Segundo Reinado

1.099 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.099
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
35
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Segundo Reinado

  1. 1. 1840-1889
  2. 2. Com a antecipação da maioridade do príncipe Pedro realizado no dia 28 de julho de 1840, aos 14 anos, iniciou-se o Segundo Reinado.
  3. 3.  Partido Conservador (1836): apelidado de Saquarema - termo originado da cidade de Saquarema, Rio de Janeiro.  Partido Liberal (1837): também chamado de Luzia - apelido ligado à cidade de Santa Luzia, Minas Gerais.
  4. 4.  Ministério dos Irmãos.  Em 13 de outubro de 1840 foi marcada a eleição para a nova Câmara dos Deputados.  Eleições do Cacete
  5. 5.  Em 1842 os políticos do Partido Liberal, Antônio Feijó de São Paulo e Teófilo Ottoni de Minas Gerais se revoltaram contra a anulação das eleições.  Em 1847 a criação do cargo de presidente do Conselho de Ministros criou-se o início do Parlamentarismo.  Durante todo o Segundo Reinado (1840–1889), houve 36 gabinetes ministeriais no governo: 21 gabinetes liberais e 15 conservadores.
  6. 6.  Período da Conciliação, entre 1853-1861.  A Consolidação foi promovida pelo imperador depois da Revolta Praieira, ocorrida em Pernambuco em 1848.
  7. 7.  Voto livre e universal para o povo brasileiro, que se deu o fim do voto censitário;  Plena liberdade de imprensa;  Garantia de trabalho para todos;  Extinção do poder moderador;  Entre varias outras...
  8. 8.  A produção cafeeira superou a de todos os demais produtos agrícolas, como o açúcar, tabaco, algodão e cacau.
  9. 9.  Os cafeicultores tornaram-se o grupo mais rico e influente na sociedade brasileira.  Centro do poder econômico do nordeste transferido para o sudeste do território.
  10. 10.  O senador paulista Nicolau de Campos Vergueiro.  Sistema de Parceria
  11. 11.  O imposto sobre os produtos importados era de 15%. Com essa tarifa, os produtos importados passaram a 30%.  Mas se fossem fabricados no Brasil produtos semelhantes aos importados eram cobrados um tributo de 60%.
  12. 12. (O fim do Trafico Negreiro)  Em 1850 decretou que o tráfico de escravos realizado no Oceano Atlântico em sentido ao Brasil era proibido.
  13. 13.  Essa lei estabelecia que o meio normal de adquirir a propriedade da terra pela compra e não pela posse.
  14. 14.  Os escravos não recebiam salário, então não participavam do mercado consumidor;  O dinheiro gasto na compra de escravos pelos fazendeiros poderia ser empregado na compra de produtos industrializados.  Lei Biil Aberdeen
  15. 15. Dois Incidentes Detonaram a Questão Christie  O furto, não esclarecido, da carga do navio inglês Príncipe de Gales, que havia naufragado próximo à costa do Rio Grande do Sul, em 1861;  A prisão, em 1862, de três oficiais da marinha inglesa que estavam andando em trajes civis pelas ruas de Rio de Janeiro, embriagados, provocando desordem.
  16. 16.  Garantir o direito de navegação pelo rio da Prata.  Impedir que vaqueiros uruguaianos atravessassem as fronteiras brasileiras e atacassem as fazendas gaúchas;  Impedir que a Argentina anexasse o Uruguai.
  17. 17. Os interesses na região Platina levaram o Brasil a participar de três guerras:  Oribe e Rosas (1851-1852)  Aguirre (1864-1865)  Guerra do Paraguai (1865-1870)
  18. 18.  O Partido Blanco, liderado por Manuel Oribe.  O Partido Colorado, liderado por Frutuoso Riveira.
  19. 19.  Durante a década de 1850, o conflito político entre os blancos e colorados continuou intenso no Uruguai.  Em 1865, com o auxílio das tropas brasileiras, Venâncio Flores derrotou Aguirre e assumiu o governo uruguaio.
  20. 20.  O governo inglês favoreceu a luta promovida pelas forças do Brasil, da Argentina e do Uruguai, formando- se a Tríplice Aliança contra o Paraguai.
  21. 21. (Lutas pelo fim da escravidão)  Durante o século XIX, a escravidão africana atingiu seu ponto máximo no Brasil.  De 1801 até meados do século estima-se que o tráfico negreiro tenha trazido ao país cerca de 1,7 milhões de africanos.
  22. 22.  Foi um movimento popular pela libertação dos escravos.  Lei do Ventre Livre (1871)  Lei dos Sexagenários (1885)  Lei Áurea (1888)
  23. 23.  Apesar da luta pela abolição, a situação social dos negros após sua conquista continuou muito difícil.
  24. 24. A década de 1870 marcou o começo da crise do segundo reinado. Contribuíram para essa crise, o movimento republicano, os conflitos do governo imperial com a igreja e o exército e o processo abolicionista.
  25. 25.  Em 1888, com a abolição da escravidão, houve um rompimento definitivo entre os senhores de escravos com o governo do império.  Nesse ano foi lançado o Manifesto Republicano e três anos depois foi fundado o Partido Republicano Paulista.
  26. 26. Desde o Período Colonial, a Igreja Católica era uma instituição submetida ao Estado, pelo Regime do Padroado.
  27. 27.  Depois da Guerra do Paraguai, o exército brasileiro foi adquirindo uma importância que o governo monárquico não reconhecia.  Importantes oficiais eram punidos por suas atitudes públicas quando denunciavam a corrupção ou se manifestavam contra a escravidão.
  28. 28.  Em 15 de novembro de 1889, marechal Deodoro da Fonseca.  Governo Provisório da República dos Estados Unidos do Brasil.
  29. 29.  Livro História Global – Brasil e Geral.
  30. 30. Jéssica Elaine Kaíne Colodetti Lulyan Vulpi Thays Iolanda 2ºC

×