Fernando Melo- SLOW Networking - 12.02.15

466 visualizações

Publicada em

Apresentação de Fernando Melo, CEO da Alliance Healthcare, no SLOW Networking de 12.02.2015

www.facebook.com/SLOWNetworking

Publicada em: Negócios
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
466
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
9
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Fernando Melo- SLOW Networking - 12.02.15

  1. 1. 2015 Porto, 12/02/2015 – 15ª edição SLOW Networking
  2. 2. CONVIDADO Fernando Melo CEO Alliance Healthcare Fernando Melo2015
  3. 3. “A Sustentabilidade das Empresas e os Modelos de Excelência” SLOW Networking TEMA 2015
  4. 4. Primeira parte SLOW Networking A Sustentabilidade das Empresas e os Modelos de Excelência CASE
  5. 5. SLOW Networking CASE As minhas convicções
  6. 6. SLOW Networking CASE Excelência? Competitividade? Qualidade? Eficiência Operacional? Estratégia? Inovação? Benchmarking? Vantagem Competitiva?
  7. 7. SLOW Networking Estratégia CASE Produto Processo Procedimento/ Método CLASSE DE INOVAÇÃO Cada via de inovação tem um posicionamento distinto. Incremental Distintiva Revolucionária Gestão da Qualidade Total Reengenharia Investigação Desen- volvimento
  8. 8. Primeira parte SLOW Networking Estratégia CASE A lebre e a tartaruga
  9. 9. Primeira parte SLOW Networking Estratégia CASE
  10. 10. SLOW Networking Estratégia CASE “Utilizing the New Drivers of Innovation, Profitability, and Growth in a Demanding Global Economy” “Converting Intangible Assets into Tangible Outcomes”
  11. 11. SLOW Networking Estratégia CASE
  12. 12. SLOW Networking Estratégia CASE Uma Visão
  13. 13. SLOW Networking Estratégia CASE Uma Visão
  14. 14. SLOW Networking Estratégia CASE Uma Visão
  15. 15. SLOW Networking Estratégia CASE Uma Visão
  16. 16. SLOW Networking CASE Grande Dimensão das Vantagens Competitivas BLOCKBUSTERS INCH BY INCH Número de Vantagens Competitivas Pequena F1 Racing Retailing Poucas Muitas Patented drugs Commodities Price competition Exemplo AH: Na indústria de distribuição farmacêutica situamo-nos na zona "inch by inch“ o que reforça a necessidade de modelos para melhorar a eficiência operacional. Estratégia - Vantagem Competitiva
  17. 17. SLOW Networking CASE Discol As empresas precisam de criar um momento para vencer a inércia Desenvolvimento do negócio Liderança As pessoas certas no sitío certo Aceleração do negócio Factos brutais Cultura da empresa Disciplina Criatividade e capacidade de decisão Estratégia - Modelo Estratégico - DISCOL
  18. 18. SLOW Networking CASE Estratégia - Modelo Estratégico – CONCEITO HEDGEHOG
  19. 19. SLOW Networking CASE Estratégia - Modelo Estratégico – CONCEITO HEDGEHOG
  20. 20. SLOW Networking CASE Estratégia - Modelo Estratégico – Exemplos de Livros de Gestão
  21. 21. SLOW Networking CASE Reduzir o absentismo Aumentar a produtividade Reduzir o número de reclamações Baixar o custo unitário Isto não é estratégia, a isto chama-se melhorar a nossa eficiência operacional, independentemente da nossa estratégia. Eficiência Operacional
  22. 22. SLOW Networking CASE A conceção e eficiência dos processos-chave é fundamental para qualquer empresa. Os processos têm que estar interligados com os fatores críticos de sucesso. Têm que traduzir a missão da empresa. Eficiência Operacional – Processos-Chave/Fatores Críticos de Sucesso
  23. 23. SLOW Networking CASE Eficiência Operacional – O Modelo EFQM
  24. 24. SLOW Networking CASE Eficiência Operacional – O Modelo EFQM
  25. 25. SLOW Networking CASE Eficiência Operacional – Empresas EFQM vs Mercado
  26. 26. SLOW Networking CASE Na Europa existem mais de 20.000 empresas que já aderiram ao EFQM. Os países de Leste que já fazem parte da União Europeia têm cada vez mais empresas EFQM. Em Portugal, certamente não existirão mais de 5 empresas que utilizam este modelo. Empresas que ganharam o prémio de Excelência a nível internacional: Páginas Amarelas, Volvo, Rank Xerox, Siemens, Bosch, Nokia, SGS-Thomson Microelectronics, Solvay Martorell, Ericsson, IBM. . Eficiência Operacional – Número de Empresas Europeias EFQM
  27. 27. SLOW Networking CASE 14,7 -0,7 1,2 12,3 16,6 21,2 2,43% -0,13% 0,22% 1,94% 2,71% 3,37% -0,50% 0,00% 0,50% 1,00% 1,50% 2,00% 2,50% 3,00% 3,50% 4,00% -5,0 0,0 5,0 10,0 15,0 20,0 25,0 30,0 2010 2011 2012 2013 2014 BU 2015 Trading Profit Trading profit Trading profit (% da faturação) €m Exemplo Alliance Healthcare - Resultados
  28. 28. SLOW Networking CASE 15,4 8,1 18,8 27,5 24,4 26,2 2,54% 1,61% 3,54% 4,33% 4,00% 4,17% 0,00% 0,50% 1,00% 1,50% 2,00% 2,50% 3,00% 3,50% 4,00% 4,50% 5,00% 0,0 5,0 10,0 15,0 20,0 25,0 30,0 2010 2011 2012 2013 2014 BU 2015 Trading Profit (excl. bad debts) Trading Profit Trading profit (% da faturação) €m Exemplo Alliance Healthcare - Resultados
  29. 29. SLOW Networking CASE Exemplo Alliance Healthcare - Inquérito de Satisfação dos Clientes
  30. 30. SLOW Networking CASE Exemplo Alliance Healthcare - Inquérito de Satisfação dos Colaboradores
  31. 31. SLOW Networking CASE Exemplo Alliance Healthcare - Inquérito de Satisfação dos Colaboradores
  32. 32. SLOW Networking CASE Exemplo Alliance Healthcare - Modelo Estratégico
  33. 33. SLOW Networking CASE Exemplo Alliance Healthcare - Modelo Estratégico
  34. 34. SLOW Networking CASE Exemplo Alliance Healthcare - Modelo Estratégico
  35. 35. SLOW Networking CASE Exemplo Alliance Healthcare - Modelo Estratégico
  36. 36. SLOW Networking CASE Exemplo Alliance Healthcare - Modelo Operacional
  37. 37. SLOW Networking CASE Exemplo Alliance Healthcare - Modelo Operacional
  38. 38. SLOW Networking CASE Exemplo Alliance Healthcare - Modelo Operacional
  39. 39. SLOW Networking CASE Exemplo Alliance Healthcare - Modelo Operacional
  40. 40. SLOW Networking CASE Exemplo Alliance Healthcare - Modelo Operacional
  41. 41. SLOW Networking CASE Exemplo Alliance Healthcare - Modelo Operacional
  42. 42. SLOW Networking CASE Exemplo Alliance Healthcare - Modelo Operacional
  43. 43. SLOW Networking CASE
  44. 44. SLOW Networking CASE
  45. 45. CONTACTOS CASE SLOW Networking Fernando Melo Fernando Melo pt.linkedin.com/in/fernandomelo21/en Obrigado!

×