As novas tecnologias da informação e comunicação

309 visualizações

Publicada em

Palestra realizada no dia 16 de setembro, curso OUTROS OLHARES, discutindo as múltiplas diversidades. Realizada na SMED - Gravataí.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
309
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
171
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

As novas tecnologias da informação e comunicação

  1. 1. Educomunicação As novas tecnologias da informação e da comunicação; Juliana Medeiros, Licenciada em Ciências Biológicas/Unisinos, Especialista em Metodologia do Ensino de Biologia e Química/UNINTER. Mestranda do PPG em Informática na Educação pelo IFRS, câmpus Poa. Professora de Ciências da rede de Gravataí, Formadora do NTM Gravataí
  2. 2. O que é tecnOlOgia?
  3. 3. Tecnologia (do grego — "técnica, arte, ofício" e —τεχνη λογια "estudo") é um termo que envolve o conhecimento técnico e científico e a aplicação deste conhecimento através de sua transformação no uso de ferramentas, processos e materiais criados e/ou utilizados a partir de tal conhecimento. Disponível em: http://pt.wikipedia.org/wiki/Tecnologia
  4. 4. • A Tecnologia da Informação (TI) pode ser definida como o conjunto de todas as atividades e soluções providas por recursos de computação que visam permitir a produção, armazenamento, transmissão, acesso, segurança e o uso das informações. • É a área de Informática que trata a informação, a organização e classificação de forma a permitir a tomada de decisão em prol de algum objetivo. A Tecnologia da informação pode contribuir para alargar ou reduzir as liberdades privadas e públicas, ou tornar-se em instrumento de dominação. Disponível em: http://pt.wikipedia.org/wiki/Tecnologia_da_informa%C3%A7%C3%A3o
  5. 5. Mas as coisas tem mudado nos últimos anos...
  6. 6. Que recursos tecnológicos temos disponíveis na escola? SERÁ QUE DEVEMOS USAR O CELULAR? •Acesso a internet, •Grava vídeos e áudios, •Apps, •Interação, .... Foram orientados sobre a forma de usar???
  7. 7. Internet “Porta para o mundo” • Uso intensivo a uns 3 anos; • Como usamos essa ferramenta? – Ainda estamos aprendendo. • Grande quantidade; • Superficial; • Existe crítica??
  8. 8. Será que os alunos sabem mesmo usar essas ferramentas digitais? oQue recursos eles utilizam? oQuem ensinou? oPara que eles utilizam?
  9. 9. Que recursos nós usamos? • Facebook; • WhatsApp; • GPS; • Google; • E-mail; • Editor texto; • Power point; • Excel. Como usamos? Há crítica?
  10. 10. • Vídeo: - comercial Itaú: crianças e a evolução tecnológica.
  11. 11. Nativos digitais e Imigrantes digitais... Nossos alunos mudaram radicalmente. Os alunos de hoje não são os mesmos para os quais o nosso sistema educacional foi criado. “Os alunos de hoje – do maternal à faculdade – representam as primeiras gerações que cresceram com esta nova tecnologia. Eles passaram a vida inteira cercados e usando computadores, vídeo games, tocadores de música digitais, câmeras de vídeo, telefones celulares, e todos os outros brinquedos e ferramentas da era digital. Em média, um aluno graduado atual passou menos de 5.000 horas de sua vida lendo, mas acima de 10.000 horas jogando vídeo games (sem contar as 20.000 horas assistindo à televisão). Os jogos de computadores, e-mail, a Internet, os telefones celulares e as mensagens instantâneas são partes integrais de suas vidas.” PRENSKY, M. Digital Natives, Digital Immigrants. In: On the Horizon. NCB University Press, Vol. 9 No. 5, Outubro, 2001. Disponível em http://www.nnstoy.org/download/technology/Digital %20Natives%20-%20Digital%20Immigrants.pdf .
  12. 12. Como nos sentimos? Curta da Pixar: Lifted
  13. 13. Pilhas de cadernos, agendas e planilhas de papel foram substituídas por arquivos no computador, que facilitam nosso trabalho. Provas e trabalhos são elaboradas com o uso de softwares, internet e editores de texto. Porém, a presença de alguns recursos tecnológicos deve deixar de ser imprescindível apenas no espaço administrativo e ocupar seu lugar onde será mais útil e mais ricamente aproveitada: a sala de aula. Fonte:Revista Pátio. Disponível em: https://www.grupoa.com.br/revista-patio/artigo/5945/o-uso-das- tecnologias-na-educacao.aspx
  14. 14. O que podemos fazer? Algumas possibilidades... Além do uso pessoal! Blog; Sites; Redes Sociais; Livro digital; Vídeo aulas.
  15. 15. Sites Posso criar um site, com conteúdo da disciplina, postar arquivos para os alunos fazerem downloads. Site de um projeto da escola, onde todos podem acessar... Exemplos: https://sites.google.com/site/fazersites/ https://sites.google.com/site/diversidadegravatai/ https://sites.google.com/site/profjulianaaulasdeciencias/
  16. 16. Uso do site - Webquest A palavra WebQuest em sua etimologia nos remete para a soma de duas palavras: web (rede de hiperligações) e quest (questionamento, busca ou pesquisa). A WebQuest é uma atividade didática, estruturada de forma que os alunos se envolvam no desenvolvimento de tarefas de investigação, utilizando os recursos da Internet. https://sites.google.com/site/webquestntmgravataialimentacao/
  17. 17. Blog http://revistaescola.abril.com.br/blogs/tecnologia-educacao/ http://diversidadegravatai.blogspot.com.br/
  18. 18. Como criar essas ferramentas... Perca o medo!!! • Cursos de extensão, oficinas... • Tire um tempo para navegar (é verdade, não é fácil ...) • Assista os tutoriais disponíveis no youtube.
  19. 19. http://www.google.com.br/intl/pt-BR/about/products/
  20. 20. Livro digital Projeto desenvolvido com as bibliotecárias da rede municipal, em 2014/ 2015. Uso do programa de edição de vídeo (Movie Maker) para confeccionar livros digitais construídos pelo professor ou por seus alunos. A formação também apresentará os procedimentos para disponibilização do vídeo livro criado no You Tube.
  21. 21. Vídeo aulas Existem várias disponíveis no youtube... Inclusive foi criado um YouTube exclusivo para a educação: YouTube Educação https://www.youtube.com/channel/UCs_n045yHUiC-CR2s8AjIwg • Existem diversos softwares que possibilitam criar vídeos aulas – simulando uma lousa digital. • Alunos preferem gravar vídeos apresentando trabalhos, do que falar na frente de todos.
  22. 22. Jogos educativos • São inúmeros os sites que fornecem jogos educativos; http://www.smartkids.com.br/jogos-educativos/ http://www.escolagames.com.br/ • No Linux educacional também tem uma série de jogos; • GCompris: é um programa educativo, com uma série de jogos para crianças acima de 2 anos.
  23. 23. Outros exemplos... • Kalzium: é uma tabela periódica interativa; • Google earth; • Museus virtuais; • Portal da Positivo: http://www.aprendebrasil.com.br/
  24. 24. Redes Sociais • Criar grupos, • Trocar materiais, • Postar conteúdos importantes, • Divulgar ações da escola/disciplina. Uso de imagem: menores de 12 anos não podem ter suas fotos publicadas, mesmo com autorização dos pais.
  25. 25. Conteúdos educacionais e Portais do MEC: • Domínio Público: site da Biblioteca Digital. • TV Escola: site do projeto TV Escola, onde poderá acessar a coleção de vídeos. • Portal do Professor: projeto Portal do Professor, com acesso a coleção multimídia (áudios, vídeos, animações, simulações, sugestões de aulas e outros). • Banco Internacional de Objetos Educacionais: site do projeto Banco Internacional de Objetos Educacionais, repositório que possui objetos educacionais de acesso público, em vários formatos e para todos os níveis de ensino.
  26. 26. Movimento Maker – Movimento do Faça Você Mesmo  São espaços de experimentação que permitem aos usuários criar seus protótipos de um jeito rápido e barato, o que muda não só os processos de produção, mas traz também novas e ricas oportunidades de aprendizado.

×