Tabela D

334 visualizações

Publicada em

O MODELO DE AUTO-AVALIAÇÃO DAS BIBLIOTECAS ESCOLARES: METODOLOGIAS DE OPERACIONALIZAÇÃO (PARTE II)

Publicada em: Educação, Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
334
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Tabela D

  1. 1. O MODELO DE AUTO-AVALIAÇÃO DAS BIBLIOTECAS ESCOLARES: MEDTODOLOGIAS DE OPERACIONALIZAÇÃO (PARTE II) D. Gestão da BE D.1 Articulação da BE com a Escola/ Agrupamento. Acesso a serviços prestados pela BE. Evidências extraídas dos Instrumentos de Recolha de Indicadores Factores críticos de sucesso Instrumentos, a integrar no Relatório Evidências sugeridas de Auto-Avaliação D.1.1 Integração / acção da BE na ► A escola inclui a BE na formulação e ● Excertos das determinações contidas na ■ O Plano de actividades da BE está escola/agrupamento desenvolvimento da sua missão, princípios e documentação institucional que define os integrado no Plano de Actividades do objectivos estratégicos e de aprendizagem. objectivos e regula o funcionamento da Agrupamento. escola/agrupamento, referentes à BE, ► O professor bibliotecário tem assento no nomeadamente: Projecto Educativo do ■O Regimento da BE surge integrado no conselho pedagógico. Agrupamento; Regulamento Interno do Regulamento Interno da Escola. Agrupamento ; Plano Anual de Actividades ► São desencadeadas acções com vista à do Agrupamento; Plano de actividades da ■ Os Projectos Curriculares de Turma partilha, discussão e aprovação da missão e BE; Projectos Curriculares de Turma. incluem articulação com a BE/CRE, objectivos da BE nos órgãos de nomeadamente os das Turmas X e Y, que administração e gestão (conselho geral, mencionam a BE e os seus recursos no director, conselho pedagógico) desenvolvimento de actividades, em áreas departamentos curriculares e demais como Língua Portuguesa, Área de Projecto e estruturas de coordenação educativa e de estudo Acompanhado. supervisão pedagógica. ► O regulamento interno da escola ■O Regulamento Interno do Agrupamento contempla os seguintes aspectos: ● Aspectos contidos nos documentos que inclui o Regimento da BE (reformulado este - Missão e objectivos da BE; requerem o funcionamento da BE e que se ano lectivo), que contempla a composição e - Organização funcional do espaço; relacionam com este item. atribuições do professor bibliotecário e da sua - Organização e gestão dos recursos de equipa; a organização funcional do espaço; o informação; horário; a organização dos recursos de - Gestão dos recursos humanos afectos à informação; os recursos disponíveis e as BE; regras de funcionamento. O mesmo é todos - Serviços prestados à comunidade escolar os anos divulgado à Comunidade Educativa. no âmbito do projecto educativo; - Regimento do funcionamento das BE. 1 Helena Silva
  2. 2. ■ A BE reuniu … vezes com a Equipa para ► A BE adequa os seus objectivos, recursos elaboração de documentos, planificação de e actividades ao currículo nacional, ao actividades a desenvolver…, tendo efectuado projecto curricular de escola e aos projectos um registo de cada reunião realizada. curriculares das turmas. ● Registo de reuniões /contactos: ■ A Professora Bibliotecária reuniu ► O plano de desenvolvimento da BE algumas vezes com os Coordenadores de acompanha, em termos de acção estratégica, → Reuniões periódicas da equipa; Departamento, solicitando um trabalho o projecto educativo da escola e outros → Reuniões de Conselho Pedagógico; colaborativo com a BE, a sua integração projectos. → Reuniões de departamento nas práticas de ensino/aprendizagem e → Reuniões de articulação com as sugestões para o fundo documental. ►O plano anual de actividades da BE diferentes estruturas educativas relaciona-se, em termos de objectivos ■ A PB reuniu com o Coordenador do Pré- operacionais, com o apoio ao currículo, com Escolar, do 1ºCEB e Coordenadores dos o plano anual de actividades da escola e com Grupos? e 300 para solicitar a sugestão de outros projectos em desenvolvimento. livros no âmbito do PNL ► Os órgãos de administração e gestão D.1.2 Valorização da BE pelos órgãos de (conselho geral, director, conselho ● Documentos de gestão da escola. direcção, administração e gestão da pedagógico) apoiam as BE e envolvem-se na ● Documentos de gestão da BE. escola/ agrupamento. procura de soluções promotoras do seu ■ A PB apresentou regularmente, ao funcionamento. Director, propostas de aquisição de … fundos documentais, com o respectivo orçamento, ► Os órgãos de administração e gestão tendo sido contemplada com a verba X para põem em prática uma política de afectação a aquisição pretendida; de recursos humanos adequada às necessidades de desenvolvimento da BE. ► Os órgãos de administração e gestão ■ A PB reuniu com o Director com (director, conselho pedagógico) e os regularidade para, em conjunto, departamentos curriculares estabelecem procurarem soluções promotoras do bom estratégias visando a articulação entre a BE e funcionamento da BE. 2 Helena Silva
  3. 3. as demais estruturas de coordenação ● Entrevista / questionário ao Director (CK1) educativa e de supervisão pedagógica. ■ Resultados do questionário CK1 re velaram que os pontos 1, 3 e 4 foram ► A escola contempla a BE e os seus implementados com sucesso; o ponto 2, 5 recursos nos projectos e actividades e 6 foram implementados, mas requerem educativas e curriculares. acções de melhoria… ► Os órgãos de administração e gestão ● Excertos de actas da ■ A PB apresentou, nas reuniões de atribuem uma verba anual para a renovação apresentação de projectos / Conselho Pedagógico, o Plano de de equipamentos, para a actualização da relatórios ao Conselho Actividades da BE , relatórios periódicos colecção e para o funcionamento da BE. Pedagógico. das acções da BE, que se encontram registados em actas, nomeadamente na ► A escola encara a BE como recurso fulcral acta da reunião… cujo excerto segue em no desenvolvimento do gosto pela leitura, na anexo ao Relatório de Auto-avaliação. aquisição das literacias fundamentais, na progressão nas aprendizagens e no sucesso escolar. ● Registo de projectos/ ■ Os seguintes projectos da escola, actividades envolvendo trabalho na / contemplaram a BE e seus recursos: PNL; ► Os docentes valorizam o papel da BE e com a BE. Oficina da leitura – alunos NEEP; leitura integram-na nas suas práticas de recreativa em LPO; Projecto “Horta” ( ensino/aprendizagem. alunos NEEP) ● Estatísticas de utilização da BE ■ Dados estatísticos da utilização da BE, revelaram que a mesma é essencialmente utilizada para aceder à internet, … % dos utentes. ■ Dados estatísticos da BE revelam que …% dos professores usou recursos disponibilizados pela BE para determinada Área: …% na Área de projecto; …% em Estudo Acompanhado e …% em Formação Cívica 3 Helena Silva
  4. 4. D.1.3 Resposta da BE às necessidades da escola/agrupamento ►A BE funciona num horário contínuo e ● Horário da BE. alargado que possibilita o acesso dos utilizadores no horário lectivo e acompanha ■ A equipa da BE, com a autorização da as necessidades de ocupação em horário Direcção da Escola, procedeu à actualização extra lectivo. e alargamento do horário de funcionamento da BE: ► As BE no agrupamento são geridas de Horário diurno: das 8h20 às 18h00, sem forma integrada, rentabilizando recursos, interrupção para almoço; possibilidades de acesso a programas e Horário nocturno: todas as Segundas-feiras, projectos. das 19h00 às 22h00 (Horário registado no Regulamento Interno da ► Os recursos e serviços da BE respondem Escola/Agrupamento) às metas e estratégias definidas no projecto A BE passou, este ano, a abrir uma vez por educativo, projecto curricular e outros semana no horário nocturno, para possibilitar projectos. a sua frequência pelos alunos do EFA e CNO. Foi escolhida a Segunda-Feira, dia ►A BE cria condições e é usada como sugerido pelos docentes do Ensino Nocturno. recurso e como local de lazer e de trabalho. ● Estatísticas de utilização da BE (Inquéritos) ►A BE apoia os utilizadores no acesso à colecção, aos equipamentos, à leitura, à ■ A BE/CRE procedeu ao levantamento de pesquisa e ao uso da informação. dados (em documento próprio) sobre a utilização da BE (Os alunos assinalam na ► A BE planifica com docentes, folha que se encontra junto à mesa das departamentos curriculares e demais Assistentes Operacionais à BE, a razão pela estruturas de coordenação educativa e de qual recorrem à BE.). O tratamento dos supervisão pedagógica. dados, permitiu verificar que, por exemplo, …% dos alunos utilizam os computadores ► A BE desenvolve projectos com a para fazer trabalhos, ….% para pesquisar na escola/agrupamento. Net; …% para realizar jogos didácticos; …% para ler E-mails… ► A BE assume-se como pólo de fomento e Estes dados permitiram aferir que a maioria de difusão cultural. dos utilizadores mensais da BE recorre a este local, em primeiro lugar para, por exemplo, pesquisar na Net… Estes dados, tratados mensalmente, foram 4 Helena Silva
  5. 5. divulgados, ao longo do ano, em Conselho Pedagógico, sendo posteriormente nas restantes estruturas pedagógicas. Evidências ● Inquéritos aos alunos a integrar no Relatório de Auto-avaliação. ■10% dos alunos, em cada ano de escolaridade realizaram um inquérito de satisfação, relativo ao apoio no acesso à colecção, à leitura, à pesquisa…, por período lectivo. Verificou-se que …% dos alunos consideram, por exemplo, que o espaço físico deveria ser maior, ...% Os resultados dos inquéritos permitirão aferir o grau de satisfação dos alunos e planificar estratégias tendo em vista a melhoria do apoio prestado ao utilizador. ● Registos de reuniões/contactos. ■ Esses registos permitem verificar a articulação efectiva da BE com os diferentes Departamentos/ grupos disciplinares na planificação de actividades conjuntas e a verificação das acções formativas direccionadas pela BE. ● Registos de projectos/actividades. ■ Divulgação dos projectos / actividades da BE através do site da BE; Jornal Impacto on- line…), nas reuniões de Conselho Pedagógico e de Departamento, a integrar no Relatório de Avaliação Interna da escola / Agrupamento. 5 Helena Silva
  6. 6. ● Questionário aos docentes (QD3). ■ Os resultados dos questionários a aplicar a 20% do número total de professores permitirá aferir o grau de satisfação dos docentes relativamente à disponibilização dos recursos da BE, ao horário de funcionamento, ao acesso a programas e projectos, ao apoio prestado pela BE e à articulação com os docentes… ● Livro/Caixa de sugestões/reclamações. ■ As sugestões/ reclamações recolhidas serão consideradas na elaboração do Plano da acção da BE e, no caso das sugestões serem em termos de aquisição de fundos documentais, elas serão tidas em conta nas futuras aquisições da BE D.1.4 Avaliação da BE na escola/ ► A BE implementa um sistema de auto- ● Informação recolhida com agrupamento. avaliação contínuo. recurso ao sistema automatizado ■ A BE continuou este ano lectivo o processo de gestão bibliográfica. de catalogação / indexação com vista a ► Os órgãos de direcção, administração e melhorar o seu catálogo on-line a gestão são envolvidos no processo de disponibilizar aos utentes da BE. autoavaliação da BE. ● Registos de observação, ► Os instrumentos de recolha de informação questionários, entrevistas ou outros são aplicados, de forma sistemática, e no realizados no âmbito da avaliação da ■ Os registos de observação/ questionários e decurso do processo de gestão. BE. entrevistas encontram arquivados no Dossier de Coordenação e podem estão disponíveis ► A informação recolhida é analisada e os para consulta, bem como a análise dos resultados da análise/avaliação originam, dados. 6 Helena Silva
  7. 7. quando necessário, a redefinição de estratégias, sendo integrados no processo de planeamento. ● Excertos de documentação recolhida ■ A BE divulgou os resultados obtidos a toda a comunidade através do site /moodle da BE. ► Os resultados da auto-avaliação são Os mesmos foram integrados no Relatório divulgados junto dos órgãos de direcção, Auto-Avaliação da Escola/ Agrupamento. administração e gestão (conselho geral, director, conselho pedagógico), estruturas de coordenação educativa e de supervisão pedagógica, e da restante comunidade, com o objectivo de promover e valorizar as mais- valias da BE e de alertar para os pontos fracos do seu funcionamento. ► São realizadas actividades de benchmarking. ► A auto-avaliação da escola integra os resultados da auto-avaliação da BE. 7 Helena Silva

×