e telecomunicações pelosusuários. Neste ponto, é importante salientar que o correto funcionamento do hardware éfundamental, a aquisição de equipamentos que ofereçam suporte as atividade da empresa. Para se evitar desperdício quanto á aquisição e uso dos hardwares é necessário observar aestrutura da empresa e suas necessidades, alocando os dispositivos nos locais de necessidade,evitando redundância.2.3.1. Cenário Atual Atualmente, a empresa não se preocupa com os dispositivos de hardware existentes, elapossui dois servidores, um para acesso a Internet e outro para armazenar dados de funcionários. Osservidores são mantidos por uma empresa terceirizada, logo ela não possui controle sobre osequipamentos, mas eles são suficientes para as necessidades empresariais, e oferecendo suporte demanutenção e segurança dos servidores. A manutenção de outros dispositivos de hardware é feita apenas se houver alguma pane,nesse caso um técnico, também terceirizado, vai a empresa para realizar a manutenção, não hánenhuma pessoa responsável por esse serviço dentro da própria empresa, não existindo assim umapolítica de manutenção preventiva. Não há política para aquisição do hardware, caso haja necessidade de aquisição deequipamentos, compra-se os mais modernos que existirem no mercado, verificando apenas o menorcusto para obtenção dele. Mesmo diante deste aspecto temo que apenas funcionários que necessitem dos equipamentosos utilizam, apenas a parte administrativa da empresa tem acesso a eles, e cada pessoa possui o seuequipamento para trabalho.Id Subárea Processo Maturidade Objetivos3.1.1 Compras Política de Aquisição de 0 1,6 Equipamentos
  16. 16. 3.1.2 Alocação de Equipamentos 3 63.1.3 Dimensionamento da utilização do 3 6 Hardware3.2.1 Manutenção Manutenção preventiva 0 1,63.2.2 Manutenção corretiva 3 1,63.2.3 Redundância de Hardware 3 1,63.3.1 Segurança Processo de Recuperação de 3 6 Desastres3.3.2 Proteção contra falhas de energia 5 63.3.3 Seguro de Equipamento 3 6 Tabela 6: Catálogo de Processos de Hardware2.3.2. Cenário Desejado A empresa se manifestou contra qualquer política de melhoria na área de TIC de hardwarepor não a considerar substancialmente importante para o desenvolvimento da empresa. Contudoserão citadas duas ações que podem ser tomadas para se melhorar esta área de TIC na empresa. Id Processo Ação Responsável Importâ Custo/ ncia Esforço3.1.1a1 Política de Aquisição Criar uma política de aquisição Gerente de TI 3 0 de Equipamentos de hardware com base no dimensionamento e utilização do equipamento2.1.1a2 Manutenção Criar política de prevenção de Gerente de TI 2 0 preventiva falhas de hardware Tabela 7: Catálogo de Ações para Hardware2.4. Pessoas2.4.1. Cenário Atual Dentro da empresa trabalham cerca de 87 funcionários. Estes funcionários estão divididosbasicamente em dois setores, a saber: setor administrativo e setor de produção. Os funcionários dosetor de produção somam cerca de 76 pessoas. Tais funcionários estão dispostos nas linhas deprodução dentro da empresa. Os funcionários do setor administrativo por sua vez somam apenas 11pessoas e estão responsáveis por administrar todo o funcionamento da empresa. Estes funcionáriosestão dispostos entre 2 secretarias, 2 engenheiros, 2 técnico de química industrial, 3 serventes e 2chefes, os quais são os sócios donos da empresa. Estes funcionários têm a grande responsabilidadede fazer a empresa funcionar garantindo que todas as necessidades das linhas de produção serãosupridas, entre outras tarefas a serem desenvolvidas pelo pessoal desse setor. Desta forma fica evidente um problema quanto a pessoas dentro da empresa: a sobrecarga detrabalho para os funcionários do setor de administração. Estes funcionários estão agrupados em umnúmero muito reduzido, tornando o seu trabalho sobrecarregado e posteriormente comprometido. A
  17. 17. área de pessoas dentro da empresa é considerada deficiente em alguns aspectos. Isto é mostradodiretamente no catálogo de processos para esta área. A seguir o catalogo de processos da empresa:Id Subárea Processo Maturidade Objetivos2.4.1.1 Cargos Divisão clara de tarefas 3 1,42.4.1.2 Recrutamento/seleção 3 1,2,32.4.1.3 Plano de carreira 0 1,2,42.4.1.4 Integração entre os setores 1 1,42.4.1.5 Bem-estar Ergonomia das instalações 3 12.4.2.6 Incentivos a manutenção da saúde 1 1,42.4.2.7 Ambiente de colaboração 3 1,42.4.2.8 Atividades de confraternização 3 1,42.4.2.9 Conhecimento Avaliação de desempenho 3 1,2,3,42.4.2.10 Política de Treinamento/atualização 0 42.4.2.11 Contratação de profissionais 1 1,2,3,42.4.2.12 Gerenciamento de talentos 0 1,2,3,4 Tabela 8: Catálogo de Processos de Pessoas A tabela 8 mostrada acima nos indica que alguns processos dentro da empresa já alcançaramo nível de maturidade 3 que é o mínimo esperado para cada processo. Desta forma nosconcentramos apenas a verificar a partir de então os processos destacados em vermelho dentro databela. Estes processos são considerados de suma importância dentro da empresa e desta formanecessita que um conjunto de ações seja desenvolvida. Na próxima seção mostramos assim o estadodesejado para estes processos dentro da área de PESSOAS na organização.2.4.2. Cenário Desejado A partir do preenchimento deste catálogo nos tornamos aptos a analisar os processos daempresa e elaborar um conjunto de ações para cada um dos processos problemáticos. A seguir ocatálogo de ações para a empresa. Id Processo Ação Responsável Importâ Custo/ ncia Esforço2.4.1.3 Plano de carreira A3.3 - Criação de política de Diretores da 1 20 hrs/ plano de carreiras dentro da empresa esforço empresa2.4.1.4 Integração entre A3.4 - Centralização da Diretores da 2 10 setores organização de atividades de empresa hrs/esf integração entre os setores. orço
  18. 18. 2.4.1.6 Incentivos a Contratação de um técnico em Gerente de 3 R$ manutenção da segurança no trabalho RH 1.500/ saúde mensal 2.4.1.10 Política de Criação de política de Diretores da 3 R$ Treinamento/atualiza treinamento de funcionários empresa 100,00/ ção dentro da empresa treinad or 2.4.1.11 Contratação de Contratação de um técnico em Gerente de 3 R$ Profissionais TI e técnico em segurança no RH 3000,0 trabalho 0 2.4.1.12 Gerenciamento de Realizar cursos e treinamentos Gerente de 2 R$ Talentos de atividades dentro da empresa RH 1000,0 0 Tabela 9: Catálogo de Ações para Pessoas O catálogo de ações acima indica ações a serem desenvolvidas no inutuito de melhor osprocessos relacionados a estas ações. A seguir uma breve descrição do que deve ser feito paracada ação.2.4.1.3 – Criação de política de plano de carreiras dentro da empresaReuniões para discussão da criação e implantação desta política.2.4.1.4 – Integração entre setoresReuniões para definição desta atividade dentro da empresa.2.4.1.5– Incentivos a manutencao da saúdeSeleção para contratação de técnico de segurança no trabalho.2.4.1.6 – Gerenciamento de TalentosRealização de treinamentos e de cursos para os funcionários2.4.1.7 – Contratação de funcionários especializadosSeleção de 1 Técnico em segurança no trabalho e um técnico de informática.2.4.1.8 – Política de Treinamento/AtualizaçãoReuniões para definição da política de treinamento de funcionários A realização destas ações pode contribuir para a melhoria dos processos dentro da área depessoas que ainda não tem nível de maturidade 3. As informações sobre importância de cada umdos processos e o custo de cada uma das ações é descrito com mais detalhes no gráfico importẫnciacusto anexo no capítulo 3.2.5. Telecomunicação
  19. 19. A área de Telecomunicações é uma área de grande importância para qualquer Empresa. Comtoda tecnologia disponível para a comunicação e principalmente, com toda a disponibilidade deacesso à essas tecnologias, fazer uso das mesmas na Empresa pode trazer benefícios tais como, bemestar, comodidade e aumento de lucros, para a Dan Tech. Como exemplo desses benefíciospodemos exemplificar: Uma fácil e veloz comunicação com fornecedores, colaboradores eempreendedores. Quando falamos com respeito às Telecomunicações, não estamos nos referindo apenas àtelefonia, mas também à Internet que hoje, sem dúvidas, é um dos grandes meios de Comunicação.2.5.1. Cenário Atual Atualmente a Empresa Dan Tech possui um sistema de PABX comercial fornecido pelaEmbratel. Há na empresa 06 ramais telefônicos divididos entre os 11 funcionários que trabalham naadministração da empresa. Cada ramal é normalmente utilizado por 02 funcionários. Não hátelefones disponíveis na área de produção. O PABX funciona de maneira padrão: * Disca-se „0‟ para ligações externas * É necessário uma senha de autorização para ligações para celulares e interurbano. A Internet da Empresa é uma conexão do tipo banda larga com uma boa taxa de velocidade (para os padrões da região norte) e também é fornecida pela Embratel. A tabela 10 mostra os processos existentes na área de Telecomunicações na Dan Tech:Id Subárea Processo Maturidade Objetivos5.1.1 Comunicação Disponibilidade de Aparelhos 1 6,1 Telefônicos5.1.2 Suporte ao Serviço 3 65.1.3 VOIP 0 1,5,65.1.4 Política de Uso 1 55.1.5 Serviços de Usabilidade 0 65.1.6 Gerência de Utilização do Serviço 1 65.2.7 Internet Serviços de Rede dentro da Empresa 4 1,5,6 Tabela 10: Catálogo de Processos para Área de Telecomunicações Os processos vistos na tabela 10, aparecem com as suas respectivas Maturidades e cadaprocesso é relacionado com o Objetivo da Empresa, e Subárea a que pertence.2.5.2. Cenário Desejado Para o cenário desejado faremos o uso de um PABX-IP (PABX baseado em VOIP), tal
  20. 20. solução nos parece viável devido aos seguintes pontos:  Para resolver o problema do compartilhamento de ramais entre os funcionários da Administração utilizaremos softphones que podem ser utilizados nos próprios computadores dos funcionários, assim cada um terá o seu próprio ramal.  As ligações intra-ramais serão realizadas sem custo, utilizando-se apenas a Internet.  As ligações interurbanas, que são muito numerosas na empresa, passarão a ter o custo de uma ligação local, visto que as cidades envolvidas na ligação serão ligadas via Internet e o custo será apenas o de se conectar à rede PSTN da cidade destinatária da ligação. O que sai ao custo de uma ligação local.  Poderão ser distribuídos voipphones na Empresa para ligações intra-ramais  O Controle de ligações externas (locais, para celulares e interurbano) poderão ser controlados de acordo com a criação das contas para utilização de ramais.  Software de interface gráfica que permite o gerenciamento do serviço e emissão de relatórios.  O software escolhido permite a implementação de serviços opcionais a um PABX: voicemail, URA, Caixa-postal etc. Utilizaremos como PABX-IP um software livre de código aberto chamado Asterisk queoferece todas as funcionalidades descritas acima, funciona muito bem para pequenas empresas esuporta facilmente de 50 a 60 ligações simultâneas. Teremos como cenário um servidor rodando CENTOS com o Asterisk e uma placa decomunicação com a PSTN instalados, este servidor estará conectado à Internet e receberá 02 linhastelefônicas (a principio) nas placas instaladas e fornecerá o serviço de PABX-IP para todos ossoftphones e voipphones da empresa. As ações necessárias para alcançar o cenário ideal são listadas na Tabela 11 a seguir: Id Processo Ação Responsável Custo/Esforço 5.1.1.1a Disponibilidade de Instalação e Configuração de Gerente de TI R$ 250,00 + Aparelhos VoIPphones e SoftPhones Aquisição dos Telefônicos VoIPphones 5.1.3.1a VOIP Instalação do Software PABX-IP Gerente de TI R$ 150,00 + Asterisk Aquisição do Servidor 5.1.3.2a VOIP Instalação da placa de Gerente de TI R$ 600,00 + Comunicação com a PSTN Aquisição da Placa 5.1.4.1a Política de Uso Elaboração do Documento de Gerente de TI R$ 400,00 Política de Uso dos serviços de Telecomunicações dentro da Empresa 5.1.5.1a Serviços de Configuração dos serviços de Gerente de TI R$ 1.000,00 Usabilidade usabilidade do Asterisk 5.1.6.1a Gerência de Configuração do Serviço de PABX Gerente de TI R$ 300,00 Utilização do Serviço 5.1.6.2a Gerência de Configuração da placa para Gerente de TI R$ 600,00 Utilização do Comunicação com a PSTN Serviço Tabela 11: Catálogo de Ações para Área de Telecomunicações
  21. 21. Na tabela 11, cada ação que será desenvolvida dentro da Empresa está relacionada com oprocesso a qual ela pertence e também é atribuído um responsável pela execução e /ou supervisãoda realização da ação, por último é estimado um custo total para a realização da ação.3. Conclusão A Dan Tech da Amazônia e Comércio Ltda é uma empresa de pequeno porte e um desafiopara análise de TIC. Foi necessário tomar cuidados durante a proposta de soluções em TIC naorganização para que a influência nas atividades dos funcionários não fosse prejudicada. Nestaperspectiva, nem sempre as melhores soluções existentes no mercado nem sempre eram as maisadequadas. Através da analise de TIC foram identificados os pontos em que não estavam satisfatórios, epara estes foram propostas ações que irão solucionar os problemas. Em conjunto com o responsávelde TI da empresa foram estimadas as importâncias e quais ações devem ser tomadas inicialmente. No final deste trabalho serão apresentados soluções, importâncias e cronograma que servirãoa empresa como suporte para o desenvolvimento e melhoramento dos processos de TIC,contribuindo para o crescimento e desenvolvimento da empresa. Acreditamos que com este trabalho, a empresa tenha em mãos métodos para que possadesenvolver em tempo hábil, tendo controle sobre o tempo e o custo agregado para cada solução emTIC aqui proposta. Este trabalho servirá como referência para que a diretoria da empresa e o gerentede TI possam decidir em conjunto o que deve ser desenvolvido e como desenvolver, alinhado asnecessidades da empresa.3.1. Gráficos Importância X Custo3.1.1. Software O gráfico que mostra a relação entre importância e custos referentes a software podem servistas no gráfico 1 a seguir:
  22. 22. Grafico 1: Gráfico de importância/custo para as ações da área de software3.1.2. Dados Analisando o gráfico a baixo, podemos observar que a ação para a criação de uma base dedados de espera é muito importante, facilita o processo para obtenção de novos funcionários pelaempresa. Além de evitar a que a empresa sempre contrate funcionários sem experiência. Gráfico 2: Gráfico de importância/custo para as ações da área de dados.
  23. 23. 3.1.3. Hardware Gráfico 3: Gráfico de importância/custo para as ações da área de hardware Como observado no gráfico acima, gráfico 3, não há custos relacionados as ações a seremexecutadas na área de hardware.3.1.4. Pessoas Gráfico 4: Gráfico de importância/custo para as ações da área de pessoas Gráfico importância x custo para a área de PESSOAS. Este gráfico relaciona a importânciados processos dentro da organização com o custo de cada ação dentro da empresa. Este gráfico nosinidica que três ações estão com um nível de importância maior, mesmo que com um custo tambémmais elevado. Desta forma podemos destacar que segundo o gerente responsável pela empresa asações a serem desenvolvidas dentro da área de pessoas devem estar como prioridade, visto que asmesmas ou tem um custo baixo, muitas vezes sendo apenas algumas horas de esforço ( ações2.4.1.3 – 2.4.1.4) ou mesmo que com um custo maior, tais ações tendem a melhorar processos
  24. 24. deficientes ou mesmo criar estes processos dentro da empresa.3.1.5. Telecomunicações O gráfico que mostra a relação entre importância e custos referentes às telecomunicaçõespodem ser vistas no gráfico 5 a seguir: 2,5 5.1.6.2a 5.1.3.2a 5.1.3.1a 2 1,5 5.1.6.1a 5.1.1.1a 1 5.1.4.1a 5.1.5.1a 0,5 0 0 200 400 600 800 1000 1200 1400 1600 Gráfico 5: Gráfico de importância/custo para as ações da área de telecomunicações
  25. 25. 4. Referências[1] pagina web - http://pt.wikipedia.org/wiki/Antiv%C3%ADrus acessada em 20/12/2010 as 15horas.[2] pagina web - http://www.av-comparatives.org/[3] http://pt.wikipedia.org/wiki/Sistema_de_gerenciamento_de_conte%C3%BAdo acessada em20/12/2010 as 15 horas.[4] http://pt-br.wordpress.com/ acessada em 21/12/2010 às 14 horas.[5] http://www.liferay.com/products/liferay-portal/features/cms acessada em 21/12/2010 às 14horas.[6] http://www.joomla.org/ acessada em 21/12/2010 às 14 horas.[7] http://pt.wikipedia.org/wiki/ERP acessada em 21/12/2010 às 14 horas.[8] http://pt.wikipedia.org/wiki/Software acessada em 21/12/2010 às 14 horas.[9] http://www.folhamatic.com.br/ acessada em 21/12/2010 às 14 horas.[10] http://www.microsiga.com.br/ acessada em 21/12/2010 às 14 horas.[11] http://www.sap.com/sme/solutions/businessmanagement/businessone/index.epx acessada em21/12/2010 às 14 horas.[12] http://www.arenasimulation.com/products_basic_edition.aspx acessada em 21/12/2010 às 14horas.[13] http://www.sap.com/brazil/solutions/business-suite/erp/index.epx acessada em 21/12/2010 às14 horas.[14] http://www.microsoft.com/dynamics/pt/br/default.aspx acessada em 21/12/2010 às 14 horas.[15] http://www.microsiga.com.br/ acessada em 21/12/2010 às 14 horas.[16] Voz sobre IP - http://pt.wikipedia.org/wiki/Voip – Página acessada em 21 de dezembro de2010.[17] PABX - http://pt.wikipedia.org/wiki/PBX – Página acessada em 21 de dezembro de 2010.[18] Rede publica de telefonia comutada - http://pt.wikipedia.org/wiki/PSTN – Página acessada em21 de dezembro de 2010.[19] Asterisk - http://pt.wikipedia.org/wiki/Asterisk – Página acessada em 21 de dezembro de 2010.

×