Profª Especialista Iraci Vieira ÁvilaEmail: iraciavila@gmail.comEnsino Religioso
O cristianismo é uma religião monoteístabaseada na vida e nos ensinamentos deJesus de Nazaré, tais como estes seencontram ...
Os cristãos acreditam que Jesus é oMessias e como tal referem-se a elecomo Jesus Cristo. Com cerca de 2,13bilhões de adept...
É a religião predominante na Europa,América, Oceania e em grande partede África.
O cristianismo começou no século Icomo uma seita do Judaísmo,partilhando por isso textos sagrados comesta religião, em con...
Segundo o Novo Testamento,os seguidores de Jesus foramchamados pela primeira vez"cristãos" em Antioquia (Actos11:26).
Os ensinamentos deJesus de Nazaréinfluenciaram o surgimentodo cristianismo e de váriasoutras religiões.
Embora existam diferenças entre oscristãos sobre a forma como interpretamcertos aspectos da sua religião, étambém possível...
Outro dos atributos maisimportantes de Deus, referidovárias vezes ao longo doNovo Testamento, é o amor:Deus ama todas as p...
O Deus da Trindade é um só Deus emtrês Pessoas distintas – Pai , Filho e EspíritoSanto. Essas três pessoas não surgiramnum...
O ser humano chega aoconhecimento das três Pessoaspela forma como elas operam: oPai como criador, o Filho comoSalvador e o...
Criador do céu e da terra, é Deus. Éo modelo de perfeição que osdiscípulos devem procurar alcançar –“Sede perfeitos, como ...
Que se fez homem e recebeu onome Jesus Cristo, é Deus. O envio doFilho foi fruto do amor radical do Pai –“Deus amou de tal...
Enviado a nós pelo Pai e o Filho, étambém Deus. Jesus prometeu – “Descerá sobre vós o Espírito Santo. Elevos dará força e ...
A Trindade mostra que Deus é umacomunidade, a mais perfeita de todas.Uma comunidade tão unida que de trespessoas distintas...
Os apóstolos fizeram ressoar comentusiasmo a grande novidade: Cristomorreu e ressuscitou para salvar a todos.Era necessári...
O cristianismo acredita que a fé emJesus Cristo proporciona aos sereshumanos a salvação e a vida eterna,mas vale lembrar q...
A visão de determinadas religiões cristãssobre a vida depois da morte envolve,de uma maneira geral, a crença no céue no in...
O cristianismo acredita na Igreja(ekklesia), palavra de origem grega quesignifica "assembléia", entendida comoa comunidade...
O Credo de Nicéia, formulado nosconcílios de Nicéia e Constantinopla, foiratificado como credo universal daCristandade no ...
As crenças principais declaradas noCredo de Nicéia são: A crença na Trindade; Jesus é simultaneamente divino ehumano; A...
Na altura em que foi formulado, o Credode Niceia procurou lidar directamentecom crenças que seriam consideradasheréticas, ...
No cristianismo existem numerosastradições e denominações, que reflectemdiferenças doutrinais por vezesrelacionadas com a ...
 Catolicismo: composto pelaIgreja Católica Apostólica e que hojecongrega o maior número de fiéis; Ortodoxia: originária ...
› Denominações Históricas: resultadodirecto da reforma protestante.Destacam-se nesta vertente os luteranos,anglicanos , pr...
› Denominações Pentecostais: origináriasdo movimento do início do século XX ébaseando na crença na presença doEspírito San...
› Denominações Neopentecostais: origináriasna segunda metade do século XX deavanço das igrejas pentecostais, nãoconfiguram...
Além desses três ramos majoritários,ainda existem outros segmentosminoritários do Cristianismo (respeitadaaqui a opinião e...
 Restauracionismo: são doutrinas surgidas após aReforma Protestante cujas bases derrogam as detodas as outras tradições c...
 Cristianismo primitivo: são asIgrejas cujas bases são anterioresao estabelecimento docatolicismo e da ortodoxia. É ocaso...
 Cristianismo esotérico: é a parte mística doCristianismo, e compreende as escolascristãs de mistérios e sincretismo reli...
Espiritismo Cristão: Os simplesmente Espíritasnão acreditam que uma pessoa ou ser,como Jesus Cristo, pode redimir "ospecad...
O cristianismo aceita comolivros sagrados, porqueinspirados por Deus, os livrosda Bíblia, organizada emAntigo Testamento e...
 As formas de culto do cristianismo envolvem aoração, a leitura de passagens da Bíblia, ocanto de hinos, a cerimónia da e...
Os católicos, os ortodoxos e os anglicanosinterpretam as formas de culto (ou missa,para o catolicismo) cristãs em termos d...
Os protestantes não têm os sacramentospelo catolicismo, mas eles utilizam depassagens bíblicas para os cultos, como: Bati...
Há também igrejas que nãoaceitam nenhum Sacramento.
 Os cristãos atribuem a determinado diasdo calendário uma importânciareligiosa. Estes dias estão ligados à vidade Jesus C...
 Advento: período constituído pelas quatrosemanas antes do Natal, entendidas comoépoca de preparação para a celebração do...
 Alguns dias têm uma data fixa no calendário(como o Natal, celebrado a 25 de Dezembro),enquanto que outros se movem ao lo...
Cristianismo
Cristianismo
Cristianismo
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Cristianismo

380 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
380
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
7
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Cristianismo

  1. 1. Profª Especialista Iraci Vieira ÁvilaEmail: iraciavila@gmail.comEnsino Religioso
  2. 2. O cristianismo é uma religião monoteístabaseada na vida e nos ensinamentos deJesus de Nazaré, tais como estes seencontram escritos nos Evangelhos,parte integrante do Novo Testamento.
  3. 3. Os cristãos acreditam que Jesus é oMessias e como tal referem-se a elecomo Jesus Cristo. Com cerca de 2,13bilhões de adeptos, o cristianismo é hojea maior religião mundial, adotada porcerca de 33% da população do mundo.
  4. 4. É a religião predominante na Europa,América, Oceania e em grande partede África.
  5. 5. O cristianismo começou no século Icomo uma seita do Judaísmo,partilhando por isso textos sagrados comesta religião, em concreto o Tanakh,que os cristãos denominam deAntigo Testamento. À semelhança doJudaísmo e do Islamismo, o cristianismoé considerado como umareligião abraâmica.
  6. 6. Segundo o Novo Testamento,os seguidores de Jesus foramchamados pela primeira vez"cristãos" em Antioquia (Actos11:26).
  7. 7. Os ensinamentos deJesus de Nazaréinfluenciaram o surgimentodo cristianismo e de váriasoutras religiões.
  8. 8. Embora existam diferenças entre oscristãos sobre a forma como interpretamcertos aspectos da sua religião, étambém possível apresentar umconjunto de crenças que sãopartilhadas pela maioria deles.
  9. 9. Outro dos atributos maisimportantes de Deus, referidovárias vezes ao longo doNovo Testamento, é o amor:Deus ama todas as pessoas eestas podem estabelecer umarelação pessoal com eleatravés da oração.
  10. 10. O Deus da Trindade é um só Deus emtrês Pessoas distintas – Pai , Filho e EspíritoSanto. Essas três pessoas não surgiramnum momento especifico da historia,mas existem desde sempre e serevelaram ao longo da história. Sinal dafé trinitária é que , desde os primórdiosdo Cristianismo, o batismo foi celebradoem nome do Pai, do Filho e do EspíritoSanto.
  11. 11. O ser humano chega aoconhecimento das três Pessoaspela forma como elas operam: oPai como criador, o Filho comoSalvador e o Espírito Santo comoSantificador.Os cristãos, portanto, crêemque há um só Deus verdadeiroem três pessoas.
  12. 12. Criador do céu e da terra, é Deus. Éo modelo de perfeição que osdiscípulos devem procurar alcançar –“Sede perfeitos, como vosso Paiceleste é perfeito” (Mt 5,48). Ocaminho para o Pai é Jesus – “Ninguém vai ao Pai senão por mim”(Jo 14,6). “ Eu e o Pai somos um” (Jo10,30).
  13. 13. Que se fez homem e recebeu onome Jesus Cristo, é Deus. O envio doFilho foi fruto do amor radical do Pai –“Deus amou de tal maneira o mundo,que lhe deu seu Filho único,paraquem todo o que nele crer, nãopereça, mas tenha vida eterna”(Jo,3,16-17).
  14. 14. Enviado a nós pelo Pai e o Filho, étambém Deus. Jesus prometeu – “Descerá sobre vós o Espírito Santo. Elevos dará força e sereis minhastestemunhas em Jerusalém, em toda aJudéia e Samaria,até os confins domundo.”(At 1,8).
  15. 15. A Trindade mostra que Deus é umacomunidade, a mais perfeita de todas.Uma comunidade tão unida que de trespessoas distintas forma um só Deus, aponto de o apóstolo João afirmar – “Deus é amor”(1Jo 4,16)
  16. 16. Os apóstolos fizeram ressoar comentusiasmo a grande novidade: Cristomorreu e ressuscitou para salvar a todos.Era necessário que todos conhecessem oque Deus havia operado através de seuFilho, o Salvador do mundo. Por isso, antesde voltar ao Pai, Jesus enviou seusdiscípulos dizendo-lhes: “Ide, portanto, efazei que todas as nações se tornemdiscípulos, batizando-as em nome do Pai,do Filho e do Espírito Santo e ensinando-asa observar tudo quanto vos ordenei. E eisque estou convosco todos os dias até aconsumação dos séculos”.(Mt28,19-20)
  17. 17. O cristianismo acredita que a fé emJesus Cristo proporciona aos sereshumanos a salvação e a vida eterna,mas vale lembrar que biblicamente, asobras não são capazes de dar a umapessoa a Vida Eterna, a única maneirade alcançar a Salvação é dandocrédito à obra da cruz realizada peloque os cristãos acreditam ser o filho deDeus.
  18. 18. A visão de determinadas religiões cristãssobre a vida depois da morte envolve,de uma maneira geral, a crença no céue no inferno. A Igreja Católica consideraque para além destas duas realidadesexiste o purgatório, um local depurificação onde ficam as almas quemorreram em estado de graça, masque cometeram pecados.
  19. 19. O cristianismo acredita na Igreja(ekklesia), palavra de origem grega quesignifica "assembléia", entendida comoa comunidade de todos os cristãos ecomo corpo místico de Cristo presentena Terra e sua continuidade. Asprincipais igrejas ligadas ao cristianismosão: a Igreja Católica, asIgrejas Protestantes e a Igreja Ortodoxa.
  20. 20. O Credo de Nicéia, formulado nosconcílios de Nicéia e Constantinopla, foiratificado como credo universal daCristandade no Concílio de Éfeso de 431. Os cristãos ortodoxos orientais nãoincluem no credo a cláusula filioque,que foi acrescentada pelaIgreja Católica mais tarde.
  21. 21. As crenças principais declaradas noCredo de Nicéia são: A crença na Trindade; Jesus é simultaneamente divino ehumano; A salvação é possível através da pessoa,vida e obra de Jesus; Jesus Cristo foi concebido de formavirginal, foi crucificado, ressuscitou,ascendeu ao céu e virá de novo à Terra; A remissão dos pecados é possívelatravés do batismo ; Os mortos ressuscitarão.
  22. 22. Na altura em que foi formulado, o Credode Niceia procurou lidar directamentecom crenças que seriam consideradasheréticas, como o arianismo, quenegava que o Pai e Filho eram damesma substância, ou o gnosticismo.A maior parte das igrejas protestantespartilham com a Igreja Católica acrença no Credo de Nicéia.
  23. 23. No cristianismo existem numerosastradições e denominações, que reflectemdiferenças doutrinais por vezesrelacionadas com a cultura e os diferentescontextos locais em que estas sedesenvolveram. Segundo a edição de 2001da World Christian Encyclopedia existem :33830 denominações cristãs. Desde aReforma o cristianismo é dividido em trêsgrandes ramos:
  24. 24.  Catolicismo: composto pelaIgreja Católica Apostólica e que hojecongrega o maior número de fiéis; Ortodoxia: originária da primeira grande cismacristã é constituída por duas grandes igrejasortodoxas - a grega e a russa - queapresentam algumas diferenças entre si,nomeadamente a língua usada na liturgia. Háainda um terceiro ramo, a igreja de rito Copta,que surgiu no Norte de África; Protestantismo: originária da segunda grandecisma cristã (Reforma Protestante) deMartin Lutero, no século XVI, e engloba grandenúmero de movimentos e denominaçõesdistintas. Atualmente a Igreja Protestante(também chamada Igreja Evangélica) podeser dividida em três vertentes:
  25. 25. › Denominações Históricas: resultadodirecto da reforma protestante.Destacam-se nesta vertente os luteranos,anglicanos , presbiterianos, metodistas ebatistas.
  26. 26. › Denominações Pentecostais: origináriasdo movimento do início do século XX ébaseando na crença na presença doEspírito Santo na vida do crente atravésde sinais, denominados por estes comodons do Espírito Santo, tais como falar emlínguas estranhas (glossolalia), curas,milagres, visões etc. Destacam-se nestavertente a Assembléia de Deus,O Brasil para Cristo, Congregação Cristã,Igreja Cristã Maranata e aIgreja do Evangelho Quadrangular.
  27. 27. › Denominações Neopentecostais: origináriasna segunda metade do século XX deavanço das igrejas pentecostais, nãoconfiguram uma categoria homogênapossuindo muita variedade nesse meio.Destacam-se nesta vertente aIgreja Universal do Reino de Deus,Igreja Apostólica Renascer em Cristo,Igreja Internacional da Graça de Deus,Comunidade Evangélica Sara Nossa Terra,Igreja Evangélica Cristo Vive,Igreja Cristo Vive, Manancial Vida,Igreja de Nova Vida, Comunidade Cristã e aIgreja Bola de Neve, Igreja Unida. É o ramoque mais cresce no Brasil e no mundo.
  28. 28. Além desses três ramos majoritários,ainda existem outros segmentosminoritários do Cristianismo (respeitadaaqui a opinião expressa por estasdenominações de se consideraremcristãs, consideramos correto enquadra-las neste estudo). Em geral os estudiososas enquadram em uma das seguintescategorias:
  29. 29.  Restauracionismo: são doutrinas surgidas após aReforma Protestante cujas bases derrogam as detodas as outras tradições cristãs, basicamente tendocomo ponto em comum apenas a crença em JesusCristo. A maioria deles não se considerapropriamente "protestante" ou "evangélico" porpossuirem grandes divergências teológicas. Nestacategoria estão enquadradas aIgreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, aIgreja Adventista do Sétimo Dia e asTestemunhas de Jeová, entre outras denominações.Quanto às Testemunhas de Jeová, embora afirmemser cristãs, também não se consideram parte doprotestantismo. Os testemunhas aceitam a Jesuscomo criatura, de natureza divina, seu líder eresgatador, rejeitando, no entanto a crença naTrindade e ensinando que Cristo é o filho do únicoDeus, Jeová, não crendo que Jesus é Deus.
  30. 30.  Cristianismo primitivo: são asIgrejas cujas bases são anterioresao estabelecimento docatolicismo e da ortodoxia. É ocaso dasigrejas não-calcedonianas e daIgreja Assíria do Oriente(Nestoriana)
  31. 31.  Cristianismo esotérico: é a parte mística doCristianismo, e compreende as escolascristãs de mistérios e sincretismo religioso. Aeste ramo pertence o Gnosticismo que éuma crença com raízes antecedentes aopróprio cristianismo e que temcaracterísticas da ciência egípcia e dafilosofia grega. O Rosacrucianismo tambémse enquadra nessa vertente sendo umaciência oculta cristã que ressalta as boasações por meio da fraternidade.
  32. 32. Espiritismo Cristão: Os simplesmente Espíritasnão acreditam que uma pessoa ou ser,como Jesus Cristo, pode redimir "ospecados" de uma outra , contudo para amaior parte dos adeptos do espiritismo aobra de Allan Kardec constitui uma novaforma do cristianismo, são osespíritas-cristãos. Inclusive, um dos seuslivros fundantes é denominado de OEvangelho Segundo o Espiritismo. Esse livroapresenta uma reinterpretação deaspectos da filosofia e moral cristã, crendoem parte na Bíblia Sagrada.
  33. 33. O cristianismo aceita comolivros sagrados, porqueinspirados por Deus, os livrosda Bíblia, organizada emAntigo Testamento e NovoTestamento.
  34. 34.  As formas de culto do cristianismo envolvem aoração, a leitura de passagens da Bíblia, ocanto de hinos, a cerimónia da eucaristia(católicos e ordodoxos) e a audição de umsermão dito pelo sacerdote ou ministro. Amaioria das denominações cristãs considera oDomingo como dia dedicado ao culto (háminorias que consideram o Sábado). É um diadedicado ao descanso, no qual os cristãosreúnem-se para o culto, embora a devoção eoração individual em qualquer outro dia dasemana sejam também valorizadas nocristianismo.
  35. 35. Os católicos, os ortodoxos e os anglicanosinterpretam as formas de culto (ou missa,para o catolicismo) cristãs em termos desete sacramentos, considerados comograças divinas: Batismo Eucaristia Matrimónio Confirmação ou crisma Penitência Extrema unção ou Unção dos enfermos Ordem
  36. 36. Os protestantes não têm os sacramentospelo catolicismo, mas eles utilizam depassagens bíblicas para os cultos, como: Batismo (para a maioria dasdenominações, apenas em adultos); Santa Ceia (não aceitando a eucaristia,voltando ao padrão bíblico "PÃO" E"VINHO", ambos aceitos apenas comosímbolos).Estes sacramentos são aceitos poisforam instituídos diretamente por Jesus.
  37. 37. Há também igrejas que nãoaceitam nenhum Sacramento.
  38. 38.  Os cristãos atribuem a determinado diasdo calendário uma importânciareligiosa. Estes dias estão ligados à vidade Jesus Cristo ou à história dosprimórdios do movimento cristão.O calendário litúrgico cristão inclui asseguintes festas:
  39. 39.  Advento: período constituído pelas quatrosemanas antes do Natal, entendidas comoépoca de preparação para a celebração donascimento de Jesus Cristo; Natal: celebração do nascimento de Jesus; Epifania: para os católicos, celebra aadoração de Jesus Cristo pelos Reis Magos,enquanto que para os cristãos ortodoxos o seubatismo. Acontece doze dias após o Natal; Sexta-feira Santa: morte de Jesus, Domingo de Páscoa: ressurreição de Jesus; Ascensão:ascensão de Jesus ao céu.Acontece quarenta dias após o Domingo dePáscoa; Pentecostes: celebração do aparecimento doEspírito Santo aos cristãos. Ocorre cinquentadias após o Domingo de Páscoa.
  40. 40.  Alguns dias têm uma data fixa no calendário(como o Natal, celebrado a 25 de Dezembro),enquanto que outros se movem ao longo devárias datas. O período mais importante docalendário litúrgico é a Páscoa, que é umafesta móvel. Nem todas denominações cristãsconcordam em relação a que datas atribuirimportância. Por exemplo, o Dia de Todos-os-Santos é celebrado pela Igreja Católica e pelaIgreja Anglicana a 1 de Novembro, enquantoque para a Igreja Ortodoxa a data écelebrada no primeiro Domingo depois doPentecostes; outras denominações cristãs nãocelebram sequer este dia. De igual forma,alguns grupos cristãos recusam celebrar oNatal uma vez que consideram ter origenspagãs.

×