COMPONENTES DO
SISTEMA DE EXAUSTÃO
USO DA FUMAÇA PARA
DEMONSTRAR A VAZÃO DE AR
Tubo de FumaçaTubo de Fumaça
Nos ambientes industriais e de
trabalho, no monitoramento da
eficiência dos sistemas de venti...
Tubo de FumaçaTubo de Fumaça
RELAÇÃO ENTRERELAÇÃO ENTRE
VELOCIDADE DE CAPTURA (VVELOCIDADE DE CAPTURA (Vcc ) E) E
VELOCIDADE NO DUTO (VVELOCIDADE NO DU...
DISTÂNCIA DE CAPTURADISTÂNCIA DE CAPTURA
XX
VELOCIDADE DE CAPTURAVELOCIDADE DE CAPTURA
A FONTE DE EMISSÃO ESTÁ A UM
DIÂMET...
MÁXIMA DISTÂNCIA DE CAPTURAMÁXIMA DISTÂNCIA DE CAPTURA
NÃO DEVE SER MAIS QUENÃO DEVE SER MAIS QUE
1.5 VEZES O DIÂMETRO DO ...
LARGURA EFETIVA DA
FLANGE (W)
ALTURA DA CHAMINÉ EM
RELAÇÃO À LINHA DE TELHADO
OU
LINHA DE CENTRO DE TOMADA
DE AR NO MESMO TELHADO
RECOMENDAÇÕES PARA O
TRABALHO COM
CAPTORES TIPO LABORATÓRIO
CAPELAS
Captores com baixas
velocidades de ar, pequenas
áreas ...
RECOMENDAÇÕES PARA O
TRABALHO COM
CAPTORES TIPO LABORATÓRIO
CAPELAS
Este tipo de captor não é
suficientemente seguro para
...
RECOMENDAÇÕES PARA O
TRABALHO COM
CAPTORES TIPO LABORATÓRIO
CAPELAS
Para as exposições mais comuns, um
captor projetado ad...
RECOMENDAÇÕES PARA O
TRABALHO COM
CAPTORES TIPO LABORATÓRIO
CAPELAS
l - Executar todas as operações
que podem gerar, conta...
RECOMENDAÇÕES PARA O
TRABALHO COM
CAPTORES TIPO LABORATÓRIO
CAPELAS
3 - Não colocar a cabeça no interior
do captor.
4 - Nã...
RECOMENDAÇÕES PARA O
TRABALHO COM
CAPTORES TIPO LABORATÓRIO
CAPELAS
5 - Não armazenar, substâncias
químicas ou equipamento...
RECOMENDAÇÕES PARA O
TRABALHO COM
CAPTORES TIPO LABORATÓRIO
CAPELAS
7 - Manter as frestas de exaustão
do captor livre de o...
RECOMENDAÇÕES PARA O
TRABALHO COM
CAPTORES TIPO LABORATÓRIO
CAPELAS
9 - Manter as portas dos
laboratórios fechadas (exceto...
RECOMENDAÇÕES PARA O
TRABALHO COM
CAPTORES TIPO LABORATÓRIO
CAPELAS
11 - Não instalar tomadas elétricas ou
outras fontes d...
RECOMENDAÇÕES PARA O
TRABALHO COM
CAPTORES TIPO LABORATÓRIO
CAPELAS
l3 - Providenciar manutenção
adequada para o sistema d...
RECOMENDAÇÕES PARA O
TRABALHO COM
CAPTORES TIPO LABORATÓRIO
CAPELAS
l4 - Se a janela do captor é
projetada para trabalhar
...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

0412 ventilaçãolocal

176 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
176
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

0412 ventilaçãolocal

  1. 1. COMPONENTES DO SISTEMA DE EXAUSTÃO
  2. 2. USO DA FUMAÇA PARA DEMONSTRAR A VAZÃO DE AR
  3. 3. Tubo de FumaçaTubo de Fumaça Nos ambientes industriais e de trabalho, no monitoramento da eficiência dos sistemas de ventilação e em instalações de laboratórios. A detecção de correntes de ar pode ser usada para detectar vazamentos e testar a estanqueidade de sistemas vedados.
  4. 4. Tubo de FumaçaTubo de Fumaça
  5. 5. RELAÇÃO ENTRERELAÇÃO ENTRE VELOCIDADE DE CAPTURA (VVELOCIDADE DE CAPTURA (Vcc ) E) E VELOCIDADE NO DUTO (VVELOCIDADE NO DUTO (Vdd ))
  6. 6. DISTÂNCIA DE CAPTURADISTÂNCIA DE CAPTURA XX VELOCIDADE DE CAPTURAVELOCIDADE DE CAPTURA A FONTE DE EMISSÃO ESTÁ A UM DIÂMETRO EM FRENTE CAPTOR E A VELOCIDADE NO DUTO (Vd) = 3,000 feet per minute (fpm), ENTÃO A VELOCIDADE DE CAPTURA (Vc) ESPERADA É 300 fpm. A DOIS DIÂMETROS DE DUTO DO CAPTOR DE EXAUSTÃO A VELOCIDADE DE CAPTURA DECRESCE POR UM FATOR DE 10, OU
  7. 7. MÁXIMA DISTÂNCIA DE CAPTURAMÁXIMA DISTÂNCIA DE CAPTURA NÃO DEVE SER MAIS QUENÃO DEVE SER MAIS QUE 1.5 VEZES O DIÂMETRO DO DUTO1.5 VEZES O DIÂMETRO DO DUTO
  8. 8. LARGURA EFETIVA DA FLANGE (W)
  9. 9. ALTURA DA CHAMINÉ EM RELAÇÃO À LINHA DE TELHADO OU LINHA DE CENTRO DE TOMADA DE AR NO MESMO TELHADO
  10. 10. RECOMENDAÇÕES PARA O TRABALHO COM CAPTORES TIPO LABORATÓRIO CAPELAS Captores com baixas velocidades de ar, pequenas áreas de face e o trabalhador em pé a frente da capela podem providenciar segurança contra todos os eventos que podem ocorrer num captor.
  11. 11. RECOMENDAÇÕES PARA O TRABALHO COM CAPTORES TIPO LABORATÓRIO CAPELAS Este tipo de captor não é suficientemente seguro para substâncias voláteis ou outros contaminantes com Limites de Tolerância em concentrações baixas a níveis de p.p.b.
  12. 12. RECOMENDAÇÕES PARA O TRABALHO COM CAPTORES TIPO LABORATÓRIO CAPELAS Para as exposições mais comuns, um captor projetado adequadamente com uma sala bem ventilada pode providenciar, uma proteção adequada. Contudo, certas práticas de trabalho são necessárias para manter a eficiência do captor. As seguintes práticas de trabalho são geralmente requeridas; em algumas situações podem ser necessárias práticas mais
  13. 13. RECOMENDAÇÕES PARA O TRABALHO COM CAPTORES TIPO LABORATÓRIO CAPELAS l - Executar todas as operações que podem gerar, contaminantes dentro do captor. 2 - Manter todos os equipamentos ao menos 150 mm longe da face do captor. Uma faixa na superfície da capela é um bom lembrete.
  14. 14. RECOMENDAÇÕES PARA O TRABALHO COM CAPTORES TIPO LABORATÓRIO CAPELAS 3 - Não colocar a cabeça no interior do captor. 4 - Não usar, o captor como mecanismo de descarte.
  15. 15. RECOMENDAÇÕES PARA O TRABALHO COM CAPTORES TIPO LABORATÓRIO CAPELAS 5 - Não armazenar, substâncias químicas ou equipamentos no captor. Armazenar substâncias químicas em armários de segurança aprovados. 6 - Manter a janela do captor, o mais fechada possível
  16. 16. RECOMENDAÇÕES PARA O TRABALHO COM CAPTORES TIPO LABORATÓRIO CAPELAS 7 - Manter as frestas de exaustão do captor livre de obstruções, recipientes ou outros equipamentos. 8 - Minimizar o tráfego de pessoas próximas da face do captor.
  17. 17. RECOMENDAÇÕES PARA O TRABALHO COM CAPTORES TIPO LABORATÓRIO CAPELAS 9 - Manter as portas dos laboratórios fechadas (exceto: alguns projetos de laboratórios requerem que as portas fiquem abertas). 10 – Não remover as janelas do captor, caso necessário, devem ser posteriormente recolocadas.
  18. 18. RECOMENDAÇÕES PARA O TRABALHO COM CAPTORES TIPO LABORATÓRIO CAPELAS 11 - Não instalar tomadas elétricas ou outras fontes de faíscas no interior, de captores, quando estiverem presentes líquidos ou gases inflamáveis. Não são permitidas tomadas permanentes nos captores. 12 – Usar barreiras se houver possibilidades de explosão.
  19. 19. RECOMENDAÇÕES PARA O TRABALHO COM CAPTORES TIPO LABORATÓRIO CAPELAS l3 - Providenciar manutenção adequada para o sistema de exaustão do captor e para o sistema de insuflamento de ar do edifício. Medir parâmetros aerodinâmicos Realizar avaliação qualitativa
  20. 20. RECOMENDAÇÕES PARA O TRABALHO COM CAPTORES TIPO LABORATÓRIO CAPELAS l4 - Se a janela do captor é projetada para trabalhar parcialmente fechada, o captor deve ser sinalizado e o ponto apropriado de operação deve ser claramente indicado.

×