Síndrome da Ardencia Bucal

2.099 visualizações

Publicada em

Aula introdutória sobre Síndrome da Ardencia Bucal (SAB) do blog Por Dentro da Dor Orofacial coordenado pela Profa. Juliana Stuginski Barbosa.
www.julianadentista.com

Publicada em: Saúde e medicina
0 comentários
7 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.099
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
7
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Síndrome da Ardencia Bucal

  1. 1. Síndrome da Ardência Bucal<br />Profa. Juliana Stuginski Barbosa<br />www.julianadentista.com<br />
  2. 2. Ardência Bucal<br /><ul><li>Uma série de condições tem como sintoma a ardência bucal
  3. 3. Abordagem inicial em pacientes com ardência bucal:
  4. 4. Anamnese
  5. 5. Histórico médico e odontológico
  6. 6. Exames clínico: odontológico, neurológico
  7. 7. Exames laboratoriais</li></li></ul><li>
  8. 8. Ardência bucal<br />
  9. 9. Síndrome da Ardência Bucal<br />
  10. 10. Síndrome da Ardência Bucal<br /><ul><li>Condição crônica e dolorosa, caracterizada por ardência em mucosa oral associada a sensação de boca seca e/ou alteração do paladar.</li></li></ul><li>Classificação Internacional das Cefaleias (IHS, 2004)<br />Parte III: Neuralgias cranianas e causas centrais de dor facial<br />13.18.5: Síndrome da ardência bucal<br />Critérios diagnósticos:<br />Dor na boca presente diariamente e persistindo a maior parte do dia.<br />A mucosa oral de aparência normal.<br />Doenças locais e sistêmicas foram excluídas<br />Comentário:<br />A dor pode ser limitada à língua (glossodínia).<br />Secura subjetiva da boca, parestesias e alteração no paladar podem ser sintomas associados.<br />
  11. 11. Síndrome da Ardência Bucal – Remissão espontânea<br />Gilpin SF GlossodyniaJAMA 1936<br />25 indivíduos<br />32% remissão espontânea<br />Grushka M Spontaneous remission in BMSJ Dent Res 1987<br />43 indivíduos<br />20% remissão espontânea em 7 anos<br />Danhauer SC Impact of criteria-based diagnosis of BMS J Orofac Pain 2002<br />26 indivíduos<br />3.8% remissão espontânea<br />Sardella A BMS: a retrospective study on spontaneous remission Oral Dis 2006<br />53 indivíduos<br />3% remissão espontânea em 5 anos<br />
  12. 12. Síndrome da Ardência Bucal – Características Clínicas<br /><ul><li>Intensidade moderada a forte
  13. 13. Varia durante o dia
  14. 14. Bilateral na maior parte dos casos
  15. 15. Não segue trajetória anatômica dos nervos periféricos, relatada em mais de um local.
  16. 16. Locais mais afetados por ordem: 2/3 anteriores da língua, lábios, palato e bochechas.
  17. 17. Mais prevalente no gênero feminino, na fase pós menopausa.
  18. 18. Sem fatores precipitantes evidentes.
  19. 19. Associada a ansiedade e depressão.</li></li></ul><li>Fisiopatologia da SAB<br />
  20. 20. Inervação da língua<br />
  21. 21. Pistas para decifrar a fisiopatologia<br />Presença de alterações sensoriais<br />Hipoestesia em língua (72 a 85% dos pacientes)<br />Alterações na gustação: diminuição no limiar<br />Aumento significativo na razão gustação/formigamento<br />fRMI: <br />Processamento de estímulos térmicos de forma anormal em relação ao grupo controle<br />
  22. 22. Saliva e fatores locais<br /><ul><li>Não há diferenças significativas no fluxo salivar entre pacientes e grupo controle
  23. 23. Há aumento de concentração de fatores bioquímicos e imunológicos nos pacientes com SAB.
  24. 24. Alterações na gustação foram significantes para os sabores, exceto salgado.</li></ul>Resultados sugerem disfunção do sistema de gustação periférico – possivelmente relacionado a uma disfunção do sistema nociceptivo periférico<br />Hershkovich, Nagler, 2004<br />
  25. 25. Sistema nervoso periférico<br /><ul><li>Alterações sensoriais e gustativas sugerem patologia em nervos periféricos.
  26. 26. Neuropatia trigeminal de fibras finas (Lauria, 2005).
  27. 27. Evidência de hipofunção do nervo corda do tímpano (Eliav et al., 2007).</li></li></ul><li>Sistema nervoso central<br /><ul><li>Redução dos níveis de dopamina endógena em putamen – Evidências do envolvimento do sistema dopaminérgico nigroestriatal (Hagelberg et al., 2003).
  28. 28. Estrógeno como neuroprotetor do sistema dopaminérgico – pode explicar a ocorrência de SAB no gênero feminino e pós menopausa.</li></li></ul><li>Síndrome da Ardência Bucal - Tratamento<br />
  29. 29.
  30. 30.
  31. 31. Síndrome da ardência bucal: dor neuropática<br />Considerando a heterogeniedade dos resultados obtidos nos estudos apresentados, não se pode concluir por uma fisiopalogia central ou periférica. <br />Há evidências de que ocorra uma anormalidade generalizada e em vários níveis, do processamento da informação somato-sensitiva em pacientes com SAB. <br />Mais estudos relacionados à neurofisiologia, patologia e neuroimagem são ainda necessários para esclarecer a contribuição das diferentes estruturas do sistema nervoso na fisiopatologia desta síndrome.<br />
  32. 32. Continue acompanhando o Por Dentro da Dor Orofacial!<br />www.julianadentista.com<br />Profa. Juliana Stuginski Barbosa<br />2011<br />

×