Marco teórico

15.034 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
15.034
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
99
Comentários
0
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Marco teórico

  1. 1. Marco Teórico José Carlos Rosatti Engº Agrº
  2. 2. Introdução É o resultado da seleção das:  teorias,  conceitos,  conhecimentos científicos,  métodos e procedimentos, que o pesquisador requer para descrever e explicar objetivamente o objeto de pesquisa, em seu estado histórico, atual ou futuro (DIETERICH, 1999).
  3. 3. É um Procedimento Metodológico “Revisão da Literatura”  Em que para produzir um conhecimento cientifico novo, mais avançado que o existente, é necessário conhecer os atuais conhecimentos teóricos e metodológicos e considera-los como ponto de partida para a nova pesquisa.
  4. 4. Exemplo  Teoria da evolução das espécies de Charles Darwin. Foi publicada em 1859 (século XIX) Mas foi baseada em estudos que remontam o século XVII e XVIII. Tal como trabalho de George Buffon (17071788): “Que percebeu que existiam espécies que pareciam vir de um tronco comum “
  5. 5. Elaboração do Marco Teórico  Definição do tema;  Seleção das teorias;  Conceitos e Conhecimentos científicos;  Seleção dos métodos;’  Marco histórico;  Descrição científica.
  6. 6. Definição do Tema (objeto da pesquisa)  Escolha de um fenômeno entre a infinidade de fenômenos do universo O qual não pode ser explicado de forma imediata ou sem a utilização da teoria.
  7. 7. Universo Científico Universo científico: Todas as teorias, métodos, conceitos e conhecimentos científicos existentes
  8. 8. Seleção das Teorias  Com a definição do tema, a quantidade de teorias utilizadas na pesquisa, dependerá da multiplicidade de interesses da pesquisa
  9. 9. Exemplo Tema: “A poluição do ar na Cidade do México em 2006”   Quantidade e composição de agentes patogênicos inorgânicos como o chumbo, o ozônio, o nitrogênio, o pó, etc. Teorias: Física e Química ou/e Presença de microorganismos patogênicos, como protozoários, bactérias, fungos e vírus. Teorias: biologia e, provavelmente, a medicina humana
  10. 10. Correspondência entre Objeto de pesquisa e Marco teórico O objeto de pesquisa determina o Marco teórico
  11. 11. Escolha dos Conceitos São os veículos do conhecimento na ciência pois refletem os fenômenos da realidade ou são capazes de representa-los Exemplo: Se, numa viagem de Maringá a Blumenau de carro, o objetivo será atingido guiando-se pelos sinais de trânsito na estrada, ao deixar de ver estes sinais, perde-se o caminho que levava ao final da exploração do desconhecido.   ‘ Os conceitos são os veículos para chegar ao ponto final da pesquisa. No Marco Teórico, deve-se escolher os conceitos mais adequados ao tema.
  12. 12. Exemplos do Uso de Conceito  Na analogia da viagem: Se o ponto final de minha viagem é Londres, não posso mover-me de carro, porque o mar me impede de chegar. O meio adequado seria, obviamente, o avião.  Ave é a palavra que nomeia todos os animais que têm asas, bico e penas. O termo ave expressa um conceito porque, rotula através de uma única palavra, as regularidades e os atributos que todos os animais classificados como tal apresentam.
  13. 13. Seleção dos Métodos Métodos: técnicas que são usadas para descrever, explicar e predizer a pesquisa. Uma análise da realidade é científica ou objetiva quando se realiza mediante o uso adequado do método.  A escolha do método mais adequado é feito no Marco Teórico
  14. 14. Exemplo Comprovação de uma Hipótese por meio de modelos de computação. A força de ascensão que exerce o ar sobre a asa de um avião em diferentes velocidades, ou com diferentes perfis de asa, podem ser simulados em computadores muita avançados, dando em segundos resultados que a medição em túneis de vento produziriam em semanas de experimentos.
  15. 15. Marco Histórico É resultante da aplicação da teoria (do Marco Teórico) a uma fase do passado (pretérito) do objeto de pesquisa. Já o Marco Teórico é a base de análise do fenômeno escolhido como tema/objeto de pesquisa,
  16. 16. Exemplo  Para conhecer a opinião atual da população paraguaia sobre a guerra da Tríplice Aliança , é necessário que se faça uma pesquisa de opinião representativa no país. (Marco Teórico)  Para conhecer a opinião dos paraguaios durante a intervenção militar, é necessário analisar sistematicamente os jornais, pasquins e outras manifestações de opinião pública do país durante a agressão, a fim de poder inferir - não com muita precisão, certamente - sobre a opinião geral no país durante a agressão.’ (Marco Histórico)
  17. 17. Descrição Científica  é a atividade que reproduz (registra) conceitualmente, e se possível, da forma quantitativa, as propriedades do objeto de pesquisa;  É feita em consonância com o Marco Teórico;  é um instrumento utilizado paralelamente ao Marco Teórico, agindo diretamente sobre o objeto de pesquisa.
  18. 18. Conclusões  É importante a definição correta do tema ou objeto; Com o Marco Teórico:  Será possível estabelecer quais as teorias que permitirão a compreensão sistemática do objeto de pesquisa (tema);  Direcionar o estudo para a definição dos métodos, conceitos e dos conhecimentos que serão utilizados durante o trabalho, já que estes são partes integrantes da respectiva teoria.
  19. 19. Conclusão Final  A delimitação do objeto de pesquisa,  A elaboração do Marco Teórico e a  Posterior formulação das hipóteses: Somente descansarão sobre bases seguras quando o pesquisador tiver proposto a comprovação de suas hipóteses. Só a partir deste momento é que seu trabalho adquire certa definição (DIETERICH, 1999).
  20. 20. Referências  DIETERICH, H. Novo Guia para a pesquisa científica. 1. ed. Blumenau: FURB, 1999. 263 p.

×