Grangrena

736 visualizações

Publicada em

Tudo sobre gangrena!

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
736
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
9
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Grangrena

  1. 1. Tudo sobre Gangrena
  2. 2. O que é Gangrena? Gangrena é a morte do tecido em parte do corpo.
  3. 3. Causas A gangrena aparece quando uma parte do corpo perde seu abastecimento de sangue. Isso pode ocorrer devido à uma lesão, uma infecção ou outras causas. Você terá um maior risco de gangrena se tiver: Uma lesão grave Doença dos vasos sanguíneos (como arteriosclerose, também chamada de endurecimento das artérias, nos braços ou pernas) Diabetes Sistema imunológico suprimido (por exemplo, devido ao HIV ou quimioterapia) Cirurgia
  4. 4. Exames O médico poderá diagnosticar a gangrena a partir de um exame físico. Além disso, os seguintes exames e procedimentos podem ser utilizados para diagnosticar a doença: Arteriogarma (radiografia especial para ver se há bloqueios nos vasos sanguíneos) para ajudar a planejar o tratamento para doenças nos vasos Exames de sangue (contagem de leucócitos pode ser alta) Tomografia computadorizada para examinar os órgãos internos Cultura de tecido ou fluído das feridas para identificar infecção bacteriana Exame do tecido sob o microscópio para observar a morte das células Cirurgia para encontrar e remover o tecido morto Raios x
  5. 5. Mais sobre Gangrena Consulte seu médico imediatamente se: Uma ferida não sarar ou se houver feridas frequentes na área Uma área da pele ficar azul ou preta Houver secreção fétida de uma ferida no corpo Você apresentar dor persistente, sem explicação em uma área Você tiver febre persistente, sem explicação
  6. 6. Sintomas de Gangrena Os sintomas dependem do local e causa da gangrena. Se a pele estiver envolvida, ou se a gangrena estiver perto da pele, os sintomas poderão incluir: Descoloração (azul ou preta se a pele for afetada vermelha ou bronze se a área afetada estiver sob a pele) Secreção fétida Perda da sensibilidade na área (que pode acontecer após dor severa na área
  7. 7. Se a área afetada estiver dentro co corpo (como gangrena da vesícula biliar ou gangrena gasosa, os sintomas poderão incluir: Confusão Febre Gases nos tecidos sob a pele Mal-estar geral Baixa pressão sanguínea Dor persistente ou intensa
  8. 8. Tratamento de Gangrena A gangrena exige avaliação e tratamento urgente. Em geral, o tecido morto deve ser removido para permitir a cura do tecido vivo circundante e evitar infecção adicional. Dependendo da área gangrenada, da condição geral da pessoa e a causa da gangrena, o tratamento poderá incluir: Amputação da parte gangrenada Uma operação de emergência para detectar e remover o tecido morto Uma operação para melhorar o fornecimento de sangue para a área Antibióticos operações repetidas para remover tecido morto (desbridamento) Tratamento na unidade de tratamento intensivo (para pacientes gravemente doentes)
  9. 9. Expectativas O que esperar vai depender de onde a gangrena estiver no corpo, a disseminação da doença e a condição geral da pessoa. Se o tratamento demorar, a gangrena for extensiva ou a pessoa tiver outros problemas médicos significativos, ela pode falece
  10. 10. Complicações possíveis As complicações dependem do local da gangrena, da disseminação da doença e a sua causa, além da condição geral da pessoa. As complicações podem incluir: Incapacidade devido à amputação ou remoção de tecido morto Cura prolongada da ferida ou necessidade de cirurgia reconstrutora, como enxerto de pele
  11. 11. Prevenção A gangrena pode ser evitada se tratada antes que o dano ao tecido seja irreversível. As feridas devem ser tratadas adequadamente e observadas com cuidado quanto a sinais de infecção (como aumento da vermelhidão, inchaço ou secreção) ou dificuldade em sarar. Pessoas com diabetes ou doença dos vasos sanguíneos devem examinar seus pés de forma rotineira em busca de sinais de lesões, infecções ou alteração da cor da pele, e buscar auxilio, se necessário.
  12. 12. •Fim •Por: Joemille

×