IMRS | Luis Romel - Clube Educação | Compras Coletivas

760 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
760
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
10
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

IMRS | Luis Romel - Clube Educação | Compras Coletivas

  1. 1. Compra Coletiva 2.0 e seu impacto na inclusão educacional Luis Romel – Ger. MKT Clube Educação www.clubeducacao.com.br
  2. 2. Conceito Compra Coletiva 2.0 e seus diferenciais Compra Coletiva 1.0 Clube Educação Foco na experimentação de curto prazo; Foco na fidelização de longo prazo; O site recebe o valor integral do serviço e repassa, em média, 50%; Não recebe o valor e não cobra nada do parceiro; Somente trabalha com parcelas únicas (ciclo curto); Independe do ciclo de consumo do serviço; Descontos abaixo do custo, para experimentação; Descontos economicamente viáveis; Ofertas são encerradas por tempo; Ofertas encerradas por tempo e vagas autorizadas; É negociado um número mínimo de vendas que viabiliza o desconto; Como os descontos oferecidos devem ser economicamente viáveis para a IES, não é necessário a formação de um número mínimo, e sim máximo. Canal alternativo de divulgação e cobra-se por novos clientes captados. Canal complementar de captação e não é cobrado nada dos parceiros por isso.
  3. 3. <ul><li>Impacto da Compra Coletiva 2.0 na inclusão educacional </li></ul><ul><li>Aumentar a democratização da educação por meio da oferta de condições mais acessíveis de acesso a cursos superiores e de formação continuada. </li></ul><ul><li>Trazer para o ensino superior parcelas da sociedade antes impossibilitadas de terem acesso a faculdades. </li></ul><ul><li>Reduzir a taxa de ociosidade das vagas autorizadas pelas instituições de ensino privadas (cerca de 50% média Brasil). </li></ul><ul><li>Reduzir o “apagão de mão de obra qualificada” e garantir as bases para o aproveitamento das oportunidades de negócios originadas pelo atual ciclo de crescimento da economia brasileira. </li></ul>
  4. 4. Obrigado! Luis Romel 71 8101-0260 [email_address]

×