Moldar fósseis hugoseverino

0 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
0
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
0
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Moldar fósseis hugoseverino

  1. 1. Relatório científico Moldagem de Fósseis1,2,31 Ensino básico, 7ºano de escolaridade, Escola Secundária Augusto Gomes, ESAG Matosinhos2 Disciplina de Ciências Naturais3 Hugo severino7a@gmail.comIntrodução: Fósseis são os vestígios orgânicos de antigos organismos ou os rastos dasua atividade, que ficaram mais ou menos bem conservados nas rochas ou emoutros restos fosseis. Para que se forme um fóssil é preciso que ao longo de muitos anos os rastossofram alterações físicas e químicas. O processo de decomposição é quando um organismo é totalmente destruídodepois da morte num determinado espaço de tempo. Os organismos são normalmente decompostos pela ação combinada deorganismos decompositores (normalmente microorganismos), agentes físicos(quando há alterações de pressão e temperatura) e agentes químicos (dissoluções,oxidações e outros). A fossilização é o processo que se dá quando os restos orgânicos ficamrapidamente envolvidos num material protetor que os protege. Este processo éraro, complexo e normalmente só as coisas duras é que fossilizam. Na fossilizaçãoos compostos orgânicos que constituem o organismo morto são substituídos poroutros mais estáveis. Há três tipos de fossilização:- Moldagem;- Mineralização;- Conservação; A moldagem é quando as partes duras dos organismos acabam pordesaparecer deixando nas rochas as suas marcas. A mineralização é quando os materiais originais que decompõem o ser vivosão substituídos por outros mais estáveis. A conservação é quando o material original do ser vivo conserva-setotalmente nas rochas ou em outros materiais. A ciência que estuda os fósseis é a Paleontologia. Há vários tipos de grupos de fósseis:- Esponjas- Corais- Braquiópodes- Bivalves- Gastrópodes- Nautilóides
  2. 2. - Amonóides- Coleóides- Crinóides- Equinóides As Esponjas são animais aquáticos com esqueletos de calcite ou de sílica. Assuas formas parecem plantas e não animais. Os Corais têm formas muito variáveis e esqueleto calcário. Foram recifesem águas marinhas tropicais. Os Braquiópodes são animais marinhos. Apresentam duas conchas calcáriasassimétricas. Os Bivalves são animais marinhos. Apresentam duas valvas semelhantes,normalmente dispostas lado a lado. Os Gastrópodes são animais marinhos ou terrestres. Têm uma concha únicaenrolada em forma de espiral e não compartimentada. Os Nautilóides são moluscos cefalópodes marinhos que possuem conchascalcárias enroladas em espiral ou rectilíneas, divididas em câmaras por tabiques.Os tabiques estão ligados por um sinfão. Os Amonóides são moluscos cefalópodes marinhos. São semelhantes asNautilóides, mas o sifão tem posição ventral. Os tabiques originam uma estruturacomplexa de suturas. Os Coleóides são moluscos cefalópodes marinhos que apresentam um rostocalcário robusto em forma de bala. Os Crinóides vivem nos fundos dos mares aos quais se fixam por um péflexível. Este dissocia-se após a morte do individuo, sendo frequentos aos seusrestos. É notória a simetria pentarradiada. Os Equinóides possuem uma concha rígida globosa, formada por placascalcárias, coberta por espinhos. Têm cinco partes bem definidas, podendoapresentar simetria bilateral ou pentarriada.Material:- Barro- Concha de molusco ou de bivalve- Gesso- Óleo ou vaselina- Copo- Colher- Vareta- Espátula- ÁguaDesenvolvimento do trabalho: 1- Moldar a plasticina 2- Untar com óleo a parte exterior da concha.
  3. 3. 3- Pressionar a concha sobre a plasticina até a enterrar completamente. 4- Retirar a concha sobre a plasticina até a enterrar completamente. 5- Num copo com água, juntar o gesso com cuidado e misturar com a ajuda da vareta até se obter uma pasta. 6- Deitar essa pasta no molde deixado pela concha na plasticina. 7- Deixar secar o gesso e retirá-lo do molde.Conclusão: Após termos realizado este trabalho de fossilização de fósseis eu concluíque para se formarem bons fósseis é preciso várias características, a concha quenós queremos fossilizar seja dura (as melhores rochas para fossilizar são assedimentares), o gesso solidifique rapidamente e é necessário “enterrar” bem aconcha no barro/plasticina para que fique bem a marca. Fig.1: Fóssil de uma folha.Referências bibliográficas:http://www.geopor.pt/gne/geolab/fosseis/protocolo.htmlhttp://webpages.fc.ul.pt/~cmsilva/Paleotemas/Moldagem/Moldagem.htmhttp://fossil.uc.pt/pags/fossil.dwthttp://pt.wikipedia.org/wiki/F%C3%B3ssilhttp://www.notapositiva.com/trab_estudantes/trab_estudantes/geologia/geologia_trabalhos/fosseis.htm

×