Gestão participação

313 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
313
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
8
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
20
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Gestão participação

  1. 1. Gestão Participativa Deuzilene Viegas Assistente Social
  2. 2. Algumas considerações Gestão = administração Participativa = participar # constar
  3. 3. Objetivo: Envolver todos os membros do processo ou da entidade nos processos decisórios. Possibilitar que todos membros se sintam parte.
  4. 4. AUTOGESTÃO  Consiste na autonomia completa, de uma pessoa ou grupo, para administrar uma entidade.  Na realidade, ela só existe quando os participantes de um empreendimento são também seus proprietários.  Principais instrumentos: assembléias; plebiscitos; reuniões.
  5. 5. ESTRATÉGIAS DE PARTICIPAÇÃO Informação; Envolvimento no processo decisório; Participação na direção; Participação nos resultados.
  6. 6. Pressupostos  Participação: ponto de chegada e ponto de partida;  Elementos: equidade social, solidariedade, ética;  Democracia requer tempo;  Mudança de mentalidade é investimento a longo prazo/geracional;  Diretrizes gerais e particularidades locais;  A dinâmica social é dinâmica;  Abusar da criatividade 
  7. 7. VANTAGENS DA GESTÃO PARTICIPATIVA  Desenvolvimento expressivo das pessoas;  Participação eficaz dos trabalhadores;  Distribuição igualitária de responsabilidade e dos resultados;  Elevado grau de integração com a cultura da organização;  Sólida base para as decisões;  Sustentação do diálogo e respeito às diferenças individuais.
  8. 8. Ao se implantar a gestão participativa em uma organização, três de seus aspectos sofrem mudanças. São eles: • Comportamento; • Estrutura; • Visão Sistêmica.
  9. 9.  Características da Gestão Participativa  Foco nas pessoas;  Valorização da informação;  Valorização do ser Humano  Visão comum, identidade e valores compartilhados;  Solidariedade entre as pessoas
  10. 10. Pessoas Estrutura Objetivos
  11. 11. O que é mobilizar?  Envolver pessoas em torno de interesses concretos e comuns;  Há necessidade de desenvolver as pessoas continuamente;  É um processo educativo constante;  Considerar o ponto de vista dos sujeitos envolvidos (subjetividade/ objetividade);  Perceber a realidade como experiência concreta e vivida (relações sociais, construção permanente);
  12. 12. O que é mobilizar? Presença convivência Confiança
  13. 13. PARTICIPAÇÃ O
  14. 14. Organização Planejamento / monitoramento: Defina o que fazer e os indicadores; Utilize verbos que expressem resultados: alcançar, ampliar, aumentar, reduzir, garantir. Construa indicadores possíveis de serem alcançados.
  15. 15.   Pode ser aplicado em todos os níveis da organização; Totalmente voltado para a realidade da entidade;  Método construtivo e participativo;  Baixo investimento;  Simplicidade e rapidez na implantação;  Comprovado matematicamente.
  16. 16. “Gerenciamento é uma questão de medição” Selma Paschini (2007)
  17. 17. Planejamento para...  Definir a situação atual;  Estabelecer objetivos;  Determinar facilidades e barreiras;  Definir as medidas necessárias;  Definir um cronograma.
  18. 18. Como implantar o planejado A motivação é o que tira as pessoas de uma situação de conforto e as faz assumir responsabilidades. A motivação precisa ser nutrida dentro de uma instituição, e para isso é preciso conhecer as forças que tem esse poder para cada colaborador.
  19. 19. Como implantar o planejado O último parâmetro que pode indicar a situação de sustentabilidade de uma instituição é o seu grau de legitimidade.
  20. 20. “Desenvolver a qualificação e o potencial de seus colaboradores para obter o desempenho, aceitação de maiores responsabilidades e comprometimento com os resultados desejados. “ Lucena (2004)
  21. 21. Questões a serem avaliadas...    Como os membros da entidade conseguem identificar seu papel na organização? O que é esperado deles e quanto estão contribuindo para gerar resultado? Como cada um está assumindo seu papel na entidade?
  22. 22. o que avaliar ? Os resultados alcançados, tendo como parâmetros as metas e respectivos indicadores definidos antecipadamente (no planejamento).
  23. 23. Avaliar possibilita     Saber se o colaborador está trabalhando na direção dos resultados esperados; Analisar o ambiente organizacional afeta positiva ou negativamente o desempenho; Dar ao colaborador o retorno do seu desempenho; Antecipar-se nas ações necessárias para evitar que o desempenho seja desviado dos
  24. 24. Avaliar possibilita    Analisar as variáveis do ambiente organizacional que afetam positiva ou negativamente o desempenho; Dar ao colaborador o retorno do seu desempenho; Antecipar-se nas ações necessárias para evitar que o desempenho seja desviado dos resultados esperados.
  25. 25. Quando falamos de avaliação, nosso pensamento nos leva a diferentes situações e experiências, com significados que muitas vezes, nos despertam sentimentos de medo, fracasso, equívoco, punição, reprovação. Esses sentimentos são gerados por um tipo de avaliação, que centra seus esforços na busca dos desvios, dos erros e, resulta sempre em “punição do culpado”.
  26. 26. Para que avaliar?  Para conhecer a situação atual;  Avaliar os resultados e de processos  Eliminar atividades que não agregam valor;  Tomar decisões acertadas;  Reorientar as políticas;  Readequar as estratégias a realidade atual;
  27. 27.    É a fase que assegura a continuidade do processo. Estabelece reuniões periódicas para analisar o andamento dos trabalhos. Requer por parte do gestor habilidade de comunicação, liderança e relacionamento interpessoal.
  28. 28.  Reconhecimento pelo resultados: A contribuição de cada pessoa para o sucesso da organização é reconhecida pelo resultado que produz e não simplesmente pelo que faz.
  29. 29. Tipos de dirigentes  Tradicional: controlador; centralizador;  “Estrela” consideram que se ele a entidade não tem futuro.  Inovador (participativo): busca o melhor para e entidade; respeita as opiniões contrárias;
  30. 30.  Busca o melhor para a organização;  Tem respeito e consideração para com todos; E ético; É verdadeiro no que coloca;  Confia nas pessoas.
  31. 31. É honesto; É dinâmico e entusiasmado; É leal;  Tem bom senso;  Tem visão de futuro; É criativo.
  32. 32. SUBSISTEMA DESENVOLVIMENTO DE PESSOAS
  33. 33.  TREINAMENTO É O PREPARO DA PESSOA PARA O CARGO.  PREPARAR A PESSOA PARA EXECUÇÃO IMEDIATA DE TAREFAS;  EDUCAÇÃO É O PREPARO DA PESSOA PARA O AMBIENTE DENTRO OU FORA DENTIDADE.  OPORTUNIDADE PARA O DESENVOLVIMENTO PESSOAL, NÃO APENAS EM SEU CARGO, MAS TAMBÉM EM OUTRAS FUNÇÕES;  MUDA A ATITUDE DAS PESSOAS.
  34. 34. “Você pode comprar o tempo de um homem; você pode comprar a presença física de um homem em determinado lugar; você pode até mesmo comprar dele certo número de movimentos musculares por hora ou por dia;
  35. 35. mas não pode comprar entusiasmo. Não pode comprar iniciativa; não pode comprar lealdade; não pode comprar devoção de corações, mentes e almas. Essas coisas você precisa ganhar”. Clarence Francis

×