Curso de Capacitação em gestão Ambiental            dos Recursos HídricosCARACTERIZAÇÃO DOS PASSIVOSAMBIENTAIS NA BACIA DO...
ARRANJO HIDROGRÁFICO PARAGESTÃO NO ESTADO DO RIO DEJANEIRO
• CASO CENTRES – MUNICÍPIO DE QUEIMADOSLocalizado no bairro de Santo Expedito, em Queimados, o CENTRES - Centro deResíduos...
QUEIMADOS/2008
• INGA MERCANTIL - ITAGUAÍApós a falência da Companhia Ingá Mercantil, há cerca de 11 anos, a área foiabandonada com grand...
2008 – Central de tratamento de resíduos ESSENCIS
• LIXÃO DE PARACAMBI
O lixão de Paracambi ocupa uma área de aproximadamente 35.000m2, e está localizadona Rua Alziro Zaru, próximo ao cemitério...
INICIO DA REMEDIAÇÃO DO LIXÃO DE PARACAMBI – MAIO/2010• Cobertura do lixão (aterro com saibro)• Construção de nova célula ...
•SEROPÉDICA – LIXÃO A CÉU ABERTOO Lixão de Seropédica, fica localizado nobairro Boa Esperança, onde trabalham maisde 30 pe...
CTR SANTA ROSA
OS CONFLITOS:• Litígio entre os limites de terra dos municípios de Seropédica e Itaguaí;• Comunidade do entorno ao empreen...
• CTR NOVA GERAR – NOVA IGUAÇUAs três mil toneladas de lixo diárias que são destinadas na Central de Tratamento de Resíduo...
• Esgotamento SanitárioAs localidades situadas nas bacias dos rios Guandu, Guandu Mirim e daGuarda praticamente não dispõe...
Muito Obrigado!!!             Márcia Marques             Tel (21) 76998630        biomarques2302@bol.com.br              Y...
Apresentação curso inea 2010
Apresentação curso inea 2010
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Apresentação curso inea 2010

313 visualizações

Publicada em

documento elaborado para fins de avaliação na conclusão de curso de extensão realizado pela faculdade de engenharia da UERJ

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
313
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação curso inea 2010

  1. 1. Curso de Capacitação em gestão Ambiental dos Recursos HídricosCARACTERIZAÇÃO DOS PASSIVOSAMBIENTAIS NA BACIA DO GUANDU ALUNOS Márcia Marques Yoshiharu Saito
  2. 2. ARRANJO HIDROGRÁFICO PARAGESTÃO NO ESTADO DO RIO DEJANEIRO
  3. 3. • CASO CENTRES – MUNICÍPIO DE QUEIMADOSLocalizado no bairro de Santo Expedito, em Queimados, o CENTRES - Centro deResíduos Tecnológicos - foi criado em 1987 para ser um local transitório deestocagem de lixo industrial, que deveria seguir para a destinação final em áreasque cumprissem normas técnicas de segurança. A mudança para estes depósitos -que estavam previstos para serem instalados nos bairros de Adrianópolis e Vila deCava, em Nova lguaçu - nunca aconteceu. Com o tempo a área foi abandonada ese tornou um dos maiores dramas sócio-ambientais do país.SUBSTÂNCIAS ENCONTRADAS: organoclorados, organofosforados, bifenilapoliclorada, cádmio, sais de cianeto e askarel . FONTE: http://www.comcausa.org.br/noticias/centres_lixotoxico.htm
  4. 4. QUEIMADOS/2008
  5. 5. • INGA MERCANTIL - ITAGUAÍApós a falência da Companhia Ingá Mercantil, há cerca de 11 anos, a área foiabandonada com grande quantidade de água contaminada com metais pesados,formando uma “bacia” de 260 mil m². Parte vazou, afetando as águas da Baía deSepetiba. O Governo do Estado, por meio da Secretaria Estadual do Ambiente(SEA), juntamente com o então síndico da massa falida, Jarbas Barsanti, iniciarama descontaminação do terreno da massa falida da Ingá Mercantil, em setembro de2007. FONTE: http://www.ecodebate.com.br/2009/06/05/rj-inicia-a- descontaminacao-do-terreno-da-companhia-inga- mercantil-um-dos-maiores-passivos-ambientais-do- estado/Foto aérea do passivo ambiental da Ingá Mercantil.Foto de Marcelo Horn
  6. 6. 2008 – Central de tratamento de resíduos ESSENCIS
  7. 7. • LIXÃO DE PARACAMBI
  8. 8. O lixão de Paracambi ocupa uma área de aproximadamente 35.000m2, e está localizadona Rua Alziro Zaru, próximo ao cemitério, e a cerca de 1 km do centro da cidade, sendoconsiderada zona de interesse urbano de acordo com o Plano Diretor Municipal. Cercade 90% dos 11.500 domicílios do município são atendidos pela coleta pública de lixo, oque resulta em 30 toneladas de lixo/dia chegando a esse depósito precário; logo emfrente ao lixão estão a linha férrea administrada pela empresa SUPER VIA e o RIO DOSMACACOS afluente do RIBEIRÃO DAS LAJES/RIO GUANDU; a área também estálocalizada no entorno da APA GUANDU criada pelo decreto nº 40.670, de 22 de marçode 2007, que diz em seu Artigo 1º “Fica criada a Área de Proteção Ambiental doRio Guandu (APA Guandu) com a finalidade de proteger a qualidade das águas,nascente e margens do Rio Guandu, bem como os remanescentes florestaissituados em seu entorno”. FONTE: Parecer técnico nº 001 do Instituto 5º Elemento
  9. 9. INICIO DA REMEDIAÇÃO DO LIXÃO DE PARACAMBI – MAIO/2010• Cobertura do lixão (aterro com saibro)• Construção de nova célula impermeávelno local p/ continuar recebendo lixo• Captação do gás metano
  10. 10. •SEROPÉDICA – LIXÃO A CÉU ABERTOO Lixão de Seropédica, fica localizado nobairro Boa Esperança, onde trabalham maisde 30 pessoas. Além do mau cheiro, afumaça dos detritos queimados toma contado terreno e se espalha pela vizinhança.Dezenas de caminhões levantam poeira odia todo. O lixão existe há mais de 50 anos efunciona sem licença ambiental. Em maiode 2009, técnicos do Instituto Estadual doAmbiente teriam feito uma vistoria econstatado a poluição provocada pelafumaça e a contaminação do solo.
  11. 11. CTR SANTA ROSA
  12. 12. OS CONFLITOS:• Litígio entre os limites de terra dos municípios de Seropédica e Itaguaí;• Comunidade do entorno ao empreendimento compostas por assentamentosrurais, 40 famílias, eldorado;• Comunidade do bairro de Chaperó sendo aliciada com propostas de empregoe desenvolvimento local;•Entre grupos políticos de Seropédica contra e a favor do aterro;• Acordos políticos p/ resolução do problema do lixo até copa do mundo 2014e jogos olímpicos mundiais 2016;• Pelo uso racional da água;•Desrespeito sistemático a legislação ambiental tanto pelo órgão licenciadorcomo pelas empresas;
  13. 13. • CTR NOVA GERAR – NOVA IGUAÇUAs três mil toneladas de lixo diárias que são destinadas na Central de Tratamento de ResíduosNova Iguaçu (CTR Nova Iguaçu), da empresa de gestão ambiental Novagerar, podemcomeçaram a gerar energia a partir de 2008. O gás metano que essa quantidade de resíduoslibera tem capacidade de gerar 10 megawatts, suficiente para abastecer a iluminação de umacidade de 1 milhão de habitantes (mais que os 830 mil de Nova Iguaçu). A produção de energiaé o segundo passo dado pela Novagerar em reaproveitamento de despejos. Desde 2003, iníciodas atividades da CTR Nova Iguaçu, a empresa converte o gás metano produzido pelo lixo emgás carbônico, reduzindo seu impacto na atmosfera. O aterro fluminense rendeu à Novagerarregistro na ONU dentro do Mecanismo de Desenvolvimento Limpo do protocolo de Kyoto, suaentrada no mercado de créditos de carbono e parceria de financiamento com o Banco Mundial. • IMPACTOS NO ENTORNO • Principalmente viários • Odores • Emissões de particulados na bacia aérea
  14. 14. • Esgotamento SanitárioAs localidades situadas nas bacias dos rios Guandu, Guandu Mirim e daGuarda praticamente não dispõem de sistemas de esgotamento sanitário.Os esgotos produzidos são lançados em galerias de águas pluviais, em fossasou em valas a céu aberto, cujos destinos são os cursos d’água que cortam aregião. Somente as cidades de Paracambi, Japeri, Itaguaí e dois bairrossituados em Campo Grande e Inhoaíba, no Rio de Janeiro, possuem estaçõesde tratamento de esgotos (ETEs), ligadas a redes coletoras. Porém, somenteem Paracambi as ETEs estão em funcionamento e, mesmo assim, sem controlealgum de vazão, parâmetros ou características dos esgotos brutos e tratados.Além disso, as ETEs de Paracambi representam um percentual de atendimentona localidade de 15%, correspondendo apenas a 0,6% do total dos esgotosproduzidos nas bacias. FONTE: Plano Estratégico de Recursos Hídricos das Bacias Hidrográficas dos Rios Guandu, da Guarda e Guandu Mirim
  15. 15. Muito Obrigado!!! Márcia Marques Tel (21) 76998630 biomarques2302@bol.com.br Yoshiharu Saito Tel 91456368 hysaito@gmail.com INSTITUTO AMBIENTAL CONSERVACIONISTA 5º ELEMENTO ongquintoelemento.blogspot.com

×