NOVAS TECNOLOGIAS NO ENSINO DE MATEMÁTICA
AS TEORIAS PEDAGÓGICAS
CONTEMPORÂNEAS NO CONTEXTO DA
CIBERCULTURA:
- A CORRENTE NEOCOGNITIVISTA -
Por Jeferson Gonzaga
INTRODUÇÃO
Através da ideia de cibercultura busca-se criar
uma relação de aplicação prática pedagógica deste
conceito com ...
A IDÉIA DE CIBERCULTURA
Segundo SANTOS (2011, p.3), a cibercultura é a
cultura contemporânea estruturada pelo uso das
tecn...
A CORRENTE NEOCOGNITIVISTA
 Estruturado basicamente sobre dois pilares: o
construtivismo pós-piagetianismo e as ciências
...
O CONSTRUTIVISMO PÓS-PIAGETIANISMO
Prega basicamente a aprendizagem humana não
somente dada pelo sujeito como produto de s...
AS CIÊNCIAS COGNITIVAS
 Estão ligadas aos estudos relacionados ao
desenvolvimento da ciência cognitiva associada à
utiliz...
SÍNTESE
A Cibercultura em suas mais variadas formas de apresentação
se aplica à Teoria Neocognitivista no sentido de aprox...
REFERÊNCIAS
 SANTOS, Edméa. A Cibercultura e a Educação em Tempos
de Mobilidade e Redes Sociais: Conversando com os
Cotid...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

As Teorias Pedagógicas Contemporâneas no Contexto da Cibercultura: A Corrente Neocognitivista

372 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
372
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

As Teorias Pedagógicas Contemporâneas no Contexto da Cibercultura: A Corrente Neocognitivista

  1. 1. NOVAS TECNOLOGIAS NO ENSINO DE MATEMÁTICA
  2. 2. AS TEORIAS PEDAGÓGICAS CONTEMPORÂNEAS NO CONTEXTO DA CIBERCULTURA: - A CORRENTE NEOCOGNITIVISTA - Por Jeferson Gonzaga
  3. 3. INTRODUÇÃO Através da ideia de cibercultura busca-se criar uma relação de aplicação prática pedagógica deste conceito com as novas teorias pedagógicas, em especial à corrente neocognitivista, salientando a presença das tecnologias comunicacionais e informatizadas no processo de ensino e aprendizagem como ferramentas indiscutivelmente presentes no cotidiano dos discentes quanto seres inseridos num espaço social e dentro de um contexto temporal e cultural.
  4. 4. A IDÉIA DE CIBERCULTURA Segundo SANTOS (2011, p.3), a cibercultura é a cultura contemporânea estruturada pelo uso das tecnologias digitais em rede nas esferas do ciberespaço e das cidades. Compreendemos tais esferas como espaçostempos cotidianos de ensinoaprendizagem, que preferimos nomear de redes educativas ou espaços multirreferenciais de aprendizagem.
  5. 5. A CORRENTE NEOCOGNITIVISTA  Estruturado basicamente sobre dois pilares: o construtivismo pós-piagetianismo e as ciências cognitivas;  Nesta denominação estão incluídas correntes que introduzem novos aportes ao estudo da aprendizagem, do desenvolvimento, da cognição e da inteligência. (Libâneo, 2005 – p. 12);  Trata-se de uma nova visão da teoria cognitivista do aprendizado, adaptado ao contexto contemporâneo da acesso à informação e contato com a realidade e o mundo.
  6. 6. O CONSTRUTIVISMO PÓS-PIAGETIANISMO Prega basicamente a aprendizagem humana não somente dada pelo sujeito como produto de sua interação sobre o mundo e suas interações com outros, mas também o lugar do desejo e do outro na aprendizagem, o predomínio da linguagem em relação à razão, o papel da interação social na construção do conhecimento, a singularidade e a pluralidade dos sujeitos. (Grossi e Bordin, 1993).
  7. 7. AS CIÊNCIAS COGNITIVAS  Estão ligadas aos estudos relacionados ao desenvolvimento da ciência cognitiva associada à utilização de computadores.  Um estudo direto sobre o comportamento da inteligência humana a fim de criar inteligências arificiais com poderes tão próximos àquela.  Se apresenta em duas versões: a psicologia cognitiva e a ciência cognitiva.
  8. 8. SÍNTESE A Cibercultura em suas mais variadas formas de apresentação se aplica à Teoria Neocognitivista no sentido de aproximar o indivíduo da realidade universal de maneira mais rápida e interativa. Como o processo de aprendizagem por meio desta teoria fundamenta-se, sobretudo, nas relações interpessoais e nas interações sociais, a Cibercultura cumpre papel fundamentalíssimo. A exemplo, as interações dadas por meio das redes sociais, que permitem ao indivíduo interagir não somente com o seu meio social, mas ainda expandir seus horizontes. O indivíduo, através da Cibercultura pode se comunicar com pessoas de outras culturas, viver outras realidades culturais que antes do advento da internet, por exemplo, não se fazia possível. O contato com outros meios não ocorre mais de maneira passiva, mas sim dialógica.
  9. 9. REFERÊNCIAS  SANTOS, Edméa. A Cibercultura e a Educação em Tempos de Mobilidade e Redes Sociais: Conversando com os Cotidianos. – UERJ, Rio de Janeiro, 2011.  LIBÂNEO, José Carlos. As Teorias Pedagógicas Modernas Resiginificadas pelo Debate Contemporâneo na Educação. – PUC, Goiás, 2005.  GROSSI, E.P. e BORDIN, J.(orgs.) Construtivismo pós- piagetiano. Petrópolis: Vozes, l993.  Site Consultado em 19/02/2015: http://www.uniriotec.br/~pimentel/disciplinas/ie2/infoeduc/aprc ognitivismo.html

×