Eletroerosão

15.970 visualizações

Publicada em

Publicada em: Tecnologia
1 comentário
6 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
15.970
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
228
Comentários
1
Gostaram
6
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Eletroerosão

  1. 1.  A Eletroerosão EDM (Eletrical Discharge Machining), é um processo indicado na usinagem de formas complexas em materiais condutores elétricos, especialmente aqueles de alta dureza, e de dimensões diminutas, difíceis de serem usinados por processos tradicionais de usinagem.Podemos classificar eletroerosão em duas partes : eletroerosão a Fio e Eletroerosão por penetração.
  2. 2.  A operação de usinagem completa é geralmente realizada ao mesmo tempo com um processo de submersão em um líquido fluido isolante, chamado de dielétrico, ou seja, não condutor de eletricidade. O líquido serve para as três seguintes finalidades: liberar material; serve como um refrigerante para minimizar a zona afetada pelo calor, evitando potenciais danos à peça e age como um condutor para a corrente passar entre o eletrodo e a peça. Uma vantagem a mais desse método é o uso de máquinas automatizadas de eletroerosão, criando um padrão rigoroso para a usinagem da peça.
  3. 3.  No processo de usinagem por eletroerosão a fio, um fio muito fino serve como eletrodo e o processo, geralmente é realizado dentro da água. Fios de latão especiais são utilizados, sendo que eles são alimentados lentamente com as descargas elétricas.
  4. 4.  Aplicando-se uma diferença de potencial (em corrente contínua) entre duas placas condutoras de eletricidade, chamadas de eletrodo e peça, separadas por uma pequena distância (de 0,012mm a 0,050mm) denominada GAP, ocorrem descargas elétricas entre elas. Na verdade, neste espaço entre a peça e o eletrodo, circula o fluido dielétrico que se torna eletrolítico na forma gasosa.
  5. 5.  Esse tipo de usinagem, também conhecida pela sigla EDM, que em inglês significa Electrical Discharge Machining, é adequado para o corte de contornos intrincados ou cavidades delicadas onde seria difícil trabalhar com outras ferramentas de corte. Alguns metais que podem ser usinados pela EDM incluem as ferramentas de aço endurecido, titânio e carboneto.A usinagem EDM é às vezes chamado de "centelha de usinagem", porque remove o metal, produzindo uma série rápida de repetitivas descargas elétricas. Estas descargas elétricas são passadas entre um eletrodo e a peça de metal que está sendo usinada.
  6. 6.  Ao observar o processo com uso de fio eletrodo sob um microscópio, verifica-se que o fio se realmente não toca o metal a ser cortado; as descargas elétricas removem pequenas quantidades de material e permitem que o fio seja removido através da peça. A pequena quantidade de material que é removida da peça é lavada para retirar o fluido que passa continuamente. As descargas repetitivas criam um conjunto de crateras sucessivamente mais profundas na peça de trabalho até que a forma final seja produzida.
  7. 7.  A máquina de eletroerosão por penetração CNC funciona com um eletrodo de cobre ou grafite. Este eletrodo precisa ser moldado com o perfil a ser esculpido no bloco metálico. O processo não provoca atrito entre as peças. O eletrodo se aproxima da peça imersa (que fica imersa em óleo) e dá descargas elétricas, que vão escavando o metal.
  8. 8.  Entre algumas necessidades surgiu a eletroerosão,que trabalha com materiais condutores elétricos e de alta dureza. Aplicando-se uma diferença de potencial (em corrente contínua) entre duas placas condutoras de eletricidade, chamadas de eletrodo e peça, separadas por uma pequena distância (de 0,012mm a 0,050mm) denominada GAP, ocorrem descargas elétricas entre elas.

×