Ppp mundo de_alice

1.117 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.117
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
14
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Ppp mundo de_alice

  1. 1. Escola Mundo de Alice Escola de Ensino Fundamental e Médio Politécnico da UFRGS-REGESD Porto Alegre – RS Diário de Notícias, s/n E-mail: escolamundodealice@bol.com.br Telefone: (51) 3681-4946 Blog: http://escolamundodealice.blogspot.comProjeto Político Pedagógico Escola Mundo de Alice Porto Alegre - RS 2012
  2. 2. 1Sumário1. DADOS DE IDENTIFICAÇÃO ........................................................................................... 22. APRESENTAÇÃO E CARACTERIZAÇÃO DA ESCOLA ............................................... 33. JUSTIFICATIVA .................................................................................................................. 54. FILOSOFIA DA ESCOLA ................................................................................................... 65. OBJETIVO GERAL DA ESCOLA ...................................................................................... 76. MISSÃO DA ESCOLA ........................................................................................................ 87. DIAGNÓSTICO DA REALIDADE ..................................................................................... 98. FINALIDADES .................................................................................................................. 109. PROPOSTA METODOLÓGICA ....................................................................................... 1111. METAS ................................................................................................................................. 1512. AÇÕES.................................................................................................................................. 1613. AVALIAÇÃO ...................................................................................................................... 1814. CONSIDERAÇÕES FINAIS ............................................................................................... 1915. REFERÊNCIAS ................................................................................................................... 20
  3. 3. 2 1. DADOS DE IDENTIFICAÇÃO1.1 Escola: Escola Mundo de Alice – Escola de Ensino Fundamental e MédioPolitécnico da UFRGS/REGESD1.2 Entidade Mantenedora: UFRGS/REGESD1.3 Nível de Ensino: Ensino Fundamental e Médio1.4 Endereço: Diário de Notícias, s/n1.5 Município: Porto Alegre – RS1.6 E-mail: escolamundodealice@bol.com.br1.7 Fone: (51) 3681 49461.8 Blog: http://escolamundodealice.blogspot.com
  4. 4. 3 2. APRESENTAÇÃO E CARACTERIZAÇÃO DA ESCOLA2.1 História 2011. Ano de criação da escola, sendo parte integrante da Universidade Federaldo Rio Grande do Sul- REGESD (Rede Gaúcha de Ensino Superior à Distância), contacom apoio técnico, pedagógico e financeiro do governo federal e da Instituição UFRGSpara proporcionar o que de mais avançado existe em termos pedagógicos. Trata-se deuma escola pública, com potencial de escola privada. Recebeu este nome inspirada na Obra do escritor Lewis Carroll “Alice no Paísdas Maravilhas”. Esta personagem nos inspira a pensar e idealizar uma escola desonho, de faz-de-conta, maravilhosa e mágica. Esse é o espaço em que o impossívelpode vir a ser possível, um espaço de encantamento, de alegria, de aprender lúdico eprazeroso. Rir, pensar, falar, criar, participar e aprender sempre. Esse é o nosso sonho. A escola localiza-se próxima ao centro da capital, no antigo Estaleiro Só, e contacom uma grande área verde, além de uma vista privilegiada do Lago Guaíba. Desde a sua idealização já pressupunha os princípios norteadores do MétodoMontessori. Como tal, aproveitou-se para demonstrar isso nas suas instalações físicasmais elementares, como o formato do prédio que tem a forma hexagonal: A forma hexagonal é a unidade da célula de estrutura com que se consegue a organização. Organização até de uma vida humana que se começa. A estrutura, a maneira pela qual as unidades se inter-relacionam. Com o posicionamento perfeito dessas unidades, obtém-se o conjunto sólido, compacto e harmonioso. A partir desse núcleo celular está organizada toda a escola que compõe umaunidade pulsante e viva. Dois blocos se erguem às margens do Guaíba, em um ambienteque agrega a cultura da cidade à beleza da paisagem exuberante do entorno. Natureza eser humano em harmonia. Cada bloco foi pensado a partir de seus usuários. O bloco A, do Ensino Fundamental e Ensino Normal (Magistério), organiza-senos dois níveis da seguinte forma: no piso superior temos além das três salas do cursonormal - 1º, 2º e 3º anos - cinco salas para projetos e seminários; quatro salas de aula doensino fundamental, séries finais – 6º, 7º, 8º e 9º anos -; uma sala de informática ebanheiros. No térreo, desse mesmo bloco, temos duas salas de educação infantil que está
  5. 5. 4interligada a um pátio externo exclusivo com playground; cinco salas de aula do ensinofundamental, séries iniciais – 1º, 2º, 3º, 4º e 5º anos -; refeitório, secretaria, biblioteca,laboratório de informática e banheiros. O bloco circunda um pátio interno. O bloco B, do Ensino Médio Politécnico, organiza-se também em dois níveis: nopiso superior temos seis salas para projetos e seminários, dez salas-ambiente pordisciplinas, uma sala dos professores e banheiros. No térreo, há laboratório deinformática, dois laboratórios de ciências, biblioteca, atelier de artes, secretaria, bar,armários e banheiros. No centro do bloco temos um espaço aberto para exposições eeventos. Entre os dois blocos localiza-se a quadra esportiva e no entorno uma espaçosaárea verde com passeios e recantos. A escola iniciou suas atividades oferecendo 1.200 vagas distribuídas nos trêsturnos: manhã, tarde e noite. Em seu quadro administrativo e pedagógico, conta com 28professores nomeados, 1 Diretora, e 1 vice- diretora para cada turno, 1 diretorafinanceira, 1 bibliotecária, 3 coordenadoras pedagógicas, 1 coordenadora esportiva eserviço de orientação educacional. A escola conta também com alguns professoresvoluntários de fora da Instituição, que atuam em parceria com a Escola Mundo de Alice:oficinas de Teatro, Música, Cinema e Vídeo; serviços de fonoaudióloga, secretárias,serventes e monitores contratados pela REGESD-UFRGS.
  6. 6. 5 3. JUSTIFICATIVA Este Projeto Político Pedagógico é resultado de uma experiência coletiva, naqual, construímos caminhos para colocar em prática nossos paradigmas educacionaisem sintonia com a filosofia da Escola que visa o desenvolvimento das potencialidadesdo educando, como elemento da autorrealização, qualificação para o trabalho e preparopara exercício consciente da cidadania. Este documento tem como finalidade explicitar a proposta pedagógica eexpressar a identidade desta escola, onde estão presentes seus objetivos e desejo demudança, para uma vida digna, conectada com o mundo virtual, contextualizada e justasocialmente. O referido Projeto é considerado, um referencial orientador e limitado no tempoe na abrangência de sua significação, tendo em vista que não é um documento para“ficar” na gaveta “esquecido” e pode ser modificado quando necessário para semprerefletir a identidade da Escola. Elaborado em 2011, entra efetivamente em vigor em 2012, cuja prática eavaliações consequentes dirão da validade e transitoriedade da proposta. O Projeto Político Pedagógico está embasado na busca e na construção de umaeducação plena, com o envolvimento de educadores, pais, alunos e funcionários, poissabemos que temos em nossas mãos cidadãos em formação e transformação, cabendo anós garantir a qualidade dos serviços educacionais oferecidos às crianças e adolescentes,visando melhorar a qualidade de ensino que permita o exercício ativo da cidadania. A professora deve dedicar-se à formação de uma humanidade melhor. Assim como a vestal devia conservar puro e isento de escórias o fogo sagrado, assim a professora é a guardiã da chama da vida interior e toda a sua pureza. Se esta chama não for cuidada haverá de se apagar para nunca mais voltar a arder. MONTESSORI, s.d. p. 43 a48. A Escola Mundo de Alice tem como função principal respeitar e valorizar asexperiências de vida dos educandos e de suas famílias. Com o propósito fortalecer noseducandos, a postura humana e os valores aprendidos: a criticidade, a sensibilidade, acontestação social, a criatividade diante das situações difíceis, a esperança. Queremosdeste modo, formar seres humanos com dignidade, identidade e projeto de futuro, sendocríticos e participativos, dando um foco à autoestima relacionando as diferentesinfluências do meio social. Envolvendo-os em uma linha de formação progressiva edinâmica percebendo a importância dos valores humanos.
  7. 7. 6 4. FILOSOFIA DA ESCOLA Contribuir para que os educandos e educadores sejam capazes de analisar,compreender e intervir na realidade visando o bem estar humano pessoal e coletivo.Desenvolvendo a criatividade, o espírito crítico, a capacidade para análise e síntese, oautoconhecimento, a socialização, a autonomia e a responsabilidade sócio-cultural.
  8. 8. 7 5. OBJETIVO GERAL DA ESCOLA Proporcionar à Comunidade Escolar, condições favoráveis à realização de umtrabalho conjunto e comprometido com o bem estar de todos, visando à qualificação daescola, através da garantia do acesso e permanência do aluno na mesma, desenvolvendoaprendizagens e praticando valores indispensáveis para o exercício da cidadania, sendoconsideradas as diferenças individuais, as vulnerabilidades sociais e a bagagemhistórico-cultural de cada um. Promover um conhecimento elaborado, em consonância com o crescimentohumano, as relações interpessoais e a realidade do educando.
  9. 9. 8 6. MISSÃO DA ESCOLA Oportunizar atividades que agreguem conhecimento e valores para que essascrianças e jovens, além de enfrentar o mundo contemporâneo e seus desafios, possamum dia contribuir efetivamente na construção/transformação do mundo atual em ummundo melhor. Oferecer um ensino com qualidade para garantir a formação de um serhumano completo, que conheça seus direitos e cumpra seus deveres de acordo com aconjuntura social. Alicerçado nos princípios da Associação Brasileira de Educação Montessoriana: As escolas montessorianas têm como meta o desenvolvimento das habilidades e talentos de cada aluno, procurando dar sentido prático à aprendizagem para possibilitar melhor integração do aluno/indivíduo à sociedade. A metodologia montessoriana procura desenvolver a inteligência através de processos operativos e autoconstrutivos.
  10. 10. 9 7. DIAGNÓSTICO DA REALIDADE A Escola localiza-se próxima ao centro da capital, no antigo Estaleiro Só, econta com uma grande área verde, além de uma vista privilegiada do Lago Guaíba.Possui autorização para o funcionamento de Educação Infantil de 4 a 5 anos, EnsinoFundamental de 9 anos e Ensino Médio Politécnico, de 3 anos. A Escola foca seu ensino nos princípios norteadores do Método Montessori,respeitando a individualidade, a liberdade e o conhecimento do mundo através dossentidos, promovendo a construção de saberes que contemplem os educandos nas suasdiferenças. Nosso desafio é desenvolver estratégias para que o aluno seja protagonista deseu próprio conhecimento e sinta-se envolvido com esse processo de forma animada,motivada e interessada. Buscamos trabalhar de forma a tornar a o processo escolar atrativo, inovador,estimulante e educativo, através de ações que levem o aluno a interagir com os aspectossociais, históricos, políticos e econômicos.
  11. 11. 10 8. FINALIDADES A Escola Mundo de Alice tem por fins educativos questionar e romper com asestruturas pedagógicas edificadas e inquestionáveis, preparando também os educandospara a vida em sociedade e acreditando no eixo básico que sustenta o trabalhopedagógico que é o comprometimento com a construção do conhecimento do aluno. Acreditamos que com a educação escolar é possível a construção de umasociedade mais justa, que respeita as diferenças, que garante espaço para que oindivíduo possa emergir no social, favorecendo a garantia aos direitos de todos, numambiente que investe com práticas docentes em prol da motivação do aluno para aaprendizagem escolar. Na concepção de educação baseada no Método Montessori, a finalidade éintroduzir os educandos na vida social de maneira que eles sejam capazes de analisar,compreender, intervir na realidade, visando o bem estar no plano intrapessoal,interpessoal e coletivo. Para isso o processo deve desenvolver a capacidade de análise esíntese, o autoconhecimento, a socialização, a criticidade, a criatividade, aresponsabilidade e a autonomia. É importante salientar que a finalidade da Escola Mundo de Alice, com aprodução e disseminação do conhecimento quanto à educação não se esgota em simesmo. Vai muito além. Preconiza uma questão educacional mais abrangente parainteragir e trocar experiências com diferentes espaços institucionais e com acomunidade escolar como um todo.
  12. 12. 11 9. PROPOSTA METODOLÓGICA Ciente das modificações que pretendemos alcançar em prol de um ensino dequalidade, através de ações intencionais e planejadas, favorecerá e oportunizaráalternativas na construção do conhecimento do aluno de forma transformadora. Tais transformações são possíveis porque procuramos ser e agir como escola degestão democrática, aberta a participação da comunidade escolar. A metodologia da escola é pautada na Pedagogia Montessoriana, no processo dedesenvolvimento psicológico da criança que leva em conta as manifestações de seucomportamento, desde o fato inicial de seu nascimento. Trata-se, portanto, de uma pedagogia "centrada" na criança, que contribui com odesabrochar de sua vida, entendendo-a como um ser em constante desenvolvimento,rica em possibilidades e que necessita de condições adequadas para atualização de seupotencial. Refletimos sobre os variados ajustes, inovações e jeito de ser escola, com umolhar de esperança e de crédito em uma escola que procura ser de gestão democrática,num cenário de desafios, repleto de perspectivas de mudanças coletivas que levaram amelhoria na qualidade do ensino. Desejamos que nossos alunos, por estarem motivados para a sua aprendizagemescolar, desenvolvam suas habilidades e competências e sejam capazes de interferir nasua comunidade, participando das decisões, buscando soluções, mantendo boaconvivência, tendo presente em sua vida valores morais e éticos que dignificam o serhumano. Os profissionais são preparados especificamente para desenvolver a metodologiaaplicada e, sendo assim, podem ajudar e participar da autoconstrução da criança. Oprofessor deve empregar toda sua energia, entusiasmo, sabedoria e criatividade,procurando sempre proporcionar ao aluno o meio mais propício e favorável na aquisiçãodo aprendizado. Acreditamos que a criança sempre traz consigo experiências surpreendentes que,se pararmos para analisá-las, com certeza transformarão a rotina do nosso dia a dia emmomentos de crescimento integral da criança. Buscamos embasamento teórico e enfrentamos os desafios de uma escola queconstrói uma gestão democrática, com novas formas de organização e efetivação de
  13. 13. 12ações que estabeleçam vínculos de comprometimento, uma escola que busca concretizarsuas metas para ter um ensino diferenciado, motivador, estimulante, inovador em que osalunos têm gosto e vontade de aprender, com amor pela vida. A intervenção do professor é como aquele que media e orienta para que, oeducando, nas várias situações de aprendizado, seja desafiado a construir seu próprioconhecimento. A aprendizagem significativa pressupõe a aquisição de valores, re-significaçãodas relações de aprendizagem, contextualização, inter-relação das áreas doconhecimento, evolução na aprendizagem, mudanças no agir pedagógico. Os objetivosno Currículo por Atividades são desenvolvidos de forma globalizada também através deprojetos. Os objetivos no Currículo por Área de Estudos são desenvolvidos noscomponentes curriculares procurando a integração entre as áreas de estudos de formainterdisciplinar. Os fundamentos filosóficos que embasam a Proposta Pedagógica partem danossa concepção de homem e de educação.HOMEM (lê-se ser humano) - ser bio-psico-sócio-cultural que possui necessidadesmateriais, relacionais e transcendentais. Nesse sentido amplo e complexo, o homem é entendido em toda a sua dimensãoe deve dispor dos recursos que satisfaçam a sua necessidade para que compreenda eintervenha na realidade. É fundamental garantir uma formação integral voltada para acapacidade e potencialidades humanas. A escola, enquanto instituição social, deve possibilitar o crescimento humanonas relações interpessoais, bem como oportunizar a apropriação do conhecimentoelaborado, tendo como referência a realidade do educando.Neste contexto, a escola deve possibilitar ao educando a aquisição de uma consciênciacrítica, que amplie sua visão de mundo. Esta visão de mundo deverá propiciar-lhecondições de uma leitura interpretativa das relações sociais, das relações dos sereshumanos entre si, com a natureza, com o transcendente.EDUCAÇÃO - considerada como processo para o desenvolvimento humano integral einstrumento gerador de transformações sociais. É base para a aquisição da autonomia,fonte de visão prospectiva, fator de progresso econômico, político e social. É elementode integração e conquista do sentimento e da consciência da cidadania.
  14. 14. 13No contexto desta concepção de educação a finalidade é formar cidadãos capazes deanalisar e intervir na realidade, visando ao bem-estar do ser humano, em nívelindividual e coletivo.
  15. 15. 1410. PERFIL DO EDUCANDO QUE PRETENDE FORMAR Pretende-se que o educando seja capaz de:  Sentir indignação diante de injustiças e de perda da dignidade humana;  Preservar sua qualidade de vida, buscando valores individuais e coletivos quecontribuam para melhoria da sociedade;  Apresentar companheirismo e solidariedade nas relações entre as pessoas, bemcomo respeito às diferenças culturais, raciais e estilos pessoais;  Organizar suas atividades e dividir tarefas, tendo disciplina no estudo;  Sensibilizar-se ecologicamente e respeitar ao meio ambiente;  Praticar o exercício permanente da crítica e da autocrítica, bem como opensamento reflexivo;  Demonstrar atitude de humildade, mas também de autoconfiança;  Realizar pesquisas na área de sua formação escolar inicial e técnica;  Desenvolver uma educação para além do acúmulo de informações, exercitandoliberdade e individualidade numa educação integral;  Tonar-se sujeito e objeto do ensino.
  16. 16. 1511. METAS  Elaborar novos projetos que ofereçam qualidade à educação.  Construir ambientes educativos que possam atender todos os seguimentos da comunidade escolar;  Contribuir para a formação da consciência quanto à importância do estudo escolar e extra-escolar;  Conscientizar pais e comunidade escolar para as ações ocorridas na escola estimulando-os a participação;  Buscar alternativas para que todas as discussões sejam realizadas no espaço educativo e impulsionem a formação do senso crítico;  Conscientizar a comunidade escolar da importância da frequência escolar a todos os educandos;  Garantir o direito de todos ao acesso e permanência na escola sem preconceito racial, sexual ou social, construindo uma sociedade mais justa, evitando o bullying.  Desenvolver as disciplinas com equilíbrio, sanando os possíveis problemas e limitações que surgirem através do diálogo e trabalho interdisciplinar contínuo, unindo todas as esferas educacionais;  Ter comprometimento de 100% do corpo docente e administrativo no cumprimento de suas obrigações;  Esclarecer a comunidade escolar sobre a autonomia do professor, sendo que a mesma constitui-se de um processo inevitável para uma educação de qualidade;  Coletar dados da realidade escolar buscando recursos financeiros que fortaleçam a autonomia escolar, junto ao poder Público, iniciativa privada e comunidade local;  Possibilitar que o educando desfrute de todo o acompanhamento necessário para que tenha uma plena educação.
  17. 17. 16 12. AÇÕES Em prol de uma educação de qualidade, a Escola Mundo de Alice visa estabelecer um sistema de relação democrático, reflexivo, crítico, de respeito mútuo e libertador com todos os segmentos da comunidade educativa:  Instrumentalização em informática que favorece, gradativamente, uma utilização mais eficiente do computador dentro e fora da sala de aula;  Iniciação desportiva para que cada criança busque encontrar o esporte dasua preferência, fazendo deste uma escolha para a vida;  Oficinas de criação, por meio de diferentes linguagens: plástica, teatral,musical;  Exercícios de relaxamento e “lições de silêncio” (meditação) fazem partedo nosso dia a dia, sendo mais que atividades de enriquecimento são partes integrantes eessenciais ao trabalho pedagógico;  Comemorações de aniversários dos alunos na escola;  Saídas de campo: culturais, pedagógicas e lúdicas;  Cozinha experimental, mensalmente esta atividade será realizada em cada classe, mediante elaboração de projeto específico para essa meta.  Dia do brinquedo favorito (séries iniciais e educação infantil);  Dia da novidade, as crianças são convidadas a trazer ou contar novidades para os amigos (séries iniciais e educação infantil);  Resgate de eventos tradicionais, que agreguem as famílias;  Feira do livro (dentro dos projetos);  Semana Montessori;  Oficinas gratuitas Montessori oferecidas às famílias;  Encontro família escola;  Realização de reuniões com todos os segmentos da comunidade escolar para organização das atividades escolares;  Momentos cívicos semanalmente para entoação dos hinos Nacional, do Estado, do Município e da Escola;  Realização, pelos alunos com o auxílio dos professores, de atividades que contribuam para o enriquecimento da cultura (projetos);
  18. 18. 17 Limpeza semanal no pátio da escola; (trabalho de conscientização) da preservação do meio ambiente.
  19. 19. 1813. AVALIAÇÃO A avaliação é um processo contínuo e permanente, uma vez que o compromissomaior se faz na construção do conhecimento que serão percebidas através dodesenvolvimento de habilidades, atitudes, hábitos, valores e competências. “Estaavaliação pode incluir observação, teste, e análise em sala de aula com o intuito deinformar futuras estratégias do professor” (Eisner, 1996). A avaliação é sistematizada durante a construção em várias ocasiões, commomentos para revisão e retomada das ações. Trabalhando com projeto interdisciplinar,por trimestre em grupos ou individualmente. Os alunos só poderão passar para umanova etapa quando a anterior tiver sito cursada satisfatoriamente obedecendo a umcronograma. Uma avaliação individual é também importante, e o próprio aluno deve refletirsobre o que foi mais significativo e o que poderia ser diferente. Esse processo avaliativodeve incluir trabalhos, cadernos, livros escritos sobre os objetos em estudo, diários ouportfólios, além da auto-avaliação crítica. A avaliação do educando da Educação Infantil é feita através de parecerdescritivo baseada no acompanhamento e registro de seu desempenho, sem retenção noprimeiro ano das séries iniciais do ensino de nove anos. Tem por objetivos levar em consideração os valores pessoais e sociais queorientam ou interfiram no comportamento que se desencadeia no trabalho de preparaçãopara a vida. Devido a tal fato não podemos direcioná-la tão somente para o campoquantitativo e sim somá-la ao modelo qualitativo.
  20. 20. 1914. CONSIDERAÇÕES FINAIS Pensar a educação é um compromisso para todos os educadores, é uma vontadee um desejo difícil de ser realizado. Com o propósito de assumir um comportamentodiferenciado no sentido de trabalharmos a pluralidade cultural no mundocontemporâneo, a escola Mundo de Alice busca a formação do cidadão, dando a eleoportunidade de escolha, de reflexão, cultivando valores, diminuindo injustiças ediluindo desigualdades sociais, enfim, pretende a formação integral do educando. O Projeto Político Pedagógico da presente escola, busca inovar a educaçãoatravés de uma ação pedagógica interessante, diferenciada e atrativa. Assim traçamosobjetivos para desenvolver uma educação emancipatória assumindo, gestor e professor,uma postura mediadora, orientadora e reflexiva sobre a prática docente. As etapas serãovencidas diariamente, e situações inesperadas podem surgir, o que proporcionarámomentos de tomadas de decisões coletivas, exigindo cautela, análise ecomprometimento de todos. Portanto o Projeto Político Pedagógico uma vez flexível,poderá ser alterado buscando a adaptação à realidade do corpo docente e da comunidadeescolar.
  21. 21. 2015. REFERÊNCIASGADOTTI, Moacir. História das Ideias Pedagógicas. São Paulo, Ática, 2002.GANDIN, Danilo. Planejamento como prática educativa. São Paulo: Loyola, 2005.LIBÂNEO, José Carlos. Didática. São Paulo: Cortez, 1994.BARROS, Mariângela Silveira. SILVA, Maria Beatriz G. da. Regimento Escolar eProjeto Político Pedagógico: Espaços para a construção e uma escola públicademocrática.BRASIL. Lei de Diretrizes e Bases. 1996BRASIL, Secretaria de Educação Fundamental. Parâmetros curriculares nacionais.Secretaria de Educação Fundamental. – Brasília: MEC/SEF, 1997. 130p.BAFFI, Maria Adelia Teixeira. O perfil profissional do formando no ProjetoPedagógico. Pedagogia em Foco, Petrópolis, 2002.BECKER, Fernando. Epistemologia subjacente ao trabalho docente. Porto Alegre:FACED/ UFRGS, 1992. 387p. (Apoio INEP/CNPQ). (No prelo: VOZES). (Relatório depesquisa).FISCHER, Rosa Maria Bueno. Escrita Acadêmica: arte de assinar o que se lê.FREIRE, Paulo. Pedagogia da Autonomia. 21 ed. Editora Paz e Terra, 2002.FREITAS, Maria Teresa A. COSTA, Sérgio Roberto. Leitura e Escrita na Formação deProfessores. Ed. UFJF, 2002.JESUS, Saul neves. Estratégias para motivar alunos. Disponível em:http://moodle3.mec.gov.br/ufrgs/file.php/20/moddata/data/1177/1406/1439/Motivacao_Escolar2.pdfMEDEIROS, Isabel Letícia Pedroso de e MARTINS, Ivam Martins de. Cultura, escolae conhecimento escolar: implicações para a construção e gestão do projeto político-pedagógico. Disponível em:http://moodle3.mec.gov.br/ufrgs/file.php/20/Projeto_Vivencial/Texto_Medeiros_e_Martins.pdfMEKSENAS, Paulo. Métodos em pesquisa empírica e práticasMINAYO, Maria Cecília de Souza. Ciência, técnica e arte: o desafio da pesquisa social.MONTESSORI Maria. Em família. Rio de Janeiro, Nórdica, s.d. p. 43 a48.
  22. 22. 21MORAES, Carolina Roberta: VARELA, Simone. Motivação do Aluno Durante oProcesso de Ensino Aprendizagem.Disponível em:http://moodle3.mec.gov.br/ufrgs/file.php/20/moddata/data/1177/1406/1438/Motivacao_Escolar.pdfNÓVOA, Antônio. Relação Escola-Sociedade: novas respostas para um velhoproblema. In: SERBINO, Raquel Volpato. Et al. Formação de professores. São Paulo:Fundação Editora da UNESP, 1998.RAASCH, Leida. A motivação do aluno para aprendizagem. Disponível em:http://moodle3.mec.gov.br/ufrgs/file.php/20/moddata/data/1177/1406/1437/A_MOTIVACAO_DO_ALUNO_PARA_A_APRENDIZAGEM.pdfSILVA, Tomaz Tadeu da Silva. Argumentação, Estilo, Composição: Introdução àEscrita Acadêmica. Material didático trabalhado no Programa de Pós Graduação emEducação da UFRGS.VASCONCELLOS, Celso Dos S.. Os desafios da indisciplina em sala de aula. SãoPaulo: FDE, 1997.VASCONCELLOS, C. S. Planejamento: Plano de Ensino-Aprendizagem e ProjetoEducativo. São Paulo: Libertat, 1995VEIGA, Ilma Passos Alencastro. Perspectivas para reflexão em torno do projetopolítico-pedagógico. In: VEIGA, Ilma Passos Alencastro, RESENDE, Lucia MariaGonçalves de (Orgs.). Escola: espaço do projeto Político-pedagógico. 8ª ed.Campinas, SP: Papirus, 2005.VIGOSTSKY, Lev. A formação social da mente: o desenvolvimento dos processospsicológicos superiores. 6ª Ed. São Paulo: Martins Fontes, 2000.Fragmento: Arte/Educação Contemporânea-Consonâncias Internacionais-Ana MaeBarbosa (org) Editora Cortez, São Paulo, 2005.

×