Leixões magazine n.º 3

359 visualizações

Publicada em

Edição n.º 3 da revista "Leixões magazine"

Publicada em: Esportes
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
359
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
130
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Leixões magazine n.º 3

  1. 1. MENSAL | JUNHO 2013 | GRÁTISMENSAL | JUNHO 2013 | GRÁTISMENSAL | JUNHO 2013 | GRÁTISMENSAL | JUNHO 2013 | GRÁTISUMA PUBLICAÇÃOAcompanhamos oAcompanhamos oAcompanhamos oAcompanhamos opercurso da equipa daspercurso da equipa daspercurso da equipa daspercurso da equipa dasQuinasQuinasQuinasQuinasAcompanhamos oAcompanhamos oAcompanhamos oAcompanhamos opercurso da equipa daspercurso da equipa daspercurso da equipa daspercurso da equipa dasQuinasQuinasQuinasQuinas
  2. 2. A Seleção Nacional passou por Matosinhos e este-ve no Estádio do Mar. Os jovens jogadores dePortugal treinaram, visitaram a Obra do PadreGrilo e ainda jogaram o primeiro jogo diante daBulgária no nosso estádio.Formação no Estádio é outro dos temas que traze-mos às páginas da revista que já teve mais de 1000 visualizações.Damos ainda espaço ao Karaté que brevementeabrirá mais um espaço em Matosinhos.Bilhar é retratado nos espaços do LeixõesObrigado a todos pelo vosso tempo,Hugo M AlvesCaros amigos,E chegamos ao número 3 da Leixões magazine.Uma edição no mínimo diferente das anteriores,mais que não seja porque não trazemos nenhumaentrevista a uma cara do Leixões Sport Club. Arevista mostra, assim, não ser fechada e podeabranger muito mais do que aquilo que se está àespera.E vamos então aos temas abordados nesta edição.Agradecemos, antes de mais, a todos aqueles quetornaram este número possível.Damos espaço à opinião de Pedro Correia que fazo balanço dos últimos 3 anos enquanto coordena-dor técnico do Futebol Formação. Fala de tudo oque foi feito num texto de opinião. Traz-nos novi-dades e confirmam-se certezas de que o futuroestá cada vez mais próximoO final do mês de maio trouxe o final de 10 mesesde trabalho para o futebol sénior e fazemos obalanço desse tempo com destaque para o exce-lente campeonato realizado na Segunda Liga.Maio trouxe, também, as festividades do conce-lho. O Senhor de Matosinhos voltou e o LeixõesSport Club esteve representado pela Loja do Marexplorada pela claque do clube.EDITORIALEDITORIALEDITORIALEDITORIAL3333
  3. 3. NomeLeixões magazineProduçãoblog LeixõesDivulgaçãohttp://leixoes-sc.blogspot.ptConteúdosHugo M AlvesDesignHugo M AlvesFotosHugo M AlvesManuel MarquesJorge PontesPeriodicidadejunho de 2013Propriedadeblog LeixõesRevista escrita ao abrigo do novo acordo ortográ-fico• Todas as opiniões e posições presentes eexpressas nos artigos de opinião da Revista“Leixões magazine” são de total responsa-bilidade dos autores não sendo necessaria-mente a posição defendida pelo blog Lei-xões.FICHA TÉCNICAFICHA TÉCNICAFICHA TÉCNICAFICHA TÉCNICA4444DESTAQUESDESTAQUESDESTAQUESDESTAQUES
  4. 4. 5555EDITORIAL - - - - 03FICHA TÉCNICA - - - - 04DESTAQUES - - - 04ÍNDICE - - - - - 05TEXTO DE OPINIÃO - - - 06SEGUNDA LIGA - - - 08OS HERÓIS - - - - 10SELEÇÃO NACIONAL SUB19 - 12FORMAÇÃO NO ESTÁDIO - - 14BLOG LEIXÕES—5 ANOS - - 15KARATÉ EM CRESCIMENTO - - 16SENHOR DE MATOSINHOS - - 17ESPAÇOS DO LEIXÕES - - 18ÍNDICEÍNDICEÍNDICEÍNDICE
  5. 5. o Complexo da Bataria, Perafita, Lusitanos deSanta Cruz, Bairro dos Pescadores, Estádio doMar. Foi também privilegiada a continuidade for-mativa dos jovens atletas possibilitando que pas-sem o maior tempo possível da sua formação noLeixões. Aumentou-se o número de jogadores queforam às selecções concelhias, selecções distritais,selecções nacionais para além de se conseguir amanutenção dos jogadores de selecção no clube.Foi criada a equipa feminina Sub18 que permitiuter muitas mais atletas nas selecções distritais.Houve também um aumento tremendo de jogado-res que passaram a integrar os quadros da equipaprofissionais sendo que só esta época 3 jogadoresvindos da formação foram vendidos para clubesda primeira liga. 17 jogadores passaram da forma-ção para a equipa profissional desde a época2010/2011 à época 2013/2014. Foi, assim conse-guida criar uma nova vaga de bebés do Mar.Somos o clube com mais equipas na AFP e esta-mos em todas as 1ªs divisões nacionais e distritaisde uma equipa. Foi também criado um protocolocom o Externato Santa Clara que permitiu oaumento de receitas, a formação de 20 jovens numcurso EFA de Gestão Desportiva. Foi tambémcriado um curso Profissional de Gestão desportivapotenciando a sua entrada na faculdade. Criamosuma parceria com a Clínica Médica de Matosi-nhos, organizamos Festas de Aniversário no Está-dio do Mar, demos continuidade aos Campos deFérias e Soccer Camps trazendo cada vez maissimpatizantes e jovens adeptos ao Leixões. For-mamos mais e melhor. 2Parabéns a todos!Para a criação do projecto “Leixões de Matosi-nhos” foi feita uma análise do momento em rela-ção ao futebol de formação e evidenciaram-se osseguintes factores: inexistência de um projectodesportivo e formativo; completo descontroleorçamental onde não existia a apresentação de umrelatório de contas; instalações desportivas quenão permitiam a melhor formação dos nossosjovens jogadores; fraca envolvência dos jogadorescom o clube e do clube com os jogadores. Desde2010 foi criado um projecto e imediatamente apli-cado que demonstra um sinal de dinamismo. Noinício de cada época desportiva foi apresentadauma projecção financeira e no final um relatóriode contas; há credibilidade financeira que o Fute-bol Formação não tinha até então. O Futebol For-mação passou a ser auto-sustentável não depen-dendo de subsídios camarários ou injecções dedinheiro provenientes do sector profissional. Pas-sou-se de uma despesa média de 300.000€ porépoca para uma média de 125.000€ reduzindo-seas despesas em mais de 55%. Todas as equipaspassaram a ter melhores condições de infra-estruturas para a formação treinando 3/4 vezes porsemana em relvado sintéticos. Existiam 12 equi-pas de formação, neste momento existem 19 equi-pas de formação para além da equipa de veteranose do futebol de praia. Mais recentemente foi assu-mida a criação de uma equipa B que ficará depen-dente da formação. Existem um total de 23 equi-pas sob a alçada do futebol de formação. Noentanto não existem ainda infra-estruturas pró-prias do clube e estamos neste momento a ocuparTEXTO DE OPINIÃOTEXTO DE OPINIÃOTEXTO DE OPINIÃOTEXTO DE OPINIÃO6666
  6. 6. 7777
  7. 7. 8888
  8. 8. relos) logo seguido de Nuno Silva (14 amarelos)contribuindo assim para o total de 121 cartolinasamarelas mostradas. Por 5 vezes jogadores viramo duplo amarelo e por 6 viram vermelho direto.No total os árbitros levantaram um total de 132vezes o braço para o Leixões.O jogador que mais vezes foi titular foi precisa-mente Rui Sacramento. O guardião alinhou todasas partidas até à 41.ª jornada e sofreu 35 dos 36golos. Esteve um total de 3690 minutos em campocom a camisola vestida.O golo mais rápido da Segunda Liga em 2012/13pertence ao Leixões. À 5.ª jornada ainda não esta-va decorrido um minuto de jogo e o médio colo-cou a bola na baliza do SC Freamunde numencontro que viria a terminar empatado a 2-2.O jogo com maior número de golos verificou-se à9.ª jornada. Na recepção à Associação Naval 1.ºde Maio a equipa matosinhense apontou 4 golos eviria a sofrer 3. Mailo, Kizitio por 2 vezes e TiagoBorges fizeram os golos da equipa da casa.Por duas vezes conseguiu virar o resultado que lheera desfavorável sendo num que deixou que oresultado que estava a seu favor fosse virado.Temos também o treinador mais velho na Segun-da Liga. João Esteves Galego com 68 anos é omais velho neste campeonato organizado pelaLiga Portugal.Terminado o exaustivo e longo campeo-nato da 2ª Liga, apresentamos uma aná-lise da época 2012/2013 do LeixõesSport Club em números. A equipaorientada inicialmente orientada por Horário Gon-çalves e numa fase posterior por Pedro Correiaterminou o campeonato num honroso 3.º lugarapesar de todos os contras que levaram à criaçãoda equipa no início da temporada.O Leixões Sport Club realizou no campeonato da2ª Liga 42 jogos, conseguindo obter a manutençãocom 68 pontos (18 vitórias, 14 empates e 10 der-rotas). Ficou classificado na 3.ª posição, à frentede clubes que teoricamente à partida teriam maishipóteses para subir de divisão principalmentepela aposta feita.Dos 68 pontos conseguidos 44 (13 vitórias e 5empates) foram conquistados nos jogos em casa e24 (5 vitórias e 9 empates) foram nos jogos fora.No total foram marcados 49 golos (média de 1,16golos por jogo) e sofreu 36 golos ( melhor defesado campeonato; média de 0,85 golos por jogo).Dos 68 golos marcados, 9 foram apontados pelomelhor marcador. Mailo colocou a bola no fundoda baliza adversária 9 vezes (22.º melhor naSegunda Liga).A maior série de jogos sem perder foi de 3 jogossendo que o maior número de empates foram de 4e nas derrotas o clube nunca sofreu mais de umaderrota consecutiva.O jogador mais amarelado foi Luís Silva (15 ama-EM DESTAQUE...EM DESTAQUE...EM DESTAQUE...EM DESTAQUE...Rua Alfredo Cunha, 488MatosinhosTelefone: 229 384 567
  9. 9. 10101010CENTRO COMERCIAL NEW CITYRua do Godinho n.º 247 Loja 10Matosinhoswww.facebook.com/JGPRODUTOSCOSMETICOSMATOSGuarda-redes1 jogoRUI SACRAMENTOGuarda-redes41 jogosCHASTREGuarda-redes0 jogosRICARDO PINTOGuarda-redes0 jogosSTEVENDefesa23 jogosNUNO SILVADefesa30 jogosZÉ PEDRODefesa36 jogosNELSON SAMPAIODefesa12 jogosJÚNIOR PEREIRADefesa1 jogoSEQUEIRADefesa38 jogosHUGUINHODefesa3 jogoZÉ AUGUSTOGuarda-redes4jogosCADINHAMédio12 jogosHERNÂNIMédio22 jogosLUÍS SILVAMédio37 jogos
  10. 10. 11111111MALAFAIAMédio28 jogosFÁBIO SANTOSMédio36 jogosTIAGO BORGESMédio41 jogosDANILOMédio0 jogosJOÃO NOVAISMédio19 jogosHUGO GUEDESMédio33 jogosCALÉAvançado27 jogosGONÇALO GRAÇAAvançado35 jogosPEDRASAvançado12 jogosKIZITOAvançado28 jogosÁLVAROAvançado1 jogoMAILOAvançado32 jogosPATRÃOMédio21 jogos
  11. 11. 12121212jogadores Carlos Mané, Fábio Cardoso e GonçaloPaciência contribuiu para os sorrisos bem estam-pados nos rostos destes jovens do sexo masculino.Lembranças distribuídas, sempre com o olharatento do vice-presidente do Leixões Sport ClubCarlos Oliveira, do Administrador da SAD e Dire-tor Geral da Formação Adelino Gomes e do Trei-nador da equipa sénior e Coordenador Técnico doFutebol Formação Pedro Correia, os mais novostiveram tempo de privar com os jovens residentesnaquela instituição de solidariedade social à qualo Leixões SC se associou já por diversas ocasiões.No final da visita Fábio Cardoso fez o balançodaquelas 2 horas. “É um gosto enorme poder par-ticipar nestas iniciativas, porque podemos ver afelicidade das crianças quando estão perto de nós.É extremamente gratificante conviver com elas deperto e trazer-lhes esta alegria. Ao mesmo tempo,como contactamos com realidades totalmentediferentes da nossa, apercebemo-nos de quão pri-vilegiados somos por estar aqui e isto dá-nos von-tade de agarrar com mais força a oportunidadeque nos foi dada. Temos sorte por estar na Sele-ção Nacional e temos de ser capazes de lutar poraquilo que acreditamos para continuar a dar ale-grias a estas crianças”, disse em declarações aosítio oficial da F.P.F. na Internet.Há seguramente mais de dois meses quea vinda da Seleção Nacional de Sub19a Matosinhos tem vindo a ser prepara-da. O jogo no Estádio do Mar foi ape-nas um dos encontros que a equipa das “quinas”fez em terras do Norte de Portugal.Integrado no 12.º Campeonato da Europa da Sele-ção Sub19, o Torneio de Elite está a ser disputadoem cidades como Barcelos, Póvoa de Varzim,Esposende e Matosinhos.Com o quartel general instalado em Ofir, a equipaorientada por Emílio Peixe associou-se ao Leixõese prova disso foi o treino de adaptação ao relvadodo Estádio do Mar realizado na sexta-feira, dia 31de maio. A equipa de todos nós portugueses, trei-nou onde joga o futebol sénior em mais um treinotendo em vista a preparação do primeiro encontrode Portugal no Torneio Elite diante da Bulgáriaque Portugal viria a vencer por 7-0.Se sexta foi dia de treino, sábado foi tempo dedescomprimir com uma comitiva da SeleçãoNacional a brindar os jovens da Obra do PadreGrilo num dia que se torna ainda mais especialpela simbologia… estávamos no dia 01 de junho,dia Mundial da Criança. Recorde-se que a Obrado Padre Grilo acolhe crianças até à idade adul-ta sem família ou sem estrutura familiar que lhespermita um desenvolvimento global adequado. Apresença do treinador nacional Emílio Peixe e dos
  12. 12. 13131313
  13. 13. de dar a volta de honra ao relvado do Estádio sen-do constantemente aplaudidos pelo público pre-sente nas bancada que assistia ao jogo.Numa iniciativa que já vem sendo hábi-to a última jornada da Segunda Ligateve nas bancadas uma assistênciamuito especial.Todos os jogadores que militam nos escalões doFutebol Formação do Clube tiveram a oportunida-de de assistir ao encontro que viria a terminar coma derrota da equipa leixonense, mas para a históriafica o fato de, para muitos, ter sido a primeira vezque pisaram o relvado do Estádio do Mar.Além de as várias equipas terem assistido aoencontro diante do SC Covilhã, no intervalo osjovens da formação tiveram ainda a oportunidade
  14. 14. blog. A “Revista J” deu o merecido destaque aoblog onde se poderia saber de tudosobre o clube mais representativo dacidade de Matosinhos.Depois do papel a rádio. A extintaRádio Clube de Matosinhos viria aabordar o tema do blog Leixões numprograma dedicado ao clube de Mato-sinhos. O mesmo se iria suceder naRádio Mar (atual Rádio No Ar).O último e mais recente motivo de ter-mos sido falados foi através do jornal“Record” que numa peça incluiu umafoto que só nós tínhamos!Exclusivos, entrevistas exclusivas são apenasalguns dos pontos que nos caracterizaram ao lon-go destes mais de 1750 dias!Marcas ligadas ao blog LeixõesAo longo destes cinco anos foram sendo várias asiniciativas que nasceram com o selo de qualidadeblog Leixões.A LSCtv que esteve no ar durante praticamente 3anos foi o mais duradouro. Vídeos sobre o clubede Matosinhos, informação, golos. Tudo era trata-do neste espaço onde não faltava um noticiário(Notícias LSCtv). A par da televisão online foramtambém sendo construídos outros projetos. O“Leixonense” é outro dos projetos que marca avida do blog Leixões até aos dias de hoje. Sema-nalmente, e durante 15 semanas, os adeptos doclube leixonense ficaram a saber as notícias rela-cionadas com o clube de Matosinhos.Mais recentemente é a criação deste projeto: aLeixões magazine que veio para ficar com umaaderência cada vez maior.A28 de junho de 2008 nascia um proje-to com o propósito de sedivulgar ainda mais oLeixões Sport Club. Coma necessidade de se ter uma informa-ção mais atualizada e mais credível,em 2008 nasceu aquilo a que aindahoje se considera uma "aventura"pelo mundo da blogosfera.Em plena época de verão e a poucosdias do início de uma época desporti-va do futebol sénior que viria a serdas melhores dos últimos anos nofutebol sénior, o blog Leixões teve sempre comoobjectivo informar todos aqueles que ao longo dostempos nos tem visitado.A proximidade, a seriedade e profissionalismo sãoapenas algumas das marcas que nos caracterizam.Diariamente são centenas aqueles que nos conti-nuam a visitar desde o dia 28 de junho de 2008.As estatísticas mensais são o reflexo disso mes-mo! O trabalho que tem vindo a ser desenvolvidotenta de umas maneiras melhores que outras abor-dar os temas que são tratados no dia a dia do clu-be.Independente do clube, o blog Leixões já tevevárias aparições na imprensa desportiva. Além deser considerada uma fonte para a imprensa, ospróprios jornais dão eco ao trabalho desenvolvidono blog.O primeiro reconhecimento público a ser feito foiatravés do site da “Rádio Renascença”. A páginada Bola Branca da na altura rádio preferida dosportugueses destacaria o blog Leixões como omelhor da semana tendo figurado nessa posiçãoprecisamente durante uma semana consecutiva.Depois da internet o papel. Nestes cinco anos, oJornal desportivo “O Jogo” também já destacou oANIVERSÁRIOANIVERSÁRIOANIVERSÁRIOANIVERSÁRIO15151515
  15. 15. e pelo auditório da Cooperativa das Sete Bicas naSenhora da Hora – Pólo 2.Ainda no último mês estivemos no campeonatoeuropeu de clubes emMadrid (Espanha)representando Portu-gal através das coresdo nosso clube, o Lei-xões Sport Club.Dispomos de várioscintos negros forma-dos no clube ao longodestes anos de activi-dade. A secção distri-bui as suas actividadespelos campeonatos,estágios, treinos e exi-bições um pouco portodo o país divulgando a modalidade e o clube.A secção tem gestão autónoma e, apesar de nãoter grandes apoios, consegue fazer uma gestãorigorosa das despesas e receitas.Em Setembro / Outubro a Secção vai abrir a Aca-demia de Karaté infantil de Matosinhos para a for-mação com crianças dos 3 aos 6 anos de idade,fazendo parcerias com infantários, ATL’s, escolase está aberta a todos em geral tudo com a coorde-nação do mestre Manuel Marques.Uma das grandes valências do LeixõesSport Club é o seu ecletismo que, porvezes, é esquecido pelas pessoas,pelosadeptos e pelos pró-prios sócios do Lei-xões Sport Club.Esporadicamente lá sevai ouvindo falar demodalidades comokaraté, bilhar ou mes-mo boxe.São do Leixões SC eprecisam também deser faladas! Deixoaqui a opinião do mes-tre Manuel Marques,diretor da secção de boxe do Leixões Sport Club.A secção de karaté abriu a sua actividade à 23anos na Rua Roberto Ivens em Matosinhos [n.d.r.sede do Leixões SC] no pavilhão Siza Vieira.Inicialmente era apenas uma turma pequena mas,com o decorrer do tempo, a afluência foi aumen-tando e dispomos neste momento de dois centrosde treino com cerca de 90 praticantes.Desde os infantis aos seniores, estes atletas distri-buem-se pelo espaço mais antigo, a sala de karatédo Pavilhão Siza Vieira – denominado de Pólo 1 –https://www.facebook.com/pages/Radio-Local-para-Matosinhos16161616
  16. 16. adquirir marchandising do clube e da própria cla-que que este ano comemora 10 anos de existência.Jorge Moreira, líder da Máfia Vermelha como éconhecida, faz um “balanço francamente positivo”muito motivado pelas novidades que foram intro-duzidas em termos de produtos da claque. Cache-cóis , T-shirts, camisolas oficiais, pólos e outrotipo de marchandising foi comercializado ao lon-go das três semanas de festa.“O Leixões independente do que possam pensar éuma marca de Matosinhos e o principal embaixa-dor da nossa cidade”, referiu acrescentando que éfundamental “dar a conhecer e explorar a marcaLeixões”.Uma vez mais o concelho de Matosi-nhos engalanou-se para a festa anual.Desde o início do mês de maio até aodia 2 de junho que Matosinhos rece-beu a Festa do Senhor de Matosinhos e o Leixõesdisse uma vez mais “presente”.A Loja do Mar, o local onde os adeptos do clubepodem adquirir produtos, foi transportada para aAvenida D. Afonso Henriques para figurar entreas barraquinhas que ali se amontoavam.As boas relações entre o clube e a sua claque(Associação MV 03) levou a que fosse a própriaclaque a tomar conta do espaço onde foi possível17171717
  17. 17. ESPAÇOS DO LEIXÕESESPAÇOS DO LEIXÕESESPAÇOS DO LEIXÕESESPAÇOS DO LEIXÕESpraticam bilhar nas várias mesas existentes noespaço. Aí mesmo estão expostos alguns dos tro-féus mais importantes de toda a história do bilharleixonense. Em 2006 o espaço foi requalificadotendo na base de todo o apoio José Manuel Diasda Fonseca, atual presidente do Leixões SC. A 24de Setembro seria inaugurada a requalificação daSala de Bilhar do Leixões Sport Club. O descerra-mento da placa seria feito por Guilherme Pinto àdata presidente da CM Matosinhos (funções queainda hoje desempenha).Descendo ao rés-do-chão encontramos o outroespaço do bilhar do Leixões, a sala dos jogos ofi-ciais da modalidade com várias mesas aquecidasonde os atletas federados do clube treinam para asprovas oficiais.Ao contrário do que se tem verificado atéaqui nesta rubrica, nesta edição traze-mos não um mas dois espaços de umamodalidade do Leixões Sport Club: assalas de bilhar do Leixões SC.Ao longo dos últimos anos a Secção de bilhar doLeixões Sport Club tem abrilhantado o seu vastohistorial ampliando assim o número de troféus doLeixões. Êxitos obtidos levam o nome do Leixõesa todo o país e a todo o Mundo.Tudo se inicia no ano de 1960 quando se começaa prática de bilhar no clube mas só em 1965 é queé criada oficialmente. Fernando Amaral, FernandoNeto, J. Serrano e Manuel Braga são apenasalguns dos nomes dos fundadores desta modalida-de.Falando de Estádio do Mar não podemos falarapenas de futebol. É nas instalações do Estádioonde estão situadas as duas salas de bilhar que oLeixões Sport Club dispõe atualmente.Em 1993 é inaugurado no primeiro andar do Está-dio o “Salão Narciso Miranda”. Em homenagemao então edil de Matosinhos, a 26 de Novembro,dois dias antes de mais um aniversário do clube, éinaugurada a sala onde diariamente várias pessoas18181818
  18. 18. IMAGENS DO LEIXÕESIMAGENS DO LEIXÕESIMAGENS DO LEIXÕESIMAGENS DO LEIXÕES19191919
  19. 19. http://leixoeshttp://leixoeshttp://leixoeshttp://leixoes----sc.blogspot.ptsc.blogspot.ptsc.blogspot.ptsc.blogspot.pthttps://plus.google.com/u/0/b/118444461403605989876/https://plus.google.com/u/0/b/118444461403605989876/https://plus.google.com/u/0/b/118444461403605989876/https://plus.google.com/u/0/b/118444461403605989876/https://www.facebook.com/BlogueLeixoes?fref=tshttps://www.facebook.com/BlogueLeixoes?fref=tshttps://www.facebook.com/BlogueLeixoes?fref=tshttps://www.facebook.com/BlogueLeixoes?fref=ts

×