Administração do tempo e sustentabilidade

295 visualizações

Publicada em

Apresentação sobre administração do tempo e sustentabilidade.

Publicada em: Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
295
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Administração do tempo e sustentabilidade

  1. 1. 11/1/2014 JGretzitz 1
  2. 2. Palavras chaves: Gestão do tempo, administração e projetos, sustentabilidade 11/1/2014 JGretzitz 2
  3. 3. 11/1/2014 JGretzitz 3
  4. 4. •Um dos aspectos mais discutido no estudo da sustentabilidade é a melhor utilização dos recursos finitos de que dispomos. •Temos a mais absoluta certeza de que o tempo é um recurso limitado, finito - não do ponto de vista da física ou da filosofia, mas o tempo que cada um possui. Sabemos que, cedo ou tarde, esse recurso se esgota, acaba mesmo. •O mercado sabe o quanto esse recurso é valioso e bem sabe dimensioná-lo. É só prestarmos atenção ao nosso redor para percebermos que nosso mundo é construído para a maximização /otimização do uso do tempo. 11/1/2014 JGretzitz 4
  5. 5. Estamos obcecados em maximizar o nosso tempo, em fazer o máximo no mínimo de tempo possível. No ambiente de negócios a aceleração também chegou, há muito tempo. A eficiência no uso do tempo tem uma consequência paradoxal: acabamos por não termos tempo para refletir sobre o uso do nosso tempo, e por isso acabamos por não valorizá-lo mais adequadamente. 11/1/2014 JGretzitz 5
  6. 6. 11/1/2014 JGretzitz 6
  7. 7. “O PREÇO DO AMANHÔ A expressão “Tempo é dinheiro” é apenas uma metáfora, mas o filme “O PREÇO DO AMANHÔ, ficção científica de 2011, leva o ditado ao pé da letra. Mostra uma sociedade onde o tempo é a moeda, e onde os ricos podem viver para sempre e os pobres morrem por acabarem sem tempo. Um detalhe curioso da história é que os pobres estão sempre correndo e fazendo tudo apressadamente, pois a cada minuto que passa do seu limitado e curto tempo, eles estão um minuto mais próximo da morte. Já os ricos, se dão ao luxo de fazer tudo lentamente, mas não assumem risco algum, pois temem que algum acidente lhes tire a vida que poderia ser eterna. O filme questiona as duas formas de desperdiçarmos nossa vida: correndo e fazendo de tudo apressada e impensadamente, apenas para garantir mos o dia de amanhã, ou não fazendo nada e deixando de viver o que poderia ser vivido mesmo com o medo de se perder algo. 11/1/2014 JGretzitz 7
  8. 8. Lançamento Dirigido por Andrew Niccol Com Amanda Seyfried, Justin Timberlake, Cillian Murphymais Gênero Ficção científica, Suspense Nacionalidade 11/1/2014 4 de novembro de 2011 (1h49min) EUA JGretzitz 8
  9. 9. A CORRELAÇÃO TEMPO X SUSTENTABILIDADE Ao analisarmos a sustentabilidade do ponto de vista do filme, o tempo é um recurso vital para o pilar social. Podemos questionar se essa não está nos fazendo desperdiçar o nosso recurso mais precioso. Como estamos usando este nosso preciso recurso particular? Melhor usarmos com sabedoria, afinal, ninguém sabe o tempo que ainda pode ter ao seu dispor. 11/1/2014 JGretzitz 9
  10. 10. 11/1/2014 JGretzitz 10
  11. 11. 11/1/2014 JGretzitz 11
  12. 12. "Economistas, devido a sua propriedade de associar conhecimentos históricos e conhecimentos quantitativos, sempre estiveram preocupados com a variável tempo nas estimativas, construção de cenários e planejamento. É uma pena que os governantes que estiveram no poder durante as últimas três décadas tenham tido como foco da sua preocupação o curto prazo“ <http://www.cofecon.org.br/noticias/colunistas/alexandre-leite/662-tempo-a-principal-variavel-socio-economica-da-eramoderna> 11/1/2014 JGretzitz 12
  13. 13. As novas tecnologias, as inovações processuais e as revoluções científicas têm demandado um volume de conhecimento, treinamento e adaptação que acabam por criar um ciclo de dependência relevante tendo como base a relação aprendizado-tempo. 11/1/2014 JGretzitz 13
  14. 14. •O tempo sempre foi a principal variável social. Sem pretensão filosófica, o tempo foi e sempre será uma variável decisiva e que preocupou grande parte dos cientistas sociais em suas pesquisas e discussões teóricas. •Economistas, devido a sua propriedade de associar conhecimentos históricos e conhecimentos quantitativos, sempre estiveram preocupados com a variável tempo em suas estimativas, construção de cenários e formulação de planejamentos. <http://www.cofecon.org.br/noticias/colunistas/alexandre-leite/662-tempo-a-principal-variavel-socioeconomica-da-era-moderna> 11/1/2014 JGretzitz 14
  15. 15. Todos os projetos possuem pelo menos uma característica em comum: O desafio da gestão eficaz do tempo, variável esta que afeta diretamente todas as demais, inclusive os recursos que serão consumidos. Barcaui et al (2006, p.15): “a variável tempo é uma das mais imponderáveis e implacáveis de todas" 11/1/2014 JGretzitz 15
  16. 16. •Os indivíduos, em sentido amplo, vêm sendo, sem descanso, impelidos a tomar decisões intertemporais. •O que é interessante na análise a ser feita é que invariavelmente todos os seres humanos são colocados frente a decisões intertemporais que futuramente influenciarão na maioria das relações sociais vindouras. •Esta variável - o tempo - é também a variável fundamental, senão básica, para as decisões macroeconômicas, especialmente no que tange ao debate a respeito do desenvolvimento. •Quando se debate desenvolvimento, discute-se a influência da decisão tomada no tempo “0” (zero), ou seja, no tempo imediato, com perspectivas de longo prazo para a obtenção de resultados. 11/1/2014 JGretzitz 16
  17. 17. •Outra discussão que nos remete a variável tempo é aquela que diz respeito ao clima: • Discussões acaloradas sobre aquecimento global vêm ocorrendo em espaços acadêmicos, estatais e entre organizações nãogovernamentais, na qual a principal variável que vem influenciando o cenário atual é o tempo. •A preocupação com a variável tempo é fundamental, é essencial para se iniciar qualquer discussão quando se intenta discutir questões sociais, especialmente desenvolvimento e sustentabilidade. 11/1/2014 JGretzitz 17
  18. 18. Qualquer um que tem filhos sabe da dificuldade em explicar porque é melhor fazer lição de casa do que ir brincar, jogar bola ou algum jogo eletrônico. A recompensa pela lição de casa parece algo muito distante enquanto os prazeres e as recompensas das alternativas são imediatos. Tornar a própria lição de casa em algo prazeroso, que mexa com o orgulho e a vontade de fazer algo bem feito são caminhos a serem seguidos. Nem sempre, é verdade, com sucesso absoluto já garantido. Esta pequena história e desafio do dia a dia de qualquer família que preza pelo futuro dos filhos também se aplicam rotineiramente no contexto de nossas vidas pessoais e, também das empresas. <http://www.terraforum.com.br/blog/Lists/Postagens/Post.aspx?List=b2b6952d-29c2-4624-a3d1c2d79dda6ca4&ID=320> 11/1/2014 JGretzitz 18
  19. 19. •Há muitos textos, de diferentes culturas versando sobre a relação com a variável tempo e, em quase todos, o brasileiro aparece entre os mais imediatistas. •As consequências desta nossa característica cultural podem ser nefastas para a criação de valor. •No afã de não ficar para trás esquece-se do futuro Indivíduos, gestores e organizações se influenciam e tendem, de forma sistêmica, para o lucro fácil e rápido, como crianças que preferem a recompensa imediata ao invés das recompensas “incertas” do futuro. Um perigoso círculo vicioso... 11/1/2014 JGretzitz 19
  20. 20. SE PENSAMOS E TRABALHAMOS PELA SUSTENTABILIDADE NA EMPRESA, SE TEMOS CONSCIÊNCIA E COMPROMISSO COM O PROJETO, ENTÃO, ESTAREMOS TAMBÉM OBRIGADOS À ASSUMIR NOSSA PARCELA DA RESPONSABILIDADE SOCIAL – TRATANDO DE SER PROATIVOS, PARTICIPATIVOS/COMPROMETIDOS... DEIXANDO DE SER APENAS UM PESO A MAIS, UM CONSUMIDOR A MAIS. AO ASSUMIR NOSSAS RESPONSABILIDADES SOCIAIS NOS COMPROMETEMOS DE PRONTO COM A MELHOR UTILIZAÇÃO DO TEMPO, DAQUELE TEMPO QUE PODEMOS DESTINAR PARA A PARTICIPAÇÃO E COLABORAÇÃO, A SOLIDARIEDADE E O ENGAJAMENTO.... ENTÃO, COMO VAMOS COM RELAÇÃO ÀS NOSSAS RESPONSABILIDADES? PARA COM A NOSSA PRÓPRIA VIDA, SAÚDE E BEM ESTAR; COM A NOSSA FAMÍLIA E AQUELES QUE DEPENDEM DE NÓS; E, QUE TAL O NOSSO DESEMPENHO NO CAMPO PROFISSIONAL??? 11/1/2014 JGretzitz 20
  21. 21. 11/1/2014 JGretzitz 21
  22. 22. 11/1/2014 JGretzitz 22
  23. 23. Coloque os ponteiros da sua rotina profissional em ordem! Confira as dicas: 1 Comece limando pela raiz os hábitos que tornam você improdutivo. Não fazer um planejamento da sua rotina, não ter noção de prioridades são alguns dos fatores que podem empacar suas atividades diárias. 2 Identificar os fatores que interrompem o fluxo do trabalho também é essencial. Neutralizá-los é essencial. 3 Faça listas. Mas do jeito certo. Aprenda como fazer listas de tarefas de um jeito mais eficiente. 4 Mire as reuniões. Quanto mais objetivo for o planejamento dela, melhor. Confira as dicas para limar o tédio das reuniões do trabalho e torná-las eficientes. 5 Invista na tecnologia. Existem diversos aplicativos no mercado direcionados apenas para tornar sua rotina mais organizada. Fonte: Revista Exame 11/1/2014 JGretzitz 23
  24. 24. DO LIVRO DO CHRISTIAN BARBOSA: São dez dicas importantes para alta eficiência no trabalho: Um novo hábito-hobby? Perceba que esse novo hábito agrega valor ou é mais um a distanciá-lo de suas metas. Metas: Torne sua meta tangível, objetiva Prazos: Marque uma data, fica mais fácil acompanhar e saber se está indo bem, ou não Planejamento: Desenha e estabeleça um ritual Nesse ritual, use todos os sentidos (música, bebida como chá ou café, etc.) Auto-sugestão: Fale para você mesmo, você pode se convencer ouvindo sua própria voz. Nós acreditamos naquilo que dizemos a nós mesmos. Estudos e Pesquisas: Estude e entenda mais sobre o que deseja se tornar Parcerias: Encontre parceiros. Como nos esportes, sempre é mais fácil praticar, quando você tem um grupo Controle: Anote, revise e visualize seus planos e metas em relação ao seu progresso diário - Escreva um diário, um log com seus avanços. 11/1/2014 JGretzitz 24
  25. 25. 11/1/2014 JGretzitz 25
  26. 26. 11/1/2014 JGretzitz 26
  27. 27. 11/1/2014 JGretzitz 27
  28. 28. Tudo ao mesmo Tempo Agora: Desenvolvimento, Sustentabilidade e Democracia: O que isso tem a ver com você? O objetivo maior deste livro é refletir e formular proposições para um Brasil sustentável e democrático. Uma tarefa que hoje, no contexto avassalador da globalização e do domínio das políticas neoliberais, equivale a remar contra a maré. Em um mundo crescentemente economizado, onde tudo se transforma em mercadoria, onde solidariedade e justiça e cidadania se restringem cada vez mais à esfera privada, nosso esforço para pensar e nossa vontade para querer um país diferente precisam se fundamentar em algo mais profundo do que as categorias do desenvolvimento e da sustentabilidade materiais. Por isso, antes de entrar na crítica ao modelo atual e de avançar na busca de alternativas, é importante nos situarmos, repensarmos nossa visão de mundo, nos reposicionarmos frente às nossas responsabilidades e reafirmar que a utopia é, além de possível, necessária e desejável. 11/1/2014 JGretzitz 28
  29. 29. Autor: Schlesinger, Sérgio; Leroy, Jeanpierre; Pádua, José Augusto; Outros; Acselrad, Henri Editora: Vozes Categoria: Economia / Economia Brasileira 11/1/2014 JGretzitz 29
  30. 30. 11/1/2014 JGretzitz 30
  31. 31. 11/1/2014 JGretzitz 31

×