Sociedade egipcia

1.901 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.901
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
7
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Sociedade egipcia

  1. 1. SociedadeA sociedade egípcia era formada por diferentes camadas sociais.No topo está o faraó, concentrando poderes administrativos, militares, ereligiosos. O faraó sendo considerado um deus vivo tinha autoridadeabsoluta sobre tudo e sobre todos, só os altosdirigentes e chefes de províncias podiam questionar alguma ordem dofaraó.A classe elevada do Egito usava perucas de fibra de papiro para seprotegerem do sol. Era comum também o uso de uma tinta preta a base deantimônio, ao redor dos olhos para diminuir o excessode luminosidade e como prevenção contra oftalmias.Depois do faraó e de sua família, a sociedade se divide em dois grupos: odos dominantes e dominados.Grupo DominanteNobres - Administravam as províncias. Ex.: NomarcasSacerdotes - Presidiam as cerimônias religiosas e administrava todos osbens do templo, onde desfrutava de todos os privilégios de um sacerdoteno Egito, com as oferendas feitas pelo povopara os deuses.Escribas - Outra classe bastante privilegiada, pois administravam acobrança de impostos, fiscalizavam a economia, organizavam as leis,faziam as contagens dos armazéns, e etc...Grupo DominadoArtesãos - Trabalhavam em construções para templos e pirâmides, quandonão estavam trabalhando para o faraó, eles produziam cordas, armas paracaça, roupas, colares, jaros, e etc.Camponeses – Executavam os trabalhos agrícolas nas terras pertencentesao Estado, às altas camadas sociais e até aos templos, recebendo em trocaum mísero pagamento sob a forma de produtos. Moravam em cabanas,vestiam-se pobremente e comiam muito pouco. O que conseguiam pouparcom o resto do salário guardavam para o funeral, afim de garantir umavida após a morte.
  2. 2. Soldados – Formavam uma camada à parte. Viviam dos produtos recebidoscomo pagamento e dos saques que podiam realizar durante a conquista.Alguns eram estrangeiros, como os líbios, eles recebiam um pedaço deterra, em recompensa pelos serviços prestados.Escravos – Eram inteiramente dependentes de seus senhores, os escravoseram bem tratados. Os egípcios viam-se obrigados a dispensar uma certasegurança aos seus escravos, que eram muito numerosos em tempo deguerra.A Casa dos EgípciosOs egípcios davam muita importância a sala de visita. Elas continha umagrande variedade de cadeiras, poltronas e almofadas. As salas das casasdos ricos funcionava como um cartão de visita, onde quem era recebidosaia fazendo propaganda, provocando inveja nos que recebiam a notícia. Jána casa dos pobres toda a família se amontoava em um área de no máximo20 metros, quase não possuíam móveis, as salas de refeições eram bemsimples, até na casa ricos, onde se colocava uma pequena mesa comalgumas cadeiras e alimentos. Mas, os egípcios também faziam banquetespara parentes e amigos, onde não faltava bebida e comida, música e muitadança.A Família EgípciaNo antigo Egito os casais ocupavam quartos separados. Os quartos namaioria das vezes só tinham uma cama e um tamborete. A família sempreaparece em cenas com marido, mulher e filhos abraçados. Mas tanto amore afetividade não impedia que o marido bate-se nos seus filhos e mulherquando quisesse.Os faraós, podiam se casar quantas vezes quisessem até mesmo com suasirmãse filhas, e também era totalmente permitido ter amantes em sua própriacasa.Representação da família egípcia.Na sociedade, cada pessoa vestia roupas de acordo com sua posição social.Os camponeses e artesão usavam uma tanga reta, presa por um cinto depalmo de largura. Já os ricos, usavam tanga acompanhada de pulseiras eanéis de ouro com pingentes de jade.
  3. 3. Nas festas, utilizavam túnica de linho pregueada, formando um triângulo.As mulheres usavam vestidos transparentes amarrado sobre o seioesquerdo, deixando o direito descoberto, e também utilizavam túnica.Sempre cobertos de jóias de ouro.A Vida no Palácio dos Faraós“Os faraós e sua família viviam em meio a tal luxo e conforto, que mesmohoje causa admiração. Os palácios eram equipados com móveis de cedro,de ibano revestidos às vezes de ouro e de marfim, os utensílios de usodiário eram também de qualidade superior, demonstrando a riquezadaqueles que possuíam, bem como a habilidade e a perícia dos artesãosque os fabricavam. A presença de uma legião de servidores-criados,músicos, cantores, dançarinas e copeiros – colaboravam ainda mais paratornar confortável a vida diária dos governantes do país. As caçadas epescarias freqüentes, a prática de jogos diversos contribuíam, também,para que fosse agradável o dia-a-dia dos “deuses vivos” que governavam oEgito e daqueles que com eles conviviam (...)Os faraós egípcios casavam-se freqüentemente com pessoas da própriafamília, muitas vezes com as próprias irmãs. Os casamentosconsangüíneos tinham como motivo a preocupação em manter a pureza dosangue real. Muitos faraós mantinham mais de uma esposa, comoresultado, seu número de filhos podia chegar a dezenas. Ramsés II, porexemplo, teve mais de cento e sessenta.”(Olavo Leonel Ferreira . Egito : terra dos faraós, pp. 27-28.)A Mulher no EgitoKarnak, Egito. O Faraó acaba de nomear sua esposa, a rainha,para o cargo de segunda grã-sacerdotisa do Deus Amon, umdos cargos religiosos mais importantes do país, confirmandoassim que as mulheres têm um papel de destaque nasociedade egípcia. Nas cidades egípcias, o povo costumacantar uma canção que fala da rainha como "A esposa dodeus;/A mãe do deus;/A mulher do grande rei;/A senhora dosdois países"; e mesmo as mulheres comuns têm uma posiçãorespeitável dentro de casa como companheira do homem.Desde os tempos mais antigos, as mulheres egípcias já tinhamum lugar na sociedade: era comum, por exemplo, considerarda mesma importância a filiação paterna e materna, e no casode morte a mulher assumia a chefia da família, até mesmopara tratar de assuntos com o Estado. Mas a igualdade entremulheres e homens não existe em todas as situações. Se elaspodem ser sacerdotisas no templo de Amon, ao lado doshomens, podem ser assassinadas legalmente pelos seusmaridos, em caso de traição.
  4. 4. De modo geral, quando desempenha funções religiosas nostemplos, as mulheres limitam-se a cantar e tocarinstrumentos, e os homens fazem o possível para manter oseu poder sobre elas.História: Assim caminha a humanidade.Os CamponeseTrabalho Diário e Alimentação"Os camponeses não descansam, mesmo quando as águas doNilo cobrem seus campos. Nesse período, fabricam utensílios,enxadas de madeira e de corda, picaretas para remexer aterra, cestos e sacos para transportar os grãos... Nunca faltatrabalho! Muitas vezes são chamados para participar dasgrandes obras do faraó.Logo que o Nilo retorna ao seu leito normal, o camponêscomeça a reparar os estragos causados pelas enchente:reforça as margens do rio; conserta os canais destruídos...O sol é tão quente que o camponês precisava irrigar o solo diaapós dia. À noite esgotado, verifica seus utensílios, fabricanovas cordas, no terraço de sua casa ou o degrau de suaporta.Os camponeses alimentavam-se de pão, cerveja e legumes. Asvezes, peixe e fruta podem entrar no cardápio. Com umaalimentação simples com essa, os camponeses e demaishomens do povo mantêm-se muitos magros. Aqueles quecomem muito, que engordam, pertencem à classe dos ricos:nobres, sacerdotes e escribas. So eles têm uma barrigasaliente. Ter esse tipo de barriga era considerado elegante. Ocamponeses que observa passar um barrigudo inveja-o, poisele certamente tem uma vida agradável e próspera".

×