Patogenicidade Bacteriana

31.717 visualizações

Publicada em

1 comentário
2 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
31.717
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
159
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
290
Comentários
1
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Patogenicidade Bacteriana

  1. 1. ACADÊMICOS : André Silva Eliege Carvalho Mery Pacheco Sávio Rogério Wilson Rodrigues UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ – UNIFAP PRÓ-REITORIA DE ENSINO E GRADUAÇÃO DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS Patogenicidade Bacteriana MACAPÁ-AP OUTUBRO/2004
  2. 2. Patogenicidade Bacteriana <ul><li>Bactérias Patogênicas </li></ul>- Primárias <ul><li>Fatores de Virulência </li></ul>- Oportunistas - Colonização - Lesão
  3. 3. <ul><li>Fatores de colonização </li></ul><ul><li>Adesinas </li></ul><ul><li>Fimbriais; </li></ul><ul><li>Não fimbriais. </li></ul>Patogenicidade Bacteriana <ul><li>Receptoras </li></ul><ul><li>Carboidrato de Glicolipídeos; </li></ul><ul><li>Carboidratos de Glicoproteínas; </li></ul><ul><li>Integrinas. </li></ul><ul><li>Forma Biofilmes </li></ul><ul><li>Placas Dentárias </li></ul>
  4. 4. <ul><li>Invasinas </li></ul><ul><li>Fatores Nutricionais </li></ul><ul><li>Evasinas </li></ul>Patogenicidade Bacteriana <ul><li>Fatores de colonização </li></ul><ul><li>Mecanismos de Invasão </li></ul><ul><li>Macropinocitose (Salmonela E Shigella) </li></ul><ul><li>Fagocitose Comum (Listeria e Yersinia) </li></ul><ul><li>Cápsulas (Antígeno K) </li></ul><ul><li>Toxina (Leucocidina) </li></ul><ul><li>Apoptose (Subst. que promovem) </li></ul><ul><li>Ferro Complexado: Lactoferrina </li></ul><ul><ul><ul><ul><ul><li>Ferritina </li></ul></ul></ul></ul></ul><ul><ul><ul><ul><ul><li>Transferina </li></ul></ul></ul></ul></ul><ul><ul><ul><ul><ul><li>Hemina </li></ul></ul></ul></ul></ul>- Produção de Sideróforos
  5. 5. <ul><li>Enzimas hidrolíticas </li></ul><ul><li>Exotoxinas </li></ul><ul><li>Fatores de Lesão </li></ul><ul><li>Endotoxinas </li></ul><ul><li>Superantígenos </li></ul>Patogenicidade Bacteriana <ul><li>Toxinas que atuam na membrana citoplasmática; </li></ul><ul><li>Toxinas que alteram a permeabilidade da membrana celular; </li></ul><ul><li>- Toxinas que atuam dentro da célula. </li></ul>
  6. 6. Patogenicidade Bacteriana <ul><li>Produção de Antígenos semelhantes ao do Hospedeiro </li></ul>DOENÇA AUTO-IMUNE <ul><li>Formação de Anti-corpos circulantes em altos níveis; </li></ul><ul><li>Estreptococcus pyogenes </li></ul>- Febre Reumática - Glomérulonefrite <ul><li>Anticorpos contra as proteínas do choque térmico (Heat-Shock proteis) </li></ul>- Situações estressantes
  7. 7. Patogenicidade Bacteriana <ul><li>Substância tóxica localizada na porção externa da parede celular das bactérias gram-negativas. </li></ul>ENDOTOXINAS <ul><li>Na membrana externa as Endotoxinas são identificadas como Lipídeo “A” </li></ul><ul><li>O hospedeiro portados desta toxina apresentará os seguintes sintomas: </li></ul><ul><li>Calafrios - Dores generalizadas </li></ul><ul><li>Febres - Indução de Aborto </li></ul><ul><li>-Fraqueza </li></ul>
  8. 8. <ul><li>FEBRE </li></ul>Patogenicidade Bacteriana <ul><li>CHOQUE </li></ul>
  9. 9. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS TRABULSI, Luiz Rachid. Microbiologia. 3ª Edição. São Paulo: Editora: Atheneu, 1999   APPLETON & LANGE. Microbiologia Médica. 18ª Edição. Rio de Janeiro. Editora Guanabara. 1989 http://www.microbiologia.com.br   TORTORA, Gerald J. Editora: Artmed. Edição 6ª. Ano 2003. http://www.erwinguth.com.br/html

×