Comandos linux

3.559 visualizações

Publicada em

Material de apoio - Instalação e configuração de sistemas operacionais de redes Linux.
Comandos Linux

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.559
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
222
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
188
Comentários
0
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Comandos linux

  1. 1. Instalação e configuração de Sistemas Operacionais de Redes Comandos Linux Profª Ivani Nascimento
  2. 2. Apresentação Em linha de comando, o Linux oferece uma grande variedade de comandos a serem usados. Os comandos em GNU/Linux (ou Unix) possuem algumas características particulares. Eles podem ser controlados por opções e devem ser digitados em letras minúsculas. No mundo *NIX (Unix ou Linux), o conceito de comandos édiferente do padrão MS-DOS. Um comando é qualquer arquivo executável, podendo ou não sercriado por você
  3. 3. cdUtilizado para mudar o diretório atual de onde o usuário está.Exemplos:• Ir para o diretório home do usuário logado: # cd # cd ~• Ir para o início da árvore de diretórios, ou seja, o diretório / : # cd /
  4. 4. cd• Ir para um diretório específico: # cd /etc• Sobe um nível na árvore de diretórios: # cd ..• Retorna ao diretório anterior: # cd –
  5. 5. pwdO comando pwd exibe o diretório corrente. Ele é muito útil quandoestamos navegando pelo sistema e não lembramos qual o diretórioatual. Exemplo: # pwd /etcNo exemplo acima, após digitar o comando, retornou o PATH (caminho completo) do diretório atual em que o usuário se encontra.
  6. 6. lsO comando ls é utilizado para listar o conteúdo dos diretórios. Se não for especificado nenhum diretório, ele irá mostrar o conteúdo do diretório onde você está no momento.Exemplos:• Lista arquivos com detalhes (quem criou, data, tamanho, etc): # ls -l• Lista arquivos de forma recursiva: # ls -R• Lista todos arquivos, inclusive os ocultos: # ls -aObs.: No Linux, arquivos e diretórios ocultos são iniciados por um . (ponto).
  7. 7. cpO comando cp copia arquivos e diretórios. A sintaxe desse comando é: cp origem destinoExemplos:•Copia o arquivo texto.txt para teste.txt: # cp texto.txt teste.txt•Copia o arquivo texto.txt para o diretório /tmp: # cp texto.txt /tmp•Copia o diretório teste para o diretório /tmp: # cp –r teste /tmp
  8. 8. mvO comando mv é utilizado para mover arquivos e/ou diretórios; eletambém é utilizado para renomear arquivos e/ou diretórios.A sintaxe desse comando é: mv origem destinoExemplos:•Mover o arquivo texto.txt para o diretório /root: # mv texto.txt /root/•Renomeia o arquivo texto.txt para novo.txt: # mv texto.txt novo.txt
  9. 9. touchO comando touch muda a data e hora que um arquivo foi criado. Casoseja usado com arquivos que não existam, por padrão, os arquivosserão criados vazios.Exemplos:•Cria o arquivo chamado exemplo.txt # touch exemplo.txt # ls -l exemplo.txt -rw-rw-r-- 1 ivani ivani 0 2007-01-09 17:17 exemplo.txt
  10. 10. touch•Muda a data e hora em que o arquivo exemplo foi criado para01/01/2006, 18:00 horas: # touch -t 200601011800 exemplo.txt # ls -l exemplo.txt -rw-rw-r-- 1 ivani ivani 0 2006-01-01 18:00 exemplo.txtA opção -t irá utilizar a data e hora especificada no formatoAnoMêsDiaHoraMinuto.
  11. 11. mkdirO comando mkdir é utilizado para criar um diretório no sistema. Umdiretório é como uma pasta onde você guarda seus arquivos.Exemplo:•Criar o diretório aulas: # mkdir aulas•Criar o diretório linux e o subdiretório alunos: # mkdir -p aulas/linuxA opção -p irá criar o diretório aulas e o subdiretório linux caso nãoexistam.
  12. 12. rmO comando rm é utilizado para apagar arquivos, diretórios esubdiretórios que estejam vazios ou que contenham arquivos.Exemplos:•Remove o arquivo teste.txt # rm teste.txt•Remove o arquivo ivani.txt pedindo confirmação: # rm -i ivani.txt rm: remove arquivo comum `ivani.txt? YA opção -i solicita a confirmação para remover o arquivo ivani.txt.
  13. 13. rm•Remove o diretório projetos: # rm -r projetosA opção -r é recursivo, ou seja, irá remover o diretório teste e o seuconteúdo.Observação:Muita atenção ao usar o comando rm!Uma vez que os arquivos e diretórios são removidos não podem maisser recuperados!
  14. 14. catExibe o conteúdo de um arquivo e também pode ser usado paraconcatenar dois arquivos.Exemplos:•Exibe o conteúdo do arquivo autor.txt: # cat autor.txt O criador do Linux chama-se Linus Torvalds.•Concatena o conteúdo do arquivo autor.txt no arquivo linux.txt: # cat autor.txt > linux.txt•Acrescenta o conteúdo do arquivo linus.txt no arquivo autor.txt: # cat linus.txt >> autor.txt
  15. 15. moreO comando more assim como o cat, serve para ver o conteúdo de umarquivo que é geralmente, texto. A diferença entre o more e o cat éque o more faz uma pausa a cada tela cheia exibindo uma mensagem"--More--", dando oportunidade do usuário ler a tela.Exemplo:•Visualizar o conteúdo do arquivo /etc/inittab: # more /etc/inittabObservação:Para paginar a tela, basta teclar “enter” para trocar a página, ou “espaço”para paginar linha a linha.
  16. 16. lessO comando less, assim como o more, é um paginador e possui asmesmas funcionalidades que more e mais algumas outras, como apossibilidade de rolar a tela para cima e para o lado utilizando as setasde navegação do teclado.Exemplo:•Visualiza o conteúdo do arquivo /etc/inittab: # less /etc/inittab
  17. 17. headO comando head é utilizado para mostrar as primeiras linhas de umarquivo. Se não for especificado a quantidade de linhas, será mostradoas dez primeiras linhas.Exemplos:•Visualiza as dez primeiras (padrão) linhas do arquivo /etc/passwd: # head /etc/passwd•Visualiza as cinco primeiras linhas do arquivo /etc/passwd: # head -5 /etc/passwd
  18. 18. tailO comando tail é utilizado para mostrar as últimas linhas de umarquivo. Se não for especificado a quantidade de linhas, será mostradoas dez últimas linhas.Exemplos:•Visualiza as dez últimas linhas (padrão) do arquivo /etc/passwd: # tail /etc/passwd•Visualiza as cinco últimas linhas do arquivo /etc/passwd: # tail -5 /etc/passwd
  19. 19. wcUtilizado para contar caracteres, palavras e/ou linhas.Exemplos:•Conta linhas, palavras e caracteres do arquivo /etc/passwd: # wc /etc/passwd 39 52 1835 /etc/passwd•Conta somente as linhas do arquivo /etc/passwd: # wc -l /etc/passwd 39 /etc/passwd
  20. 20. wc•Conta somente as palavras do arquivo /etc/passwd: # wc -w /etc/passwd 52 /etc/passwd•Conta somente os caracteres do arquivo /etc/passwd: # wc -c /etc/passwd 1835 /etc/passwd
  21. 21. sortO comando sort organiza as linhas de um arquivo texto.Exemplos:•Organiza o arquivo /etc/passwd em ordem crescente: # sort /etc/passwd•Organiza o arquivo /etc/passwd em ordem decrescente: # sort -r /etc/passwd
  22. 22. cutO comando cut é a “tesoura” do linux; ele é utilizado para “cortar”campos ou pedaços de dados de arquivos.Exemplo:•Visualizar somente o primeiro campo (usuários) do arquivo/etc/passwd: # cut -d : -f 1 /etc/passwdOnde:-d informa para o cut qual será o separador (delimitador) de campos do arquivo; nonosso exemplo, é o ":" (dois pontos).-f especifica os campos (fields) que desejamos cortar.
  23. 23. findO comando find é utilizado para procurar arquivos no disco rígido.Exemplos:•Localiza o arquivo inittab: # find / -name inittab•Localiza no diretório /root os arquivos do usuário root: # find /root -user root
  24. 24. locateO comando locate é utilizado para procurar arquivos no disco rígido apartir de um banco de dados.Esse banco de dados deve ser atualizado regularmente com ocomando updatedb (executado pelo administrador do sistema, root).Exemplos:•Atualiza o banco de dados do comando locate: # updatedb•Localiza o arquivo inittab: # locate inittab
  25. 25. grepO comando grep é utilizado para encontrar arquivos baseando-se emseu conteúdo. Isso quer dizer que ele identifica arquivos que possuamlinhas com uma expressão especificada.Exemplos:•Localiza a palavra “root” dentro do arquivo /etc/passwd: # grep root /etc/passwd root:x:0:0:root:/root:/bin/bash
  26. 26. grep•Localiza a palavra "ivani" dentro de /etc/passwd ignorando letrasmaiúsculas e minúsculas: # grep -i ivani /etc/passwd inascimento:x:1000:1000:Ivani Nascimento,,21215854,:/home/inascimento:/bin/bash
  27. 27. ReferênciasMORIMOTO, Carlos E.. Linux, guia prático. Porto Alegre: Sul Editores, 2009.FERREIRA, Rubem E.. Linux: guia do administrador do sistema. São Paulo: Novatec, 2008.MOTA FILHO, João Eriberto. Descobrindo o Linux: entenda o sistema operacional GNU/linux. São Paulo: Novatec, 2007.
  28. 28. Referências• RIBEIRO, Uirá, Certificação Linux, 1ª Ed, Rio de Janeiro, Axcel Books, 2004.• Certificação Linux LPI- Nível 1 Exames 101 e 102. Vários, 1ª Ed, São Paulo, Alta Books.• NORTON, Peter; GRIFFITH, Arthur. Guia Completo do Linux. Tradução Sérgio Facchim – Complete Guide to Linux. São Paulo, Berkeley, 2000.

×