B12 - Exercícios

393 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
393
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
9
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

B12 - Exercícios

  1. 1. Nuno Correia 10/11
  2. 2.  Que sucede à clorofila a do centro de reacção do fotossistema II após receber energia dos fotões? Nuno Correia 10/11
  3. 3. Indique o dador de electrões que permite à clorofila a do fotossistema II recuperar os electrões perdidos. Nuno Correia 10/11
  4. 4.  Os electrões que se libertam do fotossistema II passam para níveis energéticos mais elevados e ao transitarem através da cadeia transportadora vão ocorrendo transferências de energia. Como vai ser utilizada essa energia? Nuno Correia 10/11
  5. 5. Qual o aceptor final de electrões provenientes do fotossistema l? Nuno Correia 10/11
  6. 6.  Como recupera a clorofila a do fotossistema l os electrões que perdeu? Nuno Correia 10/11
  7. 7. Porque se designa por fluxo acíclico o fluxo de electrões representado? Nuno Correia 10/11
  8. 8. O diagrama da figura é relativo ao processo fotossintético Que representa cada uma das letras A e B? Nuno Correia 10/11
  9. 9. O diagrama da figura é relativo ao processo fotossintético Identifique as moléculas referenciadas pelas letras a, b, c, d, e, f. Nuno Correia 10/11
  10. 10. O diagrama da figura é relativo ao processo fotossintéticoComo se designa a fase do processo fotossintético representada em I? Nuno Correia 10/11
  11. 11. O diagrama da figura é relativo ao processo fotossintéticoDiga o nome da estrutura do cloroplasto ao nível da qual ocorre a fase representada por II. Nuno Correia 10/11
  12. 12. O diagrama da figura é relativo ao processo fotossintéticoDas substâncias seguintes, seleccione a(s) que permite(m) asobrevivência de uma planta mantida na obscuridade: NADPH NADP+ e C02 PGAL (aldeído fosfoglicérico) PGA (ácido fosfoglicérico) NADPH e C02 Nuno Correia 10/11
  13. 13. Numa experiência relativa à fotossíntese, utilizaram-se algas verdes unicelulares que foram colocadas em diferentes condições de iluminação. Foi possível determinar as variações da concentração de duas moléculas, PGA e RuDP. Os resultados estão registados no gráfico da figura. Nuno Correia 10/11
  14. 14. A estabilidade dos dois compostos considerados no intervalo de tempo To –T1 deve-se a que, na presença da luz: estas moléculas não se sintetizam nem se gastam. não se realizam as reacções da fase não dependente da luz. a ribulose combina-se com C02 formando mais ribulose. a ribulose combina-se com C02 originando PGA, ao mesmo ritmo queeste, após redução, regenera a ribulose. o PGA e a ribulose, à medida que se formam, transformam-se emcompostos orgânicos que abandonam o cloroplasto. Nuno Correia 10/11
  15. 15. Explique porque aumenta a concentração de PGA e diminui a de ribulose,a partir do momento T1 no período de tempo considerado. Nuno Correia 10/11
  16. 16. Admita que as células desta alga eram mantidas sempre em boascondições de iluminação, mas na ausência de CO2. Em relação àconcentração de PGA e de ribulose difosfato os resultados esperadossão: aumento para ambos os compostos. aumento de ribulose e diminuição de PGA. aumento da concentração de PGA e diminuição da concentração deribulose. as concentrações mantêm-se constantes. Nuno Correia 10/11
  17. 17. Nuno Correia 10/11
  18. 18. Nuno Correia 10/11

×