Tendência Pedagógica - Tradicional

42.820 visualizações

Publicada em

Trabalho sobre Tradicionalismo

Publicada em: Educação
2 comentários
24 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
42.820
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
138
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
2
Gostaram
24
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Tendência Pedagógica - Tradicional

  1. 1. Faculdade Noroeste do Ceará – FANORCE Instituto Vale do Coreaú - IVCProfessor: UrbanoMontenegro
  2. 2. IntroduçãoO ensino tradicionalista, ou tradicional,trabalha basicamente com a transmissão deinformações, cabe ao professor com o auxíliodo livro-texto transmitir os conhecimentos aoaluno. Nessa modalidade são raras situaçõesem que o aluno é estimulado a raciocinarsozinho. O aluno não é visto como umconstrutor do conhecimento.
  3. 3. O que é tradicionalismo?O tradicionalismo é um sistema filosófico que coloca atradição como critério e regra de decisão, é umconjunto de hábitos e tendências que procurammanter uma sociedade em equilíbrio.
  4. 4. Papel da escolaA escola nesta tendência se institucionaliza apartir do Renascimento e da idade moderna,com o sistema de internatos, com disciplinarigorosa e vigilância constante,marcando, sobretudo, a escola secundáriaburguesa que objetiva a formação humanista.
  5. 5. ConteúdosSão os conhecimentos e valoressociais acumulados pelosantepassados ou geraçõesadultas e repassados ao alunocomo verdades.
  6. 6. MétodosExposição verbal da matéria, preparação doaluno, apresentação, associação, exercíciose repetições.
  7. 7. Relacionamento Professor X Aluno Predomina a autoridade do professor. O professor transmite o conteúdo na forma absorvida. Disciplina rígida, a disciplina imposta é o meio mais eficaz para assegurar a atenção e o silêncio.
  8. 8. Pressupostos de aprendizagemA aprendizagem é receptiva emecânica, sem se considerar ascaracterísticas próprias de cadaidade.
  9. 9. Manifestações na prática escolarManifestações na prática escolar: A pedagogialiberal tradicional é viva e atuante em nossasescolas. Na descrição apresentada aqui incluem-seas escolas religiosas ou leigas que adotam umorientação clássico-humanista ou uma meionatural e social, o método de solução deproblemas.
  10. 10. Teoria de Piaget sobre o Desenvolvimento Cognitivo Conceitos-chave• Organização e adaptação– Organização: à medida que aumenta a maturação da criança, elasorganizam padrões físicos ou esquemas mentais em sistemas maiscomplexos.– Adaptação: capacidade de adaptar as suas estruturas mentais oucomportamento para se adaptar às exigências do meio.• Assimilação e acomodação– Assimilação: moldar novas informações para encaixar nosesquemas existentes.– Acomodação: mudança nos esquemas existentes pela alteraçãode antigas formas de pensar ou agir.• Processo desenvolvimental– Equilibração: tendência para manter as estruturas cognitivas emequilíbrio.
  11. 11. Teoria de Piaget
  12. 12. O que é o conhecimento para Piaget?• Conhecimento Físico– Conhecer os atributos dos objetos– Concreto e observável• Conhecimento Lógico-matemático– Construção mental de relações• Conhecimento Social– Conhecimento adquirido através das interações(linguagem, palavras matemáticas, convenções morais)
  13. 13. O que é o pensamento para Piaget?• De acordo com Piaget, o desenvolvimentocognitivo consiste em adaptações às novasobservações e experiência.• A adaptação toma 2 formas:– Assimilação– Acomodação
  14. 14. Porque é importante a Teoria de Piaget• Capta as grandes tendências do pensamento dacriança• Encara as crianças como sujeitos ativos da suaaprendizagem
  15. 15. “O principal objetivo da educação é criarindivíduos capazes de fazer coisas novas e nãosimplesmente repetir o que as outras geraçõesfizeram.” Jean Piaget
  16. 16. Referências Bibliográficas:BRASIL, Ministério da educação e do Desporto. Secretaria de Ensino Médioe Tecnológico. Parâmetros Curriculares Nacionais.Brasília: MEC/SEMTEC, 1999.GARCIA, R. L. Currículo emancipatório e multiculturalismo: reflexões deviagem. In: SILVA, T. T. e MOREIRA, A. F. (orgs.)Territórios contestados: o currículo e os novos mapas políticos e culturais.Petrópolis: Vozes, 1995.GIROUX, H. Os professores como intelectuais: rumo a uma pedagogia críticade aprendizagem. Porto Alegre: Artmed, 1997.SILVA, T.T. Identidades terminais: as transformações na política daPedagogia e na Pedagogia da Política. Petrópolis: Vozes, 1996.MOREIRA, A. F. B. e SILVA, T. T. Sociologia a teoria do currículo: umaintrodução. In: Currículo, cultura e sociedade. São Paulo: Cortez, 2005.

×