Nomenclatura dos compostos_organicos

13.442 visualizações

Publicada em

3 comentários
19 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
13.442
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
283
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
7
Comentários
3
Gostaram
19
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Nomenclatura dos compostos_organicos

  1. 1. Professora: Ana Karoline Maia [email_address]
  2. 3. <ul><li>IUPAC, 1892. </li></ul><ul><li>É um conjunto de substâncias com propriedades químicas semelhantes denominadas de propriedades funcionais. </li></ul><ul><li>Para estudo das funções, é preciso iniciarmos o estudo da sua nomenclatura, que exige o cumprimento de normas estabelecidas pela IUPAC (Union of Pure and Applied Chemistry </li></ul>
  3. 4. <ul><li>< INÍCIO> <MEIO> <FINAL> </li></ul>Tipo de ligação entre os átomos de carbono da cadeia principal Número de átomos de carbono na cadeia principal Função orgânica a qual pertence a molécula
  4. 5. <ul><li>Estrutura dos Nomes </li></ul><ul><li>Nome: é formado por três partes: </li></ul><ul><li>Prefixo – diz o número de carbonos </li></ul><ul><li>Parte intermediária – diz o tipo de ligação </li></ul><ul><li>Sufixo – diz a função orgânica </li></ul><ul><li>Número de C Nome </li></ul><ul><li>1 MET </li></ul><ul><li>2 ET </li></ul><ul><li>3 PROP </li></ul><ul><li>4 BUT </li></ul><ul><li>5 PENT </li></ul><ul><li>6 HEX </li></ul><ul><li>7 HEPT </li></ul><ul><li>8 OCT </li></ul><ul><li>9 NON </li></ul><ul><li>Número de </li></ul><ul><li>Ligações Nome </li></ul><ul><li>Simples AN </li></ul><ul><li>Dupla EN </li></ul><ul><li>Tripla IN </li></ul><ul><li>Dupla+Dupla DIEN </li></ul>Número de Ligações Nome Simples AN Dupla EN Tripla IN Dupla+Dupla DIEN Número de C Nome 1 MET 2 ET 3 PROP 4 BUT 5 PENT 6 HEX 7 HEPT 8 OCT 9 NON Prefixo Parte intermediária Grupo Funcional Nome Hidrocarboneto O Álcool OL Cetona ONA Adeído AL Fenol HIDROXI Éteres ATO de Radical Ac. Carboxílicos ÁC.___ ÓICO Éteres ETER ___ICO Amina INA Amida IDA . . . . . . Sufixo Nomenclatura dos Compostos Orgânicos
  5. 6. <ul><li>adeia principal . </li></ul>Número de carbonos Prefixo 1 Met 2 Et 3 Prop 4 But 5 Pent 6 Hex 7 Hept 8 Oct 9 Non 10 Dec
  6. 7. <ul><li>SIMPLES  AN </li></ul><ul><li>DUPLA  EN </li></ul><ul><li>TRIPLA  IN </li></ul><ul><li>DUAS DUPLAS  DIEN </li></ul><ul><li>DUAS TRIPLAS  DIIN </li></ul><ul><li>UMA DUPLA E UMA TRIPLA  ENIN </li></ul>
  7. 8. <ul><li>Grupo Funcional Nome </li></ul><ul><li>Hidrocarboneto O </li></ul><ul><li>Álcool OL </li></ul><ul><li>Cetona ONA </li></ul><ul><li>Adeído AL </li></ul><ul><li>Fenol HIDROXI </li></ul><ul><li>Éteres ATO de Radical </li></ul><ul><li>Ac. Carboxílicos ÁC.___ ÓICO </li></ul><ul><li>Éteres ETER ___ICO </li></ul><ul><li>Amina INA </li></ul><ul><li>Amida IDA </li></ul><ul><li>. . </li></ul><ul><li>. . </li></ul><ul><li>. . </li></ul>
  8. 9. <ul><li>Hidrocarbonetos são substâncias formadas apenas por carbono e hidrogênio. </li></ul><ul><li>Alcoóis são substâncias que apresentam o grupo OH ( hidroxila ) ligado a um carbono que apresenta apenas ligações simples </li></ul><ul><li>Cetona: todo composto que possui o grupo carbonila entre dois carbonos </li></ul><ul><li>C-H OH </li></ul>
  9. 10. Os HIDROCARBONETOS, são compostos orgânicos formados exclusivamente por: carbono e hidrogênio. Alcanos: São os principais formadores do petróleo. Os alcanos apresentam apenas ligações simples. Alcenos: Matéria-prima na fabricação de plásticos e fibras têxteis. Possuem duplas ligações. Alcinos: Usados na fabricação de plásticos e solventes. Possuem tripla ligação.
  10. 11. Nomenclatura: Prefixo + an + o Prefixo + en + o Prefixo + in + o Acompanhe os exemplos a seguir 
  11. 12. CH 4 METANO CH 3 ____ CH 3 ETANO ETENO CH 3 PROPENO ETINO
  12. 13. Nomenclatura de Compostos Orgânicos Exemplos de Nomenclatura 6 Carbonos  HEX Ligação Simples entre os átomos de carbono  AN Hidrocarboneto  O HEX AN O
  13. 14. Nomenclatura de Compostos Orgânicos Exemplos de Nomenclatura 2 Carbonos  ET Ligação Dupla entre os átomos de carbono  EN Hidrocarboneto  O ET EN O
  14. 15. Nomenclatura de Compostos Orgânicos Exemplos de Nomenclatura 2 Carbonos  ET Ligação Simples entre os átomos de carbono  AN Álcool  OL ET AN OL
  15. 16. Nomenclatura de Compostos Orgânicos Nomenclatura HEPT – 3 – ENO HEPT – 2 – ENO HEX – 2 – INO BUTAN – 2 – OL
  16. 18. <ul><li>1.1 Alcanos cíclicos – CICLANOS ou CICLOALCANOS </li></ul><ul><li>Nome - Fórmula Molecular  Fórmula Estrutural </li></ul><ul><li>O nome do alcano é precedido pela palavra ciclo. </li></ul><ul><li>CicloPropano - C 3 H 6  </li></ul><ul><li>CicloButano - C 4 H 8  </li></ul><ul><li>CicloPentano - C 5 H 10  </li></ul>CH 2 CH 2 CH 2 CH 2 CH 2 CH 2 CH 2 CH 2 CH 2 CH 2 CH 2 CH 2 Nomenclatura dos Compostos Orgânicos
  17. 19. <ul><li>2. Ligações duplas - ALCENOS </li></ul><ul><li>Nome - Fórmula Molecular  Fórmula Estrutural Condensada </li></ul><ul><li>Eteno - C 2 H 4  CH 2 = CH 2 </li></ul><ul><li>Propeno - C 3 H 6  CH 2 = CH – CH 3 </li></ul><ul><li>Buteno - C 4 H 8 </li></ul><ul><li> CH 2 = CH – CH 2 – CH 3 </li></ul><ul><li> CH 3 – CH = CH – CH 3 </li></ul><ul><li>Penteno - C 5 H 10 </li></ul><ul><li> CH 2 = CH – CH 2 – CH 2 – CH 3 </li></ul><ul><li> CH 3 – CH = CH – CH 2 – CH 3 </li></ul><ul><li>Hexeno - C 6 H 12 </li></ul><ul><li>CH 2 = CH – CH 2 – CH 2 – CH 2 – CH 3 </li></ul><ul><li>CH 3 – CH = CH – CH 2 – CH 2 – CH 3 </li></ul><ul><li>CH 3 – CH 2 – CH = CH – CH 2 – CH 3 </li></ul>Fórmula Geral: C n H 2n Nomenclatura dos Compostos Orgânicos
  18. 20. <ul><li>2.1. Alcenos cíclicos – CICLENOS ou CICLOALCENOS </li></ul><ul><li>Nome - Fórmula Molecular  Fórmula Estrutural </li></ul><ul><li>O nome do alceno é precedido pela palavra ciclo. </li></ul><ul><li>Ciclo-Propeno - C 3 H 5  </li></ul><ul><li>CicloButeno - C 4 H 6  </li></ul><ul><li>CicloPenteno - C 5 H 8  </li></ul>CH 2 CH CH H 2 C CH 2 HC CH CH 2 CH 2 CH 2 CH CH Fórmula Geral: C n H 2n-2 Nomenclatura dos Compostos Orgânicos
  19. 21. <ul><li>2.4 AROMÁTICOS </li></ul><ul><li>Caso especial com dois aromáticos que não seguem a nomenclatura pois possuem “nomes próprios”. São dois exemplos: </li></ul>Nomenclatura dos Compostos Orgânicos Benzeno Tolueno
  20. 22. <ul><li>A nomenclatura orgânica oficial começou a ser criada em 1892 em um congresso internacional em Genebra, após várias reuniões surgiu a nomenclatura IUPAC (União Internacional de Química Pura e Aplicada). </li></ul><ul><li>A nomenclatura IUPAC obedece aos seguintes princípios: </li></ul><ul><li>I. Cada composto tenha um único nome que o distinga dos demais; </li></ul><ul><li>II. Dada a fórmula estrutural de um composto, seja possível elaborar seu nome, e vice-versa. </li></ul><ul><li>Obs.: Apesar de a nomenclatura IUPAC ser a oficial, existem outros tipos de nomenclatura como por exemplo a nomenclatura usual. </li></ul>
  21. 23. <ul><li>1. Determinar a cadeia principal </li></ul><ul><li>Comporta todas as ligações necessárias (duplas ou triplas) </li></ul><ul><li>Apresenta maior número de carbonos </li></ul><ul><li>A cadeia mais ramificada </li></ul><ul><li>A cadeia de radicais menos complexos </li></ul><ul><li>2. Numerar a cadeia </li></ul><ul><li>As ligações recebem menor número possível </li></ul><ul><li>As ramificações recebem o menor número possível </li></ul><ul><li>3. Nomear o composto citando os radicais ramificados em ordem crescente de complexibilidade precedidos e separados por hífen pelo número onde eles ocorrem , finalizando com o acréscimo do nome correspondente à cadeia principal e, se existente, a localização da ligação dupla ou tripla </li></ul>Nomenclatura dos Compostos Orgânicos
  22. 24. <ul><li>1. Determinar a cadeia principal </li></ul><ul><li>Comporta todas as ligações necessárias (duplas ou triplas) </li></ul><ul><li>Apresenta maior número de carbonos </li></ul><ul><li>A cadeia mais ramificada </li></ul><ul><li>A cadeia de radicais menos complexos </li></ul><ul><li>2. Numerar a cadeia </li></ul><ul><li>As ligações recebem menor número possível </li></ul><ul><li>As ramificações recebem o menor número possível </li></ul><ul><li>3. Nomear o composto citando os radicais ramificados em ordem crescente de complexibilidade precedidos e separados por hífen pelo número onde eles ocorrem , finalizando com o acréscimo do nome correspondente à cadeia principal e, se existente, a localização da ligação dupla ou tripla </li></ul>Exemplo A: 4 – metil -octano ->No carbono de número 4 há um radical metil. -> A cadeia carbônica principal tem 8 carbonos: oct -> A cadeia carbônica tem apenas ligações simples: ano Nomenclatura dos Compostos Orgânicos
  23. 25. <ul><li>1. Determinar a cadeia principal </li></ul><ul><li>Comporta todas as ligações necessárias (duplas ou triplas) </li></ul><ul><li>Apresenta maior número de carbonos </li></ul><ul><li>A cadeia mais ramificada </li></ul><ul><li>A cadeia de radicais menos complexos </li></ul><ul><li>2. Numerar a cadeia </li></ul><ul><li>As ligações recebem menor número possível </li></ul><ul><li>As ramificações recebem o menor número possível </li></ul><ul><li>3. Nomear o composto citando os radicais ramificados em ordem crescente de complexibilidade precedidos e separados por hífen pelo número onde eles ocorrem , finalizando com o acréscimo do nome correspondente à cadeia principal e, se existente, a localização da ligação dupla ou tripla </li></ul>->No carbono de número 3 há um radical metil. -> A cadeia carbônica principal tem 9 carbonos: non -> Há uma ligação dupla: eno que encontra-se no carbono de número 2. Exemplo B: Nomenclatura dos Compostos Orgânicos
  24. 27. <ul><li>1. Determinar a cadeia principal </li></ul><ul><li>Comporta todas as ligações necessárias (duplas ou triplas) </li></ul><ul><li>Apresenta maior número de carbonos </li></ul><ul><li>A cadeia mais ramificada </li></ul><ul><li>A cadeia de radicais menos complexos </li></ul><ul><li>2. Numerar a cadeia </li></ul><ul><li>As ligações recebem menor número possível </li></ul><ul><li>As ramificações recebem o menor número possível </li></ul><ul><li>3. Nomear o composto citando os radicais ramificados em ordem crescente de complexibilidade precedidos e separados por hífen pelo número onde eles ocorrem , finalizando com o acréscimo do nome correspondente à cadeia principal e, se existente, a localização da ligação dupla ou tripla </li></ul>Pent-2 eno -> A cadeia carbônica principal tem 5 carbonos: pent -> Há uma ligação tripla: ino que encontra-se no carbono de número 2. Exemplo C: Nomenclatura dos Compostos Orgânicos
  25. 28. <ul><li>1. Determinar a cadeia principal </li></ul><ul><li>Comporta todas as ligações necessárias (duplas ou triplas) </li></ul><ul><li>Apresenta maior número de carbonos </li></ul><ul><li>A cadeia mais ramificada </li></ul><ul><li>A cadeia de radicais menos complexos </li></ul><ul><li>2. Numerar a cadeia </li></ul><ul><li>As ligações recebem menor número possível </li></ul><ul><li>As ramificações recebem o menor número possível </li></ul><ul><li>3. Nomear o composto citando os radicais ramificados em ordem crescente de complexibilidade precedidos e separados por hífen pelo número onde eles ocorrem , finalizando com o acréscimo do nome correspondente à cadeia principal e, se existente, a localização da ligação dupla ou tripla </li></ul>2,3,3-Trimetil Pentano -> No carbono 2 há radical metil e no carbono 3 há dois radicais metil: 2,3,3 – -> Como são três radicais metil na cadeia, nomeamos: trimetil -> A cadeia carbônica principal tem 5 carbonos: pent -> Só há ligações simples entre os carbonos: ano Exemplo D: Nomenclatura dos Compostos Orgânicos CH 3 | CH 3 – CH – C – CH 2 – CH 3 | | CH 3 CH 3
  26. 29. <ul><li>1. Determinar a cadeia principal </li></ul><ul><li>Comporta todas as ligações necessárias (duplas ou triplas) </li></ul><ul><li>Apresenta maior número de carbonos </li></ul><ul><li>A cadeia mais ramificada </li></ul><ul><li>A cadeia de radicais menos complexos </li></ul><ul><li>2. Numerar a cadeia </li></ul><ul><li>As ligações recebem menor número possível </li></ul><ul><li>As ramificações recebem o menor número possível </li></ul><ul><li>3. Nomear o composto citando os radicais ramificados em ordem crescente de complexibilidade precedidos e separados por hífen pelo número onde eles ocorrem , finalizando com o acréscimo do nome correspondente à cadeia principal e, se existente, a localização da ligação dupla ou tripla </li></ul>3,5-dimetil Heptano -> No carbono 3 há radical metil e no carbono 5 também há um radical metil: 3,5 - -> Como são dois radicais metil na cadeia, nomeamos: dimetil -> A cadeia carbônica principal tem 7 carbonos: hept -> Só há ligações simples entre os carbonos: ano Exemplo E: Nomenclatura dos Compostos Orgânicos CH 3 | CH 3 – CH – C – CH 2 – CH 3 | | CH 3 CH 3 CH 3 – CH – CH 2 – CH – CH 3 | | CH 2 CH 2 | | CH 3 CH 3
  27. 30. <ul><li>1. Determinar a cadeia principal </li></ul><ul><li>Comporta todas as ligações necessárias (duplas ou triplas) </li></ul><ul><li>Apresenta maior número de carbonos </li></ul><ul><li>A cadeia mais ramificada </li></ul><ul><li>A cadeia de radicais menos complexos </li></ul><ul><li>2. Numerar a cadeia </li></ul><ul><li>As ligações recebem menor número possível </li></ul><ul><li>As ramificações recebem o menor número possível </li></ul><ul><li>3. Nomear o composto citando os radicais ramificados em ordem crescente de complexibilidade precedidos e separados por hífen pelo número onde eles ocorrem , finalizando com o acréscimo do nome correspondente à cadeia principal e, se existente, a localização da ligação dupla ou tripla </li></ul>2,3-dimetil butano -> No carbono 2 há radical metil e no carbono 3 também há um radical metil: 2,3 - -> Como são dois radicais metil na cadeia, nomeamos: dimetil -> A cadeia carbônica principal tem 4 carbonos: but -> Só há ligações simples entre os carbonos: ano Exemplo F: Nomenclatura dos Compostos Orgânicos CH 3 | CH 3 – CH – C – CH 2 – CH 3 | | CH 3 CH 3 CH 3 – CH – CH 2 – CH – CH 3 | | CH 2 CH 2 | | CH 3 CH 3 CH 3 – CH –CH – CH 3 | | CH 3 CH 3
  28. 31. <ul><li>1. Determinar a cadeia principal </li></ul><ul><li>Comporta todas as ligações necessárias (duplas ou triplas) </li></ul><ul><li>Apresenta maior número de carbonos </li></ul><ul><li>A cadeia mais ramificada </li></ul><ul><li>A cadeia de radicais menos complexos </li></ul><ul><li>2. Numerar a cadeia </li></ul><ul><li>As ligações recebem menor número possível </li></ul><ul><li>As ramificações recebem o menor número possível </li></ul><ul><li>3. Nomear o composto citando os radicais ramificados em ordem crescente de complexibilidade precedidos e separados por hífen pelo número onde eles ocorrem , finalizando com o acréscimo do nome correspondente à cadeia principal e, se existente, a localização da ligação dupla ou tripla </li></ul>2,4-dimetil hexeno - 1 -> No carbono 2 há radical metil e no carbono 4 também há um radical metil: 2,4 - -> Como são dois radicais metil na cadeia, nomeamos: dimetil -> A cadeia carbônica principal tem 6 carbonos: hex -> Há ligação dupla entre os carbonos: eno -> No primeiro carbono encontra-se a dupla ligação: - 1 Exemplo G: Nomenclatura dos Compostos Orgânicos CH 3 | CH 3 – CH – C – CH 2 – CH 3 | | CH 3 CH 3 CH 3 – CH – CH 2 – CH – CH 3 | | CH 2 CH 2 | | CH 3 CH 3 CH3 – C – CH 2 –CH – CH 3 || | CH 2 CH 2 | CH 3

×