Transtornos mentais na infância e adolescência

22.305 visualizações

Publicada em

Publicada em: Saúde e medicina
0 comentários
16 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
22.305
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1.610
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
648
Comentários
0
Gostaram
16
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Transtornos mentais na infância e adolescência

  1. 1. TRANSTORNOS MENTAIS NA INFÂNCIA E ADOLESCÊNCIA IX Encontro IFUSP-Escola II Encontro USP-Escola Julio Renó Sawada
  2. 2. Introdução <ul><li>Transtornos mentais são frequentes na infância e adolescência (12,7% entre indivíduos de 7 a 14 anos) </li></ul><ul><li>Vários fatores estão envolvidos no surgimento (genéticos, ambientais e sociais) </li></ul><ul><li>Causam sofrimento ao indivíduo e/ou àqueles que convivem com ele </li></ul><ul><li>Tratamento pode levar à melhora dos sintomas e da qualidade de vida </li></ul>
  3. 3. Introdução <ul><li>Podem contribuir para o surgimento de diversos problemas: </li></ul><ul><ul><li>Mau rendimento escolar </li></ul></ul><ul><ul><li>Problemas de comportamento </li></ul></ul><ul><ul><li>Problemas de relacionamento com pais, professores e colegas </li></ul></ul><ul><ul><li>Envolvimento em atitudes delinquentes </li></ul></ul><ul><ul><li>Uso de drogas </li></ul></ul><ul><ul><li>Abandono escolar </li></ul></ul><ul><ul><li>Suicídio </li></ul></ul>
  4. 4. Transtornos de Ansiedade <ul><li>Ansiedade patológica: desproporcional ao estímulo </li></ul><ul><li>Ansiedade de separação </li></ul><ul><ul><li>Relacionada com a separação da casa ou da figura de apego principal </li></ul></ul><ul><ul><li>Recusa em ir à escola, dormir ou ficar só </li></ul></ul><ul><ul><li>Reações físicas (dor abdominal, náuseas, vômitos, cefaleia) </li></ul></ul>
  5. 5. Transtornos de Ansiedade <ul><li>Transtorno de Ansiedade Generalizada </li></ul><ul><ul><li>Mais frequente na adolescência </li></ul></ul><ul><ul><li>Preocupações excessivas </li></ul></ul><ul><ul><li>Reações físicas </li></ul></ul><ul><ul><li>Dificuldade para dormir </li></ul></ul><ul><li>Fobias </li></ul><ul><li>Transtorno Obsessivo-Compulsivo </li></ul><ul><ul><li>Pensamentos intrusivos e repetitivos </li></ul></ul><ul><ul><li>Comportamentos repetitivos (“manias”) </li></ul></ul><ul><ul><li>Grande gasto de tempo </li></ul></ul>
  6. 6. Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade <ul><li>Hiperatividade </li></ul><ul><ul><li>Atividade motora excessiva (inquietação; está sempre correndo) </li></ul></ul><ul><ul><li>Fala excessivamente </li></ul></ul><ul><ul><li>Levanta-se do lugar várias vezes </li></ul></ul><ul><ul><li>Impaciente, não consegue esperar a sua vez </li></ul></ul><ul><ul><li>Responde com precipitação </li></ul></ul><ul><ul><li>Interrompe os outros </li></ul></ul><ul><ul><li>Mesmo sentado, fica se mexendo </li></ul></ul>
  7. 7. Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade <ul><li>Desatenção </li></ul><ul><ul><li>Está com a “cabeça longe”, precisa ser chamado várias vezes </li></ul></ul><ul><ul><li>Não termina as tarefas, dificuldade para manter a atenção por tempo prolongado </li></ul></ul><ul><ul><li>Desorganização </li></ul></ul><ul><ul><li>Perde material escolar com frequência </li></ul></ul><ul><ul><li>Esquecimentos </li></ul></ul><ul><ul><li>Distração, comete erros por descuido </li></ul></ul><ul><ul><li>Distrai-se facilmente com estímulos do ambiente </li></ul></ul>
  8. 8. Transtornos Alimentares <ul><li>Anorexia Nervosa </li></ul><ul><ul><li>Recusa em manter o peso em um nível igual ou acima do mínimo esperado para a idade </li></ul></ul><ul><ul><li>Medo intenso de ganhar peso ou de se tornar gordo </li></ul></ul><ul><ul><li>Autoavaliação indevidamente influenciada pela forma e peso corporais </li></ul></ul><ul><ul><li>Parada da menstruação </li></ul></ul><ul><ul><li>Podem ocorrer episódios de comer compulsivo e purgação </li></ul></ul><ul><ul><li>Pode levar à morte </li></ul></ul>
  9. 9. Transtornos Alimentares <ul><li>Bulimia Nervosa </li></ul><ul><ul><li>Episódios recorrentes de comer compulsivo </li></ul></ul><ul><ul><li>Sensação de perda de controle sobre o ato alimentar durante os episódios </li></ul></ul><ul><ul><li>Comportamentos inapropriados de compensação para prevenir o ganho de peso </li></ul></ul><ul><ul><li>Preocupação excessiva com o peso e a forma corporal </li></ul></ul>
  10. 10. Depressão <ul><li>Piora do rendimento escolar </li></ul><ul><li>Tristeza, desesperança, irritação </li></ul><ul><li>Diminuição de interesse ou prazer nas atividades diárias </li></ul><ul><li>Diminuição da capacidade de concentração </li></ul><ul><li>Fadiga ou perda de energia </li></ul><ul><li>Diminuição ou amento de apetite </li></ul><ul><li>Insônia ou aumento do sono </li></ul>
  11. 11. Depressão <ul><li>Baixa autoestima </li></ul><ul><li>Ideias de culpa </li></ul><ul><li>Queixas físicas (dor abdominal, cefaleia) </li></ul><ul><li>Ideias de morte e suicídio </li></ul><ul><li>Atenção aos “alunos que não causam problemas” </li></ul>
  12. 12. Transtornos de Conduta <ul><li>Agressividade contra colegas, ameaças, provocações ou intimidações </li></ul><ul><li>Brigas, uso de armas </li></ul><ul><li>Crueldade com pessoas ou animais </li></ul><ul><li>Roubos, furtos </li></ul><ul><li>Mentiras, rompimento de promessas </li></ul><ul><li>Destruição de propriedade, provocação de incêndios </li></ul>
  13. 13. Transtornos de Conduta <ul><li>Invasão de propriedades </li></ul><ul><li>Violação de regras em vários contextos (em casa, na escola) </li></ul><ul><ul><li>Fuga de casa </li></ul></ul><ul><ul><li>Permanecer fora de casa até tarde da noite </li></ul></ul><ul><ul><li>Falta às aulas sem justificativas </li></ul></ul>
  14. 14. Transtorno Opositivo-Desafiador <ul><li>Frequentemente perde a calma </li></ul><ul><li>Discute com adultos </li></ul><ul><li>Desacata ou recusa-se a obedecer solicitações ou regras </li></ul><ul><li>Adota comportamentos incomodativos </li></ul><ul><li>Responsabiliza os outros por seus erros ou mau comportamento </li></ul><ul><li>Irrita-se com facilidade </li></ul><ul><li>Rancoroso ou vingativo </li></ul>
  15. 15. Sinais de alerta <ul><li>Mudança do comportamento habitual </li></ul><ul><li>Mudança da forma de se relacionar com os colegas e com os professores </li></ul><ul><li>Queda do rendimento escolar </li></ul><ul><li>Excesso de faltas </li></ul><ul><li>Atitudes autodestrutivas </li></ul><ul><li>Comportamento delinquente </li></ul>
  16. 16. Sugestões aos professores <ul><li>Não é papel do professor realizar diagnósticos de Transtornos Mentais </li></ul><ul><li>Ao identificar um aluno possivelmente portador de um Transtorno Mental: </li></ul><ul><ul><li>Conversar em particular com o aluno </li></ul></ul><ul><ul><li>Conversar com os familiares do aluno </li></ul></ul><ul><ul><li>Orientar o encaminhamento para avaliação psiquiátrica ou psicológica </li></ul></ul><ul><ul><li>Manter comunicação com os profissionais de saúde durante o tratamento </li></ul></ul>
  17. 17. Sugestões aos professores <ul><li>Relatório escolar </li></ul><ul><ul><li>Grande importância no processo de avaliação diagnóstica e na evolução do tratamento </li></ul></ul><ul><ul><li>Desempenho escolar </li></ul></ul><ul><ul><li>Participação em atividades </li></ul></ul><ul><ul><li>Comportamento dentro e fora da sala de aula </li></ul></ul><ul><ul><li>Relacionamento com professores, colegas e funcionários </li></ul></ul>

×