Rota dos Arquivos do Alentejo:
divulgar e qualificar arquivos
Jorge Janeiro
Diretor do Arquivo Distrital de Évora
12.º Con...
Objetivos da Rota
 Divulgar o património arquivístico
regional.
 Contribuir para a qualificação dos
arquivos da região.
Enquadramento
Política
arquivística
nacional
Lei Orgânica da DGLAB –
compete à DGLAB “promover a
qualidade dos arquivos en...
A Rota:
Diretório de arquivos?
A Rota disponibiliza informação sobre:
 Entidades detentoras de arquivos, nomeadamente, a ...
Iniciativas de promoção
A Rota promove o património arquivístico
através de:
 Página web;
 Página de facebook;
 Produçã...
Requisitos de adesão
 Disponibilização da
documentação para consulta
numa sala de leitura.
 Existência de instrumentos d...
Procedimento de adesão
Pedido por escrito dirigido ao Arquivo Distrital de Évora, entidade
coordenadora da Rota, no qual a...
Pós-adesão
 Solicita-se à entidade o email a que serão conferidas
permissões para efetuar publicações na página de
facebo...
Página web da Rota
A página web (http://rotaarquivosalentejo.wix.com/rotaarquivosalentejo#!) foi alojada
num site gratuito...
Página web da Rota
 Objetivos.
Página web da Rota
 Arquivos aderentes.
Página web da Rota
 Arquivos aderentes.
Página web da Rota
 Visitar.
Página web da Rota
 Contactos.
Página do Facebook da Rota
 Foi também criada uma página institucional de Facebook, gerida pelo Arquivo
Distrital de Évor...
Produção de materiais de divulgação
 O Arquivo Distrital de Évora produziu folhetos alusivos à Rota para
distribuir no Co...
Futuro da Rota
 Aumentar número de entidades aderentes;
 Aumentar visibilidade da Rota junto do público;
 Promover even...
Obrigado!
Questões?
Contacto:
jorge.janeiro@adevr.dglab.gov.pt
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Rota dos Arquivos do Alentejo

161 visualizações

Publicada em

Apresentação realizada no âmbito do 12.º Congresso BAD. Évora, outubro de 2015.

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
161
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Rota dos Arquivos do Alentejo

  1. 1. Rota dos Arquivos do Alentejo: divulgar e qualificar arquivos Jorge Janeiro Diretor do Arquivo Distrital de Évora 12.º Congresso BAD – Évora, outubro de 2015
  2. 2. Objetivos da Rota  Divulgar o património arquivístico regional.  Contribuir para a qualificação dos arquivos da região.
  3. 3. Enquadramento Política arquivística nacional Lei Orgânica da DGLAB – compete à DGLAB “promover a qualidade dos arquivos enquanto recurso fundamental ao exercício da atividade administrativa, de prova ou de informação visando a sua eficiência e eficácia, nomeadamente no que se refere às suas relações com os cidadãos”. Regime jurídico dos arquivos distritais – compete a cada um deles “divulgar o património arquivístico que detém, bem como o da respetiva área de intervenção”. Estruturação da oferta turística cultural em roteiros temáticos. Política turística
  4. 4. A Rota: Diretório de arquivos? A Rota disponibiliza informação sobre:  Entidades detentoras de arquivos, nomeadamente, a sua história, a sua missão, as suas atribuições, os horários de funcionamento, a morada e os contactos;  Serviços de arquivo prestados (consulta de documentação, reprografia);  Atividades de divulgação do património arquivístico (visitas guiadas, exposições, oficinas educativas, etc.);  Fundos documentais detidos por cada entidade;  Instrumentos de descrição documental disponíveis;  Páginas institucionais dedicadas aos arquivos.
  5. 5. Iniciativas de promoção A Rota promove o património arquivístico através de:  Página web;  Página de facebook;  Produção de materiais de divulgação;  Organização de eventos conjuntos.
  6. 6. Requisitos de adesão  Disponibilização da documentação para consulta numa sala de leitura.  Existência de instrumentos de descrição documental.  Organização de visitas guiadas. • Arquivo com documentação histórica. • Ferramentas de pesquisa. • Recursos humanos qualificados afetos. • Equipamentos adequados. • Instalações apropriadas. A pertença à Rota não implica quaisquer perdas de autonomia para as entidades, que continuam a definir a forma de acesso aos documentos e o funcionamento dos seus serviços. Requisitos condiçõesimplicam
  7. 7. Procedimento de adesão Pedido por escrito dirigido ao Arquivo Distrital de Évora, entidade coordenadora da Rota, no qual a entidade candidata declara cumprir os requisitos de entrada e fornece as informações a colocar na página Web:  Nome da entidade;  História e missão;  Imagem (de documento ou outra);  Fundos documentais e documentos de relevo;  Instrumentos de descrição documental existentes;  Serviços prestados na área dos arquivos;  Morada;  Contactos (telefone, email, página web);  Horários;  Itinerário(s) temático(s) a que quer pertencer.
  8. 8. Pós-adesão  Solicita-se à entidade o email a que serão conferidas permissões para efetuar publicações na página de facebook da Rota de modo a que esta possa, regularmente, divulgar o seu património, os seus serviços e as suas atividades naquela rede social.  Solicitam-se, também, os endereços dos instrumentos de descrição alojados nas páginas institucionais de modo a permitir o redirecionamento automático dos utilizadores, que assim poderão pesquisar a informação que pretendem.
  9. 9. Página web da Rota A página web (http://rotaarquivosalentejo.wix.com/rotaarquivosalentejo#!) foi alojada num site gratuito, estando estruturada nas seguintes subpáginas:  Início.
  10. 10. Página web da Rota  Objetivos.
  11. 11. Página web da Rota  Arquivos aderentes.
  12. 12. Página web da Rota  Arquivos aderentes.
  13. 13. Página web da Rota  Visitar.
  14. 14. Página web da Rota  Contactos.
  15. 15. Página do Facebook da Rota  Foi também criada uma página institucional de Facebook, gerida pelo Arquivo Distrital de Évora, onde as entidades aderentes podem efetuar publicações.
  16. 16. Produção de materiais de divulgação  O Arquivo Distrital de Évora produziu folhetos alusivos à Rota para distribuir no Congresso BAD e noutros eventos.
  17. 17. Futuro da Rota  Aumentar número de entidades aderentes;  Aumentar visibilidade da Rota junto do público;  Promover eventos conjuntos;  Ganhar projeção junto de entidades de promoção do património cultural.
  18. 18. Obrigado! Questões? Contacto: jorge.janeiro@adevr.dglab.gov.pt

×