ANÁLISE DE CONTEÚDO
PRÁTICAS
Prof. Dr. João Alberto da Silva
joaosilva@furg.br
UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE
RELEMBRANDO….
O que é?
ANÁLISE DE CONTEÚDO É ……
um conjunto de técnicas de análise das comunicações
visando obter por procedimentos sist...
SEGUNDO BARDIN…..
1. PRÉ-ANÁLISE
•Universo de análise (corpus)
•Preparação dos dos documentos
•Leitura flutuante
2. EXPLOR...
COMO CLASSIFICAR?
Por que você acha que uma flor é importante?
SUJEITO 1: Eu acho que uma flor é importante
por que elas s...
A IMPORTÂNCIA DE CONSTRUIR UNIDADES
• Em entrevistas ou dados coletados em grupo
focal, muitas vezes, um mesmo comentário
...
Exemplo de trecho de documento
A avaliação deve ser um tanto qualitativa
quanto quantitativa. A avaliação quantitativa é
a...
EXEMPLO: DADO BRUTO
Entrevista (Professora de Matemática): E tu te sentes
presa a essa questão do conteúdo em relação...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Práticas de Análise de Conteúdo

289 visualizações

Publicada em

Prática para fazer Análise de Conteúdo

Publicada em: Ciências
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
289
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Práticas de Análise de Conteúdo

  1. 1. ANÁLISE DE CONTEÚDO PRÁTICAS Prof. Dr. João Alberto da Silva joaosilva@furg.br UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE
  2. 2. RELEMBRANDO….
  3. 3. O que é? ANÁLISE DE CONTEÚDO É …… um conjunto de técnicas de análise das comunicações visando obter por procedimentos sistemáticos e objetivos de descrição do conteúdo das mensagens indicadores (quantitativos ou não) que permitam a inferência de conhecimentos relativos às condições de produção/recepção (variáveis inferidas) dessas mensagens (BARDIN, 2011, p. 48).
  4. 4. SEGUNDO BARDIN….. 1. PRÉ-ANÁLISE •Universo de análise (corpus) •Preparação dos dos documentos •Leitura flutuante 2. EXPLORAÇÃO DO MATERIAL •Primeiras aproximações •Categorizações •Recursividade 3. TRATAMENTO DOS RESULTADOS •Inferência •Interpretação •Conclusões
  5. 5. COMO CLASSIFICAR? Por que você acha que uma flor é importante? SUJEITO 1: Eu acho que uma flor é importante por que elas são bem bonitas. SUJEITO 2: Eu acho que uma flor é importante na reprodução da planta. SUJEITO 3: Eu acho que uma flor é importante por que ela embeleza o lugar onde está e é a partir da flor que se produz o fruto.
  6. 6. A IMPORTÂNCIA DE CONSTRUIR UNIDADES • Em entrevistas ou dados coletados em grupo focal, muitas vezes, um mesmo comentário possui muitos conteúdos que precisam ser preparados antes de ir para a análise. • Em documentos o texto precisa ser unitarizado a fim de que se possam ser analisados • As unidades persistem enquanto falarem do mesmo conteúdo
  7. 7. Exemplo de trecho de documento A avaliação deve ser um tanto qualitativa quanto quantitativa. A avaliação quantitativa é aquela que privilegia a quantidade de informação que os alunos possuem. Diferentemente, a avaliação qualitativa destaca as características vinculadas ao modo de interpretar e lidar com os conhecimentos que se possui. Usualmente, a avaliação qualitativa é confundida com a verificação da pontualidde, do asseio e das aspectos disciplinares.
  8. 8. EXEMPLO: DADO BRUTO Entrevista (Professora de Matemática): E tu te sentes presa a essa questão do conteúdo em relação ao tempo? Muito. É a eterna briga do professor porque, ao mesmo tempo, que a gente sabe, pois eu com meus 25 anos de magistério, ainda sou daquelas antigas. Meu curso superior foi totalmente teórico, nada de prática, na Matemática não tive prática no curso superior e eu sei que hoje em dia isso é importante, mas ao mesmo tempo, se tu fores fazer todas as práticas tu não vences o conteúdo. Daí eles te cobram. O aluno foi para o vestibular, “Ai professora, nunca vi falar naquela coisa, a senhora não passou para mim”, mas para passar tudo isso eu não posso perder tempo.

×