Pizzas & Massas Ed. 12

3.004 visualizações

Publicada em

Revista Pizzas & Massas

Publicada em: Negócios
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.004
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
117
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Pizzas & Massas Ed. 12

  1. 1. Vol. II - nº 12 - 2014 GUIA DE FORNECEDORES Artigo Especial Pizzadoce,uma heresia? Cantina em destaque Cantina Famiglia Facin - L’italia È Qui! Pizzaria em destaque BaggioPizzeria& Focacceria- Tradiçãoe competênciano preparodepizzas Pizzas ao Redor do Mundo Rússia-Charmee sofisticação...mase osabor? Eventos Fispal2014
  2. 2. Visite nosso site e assista o vídeo demonstrativo dos produtos. Fabricante de utensílios para gastronomia profissional desde 1986 GI.METAL Brasil Rua Jandaia do Sul 110 83. 324 440 Pinhais - PR - tel. (41) 3059-1991 info@gimetal.com.br - www.gimetal.com.br Carrinhos de serviço
  3. 3. lapiendrius@lapiendrius.com.br (11) 4646-6400 lessence@lessence.com.br (11) 4646-8000 05 a 07 de Agosto de 2014 STAND - D120
  4. 4. Michel A. Wankenne Editor & Fundador Editora Insumos Ltda. Av. Sargento Geraldo Santana, 567 - 1º 04674-225 - São paulo, SP Tel.: (11) 5524-6931 Fax: (11) 5685-5558 Filiado a EDITORA Márcia Fani (Mtb 19.876) editora@insumos.com.br GERENTE COMERCIAL Luciana Gottsfritz luciana@insumos.com.br DEPARTAMENTO FINANCEIRO Marilena Santana Santos financeiro@insumos.com.br DEPARTAMENTO DE ASSINATURAS assinaturas@insumos.com.br ATENDIMENTO atendimento@insumos.com.br ARTE & DIAGRAMAÇÃO Jeferson Giacomo jeferson@insumos.com.br CEO & FUNDADOR Michel A. Wankenne, MBA wankenne@insumos.com.br Escritório na República Popular da China Jinchen Business China Sophia Wu & Mabel Woo insumos@163.com Tel: (+86) 577 8636 3807 Fax: (+86) 577 8841 9856 Cel.: (+86) 188 5870 4707 E D I TO R I A L Após ter assistido às discussões fúteis de certos jornalistas es- portivos, me pergunto se para ser bem sucedido nessa profissão é necessário não possuir nenhuma cultural geral e, atémesmo,passarumexameadmissio- nal para comprovar essa total nulidade. Pode ser, e é o mais provável, que alguns desses gênios que vociferam insanidadesmentaisemnossosouvidos não tenham, simplesmente, nenhuma passagem por alguma instituição de ensino superior o que, então, explicaria perfeitamenteasinúmerasbesteirasque eles propagam nas ondas hertzianas. Como se isso não bastasse, todos eles se permitem criticar atitudes e estratégias de treinadores consagrados mundialmente enquanto nem ex- periência como treinador de futebol de várzea ou peladas, têm! Problema comportamental? Complexo? No caso de comentaristas recrutados entre ex-jogadores, a falta de cultura é compreensível, natural, de praxe mas, pelo menos,oscomentáriosumpoucomaistécnicosalicerçam-senaexperiência passada. Assim, esses repórteres que deveriam se contentar em narrar os jogos e acontecimentos, emitem constantemente opiniões e palpites pessoais, frutos de uma incultura global. O problema disto é que milhões de ouvintes assimilam essas asneiras como verdades -já que “foi falado na televisão”- e irão repetir as mesmas ad vitam aeternam. Pronto, o mal é feito! Nomes de jogadoressimplesmenteestropiados,enquantoseriatãofácilperguntarpara umcolegadooutropaíscomosepronunciam.Capitaisdepaísenoçõesgeo- gráficasinsanas,enquantoomínimoseriafazerodeverdecasaeinformar-se antesdecadajogo(wikipediaparaosmaispreguiçosos!). Políticaeeconomia política? Podem esquecer! O tradicional reino da Bélgica foi transformado, por um analfabeto de plantão, em República da Bélgica! Divertido é escutar esses gênios se chamarem, entre si, de professores! Seráque,pelaquantidadeimpressionantedeestatísticasinúteisqueelesapre- sentamelespossuemumagraduaçãoemestatística?Isto,sim,foiumapiada! Me esforço, tento entender, mas não consigo! Como é possível falar 24 horas por dia de futebol, com mínimas interrupções comerciais, durante 30 dias corridos, quando assuntos muito mais complexos, científicos e interessantesseriamliquidadosembemmenostempo?Somente professores catedráticos com especialização -e douto- rado!-emasneiras!Essesverdadeiros“poços- -de-ciência”aindacoroamaspróprias performances com reflexões e observações irônicas dignas do famoso Triboulet, o qual passou para a história com o título de “bobo do rei e rei dos bobos”! Algunssesalvam?Poucos! Boa leitura! E D I TO R I A L
  5. 5. S U M Á R I O Vol. II - Nº 12 - 2014 A N U N C I A N T E S MERCADOS, EMPRESAS & CIA. Carrinho de assar pizza 16 O carrinho de assar pizza fabricado pela Compacta Print é uma oportunidade de negócio para quem planeja lucrar no setor da alimentação. Novos produtos Sadia 17 Frango à Passarinho e Batata Wedges são os novos produtos da Sadia destinados ao mercado profissional. Pizza double 18 A pizza Double acaba de ser lançada no Brasil pela Dídio Pizza e chega ao mercado com o nome de Brasileiríssima. ARTIGOS ESPECIAIS Pizza doce, uma heresia? 28 Ainda a pouco tempo atrás, falar em pizza doce era quase uma heresia. Hoje, todas as pizzarias passaram a oferecer redondas doces. Conheça algumas opções. Pizza na Copa 49 Durante a Copa do Mundo, muitas pizzarias criaram sabores diferenciados homenageando os países participantes do evento. Conheça algumas dessas criações. Selmi 58 Receita caipira para o farfalle integrale. Vapza 59 Bolinho de Feijoada e e Bolinho de Mandioca com Carne Seca, petiscos apetitosos com a utilização da Carne Seca Desfiada e da Feijoada Pronta, ambas da Vapza. PIZZARIA EM DESTAQUE Baggio Pizzeria & Focacceria 35 Tradição e competência no preparo de pizzas diferenciadas e inovadoras. SENHOR PIZZA 20 A Copa. PIZZARIAS & CANTINAS Empório Pizza Vino 40 Uma cantina italiana cheia de charme que oferece pratos e insumos italianos clássicos. ABIMA.........................................................................................56, 79 Albermaq..........................................................................................90 APUESP..............................................................................................21 Ártico .................................................................................................83 Catupiry .....................................................................................63, 92 Cia. Universo .......................................................................Capa, 78 Clube da Pizza..........................................................................64, 85 CTP - Sr. Pizza ..................................................................................86 E.bone..................................................................................................... 17, 65, 92 Forno Flex.........................................................................................90 Fórum de Pizzas.............................................................................66 GI Metal....................................................................2a Capa, 67, 77 Hotec...........................................................................................37, 86 International Pizza Expo ..................................................3a Capa Isaías Soares ....................................................................................68 Lapiendrius..................................................................................3, 88 6 PIZZAS&MASSAS Nº 11 - 2014
  6. 6. Beneo Graça di Napolli 42 Inaugurada em 13 de junho, tem no comando um expert no assunto, o paulistano Sudário Silva, eleito o melhor pizzaiolo do Brasil e considerado um dos melhores do mundo. Restaurante Olive Garden 45 Inaugura sua primeira unidade no Brasil, no novo terminal 3 do GRU International Airport, na cidade de Guarulhos, em São Paulo. CANTINA EM DESTAQUE Cantina Famiglia Faccin 46 Uma verdadeira experiência italiana na cidade de Porto Alegre, RS. ABIMA 55 Informativo As principais notícias da Associação Brasileira das Indústrias de Massas Alimentícias. PIZZARIAS UNIDAS 21 Informativo Informativo da Apusp da Associação Pizzarias Unidas do Estado de São Paulo. PIZZARIAS AO REDOR DO MUNDO 24 Charme e sofisticação nas pizzarias da Rússia... Mas e o sabor? CURSOS & FEIRAS Fispal 62 Em sua 30ª edição, a Fispal - Feira Internacional de Embalagens, Processos e Logística para as Indústrias de Alimentos e Bebidas - apresentou as últimas novidades máquinas e equipamentos, emba- lagens, produtos e serviços para o setor industrial. Settimana della Gastronomia Italiana 75 Realizado em Curitiba, PR, o evento celebra os 150 anos da uni- ficação italiana. GUIA DE FORNECEDORES 77 Os principais produtos e serviços utilizados por pizzarias e cantinas e seus respectivos fabricantes e distribuidores. Laporcela..........................................................................................77 Lenha 100%.....................................................................................11 Mafran ...............................................................................................90 Makro..........................................................................................69, 79 Mega G................................................................................19, 70, 85 Metalmaq.........................................................................................71 Mr. Lenha..........................................................................................92 Nita .............................................................................................23, 89 Ocrim .................................................................................................89 Pizzaria & Cia...................................................................................79 Pizzaria & Tecnologia......................................................13, 72, 87 Pizzarias Unidas..............................................................................79 PMG................................................................................................5, 81 Port’Alba Ecopizzaria....................................................................74 Ramalhos........................................................................91, 4a Capa Scala............................................................................................73, 96 Titã......................................................................................................15 72014 - Nº 11 PIZZAS&MASSAS
  7. 7. 8 PIZZAS&MASSAS Nº 12 - 2014 M E R C A D O S , E M P R E S A S & C I A DOMINO’S CRIA MECANISMO PARA GARANTIR A ENTREGA DE PIZZAS INTACTAS Você já deve ter se decepcionado ao abrir a caixa de uma pizza que acabou de receber no conforto do seu lar. Não se trata aqui de sabores trocados ou da presença daquele ingrediente que você não gosta, mas sim de coberturas amontoadas em um can- to ou, então, os sabores todos misturados de forma bizarra. Pensando em acabar com esse tipo de problema, a filial brasi- leira da pizzaria Domino’s criou o Steady Pizza. O mecanismo parece uma bola e vai dentro do compartimento de carga da moto do entregador, dando mais estabilidade às caixas, evitando que elas se movimentem muito durante o trajeto entre a pizzaria e a sua casa. Como ele reduz o espaço para as pizzas, diminui bastante o impacto com as laterais do compartimento de carga. O invento foi desenvolvida em conjunto com a agência Artplan. www.steadypizza.com/br.html 1 Pizzas 2 Semiesfera interior presa à semiesfera exterior, ela se movimenta para frente e para trás (eixo Y) 3 Semiesfera exterior presa ao baú da moto, se movimenta para os lados (eixo X) 4 Pêndulos, um para cada semiesfera, o peso deles compen- sa os movimentos da moto GASTRONOMIA ITALIANA ESTARÁ PRESENTE NA ALIMENTARIA BRASIL Entre os principais patrimônios da Itália, além das paisagens naturais e da sua arte, está a gastronomia, conhecida por ser uma das mais ricas e saborosas do mundo. Por conta de todas as suas características e peculiaridades, a cozinha italiana será um importante ingredientes da segun- da edição da Alimentaria Brasil - Feira Internacional de Alimentos e Bebidas -, principal evento de foodservice do mundo, que acontece de 15 a 18 de setembro, no Anhembi, em São Paulo. A feira faz parte da programação paralela da Equipotel São Paulo, uma das cinco maiores do mundo no setor de hotelaria e hospitalidade. Para representar a Itália na Alimenta- ria Brasil, a Reed Exhibitions Alcantara Machado, organizadora da feira, convi- dou a delegação brasileira da Federazione Italiana Cuochi (FIC - Federação Italiana de Chefes). “Essa é a nossa segunda parti- cipação. Será um momento importante para a autêntica gastronomia italiana no Brasil e para os profissionais que nela atuam. estande completo de demonstrações de cozi- nha artística, bate-papo e informações aos visitantes para quem quer seguir o caminho correto da gastronomia italiana com os mais renomados chefs. Também teremos aulas gratuitas com degustação, ensinando técni- cas, estilos e filosofias da cozinha do país”, adianta Stippe. Entre as novidades serão apresentados novos produtos, tendências, técnicas e receitas exclusivas. Para conhecer um pouco mais sobre a FICBrasile,acessewww.ficbrasile.com.br. A Alimentaria Brasil é funda- mental para toda a América Latina. É um espaço de troca de informações e serve como um direcionamento para o setor ali- mentício”, opina Bruno Stippe, presidente da FIC Brasile e América Latina, e atual Chef Cavaliere da Casa Real do Príncipe Cernetic, da Albânia e Montenegro, e chef professor da Cozinha Italiana no Centro Europeu (PR) e da pós-graduação e MBA da Universidade Paulista (Unip). Para mostrar toda a riqueza gastronô- mica italiana, a FIC estará em um estande de 90m² e terá dois espaços especiais para ensinar o que há de melhor: a Sala de Aula Show e a Cozinha Show. “Teremos um
  8. 8. 92014 - Nº 12 PIZZAS&MASSAS 92014 - Nº 12 PIZZAS&MASSAS RESTAURANTE EM BOMBAIM TESTA ENTREGA DE PIZZAS COM DRONES A Francesco’s Pizzeria, no Sul de Bom- baim, na Índia, inspirou-se na notícia de que o gigante de vendas americano online Amazon.com está planejando usar drones, veículos aéreos de controle remoto, para entregas e decidiram tentar o mesmo para ultrapassar o difícil tráfego da cidade. “Realizamos com êxito, no dia 11 de maio, uma entrega ensaio a um cliente, a 1,5 quilô- metros de distância da nossa loja”, afirmou o chefe executivo da Francesco’s Pizzeria, Mikhel Rajani, à agência de notícias Press Trust of Índia (PTI). “O que fizemos irá tornar-se comum nos próximos quatro a cinco anos” disse Rajani, acrescentando que os drones de quatro rotores, feitos por encomenda, cus- tam perto de 1.460 euros. A viagem do drone foi filmada pela pizzaria, que divulgou o vídeo no Youtube, mostrando o aparelho trans- portando a pizza sobre lojas, pessoas jogando críquete e pela linha costeira de Bombaim, até aterrar no telhado de um prédio de vários andares. Rajani acredita que o teste vai abrir caminho para um serviço mais rápido e mais barato do que o que é oferecido pelos habituais mono- ciclos. Ainda existem alguns problemas, como a duração das baterias, que atualmente apenas funcionam durante oito quilômetros, e a interdição de voos de drones sobre instituições de segurança. “Segundo as normas, são necessárias permissões para o voo de qualquer objeto”, declarou o Comissário da polícia de Bombaim, Madhukar Pandey. “Somos muito sensíveis a qualquer tipo de objeto que voe por controle remoto”, afirmou Pandey à agência PTI. Acredita-se que esta foi a primeira vez que um drone foi usado com fins comerciais na Índia. No Reino Unido, uma sucursal da cadeia de pizzarias Domino’s Pizza partilhou, em 2013, um vídeo no Youtube em que mostrava um drone, denominado “Do- mino’s DomiCopter”, aparentemente fazendo uma entrega ensaio. ASSOCIAÇÃO DIZ QUE PIZZA“GENUINAMENTE ITALIANA”ESTÁ AMEAÇADA portadomaisde100miltoneladasdemolho detomateconcentradoe480miltoneladas deazeitedeoliva. “Essa grande quantidade de matéria-prima vinda do exterior compromete a originalidade italiana do produto, que é vendido em 40 mil pizzarias em todo o país”,dizaassociação, solicitandoqueospizzaiolosempreguem maisprodutosnacionais. “A produção italiana não basta para poder- mos fazer todas as pizzas vendidas no país, nós temos que importar”,afirmaumporta-voz daAssociaçãodePizzariasItalianas(API), sediadaemRoma. Naverdade,oqueéimportante:aquali- dadedoprodutofinalouaorigemdos ingredientes?“Se um pizzaiolo compra tomates americanos, essa é sua decisão pessoal. O que importa é que eles sejam de ótima qualidade, para não comprome- ter o produto.” A cada semana são consumi- das 56 milhões de pizzas na Itália, quase uma por habi- tante, segundo dados da Fipe, a federação italiana que representa os donos de bares e restaurantes. O setor emprega cerca de 100 mil pessoas. Agora, existe falta de pizzaiolos para fazer esses 56 milhões de pizzas! Segundo a confederação italiana do comércio Confcommercio (www.confcommercio.it), de 2010 a 2014 o faturamento aumentou em 5%, atingindo quase 10 bilhões de euros (cerca de R$ 30 bilhões). A asso- ciação estima que faltam cerca de seis mil pizzaiolos no país. “O crescimento do setor é favorecido pelo baixo investimento necessário para abrir uma pizzaria. Mas isso leva à escassez de mão de obra especializada”, diz a Confcommercio. Vamos exportar pizzaiolos para a Itália? Um dospratosmaistípicosdaItáliaestá nocentrodeumapolêmica:aassociação italianadeagricultoresacusaaspizzariasdo paísdeusaremcadavezmaisingredientes estrangeirose“deturpar”oproduto.Enquan- toisso,seagravaaescassezdepizzaiolosno país.SegundoumestudodaConfederazione NazionaleColdiretti (www.coldiretti.it),as- sociaçãoquerepresentaosagricultoresitalia- noseestádiretamenteinteressadanavenda deprodutosnacionais,apizzaitalianajánão mereceessenome:63%daspizzasfeitasno paísconteriamingredientesestrangeiros. Aassociaçãodizquemuitaspizzassão feitascomtomateschinesesouprovenientes dosEstadosUnidos.Afarinhadetrigovem frequentementedaFrança,da AlemanhaeatédaUcrânia.E boapartedoazeitedeolivaviria daTunísiaoudaEspanha. SegundoaColdiretti,muitos pizzaiolosnãousammussarela verdadeira,massimqueijos feitosàbasedeleiteempó.Só noanopassadoaItáliateriaim-
  9. 9. 10 PIZZAS&MASSAS Nº 12 - 2014 M E R C A D O S , E M P R E S A S & C I A PIZZA HUT LANÇA PIZZA PAN MULTIGRÃOS A Pizza Hut, maior rede de pizzarias do mundo, adiciona um novo tipo de massa ao seu cardápio que levará o consumidor a uma experiência gastronômica única. É a nova pizza Pan Multigrãos, produto com adição de uma mistura de grãos que deixa a já saborosa massa Pan ainda mais crocante. Desde o dia 12 de junho, este novo best seller da Pizza Hut poderá ser encontrado nos restaurantes das cidades de Brasília, Goiânia, Rio de Janeiro, Belém, São Luiz, Fortaleza, Curitiba e Campinas. A massa Pan Multigrãos é preparada com um mix de grãos integrais e um tempero leve, que combina perfei- tamente com os deliciosos sabores da Pizza Hut. A Multigrãos pode ser encontrada nos sabores peito de peru com alho poró, presunto com Rúcula e frango com parmesão. É um concei- to inovador de massa com um sabor único. A Pizza Hut possui mais de 13 mil restaurantes espalhados por 88 países. Sua presença global é quase 40% maior do que a da concorrência e esta se tornando um ícone global em constante crescimen- to com suas lojas Delivery, Express e Dine in em todo o mundo. A empresa iniciou com unidades de en- trega em 1988 e hoje esse é o modelo que mais cresce no negócio. Com o Delivery, a marca expande em todos os mercados. Nos últimos três anos, nos EUA, abriram mais de 600 novas lojas “Delco” especiali- zadas em entrega. No modelo Express - encontrados em shoppings, grandes redes de varejo e aeroportos - é a líder nos EUA e expande internacionalmente. Já o Dine-In é a base do negócio. A em- presa vem abrindo restaurantes nos mercados internacionais e oferece uma estratégia de menu “Pizza and More”. Também gerenciam uma nova sub-marca nos EUA chama- da Wingstreet®, tornando-se a primeira grande rede americana de entrega de produtos e derivados de frango, incluindo jantares completos. Presente no Brasil desde a década de 90, a Pizza Hut é a maior representante do segmento no país, com 84 restau- rantes distribuídos pelas principais cidades. Rede de franquias, a marca atua hoje no país com três conceitos: Dine-in, que oferece experiência completa da Pizza Hut em restaurantes com serviço e cardápio ampliados; o Express, lojas de praça de alimentação de shopping que trabalham com cardápio reduzido e serviço rápido; e o Delivery. Além de pizzas, a rede oferece também massas, saladas, e sanduiche em algumas de suas unidades. COMFORT NOVA PAULISTA OFERECE CARDÁPIO DIFERENCIADO DE PIZZAS O Comfort Nova Paulista, na Vila Ma- riana, SP, empreendimento administrado pela Atlantica Hotels, serve uma varie- dade de mais de 20 pizzas em seu restau- rante Trigo e Pasta Pizza, tanto para os hóspedes como para os passantes. No cardápio, além dos sabores tradi- cionais têm as doces, como a de banana com canela e a de chocolate. Entre as salgadas estão a Zucchine (mussarela de búfala, abobrinha temperada e parme- são), a do Fubba (parmesão, alho cru e manjericão), e a Palestrina (mussarela, pesto de rúcula e tomate cereja). Porém, os grandes carros chefes são a Vila Ma- riana (mussarela, tomate seco e rúcula), a Nova Paulista (finas fatias de presunto, mussarela e azeitonas verdes) e, a mais tradicional da casa, a Trigo, Pasta e Pizza (mussarela coberta com calabresa artesanal). “A iniciativa foi muito bem recebida pelos hóspedes e pessoas das redondezas que souberam da novidade, pois se trata de um diferencial entre empreendimentos como o nosso”, diz o gerente geral Plínio França. 10 PIZZAS&MASSAS Nº 12 - 2014 M E R C A D O S , E M P R E S A S & C I A
  10. 10. 112014 - Nº 12 PIZZAS&MASSAS 112014 - Nº 12 PIZZAS&MASSAS POUCO CALÓRICO, MUITO SABOROSO E TOTALMENTE REFRESCANTE, O SORBETTO DI PROSECCO CAI BEM A QUALQUER HORA ADelíciaDeliziaGelateriaArtigianale ItalianaeCaffe,estabelecidanobairrodo Morumbi,emSãoPaulo,“é um laboratório artesanal de ideias e sabores”,explicaoempre- sárioitalianoGiovanniMariaPedone,que agora apresentaoSorbettodiProsecco. O sorbet, como conhecemos, é uma iguaria gelada, utilizado na alta gastronomia como entremets, para limpar o paladar en- tre os pratos, por exemplo, quando em um jantar, após servir carnes brancas passa-se para as vermelhas em uma mesma refeição. Atualmente, também faz sucesso como sobremesa. Como um irmão do sorvete, o sorbet tem algumas diferenças: é light por excelência, preparado à base de água e não contém gorduras. Pouco calórico, muito saboroso e totalmente refrescante, cai bem a qualquer hora. E o Prosecco é a bebida perfeita para se fazer um sorbet! É mais leve, frutado, refrescante e a versão Brut, com menos resíduos de açucares, é mais adequada ao gosto internacional. Por não conter leite, o Sorbetto di Prosecco não precisa ser aquecido e pasteurizado e, por isso, mantém suas proprieda- des alcoólicas originais. Passa apenas pela man- tecadora e, diferente do que se imagina, fica com a consistência extremamente cremosa e suave. A técnica diferenciada de Giovanni Pedone tem maior controle dos ingredientes e mantém sempre uma cremosidade ímpar. A vitrine da Delícia Delizia fica em temperatura mé- dia de -13°C, dando uma textura pelicular, permitindo que nosso paladar absorva o frio de maneira suave, com os sabores mais intensos, sem nenhum cristal de gelo. OSorbettodiProseccooferece umuniver- soinfinitodecombinações,desdeaperitivo, acompanhamentodeiguariascomofrutos domar,salmão,queijosleves,carnesbrancas, carpaccios,tartares,canapésoucaviar. www.deliciadelizia.com.br
  11. 11. 12 PIZZAS&MASSAS Nº 12 - 2014 M E R C A D O S , E M P R E S A S & C I A GASTRONOMIA PALMENSE SE DESTACA EM CENÁRIO NACIONAL A “Pizza de Carne Seca Arretada”, servida no restaurante Fogão à Lenha, em Palmas, foi uma das 32 pizzas selecionadas para participar da 5ª edição da Copa Bra- sileira de Pizzarias, o maior evento deste ramo alimentício do país, com o tema “Sabores Regionais Brasileiros”. A receita palmense se destacou dentre as mais de 600 receitas que participaram da pré-se- leção para a Copa Brasileira de Pizzarias, que foi realizada na Fispal Food Service, de 24 a 27 de junho. Segundo o chef de cozinha e proprie- tário do restau- rante, Ailton de Almeida, “ter sido selecionado para participar do concurso já nos satisfaz bastante e estamos na expectativa de demonstrar um bom trabalho e desempenho no concurso”, disse. Para o presidente da Agência Municipal deTurismo(AGTUR), CristianoRodrigues, agastronomiaéum dosprincipaispi- laresdoturismo eessereconhe- cimentoémuito importanteparao desenvolvimentodo setoreapromoçãodo destino.“Toda equipe do Fogão à Lenha está realmente de parabéns e tem muito a contribuir para o turismo da cidade”, ressaltou. O chef Almeida enfatiza que a sua pizza de Carne Seca Arretada é uma das mais tradicionais do restaurante, e que consta no cardápio desde a inauguração, como pizzaria. “A pizza de Carne Seca Arretada leva como ingredientes molho de tomate, mussarela, carne seca desfiada e banana da terra frita. É uma pizza que harmoniza dois ingredientes comuns em nossa região”, explicou. www.fogaoalenhapalmas.com.br DOMINO’S CRIA SEU PRÓPRIO ASSISTENTE PESSOAL PARA VOCÊ PEDIR PIZZA Usar o Kinect para pedir pizza é tão ano passado. Em breve você será capaz de fazer pedidos com um assistente virtual parecido com o Siri. A Domino’s acaba de anunciar que está lançando um beta de uma nova fer- ramenta de pedidos por voz para seus aplicativos móveis, o que deve tornar o processo de pedir uma pizza ainda mais simples. Apelidado de “Dom”, o assistente é capaz de reconhecer “os padrões de fala natural”, de modo que você pode dizer que deseja pedir uma pizza e ele vai responder, perguntando qual tipo. A Domino’s diz que o serviço oferece uma experiência semelhante ao atendimento normal de clientes e que deve acelerar o processo de pedidos. Para construir o Dom, a Domino’s fez uma parceria com a Nuance, empresa de tecnologia de voz por trás do Siri. “Nossos usuários de aplicativos mó- veis que fazem parte deste lan- çamento estão realmente ajudando a definir as bases para as inovações de hoje”, disse o presidente da franquia, Patri- ck Doyle. Você pode conferir o beta do novo recurso através dos aplicativos para iOS e Android da Domino’s. 12 PIZZAS&MASSAS Nº 12 - 2014 M E R C A D O S , E M P R E S A S & C I A
  12. 12. 132014 - Nº 12 PIZZAS&MASSAS Pizza Quente Vapor Prato Quente Vapor Conserva e mantém os alimentos quentes até servir ao cliente. Trabalhando de forma simples e prática, com sistema Pass-Thru, ideal para Restaurantes e Pizzarias. Prato Quente VaporPrato Quente Vapor Praticidadee Sofisticação. TITÃ ELETROCOMERCIAIS INDÚSTRIA E COMÉRCIO LTDA. 55 16 3508-7000 - 55 16 3322-0653 - FAX: 55 16 3333-3674 tita@tita.com.br www.tita.com.br 132014 - Nº 12 PIZZAS&MASSAS Pizza Quente Vapor Prato Quente Vapor Conserva e mantém os alimentos quentes até servir ao cliente. Trabalhando de forma simples e prática, com sistema Pass-Thru, ideal para Restaurantes e Pizzarias. Prato Quente VaporPrato Quente Vapor Praticidadee Sofisticação. TITÃ ELETROCOMERCIAIS INDÚSTRIA E COMÉRCIO LTDA. 55 16 3508-7000 - 55 16 3322-0653 - FAX: 55 16 3333-3674 tita@tita.com.br www.tita.com.br AÇÃO BENEFICENTE NA OVEN NO DIA DA PIZZA Paracomemorar oDiadaPizza,aOven Pizza,noBatel,emCuritiba,promoveuna quinta-feira,10dejulho,açãobeneficente emparceriacomaAPACN(Associação ParanaensedeApoioàCriançacomNeo- plasia),naqual50%darendadevendade pizzasforamrevertidasparaainstituição. Acasaoferecepizzasindividuaisassadas emmenosdedoisminutosemfornode altíssimatemperatura,comingredientesde qualidade,totalmenteescolhidosaopaladar docliente.Emumambienteconvidativo, com estilomodernoecasual,aOvenchega com umapropostacriativaparasatisfazeros maisexigentespaladares:assuperfastpizzas. Seguindooconceitofastcasual,aOvenPizza tambémservebruschettasesaladaseéperfeita paraquembuscarapidezemuitosabor. É a primeira Casa de Apoio do Brasil, fundada em 1983, por um grupo de mé- dicos e de pais de filhos com câncer, os quais presenciaram a difícil realidade de pacientes, oriundos de todo o país, que não prosseguiam com o tratamento devi- do à carência financeira em que viviam. A instituição já recebeu o “Prêmio Bem Eficiente” e é considerada de utilidade pública federal, estadual e municipal. Além da unidade Casa de Apoio, conta com as unidades Ambulatório Menino Jesus de Praga, destinada aos atendimen- tos ambulatoriais, incluindo os pacientes de Curitiba e Região Metropolitana, e com o CEGEMPAC - Centro de Gené- tica Molecular e Pesquisa de Câncer em Crianças. Atitude bonita, social e que não levou ninguém a falência! Pena que poucos seguem esse exemplo! www.oven.com.br
  13. 13. 14 PIZZAS&MASSAS Nº 12 - 2014 M E R C A D O S , E M P R E S A S & C I A A REDE SPEDINI INICIOU O SEU TRADICIONAL “FESTIVAL DE SOPA” A Spedini Trattoria Expressa, especializada em culinária italiana, incrementa seu cardápio com o seu tradicional “Festival de Sopas”. São oferecidos quatro sabores: creme de milho, canja, caldo verde e creme de palmito, todos servidos no pão. O festival acontece em todas as uni- dades da rede, que está presente em São Paulo, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná e Rio de Janeiro. www.spedini.com.br HACKERS PEDEM 30 MIL EUROS PARA DEVOLVER DADOS DA DOMINO’S Hackers pediram um resgate de 30 mil euros (R$ 90 mil) a Domino’s Pizza após roubar 650 mil dados pessoais de usuários da França e da Bélgica, incluindo senhas de acesso. O grupo conhecido como Rex Mundi afirmou em um post no site alemão dpaste.de que ganhou acesso a um banco de dados vulnerável da cadeia de restauran- tes na Europa, informa o Daily Mail. No post, os hackers deram um prazo de 24 horas para a Domino’s Pizza efetuar o pagamento, do contrário eles vão divulgar os dados. Eles disseram ter roubado 592 mil informações de usuários franceses e 58 mil de usuários belgas. Isso inclui nomes completos, endereços residenciais, telefones, endereços de e-mail, senhas e instruções de entrega (como os ingredien- tes favoritos). O grupo deu ainda dois exemplos de dados roubados na postagem e afirmaram que as informações continu- am vulneráveis. Por meio de seu Twitter, a Domino’s da França afirmou que, embora a empresa utilize um sistema de criptografia de da- dos, eles foram vítimas de “profissionais” que puderam decodificá-lo. A companhia pediu aos usuários para fazerem a troca imediata das senhas. Um executivo holan- dês da cadeia de restaurantes, Andre tem Wolden, disse a um jornal de seu país que a Domino’s não pagará o resgate. A Domino’s tem 229 lojas na França e 24 na Bélgica. COXINHA DU CHEF LANÇOU COXINHA VERDE E AMARELA PARA A COPA DO MUNDO A Coxinha Du Chef - rede de franquias de coxinhas vendidas no cone, acaba de lançar um produto exclusivo para a época da Copa do Mundo, com receita única e inusitada, nunca antes feita para nenhuma coxinha no país: é a coxinha verde e amarela, feita com massa de espi- nafre por fora e recheio de cheddar. Batizada de “Coxinha Brasil”, é uma invenção do chef Renato Iarussi, um dos proprietários da rede de franquias, que já conta com 8 unidades na Grande São Paulo. Ela também será vendida em 12 unidades, no cone, como as demais coxinhas do cardápio e custará R$ 4,00. Segundo o chef Renato Iarussi, a ideia foi inserir a empresa nas torcidas da Copa com um produto comemorativo, dife- rente e saboroso. “Nós vendemos coxinhas em forma de snacks, no cone, que são perfeitas para beliscar durante um jogo de futebol, ainda mais se forem verde e amarelas”, conta ele. Além dos cones com 12 unidades de coxinhas, há também a embalagem “Chefão”, que vem com 60 unidades e custa R$ 17,50. A Coxinha Du Chef é conhecida pelos sabores inusitados que já criou, como a coxinha de parmegiana e as coxinhas doces de brigadeiro e doce de leite. A rede continua em plena expansão e pretende abrir 35 novas unidades este ano. www.coxinhaduchef.com.br 14 PIZZAS&MASSAS Nº 12 - 2014 M E R C A D O S , E M P R E S A S & C I A
  14. 14. 152014 - Nº 12 PIZZAS&MASSAS 152014 - Nº 12 PIZZAS&MASSAS CARRINHO QUE ASSA PIZZA EM 1 MINUTO E MEIO GARANTE MOBILIDADE E LUCRO alimentação e ter mobilidade no empreen- dimento. O carrinho é feito de alumínio, tem um forno a gás e usa eletricidade ou bateria para acender as lâmpadas e girar a pedra refratária. As pizzas são feitas com massa pré-assada. Cada carrinho custa R$ 3.300 e assa pizza em 90 segundos. O empresário já vendeu mais de 3.000 carrinhos. Já imaginaram usar uma gerigonça dessa como extensão de seu estabelecimento perto de faculdades, estádios de futebol, etc., etc.? Um dos clientes da Compacta Print, Eudo Lopes, tem uma lanchonete em Carapicuíba, na Grande São Paulo, e comprou o carrinho em 2012. Hoje, só as pizzas representam um faturamento extra de R$ 9.500 por mês. O carrinho também trouxe visibilidade e mais público para a lanchonete. Resultado: o faturamento do negócio dobrou. A Compacta Pizza Balcão é uma versão do forno para assar pizzas para uso em mesa, bancada ou automóvel. Perfeito para quem possui um quiosque, trailer ou lanchonete. www.compactaprint.com.br/maquina-de-pizza/ A Compacta Print, do empresário Edson Cortez, fabrica, entre outros equipamen- tos, carrinhos de assar pizza. O equipa- mento é uma oportunidade de negócio para quem planeja lucrar no setor da
  15. 15. 16 PIZZAS&MASSAS Nº 12 - 2014 M E R C A D O S , E M P R E S A S & C I A PATRONI PIZZA LANÇA RECEITAS COM MAIONESE HELLMAN’S E BATATAS MCCAIN isso se traduz em sabor, e não somente ‘refeição’. Como resultado, temos a união junto a grandes marcas como Hellmann’s e McCain, que querem se alinhar a esta experiência, tocando o consumidor de maneira estratégica. São mais de 10 projetos de em três anos, e todos eles passam pelas mãos de nossa diretora geral de alimentos, com 70 anos de idade e mais de 40 anos de mercado”, explica o presidente da Patroni Pizza, Rubens Augusto Junior. www.patronipizza.com.br Em comemoração aos 30 anos da rede, a Patroni Pizza preparou diver- sas ações especiais para presentear os consumidores com receitas exclusivas. Nos próximos meses, as 134 unidades da rede passam a oferecer as receitas do “diário do Don”, com lançamentos de pratos inovadores e importantes parce- rias firmadas em ações de co-branding com marcas renomadas, como Hell- mann’s e McCain. Durante três meses, os cardápios da Patroni Pizza passam a contar com o arroz cremoso Hellmann’s. A gigante multinacional concedeu exclusivamente à diretora geral de alimentos, Elisabeth Kehdy, a permissão para adaptação da receita oficial do produto. Nas lojas, os clientes podem optar como acompanha- mento duas versões de arroz: Caprese, composto por maionese, tomates picados, manjericão e queijo especial; e Piamontese, com maionese, presunto picado, ervilhas e queijo especial. Outra importante parceria firmada no mercado de foodservice foi realizada com a McCain. As saborosas, crocantes e fartas batatas em forma de canoa da marca também fazem parte da gama de produtos estratégicos que estarão nos menus “30 anos Patroni”. Entre as receitas exclusivas da “Fami- glia”, preparadas especialmente para a ação dos 30 anos, a opção “Grill Don Patroni” é a maior inovação da rede no momento, fornecendo uma experiência “a la carte” mesmo no cenário de praças de alimentação. A opção permite que o cliente se sirva a vontade e traz carnes “direto na chapa”, em duas sugestões: is- cas de picanha ou versão mista, com calabresa, carne e frango. O prato acompanha arroz cre- moso Hellmann’s, batata canoa McCain e salada. Outras receitas que englobam o cardápio comemorativo são os pratos “Executivos Top”, os campeões de venda Patroni, reinventados com arroz cremo- so Hellmann’s e batatas McCain. As opções de Parmegiana do Don, Beef a Cavalo, Don América e Steaks de Picanha ou Milanesa (carne ou frango) atendem aos gostos diferenciados, de acor- do com a preferência do cliente. Todos eles contam com arroz cremoso Hellmann’s e mais dois acompanhamentos. “Nos 30 anos da marca, queremos levar ao cliente não somente uma opção de pro- duto e preço. Conquistamos um posiciona- mento de experiência de consumo, por conta de nossos valores e métodos operacionais que preservam a tradição, mesmo em meio ao cenário de fast food. Para o cliente, HOLIDAY INN PARQUE ANHEMBI REALIZA SEMANA DA PIZZA Para comemorar o Dia da Pizza, celebrado em 10 de Julho, o hotel Holiday Inn Parque Anhembi, localizado na capital paulista, realizou no restaurante Camauê, entre 7 e 12 de julho, a Semana da Pizza. O restau- rante serviu, além dos sabores tradicionais como Margherita e Pepperoni, opções como pizza doce de cappuccino, que leva chocolate ao leite, chocolate branco com café, biscoito com cobertura de chocolate e que vem acompanhada por uma bola de sorvete de creme. Outro sucesso foi a pizza de filé mignon, a qual contém pimentões, azeitonas pretas, catupiry e mossarela. Além disso, houve uma programação diferenciada no Bar Du Hotel, onde a novidade foi a Crispy, uma pizza fechada gratinada com queijo, nos sabores calabre- sa e frango com catupiry. 16 PIZZAS&MASSAS Nº 12 - 2014 M E R C A D O S , E M P R E S A S & C I A
  16. 16. 172014 - Nº 12 PIZZAS&MASSAS 172014 - Nº 12 PIZZAS&MASSAS BRF FOOD SERVICES LANÇA NOVOS PRODUTOS DA SADIA PARA O MERCADO PROFISSIONAL A BRF Food Services, área da companhia destinada a criar produtos e soluções para os estabelecimentos especia- lizados em alimentação fora do lar, lança dois produtos para o mercado profissional: Frango à Passarinho e Batata Wedges, ambos da marca Sadia. “São produtos versá- teis, que podem ser usados em diferentes receitas, e uma ótima opção de petisco” explica Marcia Pozzi, gerente de marketing para a divisão de Food Services da BRF. O Frango à Passarinho Sadia, que já compunha o portfólio de food services, recebeu nova embalagem, mais fácil de manusear e agora na versão de 1 kg, ideal para o porciona- mento dos estabelecimentos. É o único do mercado que já vem temperado, pronto para ser preparado e que garante uma carne mais suculenta. Segundo pesquisa da Okno, encomen- dada pela BRF, o frango em porção é o segundo prato mais pedido nos bares. A Batata Wedges da Sadia chega para incrementar as opções do portfólio, que já conta com as versões de 9mm e 7mm, esta última lançada recentemen- te. O seu corte, que mantém uma parte da casca, é ideal para o preparo da “batata rústica”, como é conhecida nos cardápios, e garante crocância por fora e textura macia por dentro. A área de food services da BRF é a responsável por atender ao mercado profissional de alimentação, ou seja, todo estabelecimento dedicado às refeições fora do lar. Para isso, há uma equipe dedicada de vendedores capacitados que ofe- recem soluções customizadas, com suporte de um time de 15 chefs consultores em diferentes áreas do mercado de food service. Somam-se a esses esforços um portfólio com mais de 170 itens nas categorias, dressings, empanados, fatiados, frango, frios, hambúrgueres, lácteos, leites, linguiças, margarinas, morta- delas, porcionados, pratos prontos, presuntaria, queijos, entre outras. A BRF, detentora das marcas Sadia, Perdigão, Batavo e Elegê, é uma das maiores exportadoras mundiais de aves e uma das princi- pais captadoras de leite e processa- dora de lácteos do Brasil. A empresa possui cerca de 110 mil funcio- nários, conta com 49 unidades industriais no Brasil e 11 no exterior (9 na Argentina, 1 na Inglaterra e 1 na Holanda), além de 28 centros de distribuição que abran- gem todo território nacional. Hoje, a BRF exporta seus produtos para mais de 110 países e detém um portfólio su- perior a 5.000 itens, entre os segmentos de carnes, lácteos, margarinas, massas, pratos congelados e vegetais congelados. Em 2013, a companhia registrou fatura- mento líquido de R$ 30,5 bilhões. www.brf-br.com/global/
  17. 17. 18 PIZZAS&MASSAS Nº 12 - 2014 M E R C A D O S , E M P R E S A S & C I A FACULDADE HOTEC: PARCERIAS E ESTÁGIOS ENCURTAM INGRESSO AO MERCADO DE TRABALHO Atualmente, mais de 200 marcas da indústria hoteleira, de bares e restau- rantes de São Paulo estão presentes na Faculdade Hotec, uma das principais instituições de ensino voltada para a gestão, hospitalidade e saúde. São empresas parceiras que participam ativamente das atividades pedagógicas, cursos e oficinas, incluindo degus- tações e lançamentos de produtos. Este é um trabalho que vem cada vez mais beneficiando os futuros profissionais interessados nos cursos de graduação, tecnológicos, técnicos e de especia- lização nas áreas de gastronomia, hotelaria, turismo, eventos, hotelaria hospitalar, nutrição, estética e RH, entre outros. Por meio de convênios, a faculdade proporciona o ingresso rápido dos alunos no mercado de trabalho. Por outro lado, as empresas contam com profissionais altamente capacitados e preparados para exercer suas funções. Qualificação profissional tem sido a principal exigência dos empregadores. “O conteúdo teórico é muito valioso, princi- palmente, se estiver aliado ao saber fazer. Por isso, primamos pelas aulas práticas e pelo contato do aluno com o mercado de trabalho”, disse Beatriz de Carvalho Pinto Rampim, Mantenedora e Diretora Peda- gógica da Faculdade Hotec. A parceria com o mercado de feiras tam- bém vem ganhando importância. Alunos e professores especialistas têm recebido convites das principais organizadoras de eventos para representar a HOTEC e trocar conhecimento e tecnologias com profissionais e empresários dos setores de alimentos, equipamentos e negócios. Entre as principais parcerias que já foram firmadas neste ano de 2014 estão a Food Hospitality World SP (Feira Profissional de Alimentação e Hospitalidade), FISPAL Food Service (Feira Internacional de Pro- dutos e Serviços para a Alimentação Fora do Lar) e FIPAN (Feira Internacional de Panificação e Confeitaria). Entre os novos parceiros está o Hotel Fazenda Spaventura (Ibiúna, SP), um complexo que é líder em boas práti- cas sustentáveis e que tem recrutado alunos das turmas de Gastronomia, Eventos e Hotelaria para prestação de serviços em altas temporadas. Também no primeiro semestre, a final do Con- curso “APC Um Chef na Patagônia” foi realizado em um dos 30 laboratórios de gastronomia da instituição. A compe- tição, patrocinada pela Patagônia Mus- sel, contou com as presenças de chefs renomados, como Laurent Sauaudeau e João Leme, e teve como vencedor o aluno Henrique Rossanelli (categoria Estudante). Como prêmio, Henrique ganhou uma viagem para o país que dá nome ao evento “A nossa faculdade tem participado de projetos muito interessan- tes. Estes convites só confirmam o quanto estamos alinhados com as necessidades das empresas, mostrando porque nosso ensino tem excelência, na teoria e na prá- tica”, concluiu a professora Beatriz. www.hotec.com.br DÍDIO PIZZA LANÇA PRIMEIRA PIZZA DOUBLE DO BRASIL Tradicional (?) em outros países, como os Estados Unidos, a pizza Double (com 2 camadas de massa e 2 recheios) acaba de ser lançada no Brasil pela Dídio Pizza - rede de franquias de pizzarias delivery - e chega ao mercado com o nome Brasileiríssima, por ocasião de seu lançamento na época da Copa do Mun- do. Idealizada a partir de uma parceria com a Sadia e a Philadelphia, a pizza Double tem um segundo disco de massa fininha e crocante sobre uma camada de cream cheese. A cobertura é de molho de tomate, calabresa, bacon picante, cebola, mussarela, azeitonas e orégano. “Acreditamos que esta pizza será referência para um tipo de produto que é pioneiro no país e ficará conhecida pela combinação de sabores marcantes, justamente para quem gosta de saborear uma pizza farta e diferente de tudo o que existe no mercado”, avalia Elidio Biazini, proprietário da rede Dídio Pizza. Para agilizar o atendimento aos clientes durante a Copa do Mundo, a Dídio Pizza trabalhou com agendamentos prévios de pedidos com data e horário para entrega. Bastava ligar para a unidade que atende cada região e garantir a pizza preferida. A Dídio Pizza tem mais de 20 anos de existência e é conhe- cida pelo lançamento de sabores inusitados, como a pizza de abo- brinha, a pizza doce de maracujá, a pizza de Fondue, que é lança- da no inverno, e a pizza de panettone, que já teve duas edições na época do Natal, além das pizzas light com massa integral. A rede continua em franca expansão pelo Estado de São Paulo e este ano vai prio- rizar diversos bairros da capital paulista para a abertura de novas unidades. www.didio.com.br
  18. 18. AT2014 - Nº 12 PIZZAS&MASSAS 192014 - Nº 12 PIZZAS&MASSAS S E N H O R P I Z Z A MegaG é líder de mercado. Distribuidores MegaG - 20% Concorrente 1 - 14% Concorrente 2 - 5% Concorrente 3 - 4% Pesquisa realizada pela consultoria especializada ECD Food Service nos meses de fevereiro, março e abril de 2014, com amostra de 220 pizzarias em São Paulo (Grande SP) comprova o sucesso do nosso esforço em oferecer o melhor a nossos clientes: Melhores preços • Melhor mix de produto • Vantagens exclusivas. O evento foi um mega sucesso, o maior concurso entre pizzarias do Brasil aconteceu de 24 a 27/06 dentro da Feira Fispal Food Service, a Copa Brasileira de Pizzarias teve 32 finalistas e as apresentações surpreenderam a todos visitantes e a equipe presente, foi bem emocionante e gratificante para todos. A MegaG teve o privilégio de ter alguns clientes entre os finalistas e um ganhador na final. Patrocinadora Ouro com apoio da Tradição, Harald e Aurora, a Distribuídora de Alimentos contribuiu para a realização e sucesso do evento. Com o slogan “Nós trabalhamos para o seu sucesso” a MegaG fecha com chave de ouro a sua participação na Fispal 2014. Parabéns a toda a equipe. Pesquisa comprova! Dadosdapesquisa realizadapelaECD FoodServiceem2014. O Seu Atacadista de Alimentos Pizzarias, Restaurantes, Cozinhas Industriais, Padarias, Mercados, Hotéis, Hospitais, Açougues entre outros. Atendemos: Av. Maria Coelho Aguiar, 573 25F - Jardim São Luís - São Paulo/SP Patrocina a Copa Brasileira de Pizzarias e incentiva seus clientes. A MegaG inova com participação na Fispal 2014 www.megag.com.br • 11 5853.4000 | 11 5851.0477
  19. 19. S e n h o r P i z z a Ronaldo Ayres, o Senhor Pizza, é diretor do Centro Tecnológico de Desenvolvimento de Pizzas e Massas no Brasil (CTP), pizzaiolo de mão cheia e, sobretudo, um apaixonado por pizza. Centro Tecnológico de Desenvolvimento de Pizzas e Massas no Brasil Tel.: (11) 3951-1000 www.senhorpizza.com.br A Copa Neste ano de Copa do Mundo no Brasil, conseguimos fazer a nossa Copa de Pizza. Como diz o brasileiro, tudo termina em festa, alegria, futebol, samba e, finalmente, em pizza. ACopaBrasileiradePizzariasnãofoisomenteumcampeonato,masfoiumencontro deváriaspizzariascomsededetecnologia,conhecimentoetrocadeexperiênciasentre si, com um analisando o trabalho do outro. Também contamos com a presença de grandes e renomados chefes do setor de pizzas e massas, que ministraram palestras na Carreta Sabor & Saber Makro, onde levaram não só novas técnicas, como também sabedoria e conhecimento para todos que participaram deste evento. DuranteosquatrodiasdeFispal,montamosduascantinastipoitalianaparaatender os patrocinadores. Foi montada uma mini fábrica de pizzas em que tínhamos uma produção de aproximadamente 750 pizzas por dia. Foiumeventoquecausouemoçãonospizzaiolosedonosdepizzarias e em todos que ali estiveram. Víamos lágrimas de alegria nos olhos daqueles que deram de tudo para participar da Copa, mostraram garra,coragemevontadedevencerporapresentarempizzasbem elaboradas e apetitosas aos nossos jurados. Comtudoisso,podemostirarváriaslições,masamaisimpor- tante é que as coisas simples nos tornam mais humanos e com gana de idealizar cada vez mais eventos desta natureza, para que possamos valorizar mais e mais o profissional do setor de pizzarias. 20 PIZZAS&MASSAS Nº 12 - 2014 S E N H O R P I Z Z A
  20. 20. 21 PIZZAS&MASSAS Nº 12 - 2014 A P U E S P Pizzarias Unidas Compromisso com a qualidade ParceriasPizza no almoço MotoboysConpizza Informativo APUESP Associação Pizzarias Unidas do Estado de São Paulo Prefeito de Nova York choca a população ao comer pizza com garfo e faca: lá eles comem com as mãos Como muita gente ficou sabendo, no começo do ano, houve grande discussão sobre o “Desastre” cometido pelo prefeito de Nova York ao comer pizza com garfo e faca. Bill de Blasio, ao tomar posse no início do ano, foi achincalha- do pela imprensa local por ter comido um pedaço de pizza em evento público, usando talheres. Mas acredite, tem uma relação íntima com a alta venda de pizza durante o dia e o fato de o prato ser saboreado com as mãos na “Big Apple”, como é conhecida uma das maiores ci- dades do mundo. Esse é o poder da tradição, e é ela que faz com que os americanos vendam muito mais pizza no horário do almoço do que os brasileiros que, aliás, nem sequer abrem suas pizzarias ao meio-dia. Como os moradores de NY estão sempre com pressa - algu- ma semelhança com São Paulo? - comer a pizza com as mãos, comprada aos pedaços, é uma maneira rápido e prática de se matar a fome sem parar de trabalhar. Em algumas regiões de São Paulo, encontra-se esse modelo de pizzaria, que vende a pizza aos pedaços. Mas são poucas e contam-se nos dedos. Será que as grandes pizzarias não poderiam se beneficiar de uma quebra de paradigmas? No Brasil, a pizza é saboreada no prato, sentado, com garfo e faca. E, por isso, acaba sendo um programa noturno, que reúne a família e os amigos ao redor da mesa. Segundo Scott Wiener, nova-iorquino amante de pizza e criador do “Scott’s Pizza Tour” em Manhattan, a tendência de se comer só o pedaço continuará em alta na região, e é algo que os brasileiros poderiam cogitar com certeza. Scott esteve no Brasil para o Congresso da Piz- za, promovido pela Associação Pizzarias Unidas, e ele próprio fez piada quando se sentou com os amigos para experimentar uma redonda com garfo e faca. Mas a lição que fica é a mesma. “Pedida em balcões diretamente voltados para a calçada, a pizza é um prato rápido para os americanos, e essa tendência é para ficar”, conta ele. Para vender pizza de dia, talvez seja o caso de começar um novo costume. A pizza aos pedaços pode sim ter a qualidade de massa e recheio que se espera das redondas nacionais. Quer tentar? Scott Wiener, em NY, mostrando como se come pizza por lá.
  21. 21. 22 PIZZAS&MASSAS Nº 12 - 2014 A P U E S P Delivery Brasil - o recomeço! O Congresso Internacional da Pizza (CONPIZZA), que aconteceu pela segunda vez em abril de 2014, trouxe mais uma ação de grande sucesso, o “Delivery Brasil”. O Delivery em 2013 foi um sucesso, se estendeu pelo primeiro semestre deste ano e, agora em agosto de 2014, continuará a todo vapor! Essas etapas são provenientes de uma parceria entre o Sebrae-SP e a Associação Pizzarias Unidas para apresentar em diversas cidades debates e palestras sobre Associativismo, gestão, workshops, tendências de mercado e muito mais! Ano passado, o Delivery entregou conteúdo em cidades como: Camburiú, So- rocaba, Campinas, Belo Horizonte, São Paulo (zona Leste), Rio de Janeiro e Ribeirão Preto. A partir de agosto, o Delivery passará por mais doze cidades! A grande novidade fica por conta do “Pré-olímpico da Pizza”, que terá suas seletivas durante as apresentações do Delivery Bra- sil. Ou seja, os concorrentes ao prêmio de melhor pizza, que será entregue no III CONPIZZA, em 2015, serão selecionados durante os eventos. “Além do pré-olímpico, estamos reservando incríveis novidades em termos de conteúdo e palestrantes. Os em- presários podem jogar as expectativas lá no alto, pois o Delivery Brasil vai surpreender”, afirma Carlos Zoppetti, vice-presidente da Associação Pizzarias Unidas, chamando a atenção de todo o empresariado de pizzarias. Emparceirando para crescer! São as parcerias de sucesso que ajudam uma Associação a oferecer aos associados oportunidades valiosas. A Pizzarias Uni- das apresenta novos parceiros que, com certeza, vão contribuir para o crescimento de todos. Adeus, papel! Trocar o papel pela comanda eletrônica: está mais do que na hora, não é? Com o eComanda o restaurante terá um sistema de gestão de pedidos que vai agilizar, automatizar e trazer con- forto ao cliente e segurança ao empresário. O eComanda ofe- rece o mais avançado programa para restaurante, bar e padaria pelo menor custo do mercado, tudo em nuvem, o que permite baixo custo de armazenamento de informações, as quais podem ser acessadas de qualquer lugar. Compatível com iPad, iPod Touch, tablets, Android etc., o eComanda controla estoque unitário e matéria-prima, entrada e saída de nota fiscal, gestão de fornecedores, venda on-line, efetua pedidos pelo site, fecha a conta e avalia o serviço do próprio smartphone sem o auxílio de atendentes. Tire suas dú- vidas no site www.ecomanda.com.br Vai para a esteira! Ainda tem muito empresário cheio de dúvidas em relação à troca de fornos à lenha por fornos de esteira. Agora, a Uni- das tem como parceira a empresa de fornos de esteira da marca MIDDLEBY. A parceria trará eventos, ações, demonstrações e, claro, a negociação de valores especiais para associados. Motoboys terão adicional de periculosidade Entenda os 30% a mais no salário dos motoboys Os ânimos se exaltaram nos últimos dias com a notícia de que o Ministério do Trabalho modificou a CLT, incluindo entre as atividades perigosas, a atividade de motoboy. É mesmo verdade. Segundo o site do Ministério, ele vai “regulamentar o adicional de periculosidade criado pela Lei 12.799, de 18 de junho de 2014. A Lei considera perigosas as atividades dos trabalhadores com motoci- cletas e o adicional representa 30% a mais no salário do empregado.” Segundo Adalmir Monteiro, advogado da Associação Pizza- rias Unidas, ainda é necessária a regulamentação entrar em vigor. “Acreditamos que a lei entre em vigor em até três meses, pois esse é o prazo que Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) vai precisar para regulamentar a norma”, diz Monteiro. “A nova norma ainda será submetida à consulta pública a partir de 15 de julho, e ainda passará por alguns processos até ser regulamentada, e o pagamento só será obrigatório após essa regulamentação”, explica. O que isso muda para o empregador dono de Pizzaria A grande mudança será o custo da folha de pagamento porque o adicional deve ser calculado sobre o salário base do motoboy e tem reflexo nas férias, 13º salário, o FGTS e ho- ras extras. Além disso, a aposentadoria em atividades com risco também pode ser antecipada. “É uma boa hora para os empresários registrarem os motoboys informais porque o custo ficará muito caro no caso de eventual ação trabalhista”, alerta Monteiro. Como nem todos entendem que a publicação da notícia não significa que já está em vigor a lei, é necessário explicar aos motoboys que só haverá pagamento no holerite após validação. “Acredito que a questão se resolva na base da conversa. As partes devem conversar e o empre- gador deve tranquilizar o funcioná- rio explicando que o direito do adi- cional será pago quando for devido”, sugere o advogado. Adamir Monteiro: con- versa será fundamental para esclarecer os prazos C M Y CM MY CY CMY K 22 PIZZAS&MASSAS Nº 12 - 2014 A P U E S P C M Y CM MY CY CMY K
  22. 22. 232014 - Nº 12 PIZZAS&MASSAS Um dos maiores segredos da boa pizza é a qualidade de sua farinha. Um dos maiores segredos da boa pizza é a qualidade de sua farinha. Um dos maiores segredos da boa pizza é a qualidade de sua farinha. Conheça... (13) 4009-6800 232014 - Nº 12 PIZZAS&MASSAS Um dos maiores segredos da boa pizza é a qualidade de sua farinha. Um dos maiores segredos da boa pizza é a qualidade de sua farinha. Um dos maiores segredos da boa pizza é a qualidade de sua farinha. Conheça... (13) 4009-6800
  23. 23. 24 PIZZAS&MASSAS Nº 12 - 2014 P I Z Z A A O R E D O R D O M U N D OP I Z Z A A O R E D O R D O M U N D O Moscovo (português europeu) ou Moscou (português brasilei- ro) é a capital, cidade e subdivisão federal mais populosa da Federação Russa. A cidade é um importante centro político, econômico, cultural, científico, religioso, financeiro, educacional e de transportes da Rússia e do continente. Moscou é a megacidade mais ao Norte na Terra, a segunda cidade mais populosa da Europa, atrás de Istambul, e a sexta cidade mais populosa do mundo, ficando atrás somente de Xangai, Istambul, Pequim, Mumbai e Karachi. Sua população, de acordo com os resultados de estatísticas federais, já ultrapassou os 12 milhões. Com base na lista de 2012 da Forbes, Moscou tem a segunda maior comunidade de milionários do mundo. É uma das maiores economias entre as cidade da Europa e compreende aproximadamente 22% do PIB russo. A cidade tem a menor taxa de desemprego de todas as subdivisões federais da Rússia. Moscou está situada sobre o rio Moscova, no Distrito Federal Cen- tral da Rússia europeia. No curso de sua história, a cidade serviu como capital de diversos Estados, como da Moscóvia medieval, do subsequente Czarado da Rússia e da União Soviética. Durante a Guerra Fria, Moscou foi o centro do chamado Bloco do Leste. A capital também é a sede do Kremlin, uma antiga fortaleza que hoje é a residência - apenas oficial- mente - do presidente russo e sede do poder Executivo do Governo CHARME E SOFISTICAÇÃO... MAS E O SABOR? da Rússia. O Kremlin é também um dos vários Patrimônios da Humanidade na cidade. Ambas as câmaras do Parlamento russo, a Duma e o Soviete da Federação, também estão sediadas em Moscou. A cidade é servida por uma extensa rede de trânsito, que inclui quatro aeroportos internacionais, nove terminais ferroviários e um dos mais profundos túneis subterrâneos do mundo, o metrô de Moscou, perdendo apenas para Tóquio em termos de número de passageiros, e reconhecido como um dos marcos da cidade devido à arquitetura rica e variada de suas 185 estações. A pizza, obviamente, não é o prato típico da Rússia! Mas,
  24. 24. 252014 - Nº 12 PIZZAS&MASSAS devido a atração que a Itália exerce per la natura, i monumenti, la cucina, le donne... pode-se encontrar ótimos estabelecimentos servindo pratos italianos. Experimentamos três deles, um extremamente sofisticado, uma rede local, e um estabelecimento mais simples. Piazza Rossa. Segundo sua própria propaganda, esse restaurante combina o charme e elegância da Itália com o luxo tra- dicional de um grande hotel moscovita, o Hotel National. A única coisa que o Piazza Rossa realmente tem é uma belíssima vista sobre o Kremlin e uma decoração clássica. A bruschetta era muito boa, mas qualquer bruschetta utilizando salmão, camarões e queijo fino não poderia ser ruim. A pizza tinha na sua composição alguns pedaços de carne mais duros do que uma sola de sapato surrada! A massa também deixava muito a desejar. Um desastre! O cúmulo foi o tiramisù. Com certeza não tinha a iguaria pronta e, alegando o gênio criativo do chef do restaurante, Cristiano Andreini, servi- ram um tiramisù “desmontado”, i.e. com os ingredientes jogados a esmo no prato. Até o maître e os garçons concordaram que, no conjunto, meu jantar tinha sido indigno da imagem que o estabelecimento pretendia passar para o mercado. Oferece- ram café e licor, que eu declinei por não querer correr o risco de novo sofrimento gustativo.
  25. 25. P I Z Z A A O R E D O R D O M U N D O Bocconcino Pizzeria. O primeiro Bocconcino foi aberto em 2006, pelo conhecido restaurateur moscovita Michael Gohner, no Strastnoy Bulvar. Comida italiana variada, descomplicada e saborosa. As pizzas continuam sendo feitas em forno à lenha e apresentam massa fina e levemente crocante. As massas são de fabricação caseira e o restaurante ainda oferece ótimas al- ternativas de pratos de carnes e de frutos do mar. Hoje, existem cinco Bocconcino no centro de Moscou e mais um, em Nizhny Novogorod, cidade a cerca de 400 km de Moscou. Experimentamos 3 dos 5 estabelecimen- tos moscovitas e a experiência foi ótima. Em todos eles a decoração é relativamente simples, agradável e de bom gosto. O aten- dimento é simpático, com um ligeiro toque de classe. Todos eles oferecem uma ampla carta que conta com snacks, saladas, sopas, pastas e risotos, pizzas, crostone, focaccias, peixes e até sashimi, sushi e gunkan. Em nossas passagens experimentamos, entre outras coisas, o tártaro de salmão e atum, a entrada siciliana (berinjela e abobrinha frita, com queijo Feta, alho e ervas finas), uma pizza country (molho de tomate, mos- sarela, atum, cebola e parmesão), uma pizza Bocconcino (queijo Stracchino ou crescenza, mussarela, tomates e presunto de Parma), etc. Nada de excepcional, mas a garantia de uma boa refeição em um ambiente agradável, até requintado. Uma boa pedida! Sorriso Osteria Pizzeria. Localizado na movimentada Tverskaya, a uma centena de metros do Hotel National e do Kremlin, o bistrot Sorriso não chama muito a atenção dos transeuntes; com algumas poucas mesas na calçada, pou- co convidativas, é somente depois de descer algumas escadas que a gente adentra no salão e se sente mais seguro. O pessoal não é dos mais atenciosos, mas a língua pode ser o em- pecilho que os afugenta, porque quan- do chama- dos, atendem prontamente. No con- junto trata-se de um restau- rante simples, oferecendo umaboacomi- da por preços bastante atrativos, considerando a localização (Tver- skaya) e os preços bastante elevados da região. Uma pizza Margherita, por exem- plo, de 55 cm sai por cerca de R$ 25, barato para Moscou e, ainda mais se comparado com os preços de São Paulo! Essa pizza de 55 cm não é redonda, mas sim ovalada, com cerca de 20 cm no eixo menor. As pizzas in- dividuais tem 27 cm e são servidas no prato. Experimentamos duas pizzas, uma com mo- lho de tomate, presunto de Parma e queijo Mascarpone e outra de pêra e gorgonzola. Esta última é bem fácil de fazer e apresenta agradável combinação de sabor entre o doce da pêra e o picante do gorgonzola. Recomendo! De entrada uma ótima bruschetta com salmão marinado, queijo Philadelphia, cebola picada e endro. O Sorriso Osteria Pizzeria pode não ser um reduto da alta gastronomia italiana, com certeza, mas é garantia de uma boa refeição, em um ambiente tranquilo, por um preço muito interessante. Uma brus- chetta, uma pizza e um tiramisù por RS 65, na Tverskaya? Uma verdadeira pechincha! Recomendo! AT PIZZAS&MASSAS Nº 12 - 2014 P I Z Z A D O C E
  26. 26. 272014 - Nº 12 PIZZAS&MASSAS 272014 - Nº 12 PIZZAS&MASSAS UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA?UMA HERESIA? Ainda a pouco tempo atrás, falar em pizza doce era quase uma heresia. Muitas pes- soas, sem a menor imaginação, declaravam simplesmente que pizza tinha que ser salga- da e encaravam com profundo desgosto a simples menção de pizza doce. Hoje, as coisas mudaram drasticamente e todas as pizzarias passaram a oferecer redondas doces. Infelizmente, as opções oferecidas ainda são poucas e, geralmente, limitam-se ao uso de ingredientes comuns, tais como chocolate - em suas mais variadas apresentações -, bananas e morangos, conforme a estação. Em nossos constantes périplos ao redor do mundo encontramos uma infinidade de opções, mas tentaremos aqui nos limitar na apresentação de pizzas doces cujos ingredientes podem ser encontrados no mercado local, eliminando sistematicamente aquelas cujo prepa- ro requer produtos e ingredientes - geralmente frutas - difíceis de encontrar no Brasil. A massa As massas encontradas são básicas e incorporam farinha, fermento fresco ou em pó, um filete de azeite, açúcar, sal e água morna. Uma das primeiras opções é de customizar a massa, para ela também pegar algum gostinho. Existem, basicamente, cinco opções para dar um toque diferenciado à massa. - Adicionar especiarias: açúcar baunilha (pode ser substituído por um açúcar dentro do qual se coloca uma vagem de baunilha, deixando descansar vários dias antes de usar, ou por algumas gotas de aroma de baunilha, nunca será a mesma coisa que o verdadeiro açúcar baunilha- do i.e. sucre vanillé encontrado em todos os países europeus, em caixas contendo vários saquinhos, em qualquer super- mercado), açúcar mascavo, quatre épices, em português, quatro especiarias (uma mistura moída de pimenta preta, cravo, noz moscada, canela e, as vezes, gengibre), etc. Essas especiarias podem ser salpicas em cima da massa aberta. - Massa crocante com sementes ou nozes: sementes de sésamo, nozes, avelãs, amên- doas, pistaches moídos, etc. Esses deverão ser incorporados à massa, junto com a farinha. - Massa achocolatada: incor- pora o cacau em pó junto com a farinha. - Massa aromatizada: ama- reto, Grand Marnier, etc. O álcool deve ser incorporado à massa imediatamente antes do amassamento. - Massa macia com frutas secas: figos, uvas passas, tâmaras, damascos, etc. Adiciona- se os frutos junto com a farinha. Recomenda-se não deixar frutas secas e nozes nas bordas da pizza e deixar sempre 2 a 3 centímetros de massa sem nada, para evitar que os ingredientes adicionados que não serão protegidos pelo recheio escu- reçam muito rapidamente. O molho Nas pizzas salgadas, normalmente clas- sificadas em pizzas vermelhas e pizzas brancas, os molhos mais tradicionais são o molho de tomate, o molho branco ou, simplesmente, o pró- prio recheio. Nas versões doces, para untar a massa e fazer a liga com o recheio... quase tudo é possível! Existem os molhos encontrados prontos, no comércio, entre os quais destacam- se todos os tipos e sabores de geleias (morango, damasco, abacaxi, laranja, etc., etc.), o famoso Nutella® , o doce de leite, a manteiga de amendoim ou até a pasta de speculoos, iguaria encontrada somente na Bélgica e na Holanda. Os molhos caseiros, simples e rápidos, podem ser por si só o próprio recheio ou podem acolher com muito sabor outros ingredientes. Entre os mais tradicionais pode-se citar o chocolate derretido, a base branca e a compota de maçã. Outro, bem menos conhecido em terras brasilienses, é o famoso frangipane, uma mistura de creme de amêndoas com creme confeiteiro.
  27. 27. 28 PIZZAS&MASSAS Nº 12 - 2014 P I Z Z A D O C E Os recheios Nas pizzas doces os tradicionais vegetais das pizzas salgadas cedem espaço às frutas e toppings gourmets. Todas as frutas vão bem em pizzas doces, propiciam cor e acidez que equilibram com os molhos doces. Para que eles con- servem a cor durante o cozimento e não se oxidem, é bom passá-las, uma vez corta- das, em suco de limão. Salpicar um pouco de açúcar para adocicar o sabor. Existem frutas que suportam melhor o cozimento do que outras. Derretem perfeitamente e dão um recheio macio. Esse tipo de fruta deve absolutamente ser adicionado à pizza antes do cozimento para aproveitar ao máximo essa caracte- rística: maçãs, peras, damascos, ameixas, morangos, pêssegos, bananas, uvas, etc. Para aproveitar a pequena nota fresca de frutas mais crocantes, os mesmos devem cozinhar menos tempos ou, simplesmente, serem adicionados na pizza no meio de seu cozimento. Deve-seevitarcolocarnofornoalgumas frutasmuitosaquosas,taiscomolaranjas, kiwis,caquis,maracujás,tangerinas,mangas, melões,papaias,etc.Nessecasoépreferível adicioná-losapósocozimento. Paraostoppingsexistemtambémdiversas alternativasinteressantes.Algunstiposde bolachasamassadas,quandoadicionadas apósaretiradadoforno,trazemumpequeno saborarenosobastanteagradável;pode-se usaratradicionalOreo® ,osjámencionados speculoos,cookies,etc.Existembombons,tais comoostradicionaisM&Ms® ,osmorangos Tagada(inventadospelaHariboCompany,a mesmaqueinventouosursinhosdegoma!) ou,ainda,paracolocarparaderreterjunto comorecheio,caramelosmolesoumini marsmallows.Pinhões,nozespecan, cas- tanhasdecaju,nozesdoParápicadas, etc., sãotambémboasalternativasdetoppings, dependendo,obviamente,dorecheio principal. Umarecomendação!Comoemtudo,aqua- lidadenãotemsegredo.Seusaringredientes dequalidadeinferior,oprodutofinaltambém serádequalidadeinferior.Umerrofrequen- tementeencontradonaculináriabrasileiraé ousodamargarinanolugardamanteiga.São produtosdiferentes,desaborincomparável; umédeorigemvegetaleooutroédeorigem animal.Nãousemargarinanasreceitas apresentadasabaixoporque,comcerteza,irá comprometerosaborfinaldapizzadoce. Vejamos a seguir algumas criações origi- nais encontradas ao redor do mundo. Pizza Abaleche Para quem não adivinhou, trata-se de uma pizza com abacaxi e doce de leite! Ingredientes • 5g de açúcar granulado (açúcar cristal); • 12 fatias finas de abacaxi; • doce de leite (em lata, em pote, etc.); • 15g de manteiga (margarina não é manteiga!) cortada em pedacinhos; • 10g de amêndoa fatiada; • ½ pacote de açúcar baunilha (ou açú- car de baunilha)*. Preparo Abrir a massa e furá-la com um garfo para evitar que ela cresça demais no cozimento. Salpicar as beiradas com açúcar granulado. Espalhar uma camada de doce de leite na massa, até cerca de 2cm da beira da massa (onde foi colocado o açúcar!). Cobrir com fatias de abacaxi, cortadas como se fossem um carpaccio, das quais foi retirado o miolo (parte mais dura da fruta); tomar o cuidado de superpô-las para esconder os buracos dos miolos retirados. Colocar os pedacinhos de manteiga, salpicar com açúcar de baunilha e decorar com as amêndoas fatiadas. Enfornar; virar algumas vezes a massa para obter cozimento uniforme. Deixar resfriar um pouco antes de servir e, se quiser dar um toque especial, adicionar algumas gotas de rum nas fatias de abacaxi, antes de servir. * Pouco usado no Brasil, porém, propiciando um sabor inconfundível ao produto final. A Mix Indústria de Produtos Alimentícios Ltda., de São Bernardo do Campo, SP (www.mix.ind.br), oferece esse produto em embalagem de 1kg e de 50g. 28 PIZZAS&MASSAS Nº 12 - 2014 P I Z Z A D O C E
  28. 28. 292014 - Nº 12 PIZZAS&MASSAS 292014 - Nº 12 PIZZAS&MASSAS Pizza de banana e maracujá Ingredientes • 5g de açúcar granulado (açúcar cristal); • doce de leite (em lata, em pote, etc.); • 8 bananas ouros (também conhecida como inajá, banana-dedo-de-moça, banana-mosquito ou bana- na-imperador); • 3 maracujás; • 15g de manteiga cortada em pedacinhos; • 15g de açúcar mascavo. Preparo Abrir a massa e furá-la com um garfo para evitar que ela cresça demais no cozimento. Salpicar as beiradas com açúcar granulado. Espalhar uma camada de doce de leite na massa, até cerca de 2cm da beira da massa (onde foi colocado o açúcar!). Cobrir com bananas, obviamente descasca- das, cortadas no sentido longitudinal, ou seja, do com- primento. Usar criatividade nesse arranjo! Colocar os pedacinhos de manteiga, salpicar com açúcar mascavo. Enfornar; virar algumas vezes a massa para obter cozimento uniforme. Deixar resfriar um pouco e, antes de servir, adicionar polpa de maracujá em cima das bananas. Pizza banana-choco-coco Ingredientes • 10g de açúcar branco; • 100g de chocolate amargo ou ao leite (ou meio a meio!); • 2 bananas nanicas; • 15g de manteiga cortada em pedacinhos; • 15g de coco ralado. Preparo Abrir a massa e furá-la com um garfo para evitar que ela cresça demais no cozimento. Salpicar as beiradas com açú- car granulado. Descascar as bananas e cortá-las em fatias. Derreter o chocolate em banho-maria e untar a massa da pizza, deixando uma borda de 3cm. Em cima, colocar as rodelas de bananas e a manteiga cortada em pedacinhos. Salpicar com o coco ralado. Enfornar; virar algumas vezes a massa para obter cozimen- to uniforme. Tirar do forno e deixar resfriar um pouquinho em cima de uma grelha, antes de cortar. Para os gourmets, pode-se servir com um creme inglês!
  29. 29. 30 PIZZAS&MASSAS Nº 12 - 2014 P I Z Z A D O C E Pizza creme de banana É mais parecida com uma torta do que com uma pizza e, é óbvio, é servida fria. Ingredientes • 10g de açúcar branco; • 3 cookies do tipo ginger cookies, ou outro (po- rém, não com gotas de chocolate!). Para o creme de confeiteiro de banana • ½ banana nanica; • 250ml de leite desnatado; • ½ fava de baunilha; • 60g de açúcar; • 1 colher de sopa de farinha; • 2 colheres de sopa de amido de milho (Maisena); • 3 gemas de ovo; • 1 colher de chá de manteiga; • Facultativo: uma colher de corante amarelo (por causa da banana que vai escurecer o creme). Preparo Abrir a massa e furá-la com um garfo para evitar que ela cresça demais no cozimento. Salpicar toda a massa com açúcar branco e, depois, dobrar as bordas. Enfornar; virar algumas vezes a massa para obter cozimento uniforme e cor dourada homogênea. Na saída do forno, deixar resfriar alguns minutos em cima de uma grelha. Creme de confeiteiro de banana Em uma panela esquentar o leite em fogo baixo, junto com ½ fava de bau- nilha e as suas sementes, porém, devidamente separadas da fava. Em uma va- silha bater as gemas com o açúcar e, em seguida, adicionar a farinha e o amido de milho. Adicionar o leite em filete e bater energicamente. Colocar tudo na panela e esquentar, em fogo baixo, durante um minuto, sem parar de mexer, o suficiente para que o creme tome consistência. Peneirar o creme para retirar eventuais grumos, sementes e... a fava de baunilha! Incorporar a banana, previamente bem amassada com um garfo e, se quiser, adicionar 2 a 3 gotas de corante amarelo, para em seguida reservar na geladeira. Espalhar uma caprichada camada de creme de confeiteiro de banana na massa, até a beira dobrada, e polvilhar com os cookies esfarelados! Pizza veneziana Ingredientes • 5g de açúcar branco; • 110g de mascarpone; • 100g de cerejas amarena; • 3 colher de chá de caldo dessas cerejas; • 45g de amêndoa descascadas. Preparo Abrir a massa e furá-la com um garfo para evitar que ela cresça demais no cozimento. Salpicar as beiradas com açúcar granulado. Untar a massa com uma camada de mascarpone, até 2cm da beira da pizza. Adicionar as cerejas aleatoriamente por cima do mascarpone. Decorar com as amêndoas. Enfornar; virar algumas vezes a massa para obter cozimento uniforme. Tirar do forno e deixar resfriar um pouquinho. Antes de servir, jogar um pouco de caldo em cima da pizza, com a ajuda de uma colher. Abrir a massa e furá-la com um garfo para evitar que ela cresça demais no cozimento. Salpicar as beiradas com açúcar Untar a massa com uma camada de mascarpone, até 2cm da beira da pizza. Adicionar as cerejas aleatoriamente por cima do Enfornar; virar algumas vezes a massa para obter cozimento uniforme. Tirar do forno e deixar resfriar um pouquinho. Antes de servir, jogar um pouco de caldo em cima da pizza, com a 30 PIZZAS&MASSAS Nº 12 - 2014 P I Z Z A D O C E
  30. 30. 312014 - Nº 12 PIZZAS&MASSAS 312014 - Nº 12 PIZZAS&MASSAS 312014 - Nº 12 PIZZAS&MASSAS Pizza Margherita... doce Essa pizza doce deve seu nome ao fato de ter as mesmas cores básicas que a sua irmã salgada, mais tradicional. Ingredientes • 5g de açúcar branco; • 125g de geleia de morango (de boa qualidade, com pedaços de morango!); • 65g de ricota. Para as folhas de hortelã cristalizadas • 10 a 12 folhas pequenas de hortelã; • 1 clara de ovo; • 30g de açúcar branco. Ingredientes • 10g de açúcar branco. Brownie • 130g de chocolate ao leite; • 115g de manteiga; • 1,5 ovo batido; • 100g de açúcar branco; • 35g de farinha peneirada; • ½ colher de chá de extrato de baunilha. Decoração • 100g de chocolate ao leite; • 50g de avelã torradas e picadas. Preparo Abrir a massa e furá-la com um garfo para evitar que ela cresça demais no cozi- mento. Salpicar toda a massa com açúcar branco e, depois, dobrar as bordas. Pizza a moda Brownie A mesma receita pode ser preparada com chocolate ao leite ou amargo; pode ser uma opção a mais para os clientes. Pode-se até cobrar um valor maior para o uso de um chocolate de marca internacional. Alguns restaurantes que servem fondue de chocolate oferecem esse tipo de alternativa Massa tipo Brownie Derreter o chocolate com a mantei- ga, em banho-maria, em fogo baixo, mexendo com uma colher de pau ou espátula para espalhar o calor. Uma vez devidamente derretido, guardar fora do fogo. Em uma vasilha bater os ovos, o açúcar e o extrato de baunilha. Misturar com o chocolate derretido e mexer rapidamente. Incorporar a farinha, mexer. Espalhar essa pasta em cima da massa, até cerca de 2cm da beira da massa. Enfornar;viraralgumasvezesamassa paraobtercozimentouniformeecor douradahomogênea.Nasaídadoforno, deixarresfriaralgunsminutosemcima deumagrelha. Para a decoração, derreter o choco- late em banho-maria, em fogo baixo. Espalhar em cima da pizza, decorar com as avelãs torradas e picadas e servir bem quente! Preparo Lavar as folhas de hortelã e deixá-las secar bem. Com um pincel, passar clara de ovo nelas, em ambos os lados; passá-las em açúcar branco e deixar secar cerca de 2 horas. Abrir a massa e furá-la com um garfo para evitar que ela cresça demais no cozimento. Salpicar as beiradas com açúcar granulado. Espalhar uma bela camada de geleia de morango em cima da massa, manten- do uma borda de 2 cm. Colocar aqui e acolá pequenos montes de ricota (para parecer mussarela!). Enfornar; virar algumas vezes a massa para obter cozimento uniforme. Tirar do forno quando a ricota começar a corar. Deixar resfriar um pouquinho e decorar com as folhas de manjericão... perdão, de hortelã cristalizadas!
  31. 31. 32 PIZZAS&MASSAS Nº 12 - 2014 P I Z Z A D O C E Pizza napolitana Ingredientes • 5g de açúcar branco; • Açúcar de confeiteiro. Para o creme de amêndoas • 30g de ricota; • 60g de amêndoa em pó; • 40g de açúcar; • 40g de manteiga amolecida; • 1 ovo (pequeno); • 30g de uvas passas; • 2 colher de chá de frutas cristalizadas, cortadas em pequenos cubinhos; • Algumas gotas de água de flor de laran- jeira (facultativo); • 3 colheres de chá de rum (facultativo). Pizza de pêra e NutellaÒ Nutellaé amarcadeumcremedeavelã (13%)comleitedesnatado,emulsificante e óleovegetal,queestápresenteemquase todoomundo.Foi criadapelaempresaitali- anaFerreronoanode1963eé,atualmente, vendida em mais de 75 países. Por ser muito popularizada, a Nutella tem vários produtos similares que concorrem no mercado em vários países, entre essas mar- cas estão: Nocilla, na Espanha, Tulicreme, em Portugal, Nudossi, na Alemanha, Sweet William, na Austrália, Choco- nutta, no Canadá, Fugini, no Brasil, Pralinutta, na Bélgica, etc. Ingredientes • 5g de açúcar branco; • 130g de Nutella; • 2 pêras; • 15g de manteiga (margarina não é manteiga!) cortada em pedacinhos; • 10g de açúcar mascavo; • 10g de coco ralado grosso; • 15g de amêndoa fatiada; • Para o caramelo rápido, 60g de açúcar branco e 30ml de água. em Portugal, Nudossi, na Alemanha, Sweet William, na Austrália, Choco- nutta, no Canadá, Fugini, no Brasil, 15g de manteiga (margarina não é Preparo Abrir a massa e furá-la com um garfo para evitar que ela cresça demais no cozimento. Salpicar as beiradas com açúcar granulado. Descascar as pêras, tirar o miolo e cortá-las em fatias finas. Espalhar uma bela camada de NutellaÒ na massa até cerca de 3cm das bordas e colocar as fatias de pêra. Jogar em cima os pedacinhos de manteiga e salpicar com açúcar mascavo. Colocar o coco ralado grosso e as amêndoas fatiadas. Enfornar;viraralgumasvezesamassaparaobtercozimentouniformeecordourada homogênea.Nasaídadoforno,decorarimediatamentecomocarameloeservirquente. Parao caramelorápido,aqueceroaçúcaremumapanela,emfogobaixo,mexendo paradissolveroaçúcar.Aoparardemexer,oxaropevaiferverecaramelizar.Estapronto quandoficardecormarromclaroe...cheiraracaramelo!Retirardofogoederramar algumasgotasdecarameloemcimadaspêrascomaajudadeumacolherdesopa. Preparo Abrir a massa e furá-la com um garfo para evitar que ela cresça demais no cozimento. Salpicar as beiradas com açúcar granulado. Em um pequeno recipiente colocar as uvas passas e o rum e deixar, pelo menos, 20 minutos (mexer de vez em quando para todas as uvas ficarem bem embebidas). Em uma vasilha grande bater a manteiga com o açúcar, adicionar o ovo, as uvas passas escoadas, a ricota, o pó de amên- doa, as frutas cristalizadas, a água de flor de laranjeira e o rum. Misturar bem. Colocar essa pasta por cima da pizza, até 3cm da borda. Enfornar; virar algumas vezes a massa para obter cozimento uniforme. Tirar do forno e deixar resfriar um pouquinho. Antes de servir, salpicar com açúcar de confeiteiro. 32 PIZZAS&MASSAS Nº 12 - 2014 P I Z Z A D O C E
  32. 32. 332014 - Nº 12 PIZZAS&MASSAS 332014 - Nº 12 PIZZAS&MASSAS Pizza de uvas brancas Ingredientes • 5g de açúcar branco; • 50 uvas brancas, sem caroços; • 15g de açúcar mascavo; • 25g de manteiga amolecida; • 1 pitada de canela em pó. Para o creme inglês • 300ml de leite desnatado; • 3 gemas de ovo; • 70g de açúcar; • ½ fava de baunilha. Preparo Abrir a massa e furá-la com um garfo para evitar que ela cresça demais no cozimento. Salpicar as beiradas com açú- car granulado. Lavar as uvas e cortá-las, transversal- mente, em duas partes. Untar a massa com uma camada de manteiga amolecida. Misturar o açúcar e a canela e polvilhar essa mistura em cima da manteiga. Cobrir com as metades de uvas, a face cortada para baixo, até 2cm da beira da pizza. Enfornar; virar algumas vezes a massa para obter cozimento uniforme. Tirar do forno quando as uvas estiverem amoleci- das e começarem a corar. Deixar resfriar um pouco antes de saborear acompanha- do de creme inglês. Para o creme inglês Em uma panela esquentar o leite em fogo baixo, junto com ½ fava de baunilha e as suas sementes, porém, devidamente separadas da fava. Em uma vasilha bater as gemas com o açúcar até embranque- cer. Adicionar o leite fervente, em filete, e bater energicamente. Colocar tudo novamente na panela e esquentar, em fogo baixo, sem parar de mexer. O creme inglês esta pronto quando chega a uma consis- tência suficiente para cobrir o dorso de uma colher de madeira , sem escorregar. Peneirar o creme para retirar eventuais grumos, sementes e... a fava de baunilha!
  33. 33. 34 PIZZAS&MASSAS Nº 12 - 2014 C A N T I N A E M D E S TA Q U E CANTINA FAMIGLIA FACIN L’ITALIA È QUI! Resgatar a boa mesa, a conversa entre amigos, brindar a vida, beber um bom vinho, este é o espaço disponibilizado pela Cantina Famiglia Faccin! Uma verdadeira experiência italiana Há indicações de que o nome italiano Facin tem sua origem no nome do patriarca, sendo uma derivação do nome pessoal Faccin, uma forma abreviada de Bonifácio, do latim Bonifacius, composto das palavras “bônus”, que significa “bom”, e “factum”, que significa destino (bom destino). Salienta­se que ao final do século X, sobrenomes hereditários estavam em uso nas famílias patrícias de Veneza. Dentre as variantes do nome pode­se citar Faci, Facini e Fachin. Uma das primeiras notas deste nome é de Francesco Faci, professor de filosofia, mencionado em 1458, além de Francesco Facin, um pa­ dre e professor de leis canônica que morreu em 1505, e Franco Facin, compositor e diretor de orquestra, nascido em 1840. Além disso, existe um registro nos Estados Unidos da chegada em Nova York de Augusto Facin, em 06/02/1889, a bordo do navio “Moravia”. AusoniodiPietroFacin,filhodeGiovannieFilomena,nascidoem Montebelluna, Treviso (Vêneto), casou­se com Ana Zorzi (Vicenza ­ Vêneto) em viagem, no próprio navio, rumo a América latina. Estabeleceram­se na serra gaúcha, cidade de Alfredo Chaves (atual Veranópolis), tiveram 11 filhos e fundaram a primeira empresa de fogos de artifícios da região. A paixão pela gastronomia surgiu em 1992, quando Rogério, neto de Gennaro (filho de Ausonio) em viagem à Itália, visando o passaporte europeu, trabalhou no Il Castelo di Vacone (local de veraneio entre as montanhas de Rieti e Terni, à 90 km de Roma), como auxiliar de cozinha.
  34. 34. 352014 - Nº 12 PIZZAS&MASSAS Após anos de gastronomia, diversas viagens à Itália (Toscana/ Emilia Romagna/Vêneto), apreciador de vinhos e da boa mesa, Rogério encontrou em seu primo, Rodrigo Facin, o apoio necessário para, em família, dar início ao sonho da Cantina Famiglia Facin, juntamente com suas esposas Valéria e Nicole. O que a cantina Famiglia Facin proporciona ao público é uma verdadeira “experiência italiana”, mergulhando em um ambiente familiar, em local mágico e surpreendente, comparando­se aos porões das mais belas cantinas medievais italianas. Arquitetura histórica Depois de abrigar, por anos, a Cervejaria Brahma, o complexo compreendendo os prédios que abrigavam administração, de­ partamento industrial, fabricação da cerveja, casa de máquinas, depósito de matérias­primas e adegas, casa de caldeiras e chaminé, foi tombado pelo Município. Em maio de 2004, foram inauguradas as obras de restauração do prédio, onde se instalou o ShoppingTotal, reunindo um pool de lojas e serviçosquedinamizouoentornourbano.Alémdemuitaslojas,oTotal abriga atualmente muitos bares e restaurantes e um Centro Cultural. Suas instalações converteram­se no epicentro para o qual con­ verge a vida social, cultural e comercial do bairro Floresta, um dos mais tradicionais da cidade de Porto Alegre. A restauração desse importante equipamento urbano garantiu a preservação de um dos patrimônios mais sólidos da arquitetura histórica sul­rio­grandense. Em outubro de 2012, os primos Rogério e Rodrigo Facin, com suas esposas Valéria Facin e Nicole Pelissoli, receberam o desafio de Eduardo Oltramari, Superintendente do Shopping Total, de dar curso ao sonho de transformar as antigas instalações da Casa de Caldeiras da Cervejaria Brahma, localizada sob a imensa chaminé do complexo, em um ambiente que reunisse a arte da cultu­ ra histórica e a gastronomia italiana. Assim, originou­se a Cantina Fami­ glia Facin. Depois de um ano e meio de obras, abriram­se as portas do estabelecimento que vem resgatar, na sua construção, a história desta família italiana que veio ganhar o mundo! Um mundo não só de cultura, não só de histórias, mas também de raça, luta, com­ petência, vontade de levar as raízes italianas a todas as culturas, ou melhor, a todos que gostam e apreciam uma boa mesa! Ambiente familiar A cantina Famiglia Facin, localizada nos subsolos da chaminé da antiga Cervejaria Continental (ShoppingTotal), revela para a cidade de Porto Alegre uma novidade que sempre existiu, que estava ali, sem uso, quase esquecida, mas que pode viver a “pleno vapor” na contemporaneidade. O projeto arquitetônico é assinado pelo mineiro, radicado em São Paulo, Marcelo Ferraz, que vem desenvolvendo diversos projetos no Estado, entre eles o premiado Museu do Pão em Ilópolis, RS. A execução da obra civil foi realizada pela Plus Engenharia, empresa com sede na cidade de Camaquã. A singularidade desta edificação se deve a utilização de espaço subterrâneo de um dos prédios tombados pelo patrimônio histórico. Um dos objetivos foi revelar à população porto­alegrense as estru­ turas abobadadas de tijolos ­ túneis outrora utilizados na geração de energia da antiga cervejaria ­ conectadas a chaminé de mais de 80 metros de altura, avistada de vários locais da cidade há mais de 100 anos, e conhecida por toda a população que vive na Capital, que hoje não solta mais fumaça, mas segue sendo um marco histórico na agitada Porto Alegre. O ambiente familiar recriado neste espaço histórico remete seus frequentadores a cozinha tradicional serrana, proporcionando uma verdadeira experiência italiana. Para tanto, fez­se uso do conheci­ mento dos sócios que já residiram na Itália e descendem de família tipicamente italiana. A cantina Famiglia Facin oferece produtos de fabricação própria, elaborados com carinho e amor pela boa mesa, baseado na culinária típica italiana regional, proporcionando aos clientes experimentar sabores da Itália e da serra gaúcha, em local diferenciado de clima familiar e aconchegante. Para tanto, a cantina faz uso de matérias­pri­ mas frescas de alta qualidade, buscando sempre o desenvolvimento
  35. 35. 36 PIZZAS&MASSAS Nº 12 - 2014 C A N T I N A E M D E S TA Q U E de fornecedores seguros, preocupados com a higiene e qualidade de seus insumos, os quais são previamente testados e aprovados pela equipe de qualidade da cantina Famiglia Facin. O gosto pela boa mesa O cardápio oferecido pela Cantina Famiglia Facin é composto por antepasto, carnes, massas recheadas e tradicionais, risotos, sopas e cremes, saladas e sobremesas. A cantina recebe o público com a tradicional culinária dos imi­ grantes italianos preparada com técnica e cuidados contemporâneos. Massas de fabricação própria, uma adega com mais de 700 rótulos, além de receitas de família compõem o cardápio da cantina integrado ao patrimônio gastronômico, histórico e cultural do Estado do Rio Grande do Sul. As opções de carnes incluem ossobuco, feito com molho madeira especial, abóbora, aspargos e polenta cremosa; polpettone com queijo derretido, molho sugo e spaghetti; salame Colonial, composto por creme de leite e polenta cremosa (iguaria); parmegiana com taglierini Al Burro (manteiga); carne de panela ao molho taglierini ou polenta cremosa; galinhada com polenta cremosa; codorna reduzida no azeite e ervas com taglierini al burro ou polenta cremosa; escalope (contra filé) manteiga e ervas, acebolado, Alfredo (nata e queijo), alho e óleo, mostarda, gorgonzola, napolitano (queijo,tomate e orégano); frango Alla Griglia (frango grelhado) e alface America com molho especial; posta de salmão selado acompanhado de batata soutê; e bife Alla Milanese com purê de batata. O cardápio de massas recheadas é composto por Lasagna Bo­ lognesa; Lasagna de frango; Lasagna quatro queijos com nozes; Canelone de espinafre e ricota; Canelone de presunto, mozzarella, tomate seco e molho bianco; Tortelloni de bacalhau (gratinado); Tortei; Ravioli misto com recheio de frango e carne (gratinado); e Ravioli de queijo brie, doce de pimenta malagueta e tomate seco. A cantina Famiglia Facin também oferece massas tradicionais, como Spaghetti,Taglierini, Penne, Maccheroni ou Gnocchi, servidas com as opções de molhos Alho e Óleo; Bolognesa; Pomodoro e Ba­ silico (manjericão); Sugo (tomate); Al Burro (manteiga) e Parmesão Ralado; Camarão, Ervas na Manteiga; Frutos do Mar (salmão, anéis de lula, camarão); Carbonara; Quatro Queijos à Gorgonzola; Funghi; PannaeParma(cremedeleite,prosciuttodiParma,ervilha);Bechamel; Pesto; Creme de Leite, Champignon e Tiras de Filé Mignon; e Puttanesca. Os risotos, ou risottis, também são destaque no cardápio da cantina Fami­ glia Facin. As opções são Camarão com Laranja; Camarão Leite de Coco e Palmito; Risotto Frutos do Mar; Quattro Queijos ao Gorgonzola e Castanha do Pará; e Funghi. O cardápio inclui ainda, sopa de Cappelletti e creme de aspargos, além de salada de folhas (folhas verdes e tomate cereja); Caprese (tomate gaúcho, mozzarella di búfala e manjericão fresco); e de espinafre cozido, azeite de oliva, limão e parmesão. As sobremesas são tipicamente italianas: Ambrosia; Sagu com creme; Pudim de leite; Affogato (2 bolas de sorvete de creme “Affo­ gato” no café expresso); Zabaione con Biscotto Al Vino do Porto; Rocambole de banana e doce de leite acompanha gelato de creme; Banana caramelada com sorvete de creme; Pera Confit (vinho branco e especiarias) e sorvete de capim santo; e Palito folhado com calda quente de Nutella. O difícil é decidir qual escolher... Para acompanhar todas estas delícias gastronômicas, a cantina Famiglia Facin dispõe de uma adega com os melhores vinhos italia­ nos, brasileiros, argentinos, espanhóis, franceses e chilenos. Os rótulos incluem desde os italianos Barolos e Brunellos, su­ per potentes a leves e aromáticos Dolcettos, ou ainda, os vinhos de sobremesa estilo passito. Entre os brasileiros, estão Salton, Miolo, Aurora e Marson, que tiveram seus vinhos premiados no Challenge International duVin 2001. Já os rótulos argentinos tem a uva Malbec como sua grande estrela, oferecendo sabores profundos e aromas complexos. Entre os espanhóis, a uvaTempranillo, que as vezes usada mesclada com outras uvas, como a Garnacha ou, as vezes, sozinha, produz vinhos de diferentes estilos, como Riojas frutados com toque de carvalho tostado, os ricos e complexos Ribera del Duero e os encorpados e intensos vinhos de Toro. Já os franceses oferecem os elegantes vinhos de Bourgogne ou os potentes Cabernets Sauvignons de Pauillac em Bordeaux, além do adorado Champagne, assim como os vinhos sensualmente doces atacados por botrítis em Sauternes. Entre os vinhos chilenos, o destaque é a uva Cabernet Sauvignon, que é a base de grandes vinhos, bem como os vinhos brancos à base de Chardonnay e Sauvignon Blanc. Cantina Famiglia Facin www.famigliafacin.com.br C M Y CM MY CY CMY K 36 PIZZAS&MASSAS Nº 12 - 2014 C A N T I N A E M D E S TA Q U E C M Y CM MY CY CMY K
  36. 36. 372014 - Nº 12 PIZZAS&MASSAS APRENDA A FAZER PIZZA EM TODOS OS TIPOS DE FORNOS Rua das Palmeiras, 122 - SP / SP (próx. ao metrô Sta. Cecília) Vagas Limitadas - Inscrições Abertas Na HOTEC, agora o tradicional Curso de Qualificação Profissional para Pizzaiolo ficou mais arrojado, ou seja, você aprende a fazer pizza no Forno a Lenha, Forno Elétrico / Gás e Forno de Esteira. A HOTEC, sempre inovando, disponibiliza aos seus alunos o moderno Forno de Esteira. Curso de Qualificação Profissional HOTEC - Pizzaiolo Conheça também os outros 60 Cursos de Qualificação Profissional oferecidos pela HOTEC • FORNO A LENHA • FORNO ELÉTRICO / GÁS • FORNO DE ESTEIRA CENTRAL DE ATENDIMENTO (11) 3246-2888 www.hotec.com.br 372014 - Nº 12 PIZZAS&MASSAS APRENDA A FAZER PIZZA EM TODOS OS TIPOS DE FORNOS Rua das Palmeiras, 122 - SP / SP (próx. ao metrô Sta. Cecília) Vagas Limitadas - Inscrições Abertas Na HOTEC, agora o tradicional Curso de Qualificação Profissional para Pizzaiolo ficou mais arrojado, ou seja, você aprende a fazer pizza no Forno a Lenha, Forno Elétrico / Gás e Forno de Esteira. A HOTEC, sempre inovando, disponibiliza aos seus alunos o moderno Forno de Esteira. Curso de Qualificação Profissional HOTEC - Pizzaiolo Conheça também os outros 60 Cursos de Qualificação Profissional oferecidos pela HOTEC • FORNO A LENHA • FORNO ELÉTRICO / GÁS • FORNO DE ESTEIRA CENTRAL DE ATENDIMENTO (11) 3246-2888 www.hotec.com.br
  37. 37. 38 PIZZAS&MASSAS Nº 12 - 2014 P I Z Z A R I A E M D E S TA Q U E TRADIÇÃO E COMPETÊNCIA NO PREPARO DE PIZZAS DIFERENCIADAS E INOVADORAS Paixão por pizza Uma bela e aconchegante casa, simples, original e com um ar que lembra as típicas cantinas italianas. Foi assim que nasceu a Baggio Pizzeria & Focacceria, em 1999. Esta primeira casa no bairro Água Verde, em Curitiba, no Paraná, foi tão bem sucedida que, apenas um ano depois, uma primeira franquia já foi inaugurada, no bairro Juvevê. Em setembro de 2001, foi o bairro Champagnat que ganhou uma casa. Nesta fase, a Baggio Pizzeria & Focacceria já se firmava como uma marca de sucesso em expansão. Com a alta procura, em 2003, o negócio foi expandido para a cidade de Joinville, em Santa Catarina, com a abertura de mais uma unidade própria. A paixão por pizza e o sucesso das casas foi conta- giando os sócios e para atender às diversas solicitações de clientes, em abril de 2005, foi inaugurada a quinta unidade, desta vez no bairro Jardim das Américas, também em Curitiba. Em 2009, a cidade de Blumenau, no Vale do Itajaí, em Santa Catarina, recebeu a sexta casa da marca, se- gunda do Estado. Logo no ano seguinte foi inaugurada a sétima unidade da rede, em São José dos Pinhais, na DIFERENCIADAS E INOVADORAS Blumenau Champagnat

×